O Relatório Feilding, Parte 13 – Resposta de David Fontana a Polidoro e Rinaldi (1998)

Polidoro e Rinaldi (1998) propõem que uma combinação da habilidade de Eusápia Palladino para escapar dos controles de mãos e pés e a credulidade de Feilding, Baggally e Carrington são suficientes para explicar os fenômenos testemunhados durante as sessões de Nápoles e descritos no Relatório Feilding. O presente trabalho desafia essa proposição, tanto em razão da evidência apresentada no Relatório e negligenciada por Polidoro e Rinaldi, quanto do conhecimento mais amplo dos dons genuínos de Palladino e dos lapsos fraudulentos detalhados por diversos líderes investigadores europeus. Para ler o artigo em português, clique aqui. Para lê-lo em inglês e conferir a tradução, clique aqui.

48 respostas a “O Relatório Feilding, Parte 13 – Resposta de David Fontana a Polidoro e Rinaldi (1998)”

  1. Gorducho Diz:

    ¿Vamos traduzir o jantar aquele? quando eles fazem o simplório marido da Eusapia achar que tinha virado médium.
    ¿Como chamaremos o brinquedo aquele?

  2. Vitor Diz:

    Não entendi nada. Pode ser mais explícito?

  3. Gorducho Diz:

    Ela goza todas essas diversões na maneira infantil de todos verdadeiros napolitanos &c.
     
    Mas não vá levar a sério a proposta de traduzir pois que se então ultrapassar o já anunciado 14° episódio serei escorraçado pelos enfurecidos Analistas Ma & CoC :(

  4. Vitor Diz:

    “Ela goza todas essas diversões na maneira infantil de todos verdadeiros napolitanos &c”
    .
    Onde está isso?

  5. Gorducho Diz:

    No relato do Hereward (Ermengardo :?:alô alô Analista Marciano :!: ) que eu lhe disse quié melhor que o original aquele deles.

  6. Vitor Diz:

    O relato original, de 1909, se vier a tradução, demorará muito ainda.

  7. Gorducho Diz:

    NÃO É – puxa! me estressei de novo; que falta de compostura: perdão :(
    É o relato do Hereward. Mas não vá inventar de traduzir também. Eu estava só brincando!

  8. Vitor Diz:

    Ah, esse aí é bem capaz de não vir nunca. Pelo menos não de minha parte.

  9. Vitor Diz:

    mas e aí, com a leitura desse novo artigo, já aprendeu que não dá para ler o Polidoro e simplesmente fazer MUUUUUU quando ele falou dos investigadores?

  10. Gorducho Diz:

    Quem tinha paixão pelo Polidoro era o Professor; eu nem sabia da existência desse senhor, e fui ver mais ou menos que vem a ser pela insistência dele e em tudo introduzi-lo.
    Disse, repito e repito: não me interesso pelas opiniões de Wiseman’s, Polidoro’s ou seja quem for.
    Bem ou mal penso com meu neurônio e tenho a arrogância de dizer que ninguém entende mais de espiritismo que alguns de nós cá.
    E procuto pesquisar na medida do possível como digo que vou tentar conseguir todas notas do Antoniadi; e como pesquisei a encarnação do Divaldo até onde foi possível.
    O Sr. não porque é por opção um armchair; não que não tenha capacidade p/vir a conhecer o ramo.

  11. Gorducho Diz:

    Meu argumento contra a Eusapia -além do fato dela admitidamente fraudar reconhecido até pelos fanáticos Crentes -; Mrs. Piper, e todos os outros é um só: o fato de não acontecer hoje depois que os cachorros aprenderam a comer as coleiras de linguiça.
    Qualquer debate sobre esse passado infantil e mitológico é estéril.
    Period.

  12. Gorducho Diz:

    Casualmente tinha comigo na ocasião um desses brinquedinhos que consistem duma perilla de borracha ligada a uma perilla menor por um tubinho de borracha de mais ou menos 76,2 centímetros. Se a perilla menor é colocada debaixo dum prato e coberta pela toalha, fica murcha e praticamente invisível. Se, então, a perilla maior é apertada, o prato saracoteará pra cima e pra baixo como que enfeitiçado.

  13. Espirita SP Orlando Diz:

    Gorducho desculpe a demora pela resposta. Estava sem poder acessar.
    O exercício ao que o espírito mentor se referiu consiste exatamente em tentar captar sinais espirituais na TV (similar ao rádio). Eu estava apenas como mero espectador e quem ouviu mesmo o tal me ajudem foi o médium e um outro companheiro. Falei a eles que nada ouvi e responderam me que minha concentração estava aquém. Depois disso, em uma sessão mediunica, o espírito guia falou dessa experiência e em seguida pediu que entrasse um representante do líder da falange que apriosiona os 400 cristãos. Enfurecido e raivoso disse que nada podia revelar sobre o plano mas que poderia, semestralmente, emitir informes sobre a situação dos aprisionados. Um membro perguntou o que poderia ser feito para que estes fosse liberados e ele vociferou para aguardar os informes, mas que eles não são tão ruins assim, isto é, dão alimento aos desencarnados.
    Cabe destacar que são cristãos que desviaram da senda do bem, lá há espíritas, protestantes e católicos.

  14. Vinicius Diz:

    “mas que eles não são tão ruins assim, isto é, dão alimento aos desencarnados.”
     
    Deve ser um espírito do tipo “violetas na janela”.
     
    Orlando, isso é a cabecinha dos criativos médiuns(e dirigentes quando houve). Recordo-me dos treinamentos mediúnicos, nada, absolutamente nada foge desse roteiro básico de um obsessor falar que está precisando de ajuda, ou um mentor ditando regras etc etc.
     
    Não há nenhuma evidência de que 60 alunos médiuns estejam de fato trazendo comunicações do além…
    A mensagem psicografada que recebi por outro médium colega de curso: “Jesus te abençõe e continue iluminando em seus caminhos”… Precisa de mentor , guia ou sei lá o quê para me dizer isso, que qualquer pastor ou padre falaria?

  15. Gorducho Diz:

    Bom, agora sim ficou claro.
    Pena que fiquem em SP ou SAO, porque o ideal seria insistirem convidando CoC que tem um ouvido refinado pra ser o médium – no sentido literal do termo agora.

  16. Vinicius Diz:

    “líder da falange que apriosiona os 400 cristãos.”
     
    Gorducho, sabe se tem algo relacionado a prisão desses cristãos em alguma peripécia do Dr.Miranda?

  17. Marciano Diz:

    ===============================================================
    Um membro perguntou o que poderia ser feito para que estes fosse liberados e ele vociferou para aguardar os informes, mas que eles não são tão ruins assim, isto é, dão alimento aos desencarnados.
    Cabe destacar que são cristãos que desviaram da senda do bem, lá há espíritas, protestantes e católicos.
    ===============================================================
    ORLANDO, por obséquio: quando tiver um tempo, pode me responder duas questões, por favor?
     
    1- Se os desencarnados não receberem alimentação, correm o risco de ter seu espírito morto por inanição :?:
    2- Os protestantes e católicos não estranham o fato de não estarem no céu, no inferno, no purgatório ou esperando pelo juízo final?

  18. Vinicius Diz:

    Já pensou se congressos profissionais começassem desse jeito? :mrgreen:
    Jesus não é mais governador do planeta, é psicoterapeuta…

    “Doce melodia de harpa dedilhada com destreza invadia o recinto do anfiteatro, confraternizando com os sons delicados naturais que chegavam pelo ar como se fossem um acompanhamento de quase inarticuladas vozes angélicas.
     
    Diversos amigos do nosso plano de acolhimento foram igualmente invitados, destacando-se o querido benfeitor José Petitinga e o nobre Dr. Juliano Moreira, que me fora apresentado, há pouco, pelo dedicado instrutor.
     
    Naquela oportunidade, teríamos a satisfação imensa de reencontrar o respeitável psiquiatra uberabense Dr. Ignácio Ferreira, que fora convidado a entretecer considerações em torno do intercâmbio de consequências enfermiças entre os
    desencarnados e os transeuntes no carro físico, tendo em vista a imortalidade do espírito.
     
    Presidida pelo caroável Espírito Dr. Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti, Ivon Costa referiu-se ao significado especial do evento, informando que, de início, haveria uma apresentação de CANTO CORAL EM HOMENAGEM A JESUS, O SUBLIME PSICOTERAPEUTA DA HUMANIDADE, o que, de imediato, teve lugar. Na mais perfeita ordem levantaram-se os membros do conjunto, formando um semicírculo à frente da mesa honorável, na sua parte inferior, entoando com mestria a comovedora peça Jesus, Alegria dos Homens, de Johann Sebastian Bach, produzindo grande emoção em todos que ali nos encontrávamos.
     
    “Transtornos Psiquiatricos e Obsessivos.”

  19. Gorducho Diz:

    Mas veja que o carcereiro interceptou a resposta pela TV. Um dos presos só conseguiu dizer
    – Me ajudem.

  20. Gorducho Diz:

    Como sói acontecer: boa conjectura Analista Vinícius.
    Vou tentar ver se circula essa história…

  21. Gorducho Diz:

    Credo! Isso na Inquisição era fogueira certa: Jesus Cristo de membro da Santíssima Trindade rebaixado a psicoterapeuta dos terrícolas :(

  22. Gorducho Diz:

    Não sei em qual colônia mora o Dr. de Miranda, mas suspeito que lá até as aulas da faculdade começam sempre com um coral de pitapituís cantando hinos católicos ao som de harpas…

  23. Marciano Diz:

    Acho que é na colônia Redenção.
    http://www.blogdolivroespirita.com/2013/01/transicao-planetaria-divaldo-franco.html
    A história começa com uma reunião na Colônia Redenção, onde vive o autor espiritual. Nesta reunião, acontece uma palestra com um espírito residente em outra dimensão, Órion, procedente da constelação de Touro, que viera explanar sobre as reencarnações em massa nesta fase de transição. O nobre palestrante discorre também sobre as mudanças climáticas e as catástrofes naturais que ocorreram no planeta, bem como da migração dos espíritos mais embrutecidos a um novo planeta primitivo.

  24. Espirita SP Orlando Diz:

    MARCIANO

    “1- Se os desencarnados não receberem alimentação, correm o risco de ter seu espírito morto por inanição ”
    Se transformarão em elementos disformes, como os chamados Ovóides. Não terão mais comando pleno sobre suas atividades mentais e estarão ainda mais confusos.

    2- Os protestantes e católicos não estranham o fato de não estarem no céu, no inferno, no purgatório ou esperando pelo juízo final?
    Sim, estranham muito. Alguns xingam a equipe dizendo que foram injustiçados e trazidos a força para reuniões de charlatães .
    Por incrível que pareça já teve protestante que culpou espírita por não ter ido ao céu: disse que estes ficam “chamando” os espíritos e estes ficam presos à Terra por causa desses chamados…

  25. Vinicius Diz:

    e após alimentar-se acontece isso aqui:
     
    “Como me alimentava, tinha as necessidades fisiológicas e para isto usava o vaso sanitário.”
     
    E um adendo do espírito Patrícia:
     
    “Não tive mais menstruação, isto é fator do corpo
    de carne. Mas soube que algumas mulheres ainda tinham como reflexo do corpo. (Mulheres que vagam, nos Umbrais, têm mais o reflexo do corpo. Muitas se iludem e se julgam encarnadas e vivem como tal, com todas as necessidades do corpo.)”
     
    e também sentem falta de … adivinhem:
     
    “Um senhor, aparentando trinta e cinco anos, entrou na sala um tanto envergonhado.
    —O doutor me ajudaria? Gosto daqui, quero ficar, mas sinto falta de sexo”
     
    E os famigerados bonus-horas:
     
    “Voltei muitas vezes ao teatro, no começo amigos me levaram e ofertavam com seus bônus-horas meu ingresso.”
     
    “Recebi de presente alguns bônus-horas e todas as distrações e lazer amigos pagavam para mim”

  26. Gorducho Diz:

    Em NL tinha – digo porque isso se sucedeu em 1939TT (terricular time) – uma cara que morava com 2 ex-mulheres.
    A [NÃO TENHO CORAGEM PELO ALTO NÍVEL DO SÍTIO] é grande por lá.
    E a revolta da fome prova que o Dr. tem razão.

  27. Marciano Diz:

    Em resumo, não há diferença entre estar encarnado e desencarnado.
    Seria isso?

  28. Gorducho Diz:

    Como menciona o Russell acerca da tradução da teoria do sexo de Santo Agostinho, certas coisas só convém mencionar na obscura decência do latim, do qual nada sei.
    Então não tenho coragem simplesmente :(

  29. Gorducho Diz:

    É isso.
    Divaldo numa de suas primeiras psicografias relata uma biblioteca em… esperanto; lá naquela colônia onde hoje reside Dr. de Miranda.
    E quando o Dr. André Luiz contou que os perispíritos morrem consta que o Wantuil – que tutelava CX…- mandou que fosse reescrito porque contraria os dogmas kardecistas.

  30. Gorducho Diz:

    Impressionou-me, sobremaneira, a Biblioteca de amplas estantes abarrotadas de livros, na Língua Internacional, arrumados e catalogados, com lombadas brilhantes.
    [Espírito Srª Otília Gonçalves]
     
     
    Aliás que as colônias existem pode-se constatar entre tantas outras provas, pelo característico dialeto do vernáculo nelas usado, como pode-se comparar com essa conversa auscultada parcialmente pelo Dr. André:
    A questão impressiona-me sobremaneira – dizia a mais moça -

  31. Vinicius Diz:

    Todos ficam impressionados não é mesmo?
    O que essa moça fez com sua sobrinha hein?!
     
    Mas sabe o que eu acho, não sei se é o caso da médium Vera: médiuns, frequentadores de centros, leitores de livros chiquistas, daí quando morre alguém eles “acreditam” que estão se comunicando com este que morreu e as palavras destes livros “brotam” em suas mentes.
     
    Não fraudam conscientemente, parece que se “auto enganam”.

  32. Marciano Diz:

    Do blog
    http://espiritananet.blogspot.com.br/2009/05/as-colonias-espirituais.html 
     
    As colônias são verdadeiras cidades de grande, medio ou pequeno porte. Não existe nada mágico, não é um mundo de fadas cheio de efeitos especiais. Tudo que temos aqui na Terra temos lá. Afinal de contas as cidades da Terra e as cidades do além foram construídas por nós mesmos. Desta forma são semelhantes. Lá você encontra casas, prédios, escolas, hospitais, praças, jardins, lagoas, rios, animais, fábricas, alimentos, máquinas, veículos para transporte, instituições governamentais, hierarquia. As colônias ocupam um área delimitada cercada por muralhas e sistema de proteção para evitar a invasão de espíritos vindos das regiões sombrias.
     
    ===============================================================
    Será que lá tem poluição? Fábricas, sabemos que tem. ===============================================================
     
    Sobre a cidade do Rio de Janeiro encontramos uma colônia chamada Nosso Lar, a primeira descrita por um espírito chamado André Luiz. Na época do livro existiam mais de 1 milhão de almas que lá habitavam. Sobre a cidade de São Paulo encontramos 3 grandes colônias. Existem referências sobre colônias localizadas na região de Brasília e Ribeirão Preto/SP devido à sua beleza.
     
    ===============================================================
    As que se situam sobre Brasília devem ter sido criadas após 1960 e deve ter um monte de espíritos de políticos corruptos, praticando corrupção lá também.
    ===============================================================
     
    As relações desses dois mundos existiram sempre. Mas hoje o momento é chegado em que todas essas afinidades vão vos ser reveladas, demonstradas e tornadas palpáveis.
     
    ===============================================================
    Cuma :?:
    ===============================================================
     
    De outro sítio:
     
    O campo magnético da Terra possui sete esferas: a primeira é o Umbral “grosso”, materializado, de regiões dolorosas e purgatoriais; a segunda é o Umbral mais ameno, onde os espíritos do bem prestam assistência em postos de socorro, que são pequenos hospitais para pronto atendimento; a terceira reúne os espíritos que precisam reencarnar. Ainda se trata do Umbral, mas nela se encontram as cidades espirituais como Nosso Lar, predomina o bem e trata-se do local que se costuma chamar de “paraíso”. Entre a quarta e a sétima há as dimensões superiores, sendo que, na última, vivem os Mestres Ascensos.
     
    As colônias espirituais situadas sobre o território brasileiro são as mais antigas do Planeta. Muitas delas são colônias terrestres, ou seja, ainda muito presas ao carma planetário. São, portanto, umbralinas, onde se trava a luta do bem para suplantar o mal. Este plano encontra-se bem próximo à Terra, ainda possui muita densidade e é formado por espíritos voltados para o poder e o domínio, que não reconhecem a vida espiritual. Como exemplo, há a Cidade de Cruzada, onde se encontram espíritos inteligentes, porém, voltados para o mal, que atuaram nas Cruzadas. São lugares feios, escuros, tristes, com aridez e muito frio e calor. Neles há animais ferozes.
     
    ===============================================================
    Fico a pensar se antes dos descobrimentos as Américas já haviam sido descobertas pelos espíritos, que aqui preferiam ficar depois de mortos. E já sabiam qual parte futuramente seria o território político do Brasil, Acre incluído.
    ===============================================================

     
    De um modo geral, as colônias são parecidas com a Terra, pois nela se criam seus elementos a partir das formas pensamento plasmadas pelos espíritos, a partir de autorizações e merecimentos que possuam. Assim, nela se encontram escolas, hospitais, livros, cursos, lazer, flores, plantas, animais, fábricas etc, assim como na Terra, mas de forma mais evoluída.
     
    A supervisão geral das colônias ao redor da Terra está a cargo de Jesus, e a das que se encontram sobre o Brasil, as mais antigas do Planeta, a cargo de Ismael.
     
    ===============================================================
    FG ficou com a supervisão das colônias umbralinas :!:
    ===============================================================
     
    Além dessas colônias do plano espiritual, há as cidades astrais, ou seja, situadas no plano astral, e sabe-se que ainda há outros cinco planos ou dimensões, como os planos búdico, monádico e átmico, cada um dos quais, com muitas colônias, totalizando o número de 9 vezes o de desencarnados sobre os encarnados. De fato, o plano físico é cópia incompleta dos planos astrais, cujas formas são modeladas pelo pensamento e o sentimento. Assim, tudo se formou a partir da energia divina, partindo do reino mineral, para os vírus e bactérias, algas, vegetais e animais inferiores, até se chegar aos mamíferos. Note-se, assim, que, apenas em determinados animais superiores, como cão, gato, elefante, cavalo, mula e macaco, é que se desenvolveu um primitivo corpo mental, denotando uma inteligência rudimentar. Os espíritos que cuidam da natureza são chamados de Devas. Até se chegar ao reino hominal, transcorreu cerca de 1,5 bilhão de anos. (terrícolas, presumo) E, entre os homens, diferem muito os corpos astral, mental e espiritual, separando-os, pois, entre os sub-humanos e os homens-anjos.; No astral, há casas, rios, animais, plantas, água, como na Terra, mas muito mais perfeitos. Lá os espíritos também trabalham. Têm direito a uma casa apenas, que será individual quando eles tiverem trabalhado o suficiente. Alguns espíritos dormem, mas, à medida que evoluem, precisam dormir e comer cada vez menos.
     
    A Cidade Espiritual de Nova Alvorada, com cerca de 250 milhões habitantes,localiza-se na quarta dimensão, sobre Santos, SP. Sua criação remonta a período anterior ao surgimento do Brasil, tendo Gandhi e Pedro II como alguns de seus fundadores. Quem está perdido no umbral e encontra-a, percebe uma luz azul branca e verde formando desenho de estrela de 8 pontas. Entre as principais construções da Colônia, destacam-se o Prédio Central, Unidade da Divina Elevação (nesta, há a Morada do Sol, onde vivem os guias protetores de cada espírito), Bosque da Alimentação, Núcleos Especiais de Desenvolvimento, Coordenadorias Especializadas, Bosque da Natureza Divina, Praça Central, Recanto da Paz, Casa de Repouso (Hospital da Irmã Scheilla), Casa da Criança, Centro de Aprendizagem, Casa da Justiça, Torres de Defesa e Higienização e Setores Habitacionais, sendo que a Casa de Repouso é o Setor mais importante, com grupos de resgate contendo encarnados e desencarnados e atuação em várias unidades hospitalares da Terra.
     
    A Colônia Florescer está situada sobre a Zona Oeste da Cidade do Rio de Janeiro (será que tem milícia lá :?: ) e trata-se de colônia de transição para espíritos com idade espiritual de jovens até 25 anos, em geral, desencarnados em acidentes, e crianças. Foi fundada em 1929 e possui cerca de 10000 habitantes. EmmÂnuel é um de seus dirigentes, e o Dr Oswaldo Cruz sempre lá aparece. A Colônia é dividida em Ministérios, como o da Reencarnação, Esclarecimento, Comunicação. Está a apenas 1800m de altura, sendo alcançada, portanto, por aviões. Dela se avistam as construções terrenas e podem ser ouvidos os sons dos habitantes. Os moradores praticam esportes como futebol e natação, além de terem acesso à música clássica, teatro, cinema e dança, inclusive, de obras da Terra, mas só as de contexto positivo. Todos podem trabalhar se quiserem, mesmo em tarefas elementares, como limpeza, em que só se usa água. Lá anoitece também, mas há iluminação como se fosse de dia, ainda que não se vejam lâmpadas. A Colônia possui regras rígidas e quem a elas desobedece recebe advertência. Quem quiser ir embora pode sair, pois se respeita o livre arbítrio. Há chuva por razões de abastecimento, mas os moradores não se molham. Além de lembrarem-se de todas as suas encarnações pretéritas, por meio de telões e de acesso ao setor de arquivos, os moradores ficam sabendo a data em que surgiram como espíritos, que é o verdadeiro aniversário. Todos têm uma família espiritual. Não há jornais, computadores, aparelhos eletrônicos, como TV, mas há telões com notícias. Não se usam enfeites Tudo é feito de matéria fluídica, que tem peso. :?: :!:
     
    O homossexualismo é uma questão da matéria, que tende a desaparecer com o desencarne.
     
    ===============================================================
    Está implícito que o heterossexualismo corre solto, mas não deve haver necessidade de anticoncepcionais.
    ===============================================================
     
    Na Colônia Nosso Lar, o principal meio de transporte empregado é o aerobus, espécie de metrô da Terra, sem trilhos e com teto transparente, mas, na verdade, lá há condições de os espíritos deslocarem-se por meio do pensamento. Também para se comunicarem entre si usam-no.
     
    ===============================================================
    A exceção deve ser esses que fazem cursos de línguas.
    ===============================================================
     
    Na Colônia de Maria Padilha, encontram-se espíritos de mulheres que, na Umbanda, são chamadas de pombas giras, tendo sido julgadas como prostitutas e vagabundas. Em comum, elas viveram algum grande amor mal-sucedido, aprisionando-se em teias de sentimentos densos, muitas vezes, sendo dominadas por espíritos oportunistas.
     
    ===============================================================
    Gostaria de passar umas férias nessa colônia.
    ===============================================================
     
    Quem se interessar, pode ler o conteúdo integral
     
    aqui
     
    :mrgreen: :lol:

  33. Gorducho Diz:

    Não, não é fraude consciente na grande maioria dos casos.
    Foi assimilado o estilo de escrita, i.e., o linguajar, e os temas “permitidos”. E assim dada a vontade de “psicografar”, a coisa brota duma maneira padronizada por reflexo.
    Como o colega do Dr. Dado o experimento ele escutou algo coerente com a expectativa, e na sessão mediúnica seguinte a coisa foi racionalizada dentro do possível de se esperar.
    Claro, estou dando crédito que não seja simples TROLLAGEM dele, como quer CoC.

  34. Gorducho Diz:

    Ou seja: não é fraude; esclarecendo…
    É auto-sugestão, auto-engano; como se prefira chamar.

  35. Marciano Diz:

    Reenviando o primeiro link:
    http://espiritananet.blogspot.com.br/2009/05/as-colonias-espirituais.html

  36. Gorducho Diz:

    Tem uma colônia até que serve como “ilha”digamos, como era a Ellis, p/a (i/e)migração das almas entre cá e o L’au-delà.
    É a Nova Esperança se não me engano.
     
    E tem outra super-mega colônia que dá a volta seguindo meio que o equador terrícola.

  37. Marciano Diz:

    Esclareço que o primeiro link saiu de forma incorreta mais acima.
    O link intitulado aqui está correto e pode ser acessado
    aqui

  38. Marciano Diz:

    Não consta a Nova Esperança, entre as inúmeras colônias elencadasNESTE BLOG

  39. Marciano Diz:

    Vejo que meu comentário no qual transcrevi parte da matéria sobre as colônias ficou meio perdido.
    Quem não o viu, clique abaixo:
    Comentário MARCIANO

  40. Marciano Diz:

    Something went wrong

  41. Marciano Diz:

    You’d better look for
    Marciano Diz:
    JULHO 21ST, 2016 ÀS 3:02 PM
    :oops:

  42. Marciano Diz:

    Será possível desaprender?
    Last attempt:

    Marciano Diz:

    julho 21st, 2016 às 3:02 PM

  43. Marciano Diz:

    Agora foi!

  44. Gorducho Diz:

    - Colônia Nova Esperança: Localizada bem próximo de Palmelo (GO), esta Colônia tem como função a catalogação de todos os espíritos que entram, saem e que permanecem no planeta, que hoje em dia é de aproximadamente 30 bilhões de espíritos.
     
    FONTE (entre outras)
     
     
    Naturalmente que já não é mais por kardex; eles instalaram um banco de dados Peri MySQL+++ p/fazerem esse controle.
    Bem como têm Peri AIs melhores que os da NSA.
    Eles fotografam o espírito e só pela cara já sabem a religião dele.

  45. Marciano Diz:

    Será que pela minha foto eles sabem qual é minha religião?
     
    FOTO DO MARCIANO
     
    Verdadeiro nome do Marciano:
     

    א ד מ שׂ א

  46. Marciano Diz:

    Wikipedia hebraica, sobre Marciano:
    https://he.wikipedia.org/wiki/%D7%90%D7%A9%D7%9E%D7%93%D7%90%D7%99

  47. Marciano Diz:

    .adreuqse a arap atierid ad mevercse suerbeh so euq merapeR

  48. Marciano Diz:

    Especial para o Analista COC:
    Demônios em Marte, de novo!
    Há mais de vinte anos, o mundo se maravilhava diante de um jogo de tiro em primeira pessoa: Doom. Esse gênero ainda engatinhava e tinha como seu maior expoente, Wolfenstein 3D, também da ID Software.
    http://kapoow.gamehall.uol.com.br/analise-doom/

Deixe seu comentário

Entradas (RSS)