Sean Harribance: Psíquico Excepcional (2014), por Bryan J. Williams

Este artigo analisa os resultados de vários experimentos e estudos exploratórios realizados em vários momentos entre 1969-2002, como parte de um esforço empírico de longo prazo para estudar as habilidades psi reportadas de um alegante psíquico selecionado, Sean Lalsingh Harribance. O autor desta extensa revisão dos experimentos conclui que “a menos que se considere a possibilidade improvável de conluio em massa entre os experimentadores, que de alguma forma conseguiu prosseguir continuamente sem ser detectado por um período de três décadas, é difícil encontrar uma explicação que possa explicar inteiramente os resultados observados além da possibilidade de psi”. Para ler o artigo em português, clique aqui. Para ler em inglês, clique aqui.

130 respostas a “Sean Harribance: Psíquico Excepcional (2014), por Bryan J. Williams”

  1. João Diz:

    O experimento da fenda dupla do Dean Radin não merece um post também?

  2. gorducho Diz:

    Que bom :!:
    Que bom :!:
    Mal posso esperar.
    A última notícia que acho que tenho ´q que um cientista brasileiro estava tentando arrecadar $ p/replicar corretamente os experimentos (i.e., divulgando as leituras reais, &c.).

  3. João Diz:

    Se tem uma coisa que eu quero fazer antes de morrer é testar um psíquico destes pessoalmente sob condições rigorosas.

  4. João Diz:

    O cientista já arrecadou o dindin e já fez o experimento, está saindo do forno.

  5. anonimontalvão Diz:

    /
    “O cientista já arrecadou o dindin e já fez o experimento, está saindo do forno.”
    /
    ANONICONSIDERAÇÃO: dileto João, nada contra ti, mas, então, usarei de paranormalidade para vaticinar contra paranormalidade. Enquanto vidente do oitavo nível da mestria akhasica, profetizo que:
    /
    Quando do forno sair o experimento será uma de duas: ou blablablá de blebleblé, passando por bliblibli, descansando em bloblobló, culminando em blublublu, ou, será mais um a corroborar a conjetura de Moi.
    /
    Notem que tão cioso sou dos poderes precognitivos, os quais Green Morton me doou, que não temo pôr meu prestígio internacional em jogo, já antecipando algo que sequer foi cozido por inteiro.
    /
    Resta esperar a broa ser retirada para conferir se torrou ou é saudavelmente digestiva.
    /
    Obs.: aparecimento por fato relevante.

  6. Vitor Diz:

    Oi, João
    eu prefiro postar sobre fenômenos anômalos que possuem vasta replicação por cientistas independentes, como ganzfeld, mediunidade e reencarnação. O experimento de Radin ainda não tem a replicação necessária, a meu ver. Talvez com o Guerrer isso mude de figura. Ainda está em meus planos traduzir a pesquisa de Sheldrake sobre telepatia canina que o Wiseman replicou e só após muito custo confirmou que os dados dele replicavam os de Sheldrake, embora ainda teime em aceitar a interpretação de telepatia. Mas como há toneladas de discussões sobre o assunto, isso ainda deve demorar. Mas deve ter material traduzido dos artigos no livro em português do Sheldrake sobre o assunto, o que deve poupar tempo, mas ainda não comprei, muito menos escaneei. Se alguém tiver o livro e quiser escanear e me passar agradeceria muito :)

  7. Gorducho Diz:

    Veja o que nos espera, Analista Marciano: uma série sobre telepatia canina…
     
    Mas de fato será interessante ver o artigo onde o Wiseman concede que o Sheldrake tinha razão :!:

  8. Gorducho Diz:

    Afinal não íamos testar o médium brasileiro?
    Agora o assunto migrou pra telepatia canina?

  9. Vitor Diz:

    GORDUCHO DISSE: “Mas de fato será interessante ver o artigo onde o Wiseman concede que o Sheldrake tinha razão :!:
    .
    http://www.skeptiko.com/88-scientific-community-unfair-to-rupert-sheldrake/
    .
    But the biggest surprise came when Stevens looked at Sheldrake’s collaboration with skeptics like Dr. Richard Wiseman. According to Stevens Wiseman failed to follow normal procedures scientists use when collaborating and reporting their results.
    “Wiseman actually did repeats of Sheldrake’s results. He never denied this, but he only admitted it, I think, ten years later. I mean, in normal experiments, if you repeat someone’s results, you say it. And there didn’t seem to be any reason for him not to say, ‘I’ve repeated his results. These experiments work. Sheldrake wasn’t wrong.’ And you know what? Sheldrake was a Research Fellow at the Royal Society. I would hope that when he has some experiments and tests things he’d get it right because he’s from one of the best institutions of science in Britain and in the world. So I really don’t know why Wiseman took so long just to say, ‘Yes, the patterns in Sheldrake’s works were repeated in my own.’”, said Stevens.

  10. Gorducho Diz:

    Há várias horas desenhando meus olhos ardem e certamente por isso já não lobrigo, pareço os seus médiuns que só captam vaguidades…
    Não vai acreditar se lhe disser que no texto acima me pareceu não ser a admissão do Wiseman!
    Me pareceu que era um 3° falando sobre o causo…
     
    E o planejamento pros nossos testes em Fortaleza ¿em que pé estão?
    :P

  11. Vinicius Diz:

    E pelo que entendi o médium do Ceará disse que topa ser testado. É só vir …
     
    Quem sabe diminui o número de pessoas desaparecidas com a ajuda dessa modalidade mediúnica, com os avós ajudando os que ficaram ….

  12. Vinicius Diz:

    “Há várias horas desenhando meus olhos ardem e certamente por isso já não lobrigo, pareço os seus médiuns que só captam vaguidades…”
     
    Os médiuns “píctográficos” da FEESP pintam quadros de todos os tamanhos, paisagens com muitos detalhes, já viu a exposição? Os preços então, tem quadro de R$ 5.000,00.

  13. Vitor Diz:

    Wiseman claimed for many years that his tests refuted the “psychic pet phenomenon”, in an interview with Alex Tsakiris on April 17, 2007, he finally admitted, “I don’t think there’s any debate that the patterning in my studies is the same as the patterning in Rupert’s studies…It’s how they are interpreted.” (From 4-17-07 “Interview on Skeptiko.com” )

  14. Vitor Diz:

    GORDUCHO DISSE: “E o planejamento pros nossos testes em Fortaleza ¿em que pé estão?”
    .
    Estão em segundo plano até termos feito uma análise exaustiva do caso do Galdino. Estamos nos concentrando em conseguir as cartas e fazer mais entrevistas.

  15. Vitor Diz:

    Antes que o Gorducho peça o original da admissão do Wiseman, deixa eu postar logo:
    .
    Dr. Richard Wiseman: Well, yeah, I mean, I suspect it’s quite problematic because it depends how the data is collected, so I don’t think there’s any debate, but the patterning in my studies are the same as the patterning in Rupert’s studies. That’s not up for grabs. That’s fine. It’s how it’s interpreted.
    .
    http://www.skeptiko.com/11-dr-richard-wiseman-on-rupert-sheldrakes-dogsthatknow/
    .
    Tem o link para o mp3 também.

  16. Vinicius Diz:

    VITOR, sobre o caso Galdino:
     
    o Médium disse a senhora que seria caso para psiquico e ela insistiu certo?
     
    Na pergunta formulada a ele pelo intermediário ou em qualquer outro trecho da entrevista falou-se em psíquico ou algo relacionado antes dele comentar isso?

  17. Vitor Diz:

    VINÍCIUS: “o Médium disse a senhora que seria caso para psiquico e ela insistiu certo?”
    .
    Sim. Mas isso me pareceu uma conversa “informal”, ou seja, sem gravações.
    .
    VINÍCIUS: “Na pergunta formulada a ele pelo intermediário ou em qualquer outro trecho da entrevista falou-se em psíquico ou algo relacionado antes dele comentar isso?”
    .
    Que eu saiba não.

  18. Gorducho Diz:

    É… como seria de se esperar, o senhor exagerou “um pouquinho”…
     

    So I say by looking at his data, that yeah there may well be something going on.

    They don’t look to me quite as methodology rigorous as you would need in order to be able to make that decision firmly in one direction or another. I would sort of tick the “more experiments needed” box, under slightly more rigorous conditions. I think as is so much of his work, it’s very easy to look at it and go, yeah, a priori, that looks like there’s a cased something there, but things need to be done with a little bit more rigor and in this instance, that hasn’t happened.

     
     
    Ceará: d’accord, c’est le bon chemin.

  19. Vitor Diz:

    Essa desculpinha do Wiseman de “mais experimentos são necessários”, “não foi feito com rigor suficiente”, é só para não dar o braço a torcer. E se não foi feito com rigor suficiente, vejo isso como uma autocrítica aos próprios experimentos dele, que ele, repito, admitiu após 10 anos replicaram os dados de Sheldrake.
    .
    Não é à toa que ele abandonou a parapsicologia quando começou a achar resultados positivos e até céticos caíram em cima dele :D

  20. Gorducho Diz:

    ===============================================================
    Os médiuns “píctográficos” da FEESP pintam quadros de todos os tamanhos, paisagens com muitos detalhes, já viu a exposição? Os preços então, tem quadro de R$ 5.000,00.
    ===============================================================
    Mas os espíritos & médiuns da Administração não. Eles enxergam tudo por partes, picado, tipo ensopado chinês. Se o senhor apresentar um frango num galinheiro prum espírito da Casa, o psicopictograma vai ficar mais ou menos assim

  21. Gorducho Diz:

    É… por isso lhe digo: não precisamos de autores céticos pra nos informarem sobre espiritismo.
    Conhecemos o tema mais que todos eles juntos.

  22. Vinicius Diz:

    GORDUCHO
    Leia este blog:
     
    http://minhabianca.blogspot.com.br/2012/08/impostores-da-psicografia.html

  23. João Diz:

    Caro Montalvão,

    Quando leio seu prognóstico
    Vejo algo subjacente
    Que convizinha transparente
    .
    .
    Vou dizer o que é
    (espero que eu não distorça):
    Não tenha medo, meu amigo
    Não será lhe imposto nenhum castigo
    Se você vier (e eu sei que você quer)
    Para o lado woo da força

  24. Gorducho Diz:

    Captou bem sim: nosso presidente em licença médica quer muito sim…
    Mas assim mesmo, a gestão dele é magnífica e irreprochável. Por isso mesmo é unanimidade na nossa bancada.

  25. Vinicius Diz:

    Tá me ignorando em Gorducho :!: Ainda não desencarnei!
     
    “Vinicius Diz:
    AGOSTO 12TH, 2016 ÀS 10:13 AM
    GORDUCHO, você que é expert em espiritismo e conhece “romances”, lembra de algo que diz que evocaram Dr.Bezerra de Menezes para ajudar num parto dificil de uma reencarnação de um ovóide?”

  26. Gorducho Diz:

    Não respondi porque não sei do causo :!:
    Jamais iria ignorar dum dos mais brilhantes e profíquos scholars do Sítio :(
     
    Sei, claro, que os ovoides às vezes se introduzem no meio da reencarnação. Mas não sei d’algum causo que Dr. Bezerra tenha ajudado espiritualmente algum parto com essas características.
     
    Por mais que se saiba, nunca se sabe tudo!
    Por isso mesmo que é uma Doutrina que requer estudo sistemático e permanente.

  27. Gorducho Diz:

    Já tinha visto há anos AVi

  28. Vitor Diz:

    Apenas pra avisar que dei uma atualizada na tradução, então quem pegou uma versão mais antiga, baixa a versão mais atual.

  29. Vinicius Diz:

    Pois é. Só encontrei aquele site em que a senhora é ajudada pelo mesmo por fazer mais de 1.000 partos.
     
    Nas cartas consoladoras dificilmente encontrar-se-á “ovóides’ se comunicando não? Nem sei se falam …

  30. Vinicius Diz:

    Olha só isso, está em “Carneiros de Parnúgio” – uma pequena biografia de Dr.Bezerra.
    Ele estava prostrado no leito por conta de sua congestão cerebral e no dia seguinte, uma senhora (ou senhor) foi mudas as fronhas e encontrei dinheiro debaixo de seu travesseiro :!:
     
    “ Iniciava-se o ano de 1900, e Bezerra foi acometido de violento ataque de congestão cerebral, que o prostrou no leito, de onde não mais se levantaria.”
     
    “Verdadeira romaria de visitantes acorria à sua residência. Ora o rico, ora o pobre, ora o opulento, ora o que nada possuía.
     
    “Ninguém desconhecia a luta tremenda em que se debatia a família do grande apóstolo do Espiritismo. Todos conheciam suas dificuldades financeiras, mas ninguém teria a coragem de oferecer fosse o que fosse, de forma direta. Por isso, os visitantes depositavam suas espórtulas, delicadamente, debaixo do seu travesseiro. “
     
    “No dia seguinte, a pessoa que lhe foi mudaras fronhas, surpreendeu-se por ver, ali, desde o tostão do pobre até a nota de duzentos mil-reis do abastado!”

  31. Gorducho Diz:

    Que eu saiba não. Claro que eles incorporam e podem ser doutrinados, o que facilita a futura recomposição do perispirito deles.
    Mas eles não articulam coisa-com-coisa, só causando até alterações orgânicas passageiras no médium.
     
    É o que sei, mas sempre, infinitamente, tem-se o que aprender dentro da Doutrina…

  32. Phelippe Diz:

    Vão testar o médium? Quando? Quem tanto irá? E o protocolo? Voto pela ideia do Gorducho, um livro aberto aleatoriamente, no momento do teste. E que tal pedir ao espírito guia que entre em contato com algum parente falecido de algum dos presentes e peça para que este último dê alguma informação desconhecida do parente vivo, mas que possa ser confirmada por documentos. Ex: peço para o espírito guia pedir a meu trisavô, morto em 1907, que me diga algo que eu possa confirmar em algum arquivo. Não custa tentar.

  33. Gorducho Diz:

    Eles estão dando passos preliminares que são adequados e prudentes.
    Eu vou se forem ser sérios os testes. Agora já estou numa fase mais livre pra me deslocar depois dum longo período onde isso era a muito difícil.
     
    As primeiras coisas primeiro: vamos ver se tem espírito no recinto e se o “médium” tem mediunidade.
    É uma sequencia lógica que tem que ser seguida em qualquer ciência.
    Primeiro se verifica a realidade das fórmulas do MRUV; só depois o Teorema de Castigliano…

  34. Espirita sp Orlando Diz:

    Os espiritos, como disse Kardec Allan, não estão a disposição dos curiosos. De nada adianta eles respondem se quiserem. Minha mãe e os mediuns da casa disseram que não fariam experiências!

  35. João Diz:

    Espírita so Orlando,

    Mas os espíritos, esclarecidos como são, não acham importante fornecer evidências e aumentar a confiança de nós encarnados na sobrevivência da personalidade?

  36. Espirita sp Orlando Diz:

    Nao acho João. Os Espíritos não se preocupam se não acreditarmos. Bacelli diz que tem gente que duvida até de Deus.
    Não sou contra experiências mas nosso Centro não faz.

  37. Marciano Diz:

    GORDUCHO, mal posso esperar pela telepatia canina de Sheldrake. Ainda mais agora que nosso presidente tirou uma licença da licença, ele que gosta do assunto.
    Infelizmente, passarei por aqui apenas uma vez por dia, nos próximos dias ou meses.
    Não vou deixar de ler nenhum comentário, mas os meus serão parcimoniosos, pois tenho mais uma atividade somada ao meu pouco tempo, o que me toma mais algumas horas por dia. E o meu tempo, que já era pouco, está cada vez menor.

  38. Gorducho Diz:

    Sr. Administrador S/Pessoa não tem o artigo peri-double slit inicial de Jeffers & Sloan :?:
     
    Estou procurando ver bem cumé quié a aquisição dos dados pra calcular a distribuição espectral.
    Já me prevenindo… ¿capisci?

  39. Eu Sou a Universal Diz:

    Senhores, agora entendo o que é chiquismo. Um fanatismo ao sr Chico Xavier e negação aos princípios do sr Kardec que foi quem instituiu o Espiritismo Kardecista. Procurando em outras fontes além daqui, vi uma coisa risível, um sr chamado Richard Simonetti defendendo um escrito absurdo do sr Chico Xavier sobre Marte e colocando o sr Kardec em plano secundário e dando maior importância ao sr Chico Xavier:

    *** VIDA EM MARTE – Richard Simonetti
    8 – Há também uma controvérsia em relação à condição espiritual da população marciana. Maria João de Deus e Humberto de Campos falam de coletividades mais adiantadas do que os habitantes da Terra. No comentário à questão 188 de “O Livro dos Espíritos”, Kardec diz que, segundo informações da espiritualidade, a população marciana é mais atrasada do que a terrestre.
    Essa observação de Kardec foi incluída na primeira reimpressão de O Livro dos Espíritos, datada de 03 de 1860, provavelmente baseada em mensagens do Espírito Georges, que seriam publicadas pela Revista Espírita, em outubro do mesmo ano. Há muitas incorreções nelas em relação a Marte e Júpiter. Foram aceitas por Kardec porque eram extremamente precários, na época, os conhecimentos sobre o assunto. Fico com as informações veiculadas através de Chico Xavier, considerando a confiabilidade do médium e o fato de que há hoje uma universalidade em torno delas, já que têm sido confirmadas por outros médiuns.
    ***http://grupoallankardec.blogspot.com.br/2010/08/vida-em-marte-chico-xavier_15.html

  40. Eu Sou a Universal Diz:

    Vejam bem: o sr Richard Simonetti diz que nas mensagens do Espírito Georges, publicadas pela Revista Espírita, em outubro de 1860 há muitas incorreções nelas em relação a Marte e Júpiter. Foram aceitas por Kardec.
    ***Ele disse que o sr Kardec aceitou publicar coisas erradas e que o sr Chico Xavier é mais correto que o fundador do Kardecismo pois publicou coisas corretas sobre Marte! E não estão corretas. As imagens da NASA mostraram isso em uma resolução muito boa.

  41. Vinicius Diz:

    E tem mais Pastor, a tal vida em marte, de Chico é parecida com um escrito de outro pensador espirita, Gabriel Dellane:
     
    “http://obraspsicografadas.org/2007/livro-cartas-de-uma-morta-1935-de-chico-xavier/”

  42. Eu Sou a Universal Diz:

    Sr Vinicius, comprovadamente o sr Chico Xavier tem muito mais importância do que o fundador o sr Kardec , confere? Acho que seria normal devido a no país de origem do Kardecismo este não existir. Como prosperou tanto no Brasil que é impressionante.

  43. Gorducho Diz:

    :o
    GD ou o Flammarion Uranie :?:

  44. Vinicius Diz:

    Confusão minha :mrgreen: Sim, Flammarion.
     
    olha Pastor, por enquanto é Chico Xavier quem tem mais importância, ao lado de Doutor Bezerra de Menezes e Divaldo Franco
     
    Pode ser que venham outros, mas com a era da Internet, do POKEMON GO etc, será mais difícil novos prosperadores de abobrinhas.

  45. Vinicius Diz:

    Veja o “tipo” de livro editado e tido como “espírita”:
     
    http://bvespirita.com/Um%20Forro%20no%20Umbral%20(Saara%20Nousiainen).pdf
     
    uma doutrina preconceituosa, indiretamente há “reprovação” do ritmo musical FORRÓ como tido “inferior” e “atrasado”, satirizam defuntos, esses ventríloquos do além.

  46. Gorducho Diz:

    As comédias não param aí Pastor: o Dr. Bezerra – de verdade, o vero vivo – tem o espírito dele, Sr. Newton ex-venusiano (visto que já tinha morrido lá) que tem rixa com o Georges e diz que Vênus é mais atrasado que cá – inclusive eles acreditam que o planeta é ligado ao Sol por uma corrente…
    Aí Dr. Bezerra numa prova de recalque pós-colonial argumenta que não tem porque dar mais credibilidade às mensagens do Georges só porque foram recebidas em Paris, vis-à-vis o Rio.
    Em reforço da tese dele ele evoca o Giordano Bruno, mas o Giordano não esteve em Vênus olhando pessoalmente. Fica só na base das conjecturas :!:

  47. Gorducho Diz:

    Não tem Kardecistas cá Pastor.
    São chiquistas ou como acho mais correto definir: bezerrochiquistas.
     
    E como nas Filipinas – ou outro país onde tem esse tipo de espiritismo alongside Cuba – a base é a Rei James direto, vê-se que não existem mais kardecistas exceto talvez em Cuba…

  48. Eu Sou a Universal Diz:

    Sr Gorducho, que importância então tem o sr Kardec para os chiquistas nos dias de hoje?

  49. Eu Sou a Universal Diz:

    Sr Vinicius, já li aqui que eles gostam de músicas clássicas para os seus trabalhos de preces e passes. Não é de admirar que excluam o forró das músicas aceitáveis para um religioso. Existem excelentes trabalhos musicais instrumentais de forró, assim como existem clássicos agitados (que seriam inapropriados para qualquer trabalho de preces) . Apenas um preconceito e elitização da crença deles. Basta ver como o prédio da terrível FEB é suntuoso, talvez se achem um tanto franceses os Kardecistas daqui, agora chiquistas.

  50. Vinicius Diz:

    Sim, é um “pecado” outro tipo de música nos trabalhos.
     
    Também há hinos ao Dr. Bezerra e outros.
     
    http://www.gruposcheilla.org.br/pages/saibamais/downloads/hinos-letras-espiritualizantes.pdf

  51. Gorducho Diz:

    A reencarnação romântica vem do Kardec; bem como os passes via espíritos (os passes originais mesmeristas não requeriam espíritos).
    O persipirito também.
    Não tem penas eternas nem inferno; as almas “progridem”.
    No mais quase nada, pois no kardecismo os espíritos não encarnados ficam em planetas; no chiquismo ficam em esferas semelhantes às do espiritismo anglo (derivadas da cosmologia do Aristóteles, claro).
    No chiquismo Jesus é um fantasma solidificado; a Maria era virgem, &c…
     
    As diferenças são muitissíssimas. Só entenda: kardecistas virtualmente não existem mais.
    Mesmo nosso preclaro Professor que o Sr. viu comentar na outra rubrica se declara kardecista mas frequenta instituição filiada à FEB.

  52. Eu Sou a Universal Diz:

    Obrigado por esclarecer.

  53. Gorducho Diz:

    Olha só Analista Vinícius: relendo a querela da tradução
    S. Luís. — Deixai-a, a pobre perturbada. Tende compaixão da sua cegueira e oxalá vos sirva de exemplo. Não sabeis quanto padece o seu orgulho.
    recaio no artigo sobre o enterro dela n’O Mundo Ilustrado 5/2/58.
     
    Causou grande sensação em Paris esse enterro até porque ela foi a primeira muçulmana enterrada no Père-Lachaise. E, claro, em março receberam canalização dela :mrgreen:

  54. Gorducho Diz:

    Favor fechar o itálico depois do nome da revista Sr. Administrador.
    Desculpe! Prometo que não falo mais na dupla fenda e me ofereço pra lhe traduzir a parte dos cachorros nas telepatias; porque sei cachorrês quase tão bem quanto o presidente licenciado!

  55. Marciano Diz:

    E eu entendo de telepatia canina mais do que o Sheldrake.
    Sei quando meus cães estão para chegar em casa muito antes de eles chegarem.
    Eles saem, passeiam, cachorreiam, e quando voltam, 15 a 20 minutos antes sei que estão a caminho de casa.
    Ao chegarem, estou ao portão, esperando por eles.
    Sou capaz de sentir o cheiro de cada um até dias depois de saírem de casa, sigo-os e encontro-os pelo olfato, quando fogem (o que é frequente), sinto suas vibrações telepato-caninas a qualquer distância.
    Se houver qualquer manifestação canina não entendida no trabalho. ofereço-me para esclarecer.

  56. Vinicius Diz:

    “Olha só Analista Vinícius: relendo a querela da tradução
    S. Luís. — Deixai-a, a pobre perturbada. Tende compaixão da sua cegueira e oxalá vos sirva de exemplo. Não sabeis quanto padece o seu orgulho.”
     
    Sim, esse linguajar que não agradava o tradutor e outros (segundo alguns). Há muitas expressões assim ao longo das obras de Kardec, no livro dos espíritos tem várias só faltando xingar Kardec de burro.
     
    Mas o que é isso? Uma psicografia de uma muçulmana no além?

  57. Vinicius Diz:

    Dr. Orlando (que perguntou outro dia sobre racismo em Kardec) e outros
     
    Kardec e seus “espíritos superiores” eram bastante rudimentares com relação ao “progresso corporal” (está na revista espirita 1864 na edição da FEB tem a nota explicativa inserida lá por causa do Ministério Público Federal e não por causa dos espíritos que “revisitaram” a obra):
     
    “Suponhamos toda a raça negra destruída: não será destruída senão a vestimenta negra; mas o Espírito, que vive sempre, revestirá, inicialmente, um corpo intermediário entre o negro e o branco e, mais tarde, um corpo branco. É assim que o ser, colocado no último degrau da Humanidade, atingirá, num dado tempo, a soma das perfeições compatíveis com o estado do nosso globo.”

  58. Vinicius Diz:

    Dr. Orlando (que perguntou outro dia sobre racismo em Kardec) e outros  
    Kardec e seus “espíritos superiores” eram bastante rudimentares com relação ao “progresso corporal” (está na revista espirita 1864 na edição da FEB tem a nota explicativa inserida lá por causa do Ministério Público Federal e não por causa dos espíritos que “revisitaram” a obra):
     
    “Suponhamos toda a raça negra destruída: não será destruída senão a vestimenta negra; mas o Espírito, que vive sempre, revestirá, inicialmente, um corpo intermediário entre o negro e o branco e, mais tarde, um corpo branco. É assim que o ser, colocado no último degrau da Humanidade, atingirá, num dado tempo, a soma das perfeições compatíveis com o estado do nosso globo.”

  59. Gorducho Diz:

    Sim, os ingleses depuseram rei filho dela e ela foi arguir perante a Rainha Vitória, acompanhada se bem me lembro de 110 indivíduos.
    Nesse ínterim se não me engano estourou uma revolta e daí a Inglaterra assumiu diretamente o governo que antes era influenciado por uma certa Cia. das Índias, acho.
    Desrespeitavam costumes religiosos &c.
    Ela veio a Paris acredito que pra aguardar o desfecho das cousas…onde veio a falecer.
    Causou grande sensação o enterro e por isso, claro, 1 mês depois…
    E sim, o tradicional preconceito europeu do “espiritismo”: o Kardec não perde a oportunidade de esculachar com ela…

    Evocando esta grandeza decaída ao túmulo, não esperávamos respostas de grande alcance, dado o gênero da educação feminina nesse país; julgávamos, porém, encontrar nesse Espírito, não diremos filosofia, mas pelo menos uma noção mais aproximada da realidade, e idéias mais sensatas relativamente a vaidades e grandezas terrenas. Longe disso, vimos que o Espírito conservava todos os preconceitos terrestres na plenitude da sua força; que o orgulho nada perdeu das suas ilusões; que lutava
    contra a própria fraqueza e, finalmente, que muito devia sofrer pela sua impotência.

  60. Espirita sp Orlando Diz:

    Obrigado Vinícius. Fiquei chateado com que tenho lido sobre isso. Mesmo com a nota da FEB e outros confrades tentando defender é inegável o preconceito tanto em Kardec quanto no Espírito São Luiz.

  61. Gorducho Diz:

    A questão é que eles não assumem. Ficam querendo dar “explicações”.
     
    E se quiser discutir o preconceito chiquista do Emmânuel…

  62. Gorducho Diz:

    Porque ok, sim, era o pensamento da época…
    Nem tanto: o Robespierre era abolicionista e o Kardec, o ilustre “intelectual” fundador da Doutrina, não :!:
     
    E se sim… mas ¿não eram “espíritos” supostamente “adiantados” que ditavam os “ensinamentos”?

  63. Vinicius Diz:

    GORDUCHO, Jean Renauld entrava nessa seara de “diferenciação de raças” também?

  64. Vinicius Diz:

    ops, esqueci de incluir no post acima, sobre a querela das traduções também há HP “plagiando” trechos de traduções de Guillon :mrgreen:
     
    http://donhaespirita.blogspot.com.br/2009/06/o-mito-das-traducoes-do-herculano.html

  65. Gorducho Diz:

    Não me lembro que o JR falasse em raças.
    Vou procurar ver o que eles – i.e., ele e o Pierre Lerouz -botaram na Encyclopédie nouvelle.
     
     
    Sim, a querela que eu me referia é essa.
    É uma tradução feita de forma não obvia,
    pour ainsi dire; e ficaram muito parecidas :!:

  66. Gorducho Diz:

    Tentei procurar em humanidade ou raça mas tem um buraco entre força e organogenia; terminando o tomo VII em filosofia.
    O editor explica que há partes que jamais foram publicadas, citando-as.
    O tomo VII vai de SAPZ mas começa com sappho; i.e., não tem sapiens.
     
    Então minha resposta é: desconheço se o Jean Reynaud publicou algo comentado acerca de “raças” &c.

  67. Gorducho Diz:

    ERRATA
    Tomo VIII SAP – Z
    Não sei bem se eles suspenderam as publicações por falta de retornos $; falta de tempo ou interesse; ou a briga acerca do tipo de reencarnação.

  68. Marciano Diz:

    http://iconoclastia.org/2016/06/19/espiritismo-kardecista-os-livros-religiosos-mais-racistas-da-historia/

  69. Marciano Diz:

    “Está claro como água que Kardec foi racista militante da eugenia, mas até aí tudo bem, naquele contexto quase toda a França adotava mais ou menos o racismo. O problema para os religiosos começa quando os próprios espíritos falam essas coisas. E não eram espíritos rasteiros, eram “habitantes de planetas imateriais” “Seres com muita luz” e etc. Aqueles que o Kardec entrevistou e de onde ele fez as suas anotações. Vimos aqui que nos três livros fundamentais do kardecismo existem passagens com o grosso do racismo. poderia haver um problema de contextualização se fossem trechos isolados e raros, mas não: São muitas passagens, recheadas de explicações, pra todo mundo entender. Daí temos duas opções: Ou os mais evoluídos espíritos são de fato ultra racistas, ou então foi apenas o autor desses livros escrevendo coisas da sua cabeça, com a sua ideologia. E então os livros fundamentais do espiritismo são uma fraude completa.
    Se for mesmo uma fraude, então há indícios. E há mesmo: O modo de funcionamento do espiritismo kardecista é muito semelhante a uma teoria que estava escandalizando a Europa inteira: A Seleção Natural, junto com a nova corrente racista da época chamada Eugenia evidenciam a fraude de Kardec.
    Mais uma evidência? A incrível conexão entre o pensamento eugenista e a invenção da tal “Raça Adâmica”, também inserida ~pelos espíritos~.
    Moral da história: Não confie em livros sagrados. Eles trazem consigo os códigos morais de uma região e uma época, mas não passam por edições conforme o avanço dos tempos. O tempo muda, os debates tiram o mofo dos velhos preconceitos, mas os dogmas são surdos aos debates. O irônico é que esses três livros: A Gênese, o Livro dos Espíritos e o Evangelho segundo o espiritismo falam tanto em evolução… MAS NUNCA EVOLUÍRAM!”

  70. Gorducho Diz:

    Dessas tristes passagens e d’outras como as do Emmânuel, o que deve restar de saldo pro Dr. e pra todos quantos se debrucem sobre o tema justo é que médiuns não existem :!:
     
    E nem isso se pode dizer na tentativa de “justificar”: que era um pensamento corrente da época. Não canso de repetir: o famigerado Robespierre era neste ponto mais admirável que o “intelectual” fundador dessa Doutrina.
     
     
     
    ——————————————————————————————————————————————–
    # DISCOURS DU GRAND ROBESPIERRE CONTRE L’ESCLAVAGE (13 MAI 1791)
     
     
    Membre de la société des « Amis des Noirs » (une section du Parti jacobin), Robespierre était déjà intervenu dès 1790 contre l’esclavage, et dès 1789 pour l’égalité des Juifs. Le 13 mai 1791, Robespierre à la Convention se dresse contre l’esclavage. La voix de Robespierre sauve l’honneur de la Révolution française dans cette affaire :

    « Dès le moment où dans un de vos décrets, vous aurez prononcé le mot esclaves, vous aurez prononcé et votre propre déshonneur et le renversement de votre Constitution.
    Je me plains au nom de l’Assemblée elle-même, de ce que, non content d’obtenir d’elle tout ce qu’on désire, on veut encore la forcer à l’accorder d’une manière déshonorante pour elle et qui démente tous ses principes. »
    &c.
    [ http://www.alterinfo.net/ABOLITION-DE-L-ESCLAVAGE-DE-ROBESPIERRE-A-SCHOELCHER_a113775.html ]

  71. Gorducho Diz:

    Essa espécie de .ppt online é bastante usada nas colônias ultramundanas, pra monitorar a Terra (que aparentemente é a principal atividade deles por lá…).
    —————————————————————————————————————————————–
     
    [Dr. André Luiz]
    Druso ligou tomada próxima e vimos um pequeno televisor em ação, sob vigorosa lente, projetando imagens movimentadas em tela próxima, cuidadosamente encaixada na parede, a pequena distância.
    Qual se acompanhássemos curta notícia em cinema sonoro, contemplamos, surpreendidos, a paisagem terrestre.

    [Dr. M P de Miranda]
    Ao chegar, o honorável mentor, utilizando-se da técnica de projeção de imagens numa tela de imaculada brancura que se encontrava presa à parede do fundo da sala, explicou-nos:
    – As cenas que veremos estão sendo enviadas diretamente da Instituição Espírita, que é um dos móveis da nossa próxima visita e atividade no planeta querido.

  72. Francisco Diz:

    Gorducho, me tire uma dúvida
    Você acredita em espíritos ou não?

  73. Montalvão Diz:

    /
    1. João Disse:
    Caro Montalvão,
    Quando leio seu prognóstico
    Vejo algo subjacente
    Que convizinha transparente
    .
    Vou dizer o que é
    (espero que eu não distorça):
    Não tenha medo, meu amigo
    Não será lhe imposto nenhum castigo
    Se você vier (e eu sei que você quer)
    Para o lado woo da força
    =============================
    Prezado João,
    Levo a mal não
    Se Guerrer a batalha vencer
    Primeiro serei a o enaltecer
    Mas, verifique, meu irmão
    Que o bagulho mui doido se mostrará
    Pois, se a intenção é a força da mente
    Sobre a matéria pesquisar
    Por que, raios, resposta na quântica procurar?
    .
    Guerrer é de Randin pupilo
    Relacionamento tranquilo
    Como de vibrião e espirilo
    Dean acha que pode impunemente
    Para o macrocosmo trazer
    Fenômenos tão miúdos
    Que mesmo Deus mal consegue ver
    E eu, que nunca parte tive nos menudos
    Se a mim perguntam o que acho
    Só consigo responder: diacho!

  74. gorducho Diz:

    O Presidente por tabela esclareceu um ponto importante: eram espirilos [bactérias de forma espiralada (como um saca-rolhas) - wiki] e não ovoides espirituais que o Dr. Bezerra desatarraxou dos testículos do Anacleto!
     
    O médico espiritual aproximou-se do doente encarnado e fixando-lhe o centro genésico, no qual se hospedavam duas Entidades deformadas, pôs-se a aplicar uma energia especial em movimentos anti-horário, [sic] como se estivesse desaparafusando o tentáculo de cada uma delas que se fixava, respectivamente, nas gônadas.

  75. Vinicius Diz:

    minha nossa GORDUCHO, o que esses dois pobres diabos estavam fazendo no “saco” do encarnado? Santo Deus, esses “espiritos” realmente não tem o que fazer.
    Se eu fosse Dr.Bezerra eu pediria para que correntes de 1.000 volts fosses disparadas contra esses seres folgados!
    mas esse BEZERRA é pau para toda obra mesmo, até nisso ele está envolvido.

  76. Vinicius Diz:

    Se a vida continuar após a morte, quando DIVALDO desencarnar acho que o verdadeiro BEZERRA vai querer explicações de tanta maluquice…

  77. Vinicius Diz:

    Estudar o espiritismo : vou perguntar para algum espírita como fazer para não parar nos centros genésicos de encarnados ou encarnados quando eu abotoar o paletó.
     
    Os alunos deveriam encher a cabeça dos expositores de perguntas para aprenderem mutuamente :!:

  78. gorducho Diz:

    O cara ficou viúvo lá elos 50; e aí chegou ao cúmulo de frequentar motéis c/jovens aventureiras tão perturbadas quanto ele :(
     
    Aí a equipe do Dr. Bezerra foi chamada e viram que ele tava todo infestado. A cabeça tava infestada por um enxame de piolhos, so to say…, ovoides.
    E tudo: 2 no sistema nervoso central; 1 no chacra cerebral.
    E esses, que o livro dá a entender que eram ovoides mas se vê-se agora que na verdade eram espirilos.

  79. gorducho Diz:

    Mas acho que Dr. Bezerra depois daquela pimenteira que subiu o morro; do Newton de Vênus; do dilúvio universal provocado pelos anéis semelhantes ao de saturno… não vai ter cara-de-pau pra cobrar explicações :mrgreen:

  80. Vinicius Diz:

    é verdade, eu me esqueci dessas pérolas.

  81. Eu Sou a Universal Diz:

    Senhores, vê-se que o único que aqui acredita no Kardecismo, é o sr Orlando. Com todas as evidências e furos do sr Kardec mostrados a ele, como pode o mesmo insistir em crer em tamanho absurdo? Ainda mais em questões racistas que ele mesmo afirmou que existem.

  82. Eu Sou a Universal Diz:

    Sr Montalvão, que bom vê-lo aqui de novo. Sua cabeça pensante só está do lado errado, quando voltares ao 1º amor que de onde nunca deveria ter saído o sr será uma afronta ao inimigo de nossas almas!

  83. Eu Sou a Universal Diz:

    Amigo Marciano, obrigado pelo site com mais conteúdo racista do sr Kardec. Pra mim, se iguala ao ex presidente Botha.

  84. Eu Sou a Universal Diz:

    Srs Vinicius e Gorducho. Já virou folclore esse preto velho que engana os Kardecistas disfarçado de médico.

  85. Vinicius Diz:

    Espia só PASTOR o espírito Bezerra, encontra tempo para visitar todas igrejas, centros, reuniões de maçons, reuniões da ATEA, através de seu tablet visita religião é veneno etc. etc,.
     
    “Iniciariam a tarefa em uma igreja evangélica que se encontrava repleta tanto de encarnados quanto de Espíritos.”
     
    “– Não se espantem – explicava Bezerra – com as ocorrências que
    presenciarão junto aos nossos queridos irmãos que professam a fé segundo os ditames do pentecostalismo.”
     
    “Antigos Pastores devotados, líderes religiosos daquela comunidade e
    Espíritos de evangélicos desencarnados, se postavam na porta da Igreja para abraçar o médico devotado que para lá se dirigia a fim de incorporar-se ao esforço do Bem no tratamento dos aflitos. “
     
    “Abraçaram-se, fraternalmente, e fizeram-se as apresentações de praxe, sem delongas maiores para não prejudicar os compromissos que os aguardavam.”
     
    “Havia mais de dois mil encarnados reunidos para o culto daquele horário.”
     
    “Assim que saíram, depois de se despedirem dos dirigentes evangélicos
    daquela Igreja, Bezerra ponderou:
     
    “– Aqui pudemos nos defrontar com um grande grupo de encarnados que se
    caracteriza, em sua grande maioria, pela ligação com Deus na busca de interesses
    imediatos ou pelo medo do mal, representado pela figura alegórica de
    Satanás. Seguiremos, agora, em umarápida visita a um templo católico”
      livro esculpindo o próprio destino

  86. Vinicius Diz:

    Aqui DR. BEZERRA aparece com uma auréola, como um anjo da guarda :mrgreen:
     
    “…nos achávamos num Laboratório rico de Luzes e de cores. Estávamos deslumbrado com o que víamos, quando nos apareceram TRÊS SENHORES DE CAPAS DOURADAS, simpáticos, que, reconhecendo-nos, nos cumprimentaram.”
     
    “Cada qual TRAZIA À CABEÇA UM CÍRCULO LUMINOSO. Eram, diziam-nos alguém, o Dr. Bezerra de Menezes, o Padre Germano e o Professor Felisberto de Carvalho, já nossos conhecidos e que,sobremodo, mereciam nossa estima e admiração.”

  87. gorducho Diz:

    Se quiser aprender um pouco sobre Nibiru, Pastor.
     
    A correlação é que Dr. Bezerra uma vez liderou uma missão pra lá e arrepiou na hora de pousar :!:

  88. Espirita sp Orlando Diz:

    https://m.youtube.com/watch?v=BKXcKmXuAAE
    Sim pastor sou kardecista
    Abraços

  89. gorducho Diz:

    Perfeito Dr. :!:
     
    Eu me lembrava da missão onde ele mandou abortar o pouso, mas não me lembrava onde estava o relato :!:

  90. Espirita sp Orlando Diz:

    Gorducho sabe se essa palestra foi antes do livro?

  91. Marciano Diz:

    Olá, amigo PASTOR.
    Ando meio sem tempo ultimamente, mas é sempre uma grande satisfação encontrá-lo aqui.
     
    Também me regozijo ao ver o ao deparar-me o amado e benevolente presidente licenciado MONTALVÃO.
     
    COC, se estiver por aí ou se aparecer em breve, vai aqui uma lembrancinha pra você. É uma musica de Manu Dibango. Não sei se o conhece, mas é um grande saxofonista preto, de Camarões, curiosamente tendo por nome real Emmanuel N’Djoké Dibango.
    A música, Soul Makossa, apesar de ser descrita pela Wikipédia como sendo disco (discoteca) é, na verdade, um gênero camaronense próprio, chamado (adivininhe) de Makossa.
     
    Eis o link com o áudio e a letra.
    Pronuncie como se fosse inglês.
     
    https://www.letras.mus.br/manu-dibango/1366873/
     
    Fica o link para o ORLANDO, também, já que Dibango é um grande nome da música camaronense, apesar do preconceito dos chiquistas.

  92. Marciano Diz:

    Em tempo: As palavras são em Duala, dialeto camaronense, mas devem ser pronunciadas como se fosse inglês.

  93. gorducho Diz:

    Se bem me lembro o Divaldo já psicografou em kimbundu, dialeto da região onde hoje é Angola…
     
     
    Soul Makossa

  94. Vitor Diz:

    Gorducho, veja a mensagem de AGOSTO 19TH, 2016 ÀS 11:03 PM, só liberada agora devido ao feriadão causado pelas olimpíadas no Rio.

  95. Vinicius Diz:

    Francisco, os espíritos desencarnados acreditam em nós?
    Parece que não dão muita importância pra gente!
     
    Nas mãos dos médiuns aos morrermos ou viramos evangélicos, enfermeiros ou médicos ou nos chafurdamos nas lamas umbralinas…
     
    Se acreditassem na gente fariam mais manifestações ostensivas e se não fosse tão orgulhosos e vaidosos participariam das roletas do Borges.

  96. gorducho Diz:

    ===============================================================
    Gorducho, me tire uma dúvida
    Você acredita em espíritos ou não
    ?
    ===============================================================
    Não. Se houver algo que se mantenha depois da nossa morte, i.e., acaso haja p/nós individualmente algo que percebamos e possamos correlacionar a “nosotros mismos”, será algo completamente diferente do que podemos cogitar. Faço analogia c/a QM que nenhum escritor de ficção científica cogitou e nem ninguém hoje consegue apreender como algo ontológico (cala-se a boca e se programa o MATLAB, certo?).
     
    E comunicação, “médiuns”, certamente não existe.
     
     
    Veja que o nosso programa partidário fecha questão só quanto a este último ponto.

  97. Vinicius Diz:

    “Se bem me lembro o Divaldo já psicografou em kimbundu”
     
    GORDUCHO, de fato, DPF psicografou nesse idioma e sua mensagem foi apreendida pela polícia internacional…
     
    “Nesse ínterim, voltando a Luanda, eu psicografei uma mensagem do Espírito Monsenhor Manuel Alves da Cunha,
    “Kiangola, Suku Akale Kumue Lene”, em 20 de agosto. Retornando ao Brasil, esta mensagem foi publicada
    em “Reformador”.
     
    “Fizeram uma cuidadosa pesquisa para saber quem me teria concedido tais dados. A mensagem, porém, foi recebida
    publicamente, parte dela no idioma kimbundu e com um glossário vocabular, ocorrência que se repetiria mais
    tarde, quando do meu retorno àquele país, em 1975”
     
    “Com esta mensagem, em Angola, veio uma consequência muito curiosa, que os espíritas não sabem: eu fui considerado
    “persona non grata”, proibido de retornar a Portugal e a qualquer província ultramarina, como atitude providencial, pois que eu estaria desencaminhando a mentalidade cultural e religiosa do país.”

  98. gorducho Diz:

    Vejam bem que são 2 pontos lógicos independentes:
     
    i) Existência de “espíritos”.
    ii) Possibilidade deles se comunicarem conosco.
     
     
    Espirito cá deve ser tomado como conceito primitivo, intuitivo, senão se entra numa discussão infindável sobre a natureza física ou metafísica deles.

  99. gorducho Diz:

    Vou ser bem sincero consigo, AVi: tou desconfiando que essa mensagem tenha sido tipo como aquela do CX em hebraico…
    Todo caso, vamos tentar obtê-la, certo?

  100. Vinicius Diz:

    Geralmente quando me perguntam se ainda acredito em espíritos interpreto a pergunta como “ainda acredita em Chico xavier ou Divaldo franco”?
     
    Incrivelmente esses dois estão muito ligados a essa temática.Parece que no Brasil eles que inventaram os espíritos e a reencarnação.

  101. Vinicius Diz:

    GORDUCHO
    Veja se consegue abrir o link da FEB
     
    http://www.sistemas.febnet.org.br/acervo/revistas/1971/WebSearch/page.php?pagina=270
     
    “Ainda não li toda a mensagem, mas em um passar de olhos não foi toda nesse idioma (aliás como descrevem no livro biografia do DPF).”

  102. Vinicius Diz:

    GORDUCHO, em um texto com aproximadamente 950 palavras encontrei 15 em “kimbundu”.
     
    uma “meta espírita” encontrada: “…guante da evolução de que ninguém se pode furtar…”
     

  103. gorducho Diz:

    É que temos 3 espiritismos no mundo:
     
     
    ♦ Cá que como sempre digo a melhor designação é bezerrochiquismo porque Dr. Bezerra pré-formata o que depois foi complementado pelo CX induzido pela FEB.
     
    ♦ Filipinas que segue a Rei James como fonte primária e onde as curas não são feitas por “médicos”.
    E que é difícil a gente estudar mais porque não tem literatura em inglês (frustrando meu “raciocínio” inicial…).
     
    ♦ Cuba que pode ser que agora c/o fim do embargo lancem cabo direto pra Miami, e a gente possa saber o que se passa. Mas que de qualquer sorte, pela pouca população, não faz muita diferença em n°s absolutas.

  104. gorducho Diz:

    E claro, o anglo, mas que como divulguei cá tem se bem me lembro 30 e poucos mil adeptos no UK :(
     
     
    Marden – um abraço :!:
    Muito sol por aí :?:

  105. gorducho Diz:

    Uma coisa que me intriga e não tenho pistas é a origem do anjo Ismael.
    É pré-Dr. Bezerra acho – pelo menos não tem a participação dele…- e que eu saiba não tem esse anjo na Igreja Católica.
    :?:

  106. gorducho Diz:

    Sim, Marden, corrijo. E devemos sublinhar que cresceu:
    2001 – 32 404
    2011 - 39 000
    +20% :!: T

  107. Vinicius Diz:

    De fato, também estou curioso de saber de onde tiraram o tal anjo Ismael. Ele apareceu até em São Paulo:
     
    “Nessa oportunidade, com a ajuda de um médium, manifestou-se para o Comandante Armond, Ismael, o Anjo Tutelar do Brasil e Venerável da Fraternidade dos Cruzados, trazendo com ele um contingente de, na ocasião, dez mil trabalhadores porque, para iniciar-se um trabalho de vulto, o que se torna mais necessário é a proteção”
     
    “Trouxe, ainda, Ismael, a Fraternidade do Santo Sepulcro composta de 12 Entidades, Entidades estas que no alvorecer do Cristianismo, lutaram pela conquista para os cristãos do túmulo de Jesus, e, mais tarde, verificando a inutilidade de disputar um túmulo vazio, fizeram-se trabalhadores do Bem, procurando proteger aqueles que, de forma sincera e honesta, tentavam transformar os próprios corações no altar de amor ao próximo, por amor ao Cristo Jesus. “
     
    “Ademais, Ricardo, Venerável da Fraternidade do Santo sepulcro, colocou-se, com os seus companheiros, ao lado do Comandante Armond, oferecendo-lhe a espada pelo prazo de 25 anos, a fim de que se multiplicasse, por milhares, o número de servidores.”
     
    Nossa, só agora notei a tal espada que o Venerável Ricardo ofereceu a Armond? Onde está a “não-violência?”
    Bom, nesse livro deram um prazo de 25 anos para multiplicar em milhares o número de servidores: já venceu, a mensagem é de 1940 !!!

  108. Vinicius Diz:

    é uma legião de anjos, GORDUCHO:
    “Nossa visão se deslumbra com as nuances maravilhosas que nos são mostradas, quando, do fundo do coração, QUEREMOS CONHECER E VIVER A VERDADE. Assim é que gostaríamos de conhecer os seres angelicais das Legiões do Reino, a Moradia daqueles que são verdadeiros anjos como GABRIEL, RAFAEL, ISMAEL, URIEL e outros que tem responsabilidades maiores na modificação do Planeta.”

  109. gorducho Diz:

    Sim; Gabriel, Rafael, Uriel são anjos (ou arcanjos?) da angiologia clássica. Esse Ismael não conheço, mas pode ser falta de cultura minha, claro.
    Por cá teria aparecido dia (noite?) 2/8/73 na fundação do Grupo Confúcio, certo?
    Então, se ele não é um anjo da angiologia clássica, dadonde terão tirado a ideia dele :?:
    Entende? Deve ter saído alguma revista, livro… mencionando esse ser, que eles andaram lendo, certo?

  110. gorducho Diz:

    O Ismael filho do Abraão com a Hagar e que deu origem à etnia árabe nunca foi anjo nas angiologias tanto judaica quanto cristã quanto islâmica.
    ☐ errado
    ☐ certo
    :?:

  111. Marciano Diz:

    ===============================================================
    O Ismael filho do Abraão com a Hagar e que deu origem à etnia árabe nunca foi anjo nas angiologias tanto judaica quanto cristã quanto islâmica.
    ☐ errado
    ☐ certo
    :?:
     
    ☑ certo
    ===============================================================
     

    Há, no “espiritismo” brasileiro, a crença de um mentor maior que estabeleceu as diretrizes da doutrina adotada no país, chamado Ismael e considerado “anjo”. Como acredita o Espiritolicismo, Ismael seria oficialmente o guia espiritual do Brasil.

    Figura estranha e sinistra, Ismael teria aparecido pela primeira vez em 1873, na reunião do grupo de Estudos Espíriticos Confúcio, dirigido por Antônio da Silva Neto e por Francisco Leite de Bittencourt Sampaio (homenageado por uma rua na altura do Parque União), divulgando uma mensagem dizendo-se guia espiritual do país.

    O grupo Confúcio foi um dos embriões da Federação “Espírita” Brasileira e uma das primeiras orientações dadas por Ismael é de que a Doutrina Espírita deva ser abordada com prioridade nos aspectos religiosos divulgados a partir do livro Os Quatro Evangelhos, de Jean-Baptiste Roustaing.

    A recomendação criava um desvio da linha de raciocínio iniciada por Allan Kardec, que priorizava o método científico e o raciocínio filosófico, e limitava o aspecto religioso às questões de ordem ética e moral da vida humana.

    Embora o discurso de Ismael – que, entre outras coisas, cria uma prece, é evocado no livro Brasil Coração do Mundo, Pátria do Evangelho e envia mensagem posterior em 1941 – pareça bem intencionado no “amor e caridade” dos ensinamentos de Jesus, ele escondia a implantação de uma reciclagem do antigo docetismo do Catolicismo medieval.

    O docetismo data do século II. Sua base teórica está em afirmar que Jesus Cristo era uma ilusão, pois nunca teve corpo físico e suas dores não teriam sido ilusões, principalmente o trágico caminho para a cruz. Essa tese é abertamente defendida por Roustaing, sob o codinome “Jesus fluídico”.

    Roustaing, às custas de uma única médium (a senhora Emilie Collignon), afirma ter recebido mensagens dos quatro evangelistas e de Moisés, lançou questões que iam contra os princípios lançados por Kardec, como creditar a reencarnação como castigo. Kardec via a reencarnação como um aprendizado, num sentido positivo ignorado por Roustaing.

    Através da ação de Ismael, o “espiritismo” brasileiro construiu sua base teórica através deste livro de Roustaing (que tinha três volumes, no original; a FEB o lançou com quatro). Mas como Roustaing causou séria polêmica por conta da tese do “Jesus fluídico”, a FEB adotou a esperteza de ocultar o nome de Roustaing e colocar suas ideias na “conta” de Kardec.

    O misterioso Ismael é até hoje evocado, como “mestre” do “espiritismo” brasileiro, tendo sido citado em mensagem atribuída a José do Patrocínio. Roustaing continua no mercado – Os Quatro Evangelhos são publicados até hoje – mas as ideias roustanguistas são hoje “atribuídas” a Allan Kardec, Chico Xavier, Ismael ou Emmanuel, conforme as conveniências da FEB.

    QUEM FOI ISMAEL?

    O “anjo” Ismael, que ainda por cima também induziu o médium Edgard Armond a criar um programa de “evangelização” (termo considerado “alienígena” no Espiritismo autêntico) na Federação Espírita do Estado de São Paulo (FEESP, a mesma envolvida numa tradução grotescamente deturpada dos livros de Kardec), tem seu nome atribuído a um personagem bíblico.

    Ismael teria sido, na suposta encarnação antiga, um personagem homônimo, filho de Abraão com a criada deste, Agar, e que teria vivido entre os séculos XXI e XVIII antes da era cristã. Viveu na Mesopotâmia e teria sido um dos ancestrais do povo árabe.

    Ismael teria se casado com uma egípcia, com quem teve doze filhos, e aparentemente ele viveu até a idade de 137 anos, um dado bastante controverso. Afinal, era raro na época pessoas atingirem idade tão elevada e pode ser que a idade seja atribuída a um cálculo que não corresponde aos critérios etários adotados hoje, que correspondem a um ano com doze meses e cerca de 30 dias cada.

    Os dados sobre Abraão e seus descendentes – Ismael teria sido seu primogênito – são ainda misteriosos e imprecisos, e não há fontes que ofereçam informações relativas fora da Bíblia. Mas, a julgar pelo perfil do “anjo” Ismael, também é duvidoso que ele tenha sido o tal personagem bíblico.

    Afinal, o docetismo defendido por Ismael em função de Roustaing data da Idade Média, bem diferente do messianismo que os textos do Velho Testamento descreviam, que eram mais próximos do povo judeu. O docetismo deriva de conceitos agnósticos medievais, cujo misticismo é apenas um derivado excêntrico do Catolicismo, embora não exatamente uma seita.

    O que se pode inferir é que o “anjo” Ismael, na verdade, seria um membro da falange de Emmanuel, o astuto deturpador da Doutrina Espírita através dos livros registrados por Chico Xavier e outros. Há quem diga que seja o próprio Emmanuel, mas a hipótese de Ismael ser um cúmplice do jesuíta tem maior probabilidade.

    Fonte: http://dossieespirita.blogspot.com.br/2014/06/anjo-ismael-teria-sido-o-mentor-do.html

  112. Marciano Diz:

    Anjo Ismael = EmmÂnuel = cx.

  113. Marciano Diz:

    Curioso é o fato de que EmmÂnuel não sabe pronunciar o próprio nome, não conhece a época em que viveu, não diz coisa com coisa, sendo gritante alter ego de cx.

  114. Marciano Diz:

    Ainda por cima, escreve poesias duvidosas cuja origem perdeu-se na cabeça confusa de cx.
    Tonterías.

  115. Marciano Diz:

    Para encerrar, por hoje:
    ===============================================================
    Francisco Diz:
    AGOSTO 19TH, 2016 ÀS 11:03 PM
    Gorducho, me tire uma dúvida
    Você acredita em espíritos ou não?
    ===============================================================
     

    ===============================================================
    ===============================================================
    Gorducho, me tire uma dúvida
    Você acredita em espíritos ou não
    ?
    ===============================================================
    Não. Se houver algo que se mantenha depois da nossa morte, i.e., acaso haja p/nós individualmente algo que percebamos e possamos correlacionar a “nosotros mismos”, será algo completamente diferente do que podemos cogitar. Faço analogia c/a QM que nenhum escritor de ficção científica cogitou e nem ninguém hoje consegue apreender como algo ontológico (cala-se a boca e se programa o MATLAB, certo?).
    E comunicação, “médiuns”, certamente não existe.
     
     
    Veja que o nosso programa partidário fecha questão só quanto a este último ponto.
    ===============================================================
     
     
    A bem da verdade, devo dizer que por fidelidade partidária, endosso o programa da bancada, mas sustento que NADA persiste após a morte.
    Nossa consciência volta a ser igualzinha era antes de nascermos.
    Esforcem-se um pouquinho, tentem lembrar-se de como eram antes de nascer e saberão direitinho como serão após a morte.
    Não tem nada que tirar nem por.

  116. gorducho Diz:

    Não, ele é de 73, anterior mesmo ao Dr. Bezerra.
    E também não explica o porque do nome.
    Aliás nem sei se Dr. Bezerra morria de amores por ele…
    No livro que temos (AVi e eu) não o menciona, acho.
     
     
    PROTO-TESE ESPECULATIVA
     
    Bahia, 17/9/65: no Grupo Familiar do Espiritismo, fundado e dirigido pelo Luiz Olympio Telles de Menezes, é canalizado o Anjo de Deus.
     
    Deus ouviu o choro do menino, e o anjo de Deus, do céu, chamou Hagar e lhe disse
     
    Anjo de Ismael… acho que já vi o termo l’ange d’Ismaël.
    Daí teria se simplificado para o próprio Ismael…
    Só tese, claro.
    D’onde que eles tiraram esse “anjo” especificamente :?:

  117. gorducho Diz:

    Certes… certes…
    Mas entendo que nosso Programa fecha questão é contra o espiritismo e as outras alegações paranormais excetuada a Conjectura de Montalvão, não?
    I.e., não se pode a rigor saber se espíritos – incluindo-se cá anjos, demônios, gênios, espíritos espíritas, deuses – existem ou não.
    Aí fica sendo a crença de cada um e, claro, a navalha de Guilherme. Agora quanto às alegadas comunicações & outros efeitos físicos, sabe-se que não ocorrem.
    Tanto que em desespero os Crentes debandaram pra tentativa de jogar com a matemática.
     
    Mas, como o Partido é absolutamente democrático, após o fim da suspensão do companheiro CoC – que deve estar batendo por aí nestes dias…- se poderia convocar um Concílio…
    ALÔ ALÔ PRESIDENTE – se manifeste :!:

  118. Borges Diz:

    “é uma legião de anjos, GORDUCHO:
    “Nossa visão se deslumbra com as nuances maravilhosas que nos são mostradas, quando, do fundo do coração, QUEREMOS CONHECER E VIVER A VERDADE. Assim é que gostaríamos de conhecer os seres angelicais das Legiões do Reino, a Moradia daqueles que são verdadeiros anjos como GABRIEL, RAFAEL, ISMAEL, URIEL e outros que tem responsabilidades maiores na modificação do Planeta.”
    .
    Meu lado ancestral “NIBIRIANO” não resistiu diante dos nomes dos anjos.
    Vejam trechos do livro de Henoc onde aparecem os nomes dos chamados “SENTINELAS”.
    .
    “Capítulo 7
    1E aconteceu depois que os filhos dos homens se multiplicaram naqueles dias, nasceram-lhe filhas,
    elegantes e belas.
    2E quando os anjos, (3) os filhos dos céus, viram-nas, enamoraram-se delas, dizendo uns para os
    outros: Vinde, selecionemos para nós mesmos esposas da progênie dos homens, e geremos filhos.
    (3) No texto aramaico lê-se “Sentinelas” (J.T. Milik, Aramaic Fragments of Qumran Cave 4 [Oxford: Clarendon Press,
    1976], p. 167).”.
    .
    “Capítulo 9
    1Então Miguel e Gabriel, Radael, Suryal, e Uriel, olharam abaixo desde os céus, e viram a
    quantidade de sangue que era derramada na terra, e toda a iniqüidade que era praticada sobre ela, e
    disseram um ao outro; Esta é a voz de seus clamores;”.
    .
    Um abraço.

  119. Francisco Diz:

    Levando em conta as respostas(não querendo ser grosseiro) não entendo como vocês perdem tanto tempo discutindo sobre algo que acreditam ser uma mentira, é muito tempo jogado na lata do lixo.

  120. gorducho Diz:

    É mais ou menos como a grande maioria da população olhando TV aberta – novelas, BBB, Faustão, Galvão Bueno; meus primos jogando (street não é?) poker…
    Se aprende dicas de tradução…

  121. gorducho Diz:

    Sim, + onde tá essa literatura da legião de anjos que contém o anjo Ismael :?:
    Se botaram a citação não vi :(
     
    Então Miguel e Gabriel, Radael, Suryal, e Uriel, olharam abaixo desde os céus, e viram a quantidade de sangue que era derramada na terra, e toda a iniqüidade que era praticada sobre ela, e disseram um ao outro: “Esta é a voz de seus clamores;”.
    :o

  122. gorducho Diz:

    Mudando de saco-pra-mala Analista Borges: ¿será que Dr. Bezerra é o neo-Noé, encarregado de transportar os espíritos de cá purgados numa nave-arca pra Nibiru?
    Pelo jeito é isso que Jesus mandou ele fazer, não :?:

  123. MONTALVÃO Diz:

    /
    gorducho Diz:
    Certes… certes…
    Mas entendo que nosso Programa fecha questão é contra o espiritismo e as outras alegações paranormais excetuada a Conjectura de Montalvão, não?
    I.e., não se pode a rigor saber se espíritos – incluindo-se cá anjos, demônios, gênios, espíritos espíritas, deuses – existem ou não.
    Aí fica sendo a crença de cada um e, claro, a navalha de Guilherme. Agora quanto às alegadas comunicações & outros efeitos físicos, sabe-se que não ocorrem.
    Tanto que em desespero os Crentes debandaram pra tentativa de jogar com a matemática.

    Mas, como o Partido é absolutamente democrático, após o fim da suspensão do companheiro CoC – que deve estar batendo por aí nestes dias…- se poderia convocar um Concílio…
    ALÔ ALÔ PRESIDENTE – se manifeste
    /.
    Caríssimo GORDUCHO: estás certes, como de praxe.
    .
    Apenas digo acrescentativamente:
    . /
    a) a hipótese se denomina: “Conjetura de Moi”
    /
    1) se a comunicação for provada, a existência de espíritos igualmente o será por decorrência.
    .
    2) sendo a comunicação, como sabemos que é, indemonstrada e, consequentemente, improvada, a EXISTÊNCIA de espíritos permanece na berlinda ad infinitum: somente os que vão é que saberão quando forem. Embora haja a possibilidade de que, ao irem, adentrem em sono perpétuo até o final dos tempos, circunstância que, em sendo real, acarretará a solução do problema somente após a ressurreição de Alziro Zarur.
    .
    3) desvejo necessidade do concílio, pois podem vir bispos doutras dioceses a complicar deverasmente o decisório. Claro como a alva que mortos não falam com vivos: as discussões a respeito mais e mais confirmam o fato. Os crentes cultivam a ilusão pelo gozo de vivenciar a fantasia como se real fosse, mas são incapazes de dar-lhes o foro de legitimidade de que carece.
    .
    4) Observe que nas conversas, tanto cá quanto alhures, os aficionados, mesmo ostensivamente alertados de que falta aos espíritos darem mostras de suas presenças, continuam a falar de comunicação como se o impedimento não existisse. Quer dizer, sabem que defuntos não interagem com vivos (exceto nos filmes, mas preferem continuar na brincadeira. Vai ver é mais divertido.
    /
    Salutos a todos.

  124. Marciano Diz:

    Marciano Diz: Seu comentário será publicado depois de aprovado pelo editor. Obrigado.
    AGOSTO 23RD, 2016 ÀS 11:02 PM
    A existência de coisas “imateriais” foi concebida pela mente material de pessoas materiais.
    Idealmente, es decir, no mundo das ideias, podemos conceber o que quisermos. Acredita quem quer.
    O problema, para mim, reside em se dar crédito ao imaginário popular sem nenhuma coisa que corrobore o imaginário.
    A primeira coisa que temos de constatar, é se uma dada coisa imaginada existe ou não; só ao depois podemos conjecturar quais seriam as propriedades dessa coisa imaginada.
    Volto ao meu recolhimento de carregar pedras enquanto descanso.
    Estou assoberbado e assombrado com um sério caso de progressões de acordes, campo harmônico de acordes, escalas e afinações correspondentes, sendo que meus dedos enferrujados recusam-se a colaborar com o que meu cérebro imagina.
    Na cabeça, dá tudo certo. Quando tento materializar as ideias, é uma dissonância cognitiva que dói.
    Vocês não leram errado nem o poltergeist influiu. É cognitiva mesmo.
    Não volto mais hoje por aqui, mas não durmo enquanto não fizer com que meus dedos me obedeçam.
    VITOR, errei meu login e fui bloqueado, mas já está tudo resolvido (acho). Pode deixar como está.

  125. Marciano Diz:

    A única coisa que falta corrigir é o ( acho ).
    Agora posso descansar em paz.

  126. Marciano Diz:

    Em tempo: Folgo em ver que o presidente está se recuperando de seu colapso nervoso e, pouco a pouco, reassumindo o cargo.

  127. Borges Diz:

    “Mudando de saco-pra-mala Analista Borges: ¿será que Dr. Bezerra é o neo-Noé, encarregado de transportar os espíritos de cá purgados numa nave-arca pra Nibiru?
    Pelo jeito é isso que Jesus mandou ele fazer, não ”
    .
    Tenho pouco conhecimento da literatura sobre o Dr. Bezerra, contudo, imagino que sua atuação bem como a de CX, ajudou a sedimentar a religiosidade dentro do espiritismo. Eu aprecio o lado real ou científico do assunto, se é que posso tratá-lo assim, a exemplo do que ocorre com Dr. João Fiorini; não sei se obterá sucesso com o seu trabalho, porém, trata-se de um aspecto novo que eu ainda não conhecia.
    .
    http://www.espiritnet.com.br/Colunistas/caso3.htm
    .
    Obrigado

  128. Gorducho Diz:

    Olha só Sr. Administrador :!:
    Confirmadas suas publicações, acho. Esses devem ser os caras pelados que seu psíquico viu na Lua :!:
     
    Dr. Bezerra na Lua diz:
    Observemos como estão nossos irmãos de humanidade, compelidos a viver encerrados em um corpo celeste como a Lua, no aguardo do traslado para a casa nova que se aproxima.

  129. Marciano Diz:

    Pouco a pouco, tudo se confirma.
    Os pontos vão se ligando e mostrando a realidade parapsicoespiritual e lunática (quer dizer, relativo à Lua) das revelações espíritas e das pesquisas paranormais.
    Esse livro do medium Ruiz é supimpa!

  130. Vinicius Diz:

    E no vídeo da palestra Ruiz mostra slides PPT, todo “empolado”, citando a NASA, os planetas, evolução etc etc.
    E depois tudo se confirma: vender os livros eis o objetivo.

Deixe seu comentário

Entradas (RSS)