EL CASO DEL MEDIUM "CHICO XAVIER": UNA INTERPRETACIÓN PSICOLÓGICA (2013)

Mais um trabalho acadêmico internacional citando este blog como referência aos estudos sobre Chico Xavier!

A principal parte – não a única – que diz respeito ao trabalho desenvolvido neste blog que aparece no artigo é essa:

“Em alguns casos, partes de obras de escritores religiosos e não religiosos, como Ernst Renan, Léon Denis, George Vale Owen e até o mesmo Fritz Kahn, apareciam apenas ligeiramente retocados, em livros que Chico dizia ter recebido dos espíritos. Não nos será possível resumir aqui toda a evidência disponível neste sentido, mas tais paralelos foram discutidos em detalhe por Visoni (2012), e merecem a atenção dos críticos.” (minha tradução)

O material está em espanhol, e foi publicado na revista argentina E-Boletín Psi, do Instituto de Psicologia Paranormal, fundado em 1993 por Alejandro Parra, um dos maiores pesquisadores de psi da América Latina. Uma versão em português já existe, mas ainda não pode ser publicada. Acredito, no entanto, que mesmo quem não é fluente em espanhol conseguirá compreender o texto. A autoria é de Everton de Oliveira Maraldi, psicólogo e membro do Inter-Psi, da USP.

O artigo traz insights muito interessantes do papel de Emmanuel na vida do Chico, que em vez de um espírito, não passaria de uma condensação de várias personalidades, a servirem como substitutas da figura paterna para exprimir o lado agressivo e seguro de si de Chico Xavier.

Para acesso ao artigo, clique aqui.

428 respostas a “EL CASO DEL MEDIUM "CHICO XAVIER": UNA INTERPRETACIÓN PSICOLÓGICA (2013)”

  1. João Panegalli Diz:

    Vitor, você sabe de alguma alegação de psicografias de partituras?

  2. Vitor Diz:

    Sim, João, o caso Rosemary Brown:
    .
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Rosemary_Brown
    .
    “Embora sua mediunidade se manifestasse de diversas formas, tornou-se mais conhecida pela comunicação que afirmava ter com os espíritos de compositores célebres de música erudita, havendo “recebido” deles, em processo similar à psicografia, mais de 400 partituras”

  3. Marcos Diz:

    Ei Victor, saudades de comentar por aqui, hehe. Saiu um vídeo de um vlogger do YouTube a respeito da Parapsicologia. Vi que o autor fala muita bobagem a respeito da área. Nos comentários, constantemente afirma que se a Parapsicologia tivesse algum resultado sério, isso já seria consenso científico. O que acha disso? 120 anos de pesquisa e ainda a ciência convencional não acordou pra isso?
    .
    Li em um livro também a respeito de gerador randômico. Segundo a autora, 68 pesquisadores independente obtiveram resultados positivos na área. Sabe alguma coisa a respeito? Gerador randômico é uma boa forma de verificar alegações de paranormalidade?

  4. Marcos Diz:

    E é Vitor… Confundi.

  5. Vitor Diz:

    Oi, Marcos
    pelo que você me disse, ele está bem desinformado. Apresente esse artigo para ele: https://tesourointerior.wordpress.com/2013/01/12/derrubando-o-mito-parapsicologia-nao-e-ciencia/

  6. Martinez Diz:

    Gostaria de fazer duas perguntas ao Vitor, que neste blog mostrou tantas fraudes de Chico Xavier e atacou o cara de todas as formas não sei se é pessoal ou não mas, eu também concordo que há fraude sim por parte do seu Chico Xavier mas será que ele tem certeza de que todas são farsas?, mas a pergunta principal é, porque não tem nenhuma matéria falando a respeito da Biblia por exemplo que não passa de um plágio barato do livro de Gilgamesh?, desculpe se eu estiver errado mas eu ainda não achei aqui nesse site alguma coisa sobre isso, porque será?, suas matérias são boas como eu havia dito em outro comentário mas gostaria de saber porque não tem nada aqui sobre isso?.

  7. Vitor Diz:

    Oi, Martinez
    quanto ao Chico Xavier, minha convicção pessoal é de que todos os fenômenos produzidos por ele são fraudes sim. Nada há que resita a um exame crítico.
    .
    Quanto à Bíblia, não é o foco do blog, mas já tivemos matérias correlatas:
    .
    http://obraspsicografadas.org/2010/seria-joo-evangelista-a-reencarnao-de-daniel/
    .
    Agora, ultimamente sempre procuro por fontes acadêmicas, e essa história de que a Bíblia seria um plágio do livro de Gilgamesh só encontro em fontes não acadêmicas, portanto, não confiáveis.

  8. Biasetto Diz:

    Vítor, quem disse que a bíblia seria um plágio do livro de Gilgamesh?
    A bíblia traz histórias que estão presentes em histórias e tradições de outros povos, como os sumérios, os persas …
    Na minha opinião, a bíblia mistura diversas histórias de diversos povos antigos, incluindo fatos reais e fictícios.

  9. Martinez Diz:

    Vitor, vc diz que sua convicção é de que todos os fnomenos de Chico Xavier são fraudes certo?, muito bem, só que para vc chegar a essa conclusão vc leu diversas matérias a respeito do assunto de forma imparcial (assim eu espero) tanto é que existem várias matérias sobre Chico Xavier nesse site, no entanto vc me mostrou apenas uma matéria sobre a Biblia que é a respeito de Daniel, mas se eu não me engano aqui tem uma citação sua dizendo o seguinte: O objetivo deste site é analisar cientificamente livros ou mensagens ditos”psicografados”, ou seja, escritos ou ditados por um suposto espírito através de um “médium”, mas se voltarmos a questão da Biblia que eu bem me lembre há diversos “profetas” que se diziam mensageiros de Deus certo?, seguindo essa linha vamos entrar na questão dos médiums que também se dizem mensageiros de algum suposto “espirito” ou “entidade superior” se eu não me engano, da mesma forma que Daniel, João, Davi, Elias e tantos outros, mas vc vem e me diz que à Bíblia, não é o foco do blog eu percebi que não é mas se vc diz que objetivo deste site é Também buscar e analisar possíveis fontes de informação em que o médium teria se baseado para escrever a obra, possibilidades de plágio (fraude) porque que vc teve tanta boa vontade para ir atrás das fraudes de Chico Xavier, e atacou também Alan Kardec mas não fala desses profetas que se diziam assim como os médiums receber mensagens de algo não visto e intocavel, hora o objetivo deste site não é este analisar todo e qualquer livro que tenha algo supostamente paranormal?, e sobre o livro de gilgamesh é um escrito sumério de 1.000 anos mais antigo que a bíblia, e a história é idêntica ao livro de gênesis. Até meu colega professor de história admitiu que a semelhança é muito gritante e a história é idêntica a da bíblia, a única diferença é que os nomes dos personagens envolvidos são diferentes, e na bíblia é um deus só, e não vários deuses. Voltando ao Chico eles dizem que foram 419 livros psicografados, como eu disse em outro comentário eu sei de fraudes por parte do mesmo, reveladas por Waldo Vieira, mas segundo vc Vitor afirma que todos os 419 livros de Chico Xavier são fraude certo?,também não vi nenhuma matéria das quatorze que eu vi aqui neste site sobre Alan Kardec falando a respeito da queima dos livros de Kardec pela inquisição que ficou conhecido como o auto-de-fé de Barcelona, porque será?, voltando ao Chico eu li num blog que também é interessante o seguinte a respeito dele e suas obras, o saudoso escritor Osório Borba escrevia um livro contra Chico Xavier. O autor de A Comédia Literária desejava provar que Chico não passava de pasticheiro, dizendo: “Vou provar que o Chico é um pasticheiro, seja consciente ou inconsciente. Ele me impressionou bem, mas tenho de provar isso. Meu livro está quase pronto”.
    Notei ai como o tal escritor era tendencioso no fim das contas ele nunca publicou o livro contra Chico. Eu sempre procuro sites que sejam de todo imparcial mas vejo que sempre acabam puxando sardinha, isso não tira a qualidade de diversas matérias desse e de outros sites mas talvez por tradição familiar ou por outros motivos não sei o porque ao certo acabam nunca querendo se aprofundar muito no assunto Jesus, “Escrituras Sagradas” parece que há um tabu que não pode ser quebrado a respeito disso, nunca vi um blog postar uma matéria dizendo: Jesus não existiu, ou os profetas eram loucos ou coisa desse tipo é quase impossivel achar um site assim, a não ser que seja um blog ateu mas normalmente são administrados por fanaticos céticos ateus ai nem vale apena ler, no fim esse é mais um site bom pela sua diversidade de matérias e explicações mas um pouco tendencioso.

  10. Vitor Diz:

    Oi, Martinez
    há um post específico aqui falando que Jesus existiu sim:
    .
    http://obraspsicografadas.org/2012/jesus-existiu/
    .
    Nunca achei uma fonte acadêmica dizendo que Jesus não existiu.

  11. João Panegalli Diz:

    Qual a sua opinião sobre a Rosemary Brown, Vitor?

  12. Martinez Diz:

    Vitor, concordo com texto da matéria sobre jesus que vc passou sobre os textos apócrifos isso não discordo, mas todos nós sabemos que não existe nenhum registro fóssil não venha me falar do Santo sudário pois todos nós sabemos que é uma farsa, e por isso apesar dos textos eu considero as evidências sobre jesus fracas, mas o que eu estou contextando é a forma das pessoas agirem com respeito as Escrituras e a jesus, como vc mesmo pode perceber Vitor que as evidências existem mas são escassas e mesmo assim afirmam com toda certeza que ele existiu assim como vc que também acredita que ele existiu, agora se alguém fala de algum fenomeno mediunico logo dizem: há é fraude ou dizem que os pesquisadores manipularam tudo, assim como aquele canal tendencioso e manipulador chamado national geographic que vive atacando tudo menos Jesus e sua duvidosa existência todo ano sempre tem um programinha para agradar todos os cristãos “Jesus realmente existiu”? e sempre acabam o episódio dizendo que há fortes indicios, é brincadeira de mal gosto claramente um canal manipulado pela Igreja Católica e no final da matéria que vc me passou também diz que é clara a existência de Jesus, agora será que se fosse sobre fenomenos mediunicos, psicografia, aparições no leito de morte ou até mesmo suposta evidência ovini diriam a mesma coisa?, será que vc Vitor que diz que há fortes indicios da existência de jesus diria a mesma coisa sobre a existência desses eventos? que são fortes também as suas evidências, é por isso que eu sempre defendi e continuo defendendo a imparcialidade.

  13. Antonio G. - POA Diz:

    Indício é algo bem distante de evidência.
    .
    Martinez, no caso das proezas do Chico Xavier, há inúmeras evidências (e não meros indícios) de que os fenômenos mediúnicos atribuídos a ele são falsos. Simplesmente, fraudes.
    .
    Vitor, você também não encontrará fonte acadêmica dizendo que Saci Pererê não existe. rsrsrs.
    O fato é que não há evidência da existência de Jesus Cristo. Desconheço qualquer registro confiável do “Cristo Histórico”, e muito menos da versão “O Filho de Deus”. Se existir, por favor, me avise.
    .
    Abraço.

  14. Biasetto Diz:

    Antonio, mas você é chato hein?
    Roubou minhas palavras, seu plagiador!
    Nada a acrescentar, tem horas que penso que o Vítor gosta de tirar sarro da nossa cara. Você não acha?

  15. Vitor Diz:

    João, não tenho competência para opinar sobre Rosemary Brown, já que não entendo nada de música. Mas me parece que o caso dela seria explicável por meios normais, ela deveria ter um dom natural. Falta-lhe exibir informações paranormais, me parece o mesmo caso do Chico Xavier relacionado à literatura, ou seja, dom natural e ausência de paranormalidade.

  16. Vitor Diz:

    Antonio, certamente não acharei fontes acadêmicas dizendo que o Saci não existiu, mas também não encontro dizendo que existe. No caso de Jesus é diferente, as fontes afirmam que Jesus existiu. O texto que indiquei é um exemplo disso: http://obraspsicografadas.org/2012/jesus-existiu/

  17. Gorducho Diz:

    Se surgiu uma seita que foi crescendo, crescendo a ponto de incomodar as Autoridades, originando perseguições; e depois por circunstancias várias acabou sendo escolhida para acabar com a anarquia religiosa que se havia instalado no Império, qual seria uma hipótese mais plausível?
    ( ) a seita teve um fundador ou inspirador
    ( ) a seita não teve nenhum fundador ou inspirador específico
     
    Eu acho esse o talvez único porém forte indício de que Yeshua – pode ser um nome “genérico” posterior ou um nome real da pessoa, já que era comum esse nome… – tenha existido. Desconsidero por cautela todas citações atribuídas ao Josefo.
    Pelo que entendo, o Sr. Administrador nunca sustentou a existência de “Cristo”, e sim de um certo Sr.
    Yeshua, provavelmente um rabi, o qual fundou ou inspirou a fundação da seita.

  18. João Panegalli Diz:

    O que me impressionou no caso da Rosemary Brown não foi só o fato dela ter composto na frente dos funcionários da BBC uma peça de Liszt que , segundo a opinião de um especialista em Liszt, poderia sim ter sido composta por Liszt, mas o fato de ela compor no estilo desses compositores sem aparentemente saber diferenciar um la# de um sib, o que mostra uma profunda ignorância sobre harmonia funcional e isso parece favorecer o cenário alegado por ela, que é que o compositor sábio está ditando para uma ignorante. Mas é claro que ela pode ser um super-gênio. Esse caso merece muito estudo.

  19. mrh Diz:

    Gostaria d ver 1 estudo sobre CX do ponto d vista jurídico & criminalístico…

  20. Fabiano Diz:

    Rosemary Brown: http://youtu.be/HazHAk4Qg4k
    -
    http://www.curiousnotions.com/curiosity-004.html

  21. Fabiano Diz:

    mrh, aqui você poderá encontrar um excelente texto sobre “A psicografia como meio de prova no processo penal”
    -
    Leia mais: http://jus.com.br/revista/texto/9381/a-psicografia-como-meio-de-prova-no-processo-penal#ixzz2IS7pAf00

  22. Contra o chiquismo Diz:

    FABIANO, AONDE EU ACHO UM TEXTO SOBRE O LUIS DE MATTOS?

  23. Contra o chiquismo Diz:

    R.C. RULES! MODE ON.

  24. Contra o chiquismo Diz:

    MARDEN, EU TE QUEIMO COM OS MEUS OLHOS!!!

    http://www.youtube.com/watch?v=vN9pOzIPUoY

  25. Cassio1961 Diz:

    Gorducho,…inclusive o mito da virgem e o filho da divindade extrapola o Cristianismo, Tamus, Adonis, Attis e Osíris são alguns exemplos dessa comparação, então concordo contigo e podemos também discutir sobre o 25 de dezembro, o batismo, os três reis magos e por aí vai; acho que pode sim ter haveido manipulação dos fatos como você disse.

  26. Fabiano Diz:

    Contra o qualquer coisa menos o espiritismo – o Arduin te deixou falando às moscas foi? No começo pensava que você estivesse me confundindo com alguém, mas você deve estar apaixonado por esse tanto Marden que você fala. Eu gosto de Marden também, principalmente da obra Querer é poder.
    http://en.wikipedia.org/wiki/Orison_Swett_Marden

  27. Fabiano Diz:

    Contra o qualquer coisa menos o espiritismo – era para ter escrito “por esse Marden que você tanto fala”. Queria dizer-lhe que, se o Arduin não foi capaz de dialogar com você e lhe mostrar o caminho para o estudo, confesso que não sou mais capaz que ele. Vejo também que não foi um problema dele, fazer com que você estude. É preciso tentar conhecer a causa. Quem sabe uma consulta a um amigo sincero? Boa sorte ai pra você.

  28. Toffo Diz:

    Eu entendo de música, vi (e mesmo toquei) algumas partituras de Rosemary Brown e posso dizer que são muito fracas. São pálidas cópias dos autores que ela diz psicografar. Eu também li o livro dela e percebi que a ideia que ela tem dos compositores que supostamente psicografa é bastante estereotipada (Bach é o homem sério e pouco afeito à conversa; Mozart é um anjo em forma de homem; Schubert é um fofo; Brahms vive aos abraços com Clara Schumann, que parece não dar bola ao marido, Robert; e por aí vai). Muito ruim mesmo.

  29. Fabiano Diz:

    Toffo, ver e tocar algumas partituras de Rosemary Brown é uma coisa, dizer que são fracas é algo completamente distinto. Tem um abismo de diferença. Não estou discutindo aqui os seus gostos musicais, que é algo completamente pessoal. Você pode gostar de heavy metal, pagode ou axé e devemos respeitar seus gostos. Agora o que deixa claro é que você talvez não entenda de música clássica e não consegue, portanto, captar das vibrações sutis de suas notas.
    -
    Não está de acordo com a sua opinião, o conceituado compositor Sir Richard Rodney Bennett, que disse: “um monte de gente consegue improvisar, mas você não consegue falsificar música desse jeito sem anos de treinamento” e ainda continuou, esse que foi um dos maiores compositores do século XX, ” Eu não poderia falsificar Beethoven como Rosemary Brown fez”.
    -
    Porém, como já disse acima João Panegalli, ela não tinha conhecimento musical para fazer tal façanha, digamos que os seus dois anos de estudo que ela teve, equivaleria a “assinar o nome com o polegar”. No entanto, ela fez muito mais que isso. Também está em desacordo com sua opinião, Hephzibah Menuhin, irmã do violinista Yehudi Menuhin, que disse a respeito da senhora Rosemary Brown: “Não há dúvida de que ela é uma mulher muito sincera. A música é absolutamente no estilo dos compositores” .
    -
    Então, prefiro assumir que você nada entende de música desta dimensão, mas que queria dar o seu “pitaco” por simples orgulho e vaidade. Que é algo muito comum por parte dos que querem atacar o espiritismo. E como já bem disse Marcos Arduin, aqui neste blog, a turma cética é capaz de tudo para defender as opiniões deles, inclusive mentir, é o que melhor sabem fazer. Mas eu acredito que este não é o seu caso, prefiro dizer, mais uma vez, que você nada entende de música deste quilate. Já o João Panegalli, parece conhecer um pouco mais que você, mas posso estar enganado.

  30. Fabiano Diz:

    Toffo, esqueci de colocar minhas fontes de pesquisas. Faço aqui.
    -
    Referências:
    http://www.trivia-library.com/b/biography-of-composer-medium-rosemary-brown-part-1.htm
    http://en.wikipedia.org/wiki/Sir_Richard_Rodney_Bennett
    http://en.wikipedia.org/wiki/Hephzibah_Menuhin

  31. Marciano Diz:

    Toffo, qual instrumento vc toca?

  32. Toffo Diz:

    Não seja tolo, Fabiano. Eu me formei em piano, estudei em conservatório, ainda fiz alguns anos de faculdade de música, estudei composição, contraponto, fuga e orquestração, conheço música a fundo. Não falo daquilo que não sei, mas falo daquilo que sei. Eu vi as partituras dela, cheguei a tocar algumas no piano. Estou dizendo que as músicas de Rosemary Brown são fracas e estão a anos-luz dos originais dos compositores que ela diz receber. Basta comparar os estilos originais com a música dela. Não tem nada a ver com espiritismo.

  33. Fabiano Diz:

    Toffo, não é questão de ser tolo ou esperto, de espiritismo ou catolicismo. Talvez seja uma questão de gosto, seu gosto pessoal. Agora, você não pode dizer que esse pessoal, que entende e que vive ou que viveram da música, sendo referência internacional no meio musical, dizer que eles todos estejam errados, para defender o seu ponto de vista ou opinião. Isso não é o mais correto.
    -
    Podemos não entender o que se passou com a senhora Rosemary Brown, mas isso não quer dizer que os trabalhos que ela apresentou não foram bons. Pode até ser uma fraude, mas uma fraude magnífica que produziu bons resultados. Mas comprovada a farsa, temos sim que denunciá-la, seja aqui, neste blog, ou em que lugar for. Até esse dia, devemos reconhecer que os trabalhos dela se assemelham aos originais, como já disseram os que citei anteriormente e outros tantos mais que poderei citar. A sua opinião de que é ruim ou a minha de que é boa, fica nas esferas pessoais de nossos gostos. A opinião desses compositores têm um peso diferente da nossa. A menos que você seja um renomado compositor e para isso bastaria sair do anonimato e se revelar aqui, como o compositor que é e apresentar seu trabalho crítico a respeito do trabalho dela.
    -
    Se você ainda não se convenceu sobre o trabalho de Rosemary Brown, tente revisar essa sua opinião e quem sabe descubra porque ela convenceu o compositor Ian Parrott que chegou a dizer que a música dela “tem características originais dos supostos compositores e que seria difícil para os músicos profissionais alcançarem de forma consistente; aqui tinha algo que ia muito além de pastiches de estilos de compositores.”
    -
    Ou quem sabe você se convença como Humphrey Searle, que era um compositor especialista em Lizst (você deve saber o que isso significa) e que chegou a dizer: “A maioria das peças que ela escreveu é muito interessante do ponto de vista musical. É evidente também que ela não sabe a técnica do pastiche. Eu tenho que admitir que a origem das peças é realmente o que ela diz que é. Tenho certeza de que ela esteja sendo perfeitamente sincera.”
    -
    Mas é claro que eu respeito seus gostos. E lamento também por eles.

  34. Gorducho Diz:

    A mediunidade da Rosemary Brown é a prova definitiva que a Reencarnação Romântica do Kardec não existe. Eis que ela canalizava o Liszt, o Bach, o Handel, o Beethoven, o Schubert, o Monteverdi, o Rachmaninoff, o Debussy, o Brahms, o Schumann, o Mozart, o Grieg, e o Poulenc.
    [ http://www.curiousnotions.com/curiosity-004.htm ]  
    Nenhum desses entes reencarnou portanto, porque a Reencarnação não existe.
    E também comprova o que desconfiávamos: o Mozart não reside em Júpiter.

  35. Gorducho Diz:

    Faltou o “l” final na referência:
    http://www.curiousnotions.com/curiosity-004.html

  36. Fabiano Diz:

    Gorducho, entendo por reencarnação, não como uma sucessividade infinita de idas e vindas. Chega-se um momento na evolução espiritual que a fase reencarnatória finda neste plano físico, que chamamos de mundo terra. Mesmo assim, é possível que um determinado espirito possa ficar, meses, anos, décadas ou séculos, sem reencarnar. Alguns espíritos que não necessitam mais reencarnar, pode ser que voltem a fazer, em caráter especial.

  37. Gorducho Diz:

    Chega-se um momento na evolução espiritual que a fase reencarnatória finda neste plano físico, que chamamos de mundo terra.
    Exatamente, segundo os dogmas do Kardec, ocorreria quando o encarnado tivesse atingido certo grau de “evolução espiritual”; por definição acima da média da humanidade terráqua. By the way, como será que o Kardec media isso :(
    Seria o caso de todos esses?
     
    Mesmo assim, é possível que um determinado espirito possa ficar, meses, anos, décadas ou séculos, sem reencarnar.
    Claro, mas todos esses? Ou será que os Compositores estão isentos da Reencarnação Romântica?

  38. Gorducho Diz:

    E ainda outra coisa. Finda na Terra porém continua nos globos mais evoluídos; no caso seria em mundos da classe “Regeneração”. Só que esses não reencarnaram em globo algum, continuam na Erraticidade.

  39. Martinez Diz:

    Antonio G. – POA, me aponte então as evidencias de que as 419 obras de Chico Xavier são falsas, eu sei que o Chico tem fraudes há muito tempo antes de ver este site eu já sabia disso por meio de uma matéria de Waldo Vieira, só que ao contrário de vc ele apontou as evidências dessas farsas, e vc Antonio G. – POA?, cadê as as evidências? me aponte algum blog ou algum livro se é que vc sabe, falando das 419 farsas de Chico Xavier, ai estaremos conversados falou?.

  40. Fabiano Diz:

    Gorducho, tente fazer como faço, esqueça por alguns momentos essa melosidade ditada por certos espíritos através de obras psicografadas. Um espírito quando atinge um certo grau evolutivo neste planeta e aqui não mais precisa encarnar, ele continua sua evolução em outros mundos mais adiantados que o nosso. Se existe um mundo físico mais adiantado que o nosso, pode ser que ele continue sua evolução neste outro mundo físico. Também pode ser que sua evolução continue em um mundo não físico, um mundo que seja parecido a este, materialmente falando, mas que possa ser um mundo constituído ainda de outro tipo de matéria, como a matéria fluídica, etérea ou odica, não importa muito o nome.
    -
    Partindo desse raciocínio, podemos concluir que nem todos os espíritos quando libertos da matéria, desse nosso corpo, está em erraticidade. Pesquisas recentes com autistas demonstram que alguns deles conseguem visualizar o campo fluídico que envolve corpos humanos e, também, de animais e plantas. Esse tipo de gente que vê certo tipo de forma que nossos olhos comuns não conseguem enxergar, são denominadas sinestésicas pela ciência. Alguns sinestésicos são capazes de ver formas, cores ou sentir o cheiro da música. Normalmente, com a música clássica, eles conseguem ver maravilhosas formas, variedade de cores e um cheiro maravilhoso, muitas vezes nunca sentido antes.
    -
    Hoje a ciência avança a passos lentos, com a utilização da música como forma de terapia em hospitais e centros de reabilitação. Se você pesquisar encontrará muitos médicos partindo para essa área. Mas, não é qualquer um que consegue compor uma excelente música. Seja um espírito encarnado ou desencarnado. Nem é qualquer um que consegue falsificar mais de 400 trabalhos de música como fez Rosemary Brown. Há algo ai que precisa ser investigado. Mas muitos preferem se fechar no obscurantismo. E a troca de quê? Por acaso não seria importante para todos nós recuperarmos pacientes em hospitais ouvindo música clássica, por exemplo? Com um custo praticamente zero? Se comprovado cientificamente tais efeitos no organismo, não seria um grande avanço para a ciência e uma economia para os nossos bolsos?
    -
    Fonte para pesquisa:
    http://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/13554794.2011.608366

  41. Biasetto Diz:

    Martinez,
    Para você saber se uma sopa é saborosa ou não, bastam duas coleradas.
    Você, assim como outros críticos, das críticas que foram feitas neste blog, a respeito da autenticidade das psicografias de Chico Xavier, está usando da “lógica da quantidade”: só se convence da possível fraude, se alguém provar que os 419 livros do Chico e “seus mentores espirituais”, são todos plágios.
    Bem, a “literatura chiquista” é ampla, tem livros dando conselhos, falando de temas variados, contando causos … Então, obviamente que nem todos os livros dele são ou devem ser plágios; assim como nem tudo que está nos livros dele, são ou devem ser plágios.
    Agora, sendo plágios e/ou adaptações de obras: “A caminho da luz”, “Brasil, coração do mundo”, “Nosso Lar”, “Libertação”, “Mecanismos da mediunidade”, mais uns dez livros que já foram analisados neste blog, tudo isso aliado às dúvidas sobre a autenticidade de “Parnaso”, a tal história da vida em Marte, o caso Otília Diogo … Eu te pergunto: precisa mais?
    Quanto às suas críticas direcionadas para o Vítor, a respeito da bíblia, as “revelações”, os “profetas” … Concordo plenamente!
    Em tempo:
    - estive hoje em São Paulo, com o Caio, fomos à Saraiva, ficamos vendo livros, ele me indicou alguns – enfim, voltei pra casa com as seguintes obras:
    O futuro de uma ilusão / Freud
    Por que não sou cristão / Bertrand Russell
    Religião para ateus / Alain de Botton – Vítor, foi este livro que você mencionou no post anterior?
    Vou lê-los, depois comento.

  42. Vitor Diz:

    Oi, Biasetto
    sim, foi esse o livro.

  43. Marciano Diz:

    Boa, Gorducho. Será que Mozart tem o dom da ubiquidade?

  44. Martinez Diz:

    Biasetto, é isto que eu estou dizendo nesse comentário anterior, quando vc diz nem tudo que está nos livros dele, são ou devem ser plágios é a quase a mesma coisa que eu disse, só que tem uma diferença não concordo quando vc fala que em dez obras já podemos constatar ele como um fraudador, se for assim Biasetto, podemos então dizer que a teoria das cordas por exemplo (que é um modelo físico cujos blocos fundamentais são objetos extensos unidimensionais, semelhantes a uma corda) já está por encerrada é um fato? como vc mesmo disse que só é preciso duas coleres para saber se a sopa é boa ou não, é claro que não pois vários cientistas ainda não estão convictos dessa teoria ela permanece não verificada e como todos nós sabemos um assunto cientifico só é dado por encerrado quando for totalmente verificado e analisado totalmente, não adianta meia duzia de estudos e ai vc deixa todas as outras possibilidades para lá, esse seu exemplo não se aplica nesses casos temos que avaliar todas as obras sim, eu sei que existe fraude por parte do Chico não sou ignorante mas daí afirmar que tudo é fraude é preciso muito mais do que se tem posto neste blog.

  45. Contra o Chiquismo. Diz:

    ESSE MARDEN NÃO DESISTE.

  46. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO, NO AGUARDO DA PROVA DA EXISTÊNCIA DE ESPIRITOS. TEM COMO? NÃO FAÇA COMO O ARDUIN QUE SIMPLESMENTE IGNORA. JÁ TE PERGUNTEI 3 VEZES E VC FUGIU.

  47. Biasetto Diz:

    Bem Martinez, se você mesmo admite que Chico Xavier fraudava “algumas vezes”, por que não reconhecer a possibilidade, que ele fraudou a vida inteira? Isto não significa dizer que TODOS os livros dele foram plagiados. Ele pode ter sido um “bom” escritor, qual é o segredo disto?
    E, você pode ter certeza: se pesquisar, inúmeros outros casos de plágios/adaptações serão encontrados. é só ter tempo, vontade, condições e paciência, que isto será confirmado.
    -
    Antonio, eu tento ser ponderado e, diferentemente de você e o Marciano, deixo sempre em aberto a possibilidade de estar enganado. Mas não é fácil, rs …
    comprei três livros, como mencionei em comentário anterior, e estou lendo dois deles, simultaneamente:
    Religião para ateus”, de Alain de Botton e “Por que não sou cristão”, de Bertrand Russel. Bem, “só experimentei as primeiras colheres da sopa”, mas já estou com a seguinte sensação:
    - o 1º livro é uma meleca total, uma porcaria que, disfarçadamente (mal disfarçada), tenta convencer que as religiões são boas.
    - o 2º, é fantástico! Os argumentos de Russell são brilhantes, derrubando qualquer possibilidade de ser algo notável na ideia de um deus-criador, sábio, bondoso e justo; além de desqualificar por completo o cristianismo e as religiões.
    Se você não conhece este livro, procure-o, vale a pena. É da editora L&PM, leitura fácil e agradável e ainda custa só 19 reais.
    Só uma passagem do livro, que vai de encontro às suas ideias:
    -
    Medo, a base da religião
    -
    A religião se baseia, acredito, em primeiro lugar e principalmente, no medo. Trata-se, em parte, do terror ao desconhecido e, em parte, como eu já disse, do desejo de sentir a existência de um tipo de irmão mais velho a proteger-nos em todos os problemas e disputas. O medo é a base de todo o problema: medo do misterioso, medo da derrota, medo da morte. O medo é o progenitor da crueldade, e portanto não é nada surpreendente o fato de a crueldade e a religião andarem lado a lado. Isso acontece porque o medo é a base de ambas as coisas. Neste mundo, agora podemos começar a compreender um pouco as coisas e a controlá-las com a ajuda da ciência, que abriu seu caminho à força, passo a passo, contra a religião cristã, contra as igrejas e contra oposição de todos os preceitos antigos. A ciência pode nos ajudar a superar esse medo covarde no qual a humanidade vive há tantas gerações. A ciência pode nos ensinar, e acredito que também nosso próprio coração pode fazê-lo, a não mais olhar em volta em busca de apoios imaginários, a não mais inventar aliados no céu, mas, em vez disso, a olhar para os nossos próprio esforços aqui embaixo, a fim de fazer deste mundo um lugar adequado para se viver, em vez do tipo de lugar em que as igrejas ao longo desses séculos todos o transformaram.
    — Bertrand Russell
    -
    Russell também desqualifica e muito o livro do Woods, sobre as proezas maravilhosas da ICAR.
    Imperdível !!!
    -
    Abraços …

  48. Biasetto Diz:

    Mais uma do Russell
    -
    A falha no “argumento do plano divino”

    O próximo passo neste processo nos leva ao argumento do plano divino. Todos conhecem o argumento do plano divino: tudo no mundo é feito para que consigamos viver nele, e, se o mundo fosse mesmo que só um pouquinho diferente, não conseguiríamos habitá-lo. Esse é o argumento do plano divino. Às vezes ele toma uma forma bastante curiosa: por exemplo, argumenta-se que as lebres têm cauda branca para serem alvo fácil dos caçadores. Não sei o que as lebres achariam dessa aplicação. Trata-se de um argumento realmente fácil de parodiar. Todos os senhores conhecem a observação de Voltaire de que o nariz obviamente foi desenhado de modo que pudesse segurar os óculos. Esse tipo de paródia revelou-se nem de perto estar tão distante da verdade quanto podia parecer no século XVIII, porque desde a época de Darwin compreendemos de um modo muito melhor por que as criaturas vivas se adaptam a seu ambiente. Não que o ambiente seja feito para se adequar a elas, mas elas é que se modificam para adequar-se a ele, e essa é a base da adaptação. Não existe evidência de plano divino em relação a isso.
    Quando se examina esse argumento do plano divino, parece surpreendente que as pessoas possam acreditar que este mundo, com todas as coisas que ele contém, com todos os seus defeitos, deve ser o melhor que a onipotência e a onisciência conseguiram produzir em milhões de anos. Eu realmente não consigo acreditar nisso. Os senhores acham que, se tivessem a onipotência e a onisciência e milhões de anos para aperfeiçoar seu mundo, não seriam capazes de produzir nada melhor do que a Ku-Klux-Klan ou os fascistas? Ademais, quando se aceitam as leis comuns da ciência, é necessário supor que a vida humana e a vida em geral neste planeta morrerão a seu tempo: trata-se de um estágio de decadência, obtêm-se o tipo de condições de temperatura, e assim por diante, que são adequadas ao protoplasma, sendo que existe vida, durante um curto espaço de tempo, na vida de todo o sistema solar. Vê-se na lua o tipo de coisa que é a tendência da Terra – transformar-se em algo morto, frio e sem vida.
    Disseram-me que esse tipo de visão é deprimente, e as pessoas às vezes afirmam que, se acreditassem nisso, não seriam capazes de continuar vivendo. Não acreditem nisso; não passa de disparate. Ninguém realmente se preocupa com o que irá acontecer daqui a milhões de anos. Mesmo que achem que se preocupam muito com isso, na verdade só estão se enganando. As preocupação delas diz respeito a algo muito mais mundano, ou pode tratar-se meramente de má digestão; mas ninguém de fato fica seriamente infeliz por pensar que algo de ruim vai acontecer com este mundo daqui a milhões de anos.
    Assim, apesar de obviamente ser uma visão fúnebre supor que a vida morrerá – pelo menos suponho que possamos fazer essa afirmação, apesar de às vezes eu achar que isso é quase um consolo, quando vejo as coisas que as pessoas fazem com a própria vida -, isso não é tão terrível a ponto de transformar a vida em um tormento.

    — Bertrand Russel

  49. ALMIR CARVALHO Diz:

    E não se esqueça Biasetto, de ler Robert G. Ingersoll: PORQUE SOU AGNÓSTICO, O QUE É RELIGIÃO, O que Substituiria a Bíblia como um Guia Moral? E OUTROS….

  50. Almir Carvalho Diz:

    não se esqueça Biasetto de ler Roberto G. Ingersoll:
    1 – porque sou agnóstico.
    2- o que é religião
    3. o que substituíria a bíblia mo um guia moral?
    e outros do gênero…

  51. Biasetto Diz:

    Valeu Almir, vou procurar.
    Abraços !!!

  52. Toffo Diz:

    Fabiano, não é questão de gosto. É crítica, que independe de gosto. Estou falando tecnicamente. Não sei o processo que a sra. Rosemary Brown usou para escrever as suas partituras, mas tecnicamente elas estão bem abaixo do nível usual dos compositores originais. É certo também que ela não é completamente ignorante em música, tanto porque ela bota notas no papel e toca algumas das peças também.

  53. Cassio1961 Diz:

    AFINAL DAS CONTAS…EXISTE VIDA APÓS A MORTE?…
    EXISTE ESPÍRITO?… ALGUÉM PODE DAR O REAL TESTEMUNHO DISTO?… acho que ninguém pode!…aliás como disse um grande filósofo …TUDO O QUE SEI, É QUE NADA SEI!, ou melhor… TUDO O QUE SABEMOS, É QUE NADA SABEMOS EFETIVAMENTE SOBRE ESTE ASSUNTO, TUDO É PALPITE.

  54. Martinez Diz:

    Biasetto, é lógico que existe a possibilidade de Chico Xavier ter fraudado durante toda a vida todos os seus trabalhos, mas a pergunta é: ele realmente plagiou ou adaptou tudo aquilo mesmo?, mas note que vc mesmo disse a possibilidade e não que provavelmente ele fraudou todas as obras, provalvelmente é diferente de possivelmente, até porque são as matérias desse site contra outras também muito razoáveis de outras fontes que apontam para outras prováveis ou possiveis explicações e não a de fraude por parte de Chico, em uma dessas eu li um artigo que falava a respeito de comunicações mediúnicas psicografadas por Chico Xavier aonde foram usadas para absolver José Divino Gomes, em Goiás, em 1976; José Francisco Marcondes de Deus, em Mato Grosso do Sul, em 1980; e Aparecido Andrade Branco, no Paraná, em 1982, e Durante 14 anos, entre as décadas de 1970 e 1980, o criminólogo Carlos Augusto Perandréa pesquisou mensagens psicografadas por meio da grafoscopia, técnica que estuda a grafia usada em perícias, na avaliação de assinaturas de bancos e no Judiciário. O resultado indicou que as assinaturas nos textos psicografados eram idênticas às das pessoas falecidas. agora eu pergunto quem está com a razão?, muitos poderão dizer que essas fontes não são confiáveis certo? mas será que as desse site são? será que posso afirmar com certeza que Chico é de fato um falsário? ou que ele é apenas um bom escritor e que não existe nada de sobrenatural nele?, e acreditar nas matérias cedidas pela Globo sobre o Chico, um canal nojento, manipulador e ainda por cima influenciado pela Igreja Católica.

  55. Gorducho Diz:

    A ciência lhe foi dada para seu adiantamento em todas as coisas; ele, porém, não pode ultrapassar os limites que Deus estabeleceu. [LE, 19]
    &sbsp;
    Às vezes o Kardec tinha algum soluço de sensatez…

  56. Gorducho Diz:

    Respondia a:
    AFINAL DAS CONTAS…EXISTE VIDA APÓS A MORTE?…
    EXISTE ESPÍRITO?… ALGUÉM PODE DAR O REAL TESTEMUNHO DISTO?

  57. Martinez Diz:

    Biasetto, só para completar o comentário anterior eu li uma matéria disponibilizada por vc aqui nesse site do jornal o Globo, e com todo respeito, matéria das Organizações Globo não dá né!, eu confiar num canal que tem esquema até com um clube de futebol de São Paulo, CBF, clube dos treze e tudo mais, e isso não é especulação não, é fato mutreta comprovada sobre a Globo, um canal que coloca “o palhaço Católico chamado Quevedo” para fazer “showzinhos” em sua emissora se dizendo parapsicólogo, aí é brincadeira, ai eu lhe pergunto: que moral tem a rede Globo para alguma coisa?.

  58. Gorducho Diz:

    Está muito claro que, se existe o au-delà; e, se existe o Deus eterno, infinito, imutável, imaterial, único, onipotente, soberanamente justo e bom do Kardec; Este, ao menos por agora, não quer que os terráqueos disso tenham ciência.
     
    E se, mais provavelmente, nada existir, é como diz um amigo meu, ateísta e materialista: nunca saberemos. Mais, nunca saberemos que morremos e, na verdade, nunca teremos existido :)

  59. Gorducho Diz:

    Corrigindo: para nós será como se nunca tivéssemos existido.

  60. Biasetto Diz:

    Martinez, pra mim os plágios são indiscutíveis. Nem sei se você conhece os artigos do blog, mostrando-os. Inclusive tem alguns que são meus.
    Eu passei a usar palavras como “supostamente”, por uma questão, digamos, de respeito, se é que você me entende.
    Sobre Perandréa, você já viu isto aqui no blog?
    http://obraspsicografadas.org/2010/psicografia-luz-da-grafoscopia-o-que-perandra-no-viu/

  61. Biasetto Diz:

    Martinez, a Globo e cia não têm moral mesmo, inclusive vivem bajulando e difundindo pseudociências e falsos gurus.
    Quanto aos artigos do blog, mostrando os plágios, NENHUM espírita conseguiu refutá-los. Até o Luciano dos Anjos entrou em contato comigo, reconheceu alguns plágios – dos outros ele não sabia – e justificou que foi o espírito André Luiz quem plagiou, não o Chico. Você acha que isso cola?

  62. Contra o Chiquismo. Diz:

    CX na Fatos e Fotos:

    Acredita nos milagres dos santos católicos?
    - Perfeitamente, porque todos eles teriam agido na condição de medianeiros da espiritualidade superior.

    – Apesar de você se considerar uma simples tomada, há uma tendência muito forte, entre algumas pessoas, a idolatrá-lo como santo. Como reage a isto?
    - Nunca aceitei semelhante definição. Eu me considero, na mediunidade, um animal em serviço. Eu sou um animal a serviço dos bons espíritos, e nunca fiz mistério disto. E todas as vezes que me externei a respeito do assunto, nunca me vi, absolutamente, como uma pessoa privilegiada. Sou uma criatura de condição muito primitiva. Não sei como os espíritos me suportam. Cada vez mais eu sinto a minha desvalia, porque nada tenho a dar de mim. Compreendo que é muita bondade e todos me trazerem um abraço pessoal. Mas o problema da idolatria corre por conta daqueles que gostam dos mitos.

    – Você leva uma vida de asceta. Como conseguiu sublimar os seus problemas sexuais? Ou não conseguiu?
    - A única coisa que posso dizer em matéria de sexo é que não me casei. Psicologicamente, sou uma pessoa como as outras, vista apenas por mim mesmo, na intimidade da minha própria consciência.

    – Por que não se casou?
    - Porque sempre tive um espírito de muito entrosamento com a vida familiar e com a tarefa doutrinária sempre muito ativa. Sempre tive meus interesses afetivos voltados mais profundamente para a Doutrina Espírita e para a mediunidade. Mas a Doutrina Espírita nunca me privou de qualquer atividade em matéria de regularização da minha vida sexual.

    – Você nunca se apaixonou por uma mulher? Ou homem?
    - Não, nunca me apaixonei. Agora, sobre sexo, peço licença para não fazer aqui, o meu strip-tease.

    http://filosofiaimortal.blogspot.com.br/2012/07/fatos-fotos-entrevista-com-chico-xavier.html

  63. Humberto Diz:

    Pessoal, esse é o meu primeiro post.
    Sou um espírita cético e totalmente a favor da fé raciocinada, como o próprio Kardec ensinou.
    Vocês já ouviram falar ou já pesquisaram sobre uma médium chamada Célia do Carmo? Para mim ela era uma das poucas médiuns realmente autênticas, nunca vi nada parecido em toda a minha vida. Infelizmente ela faleceu em 2007.
    Talvez muitos nunca tenham ouvido falar dela justamente pq ela não queria esse tipo de divulgação e não permitia que seu nome aparecesse em reportagens nem nada do tipo. No livro do Marcel Souto Maior ela é citada como “Dona Lúcia”, tendo sido um pedido dela que o seu nome verdadeiro não fosse divulgado.
    Infelizmente, além de inúmeros e impressionantes relatos, é difícil encontrar algo dela hoje em dia pela internet. Mas tive a felicidade de encontrar um pequeno trecho de um dos seus encontros, que coloco abaixo para a análise de vocês:
    http://www.youtube.com/watch?v=RjX0udM7e_w
    Tenho tentado descobrir cada vez mais sobre ela e pesquisa-la. Ela já era uma senhora com mais de 80 anos e, em suas concorridas reuniões, dava centenas de nomes completos, CPFs, números de processos judiciais e muito mais…
    Inclusive ela não falava em espírito nem nada disso. Falava em energia, física quântica, consciência cósmica e se dizia universalista. Foi a fundadora de um centro chamado Obreiros de Jesus.
    Se alguém quiser pesquisar e debater sobre o assunto, será um prazer. Sei que existem os áudios completos de muitas de suas reuniões, mas estou com muita dificuldade de conseguir…

  64. Marciano Diz:

    Engraçado chiquista falar mal da Globo, a emissora que, no programa Linha Direta, deu a maior moral pro cx, vende até hoje DVD com as chamadas cartas psicografadas que livraram criminosos da cadeia.
    Todo chiquista deveria ser muito grato à Rede Globo.
    Ela já fez inclusive um monte de novelas espíritas.

  65. Biasetto Diz:

    Marciano, verdade: “A Viagem”, fora os especiais.
    Se bem que a Globo está começando a dar bola pros evangélicos, já que o catolicismo está indo de mal a pior.

  66. Biasetto Diz:

    Saudades do Paulo, Carlos … até o Antonio sumiu.
    O Gilberto, converso com ele pelo face. Acho que virou evangélico, rs … Adora o Edir Macedo, o pastor mais rico do Brasil: 2 bilhões de dólares.

  67. Biasetto Diz:

    O Juliano, depois que resolveu entrar pra “direita reacionária partidária” abandonou o blog e virou cristão, rs …
    Até brigou comigo um dia desses.
    Cadê você Jujuba?
    Por onde andas?
    Não gosta mais dos proletariados?

  68. Marciano Diz:

    Olha a Rede Glogo aí gente: http://lista.mercadolivre.com.br/dvd-as-cartas-de-chico-xavier–rede-globo-som-livre
    .
    Realmente, não dá pra levar a globo a sério.

  69. Juliano Diz:

    Bom dia Biasetto, Vitor e a todos.
    1º Vítor, já vi a tua mensagem, vou comprar a revista hoje. Mas repito, você que está aí no Rio, vai na Biblioteca Nacional que lá tem (é pra ter pelo menos) escaneado toda a coleção da revista Manchete. Procura lá que você acha aquele outro fatídico artigo do CX.
    2º Biasa. Não entrei para “direita reacionária alguma”. Agora, não posso concordar quando uma “inteligente” posta um “post” criticando abertamente pessoas como Renato Machado, Marcelo Madureira, Reinaldo Azevedo, Augusto Nunes, Paulo Francis, Lucas Mendes, Caio Blinder, Diogo Mainardi e outros cidadão brasileiros que fazem e fizerem este país não ser uma total mediocridade. Espanta-me você assinar uma cretinice daquelas. Mas (…) fiquem então com os Paulo Henrique Amorin da vida.
    3º Não virei cristão e não me acho reacionário. Apesar das tuas constantes ofensas a minha pessoa. Não pensar como você é sinal de fanatismo e radicalismo reacionário. E o reacionário sou eu????? Tá bom!
    4º Sobre ser de direita, no Brasil atual estatal getulista-lulista, que diga-se vai levar a viúva um dia bro buraco! Vou me atrever a dizer que sou de direita sim. Pode me chamar de direitista.
    5º Sobre a tua ironia de criar um joguete de classes Proletário x Burgueses (eu). Pode me chamar de burguês também, afinal se não fossem estes bandidos burgueses, nós provavelmente ainda estaríamos comendo com a mão, fazendo cocô sem descarga e tendo como principal veículo de locomoção um quadrúpede chamado normalmente de cavalo. E a terra seria ainda o centro do universo, com o sol girando em torno dela e coisa e tal.
    6º Por fim, não ando entrando aqui por um conjunto de fatores. a) Muito trabalho e pepinos e mais pepinos do dia a dia! Principalmente do estado que não se cansa de arranjar entraves para as empresas e empresários brasileiros, estes cidadão tidos pelo aparato estatal como grandes picaretas; b) Quando entro em momentos de reflexão simplesmente sinto que não tenho nada a dizer. Já já eu me animo de novo. c) Concluindo, deixo uma sugestão de um filme realmente impressionante, na boa, é muito bom filme, genial para as nossas temáticas: “O Primeiro Mentiroso”. Obra prima que você meu amigo proletário Biasa, Vítor e demais amigos que não assistiram, se não assistiram, vão gostar. É isto!

  70. Juliano Diz:

    Gorducho

    Sobre a tua pergunta: Existe vida após a morte??? Rapaz, esta é a pergunta que deveria ser a meta a ser respondida!!! Algumas evidências dignas de nota colocam e tem força de argumentos que por incrível que pareça existe sim. Mas se dependesse das atuais evidências, dos prós e dos contras, no sopesar da coisa toda, te digo que provavelmente o argumento final seria que não existe! Pessoalmente, num relato altamente honesto, baseio ainda a possibilidade real de existência de vida após a morte num experimento que vivenciei nos meus tempos de membro do Instituto de Projeciologia e Conscienciologia. Vivenciei eu e mais algumas pessoas o experimento chamado lá de “Clarividência Facial”. Onde, em tese, espíritos baixam numa pessoa que está na frente da sala de aula e as outras pessoas que estão na sala vêem estes espíritos através da pessoa. Eu vi vários espíritos, pelo menos uns 6, outras vezes também eu vi, mas nunca de forma tão clara quando numa determinada noite, nesta narrada. Hoje a Pareidolia (uma certa forma de alucinação) seria até uma forma de explicação, porém o que eu não consigo entender é que se o processo todo foi uma alucinação da minha cabeça, como as outras pessoas que estavam na sala viram as mesmas pessoas que eu vi, inclusive na sequência de aparecimento. Inclusive eu me lembro hoje que uma moça muito bonita, um dos 6 espíritos, olhou pra mim e sorriu. Pode parecer loucura o meu relato, se quiser pode até achar loucura, talvez seja loucura, mas não é mentira!!! rsrs Fica o relato! Espero ter auxiliado na tua pergunta! Concluo dizendo que cabe a nós responder esta pergunta, com a honestidade de que se não tiver nada, ter a coragem de dizer que não há nada.

  71. Biasetto Diz:

    Valeu Juliano, por aparecer.
    Eu nunca quis te ofender e você sabe disso.
    Sobre os nomes que você citou, vou falar só de um, já é suficiente: Diogo Mainardi – um sujeito que se diz ateu, mas também se diz feliz por ter o filho estudando em escola católica. Bem, até aí tudo bem, não é “tão grave”. Só que ele, escandalosamente, tem horror a pobre, escreve só coisas negativas a respeito do governo federal, é arrogante, metido à besta e extremamente parcial.
    Quanto ao filme “O Primeiro Mentiroso”, o Antonio recomendou aqui no blog, há mais de um ano e eu assisti e comentei aqui também. Ótimo filme, inteligente e divertido.
    Quem ainda não viu, concordo com sua sugestão: deveria ver.

  72. Biasetto Diz:

    Juliano, gostei de seu relato ao Gorducho. Interessante.
    Eu continuo achando, “achando”, que existe vida pós-morte sim. Porém, acho muito mais ainda, que as religiões com suas baboseiras cristãs, judaicas e maometanas, só pra citar algumas, só atrapalham na busca desse conhecimento, além de criarem uma enorme dose de fantasias e “éticas” absurdas, sobre como é o “além”.

  73. Phelippe Diz:

    Ufa! vejo que as coisas voltaram ao normal por aqui. Ótimo.
    Se me permitem um pitaco sobre a inquisição (futura matéria deste blog), recomendo o filme “o fantasma de Goya.” Muito bom. A parte que se refere à Inquisição mostra com perfeição o funcionamento do Tribunal do Santo Ofício. Pelo menos bate com as descrições dos processos da Inquisição de Lisboa que andei lendo.
    Saudações a todos.

  74. Biasetto Diz:

    Legal a dica do Phelippe
    .
    Uma boa reflexão aqui:

    http://sociedaderacionalista.org/2013/01/23/o-que-e-real/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=o-que-e-real&utm_source=twitterfeed&utm_medium=facebook

  75. Biasetto Diz:

    http://www.paulopes.com.br/2011/06/cadeira-em-chamas-lembra-as-vitimas-da.html#.UP_tzB2YtX0

  76. Marciano Diz:

    Biasetto, o fato de não existirem frascos transcendentais, a não ser na imaginação de quem bolou a historinha, invalida qualquer argumento.
    Eu posso imaginar frascos malucais e dizer que ninguém sabe nada sobre eles. Nem poderia, não existem.
    Não caia nessa lorota de que se existem coisas que não conhecemos ou que não podemos explicar tudo é possível.
    Juliano, bem-vindo de volta. Eu não gosto de política, gosto menos ainda de esquerdistas. Só perdôo o Biasetto porque ele é meu irmão.

  77. Toffo Diz:

    Já vi o pessoal falando de tudo, menos do texto em análise. Eu o achei muito interessante, mesmo porque confere com muita coisa que penso (por exemplo, CX jamais ter se posto à prova perante a Ciência e o fato de Emmanuel ser um personagem criado por ele, um personagem que seria tudo o que ele achava que não era – culto, belo, bom, sábio, elevado etc – e que suprisse todas as carências afetivas que ele tinha, principalmente as de pai e mãe, além da baixíssima autoestima).

    Com um pouquinho do conhecimento que eu tive de CX e do mundo chiquista durante o período espírita da minha vida, posso dizer com segurança que CX não fraudava, no sentido estrito da palavra. Fraude significa ardil voluntário, através de estratagemas dolosamente maquinados para ludibriar o próximo, mas acho que o mecanismo volitivo dele corria por outros trilhos. Eu tenho certeza de que tudo o que ele escrevia vinha dele mesmo, já disse aqui várias vezes que CX era um excelente story teller e um talentoso urdidor de tramas, conhecedor do idioma e com aguçado senso de timing e de ação. Por motivos (que o texto discute, e ninguém sabe quais são) ignotos e certamente complexos, CX não se dispôs a ser ele mesmo um valor literário, mas se escorou na doutrina espírita que ele adotou (mas não converteu, pois sempre agiu em vida como católico) para, em nome alheio, perpetrar a obra própria. Eu diria que ele agiu com uma espécie de dolus bonus, um vício da vontade que faz o sujeito agir dolosamente, mas com boa intenção, ao contrário do que é chamado dolus malus, justamente o dolo da fraude, a vontade de tapear, de enganar, de ludibriar. Mesmo assim, apesar das suas qualidades e do seu talento, CX nunca passou do raso e do nível da autoajuda, e talvez por isso tenha sido tão popular.

  78. Gorducho Diz:

    por exemplo, CX jamais ter se posto à prova perante a Ciência
    Pergunto, apenas pergunto: mas será que houve propostas de cientistas sérios, as quais ele tenha recusado? Em particular considerando que, e.g., Instituto de Metapsíquica estava desmoralizado e virtualmente inativo pelo que sei. Quem teria se proposto a estudá-lo?

  79. Juliano Diz:

    Biasa

    Diogo Mainardi é o cara!!! Por quê? Porque tem a coragem de ser sincero, ao contrário dos “intelectuais” chapa branca e politicamente corretos que tomaram conta no discurso mentiroso em nosso país.
    1º Sobre ele ser ateu (e é mesmo) e ter um filho estudando em colégio católico. Ele é de origem judia, mas sua esposa é católica, apesar de hoje não acreditar em deus também. E não podemos negar que as escolas católicas proporcionam um ensino de qualidade, de modo geral são as melhores escolas. Estou mentindo? E te garanto que os filhos dele quando crescerem, muito provavelmente serão ateus como os pais também.
    2º Sobre o horror a pobre. Este é o ponto alto dele, a sua não hipocrisia. O discurso dele não é contra o pobre, mas a cultura de pobre, tão farta em nosso país. Os governos FHC e Lula tiveram o grande mérito (Parabéns a eles) de trazerem o povão pro mercado de consumo. Porém com isto veio a cultura do povão junto, e você pode até negar, tomou conta do pedaço! Vá num churrasco de pobre (eu fui por causa de mulheres várias vezes) e me diga se o Diogo não está certo. É carne crua ruim assada em latão de churrasqueira, música da pior qualidade (sertanejo/funk/pagode vagabundo), cerveja Skoll ou Brahma meia boca (meio quente), lá pelo meio da festa quando todo mundo já está bêbado sempre sai um “sururu”, diálogos fraquíssimos sobre futebol, a vida alheia, religião (só elogios e agradecimentos ou ameaças divinas) e fofoca da vida alheia. É extenuante! Tanto que hoje não tenho mais paciência. Daí esta intelectualidade petista das universidades de merda, que nunca conviveram com pobre ficam elogiando a nova classe e sua cultura. Mas vai ver se eles assistem novela da globo? Vai ver se vão num pagode na laje? Vai ver se ouvem sertanejo?? Bando de hipócritas!!! O Diogo só é sincero!!! Mas como no Brasil a sincerida é crime, então é pau nele!!!
    3º Sobre o governo e as constantes críticas!! Assino embaixo o Diogo, pode me chamar de reacionário! O babalorixá só acertou no que manteve do FHC, no mais eles ainda vão quebrar o Brasil!!! Mas como o Brasil petista não aceita críticas, então é pau no Diogo!!!
    4º Sobre ele ser arrogante e coisa e tal!!! Você sequer conhece ele para dizer isto! Mas que seja!! Agora é proibido ser antipático!!! Não sabia!!! Quantos gênios a humanidade já teve que não eram afeitos a simpatias, até por quê, como disse o colunista gaúcho Paulo Sant´ana. “A maioria das pessoas são chatas de plantão e só de procuram pra falar delas, pedirem favores ou te encher o saco com conversa inútil mesmo”.
    5º Sobre ele ser parcial. Vai elogiar este picareta do Lula!!! O cidadão não explicou nada do rolo com a “amiga íntima”, que traficava informações dentro do governo. Não disse nada sobre o assunto! Sequer uma desculpa. Ao contrário, voltou com tudo e já avisou a gerentona de lojina de R$ 1,99 que é ele que manda no pedaço, e a gerentona ó (…) baixou a cabeça. E quer elogiar isto??? Não dá. Fica como o Paulo Henrique Amorin e a Ana Cesar e o Sertanejo Universitário que eu fico com o Diogo Mainardi, o bom gosto do Renato Machado (craque em vinhos e boa música), do Lucas Mendes e cia. Estes reacionários brasileiros.

  80. contra o chiquismo Diz:

    “Marciano Diz: Só perdôo o Biasetto porque ele é meu irmão.”
    Legal não sabia que vc dois eram irmãos. Se vêem sempre morando em cidades diferentes?
    Os irmãos contra o chiquismo!

  81. Juliano Diz:

    Gorducho

    Se você tirar o dia pra ler as inúmeras reportagens do blog sobre o CX, você vai ver que o cidadão era um picareta! Talvez até bem intencionado!!! Provavelmente até!! Mas picareta!!! Não acrescentou nada a pesquisa de uma possível vida após a morte, ao contrário, é uma das evidências hoje que depõe fortemente contra tal hipótese. O movimento espírita atrapalha com seu discurso pseudo-científico possíveis pesquisas sérias neste campo. Pois não fazem pesquisa empírica alguma minimamente controlada, só discurso de auto-ajuda fajuto e andei assistindo de curioso umas palestras, JC (jesus cristo) na veia!! Lamentável!

  82. Juliano Diz:

    Gorducho

    Os russos se proporam a estudá-lo.

  83. Gorducho Diz:

    Só perguntei, com base no comentário do Analista Toffo, se há notícias de alguma proposta por parte de pesquisadores sérios que ele tenha recusado.
     
    O movimento espírita atrapalha com seu discurso pseudo-científico possíveis pesquisas sérias neste campo.
    Foi o que sempre disse desde as primeiras vezes que palpitei neste sítio. Sempre sustentei a tese que o “Espiritismo” contribuiu muito para afugentar pesquisadores sérios, por (justificado) medo do ridículo.

  84. Toffo Diz:

    Sim, uma equipe de cientistas russos se propôs a estudá-lo, mas ele se recusou. É sabido que ele sempre se recusou a se submeter a testes. A única análise conhecida, pelo que sei, é para mim tendenciosa, pois foi feita pela Associação Médico-Espírita, que, como o nome diz, é espírita. Paralelamente a isso, ele foi criando (e deixando criar) a seu redor uma redoma de mitificação, com histórias e causos, a maioria de segunda mão, justamente para dar blindagem a ele. Com o passar dos anos, ele foi se transformando em superstar e é inegável que ele fruía gostosamente essa condição. Na qualidade de superstar, ele se tornou intocável. Em suma, conseguiu o que queria. Ganhou ele e ganhou o espiritismo, uma doutrina praticamente morta em sua versão original francesa, que teve o seu momento histórico e passou, mas que ganhou sobrevida no Brasil ao se tornar uma religião e incorporar as rasas águas do chiquismo e seu apelo evangélico/católico embrulhado com um verniz de pseudociência. É isso. O mineirinho era esperto sim.

  85. Martinez Diz:

    Biasetto, é claro que eu li as matérias do blog, e inclusive eu li um comentário seu nessa matéria mesmo que vc me indicou aonde vc disse que o blog buscava um desejo claro de desacreditar o espiritismo, esculhambar com o Chico e suas obras certo?, eu notei a mesma coisa quando passei a ler as matérias, agora Biasetto eu te faso uma pergunta: como um homem simples, com 4 anos de estudo, pobre, com uma família totalmente desestruturada, escreve de forma eloquente, com portugues invejável centenas de livros comparáveis aos originais?, voltando ao principio do meu comentário eu te respondi que sim que eu li as matérias do blog, inclusive voces dizem que há muitas evidências de que Chico não só tinha excelente ensino, como tinha tempo para a leitura, aonde vcs tiraram isso? da revista Voz da igreja?, o mais engraçado é que a maioria das publicações que falam que Chico não era semi analfabeto são, ateus radicais ou Catolicos e esse site que insistem que ele distinguia-se por sua inteligência, sua memória prodigiosa e sua aplicação ao estudo. “Só queria ler, não participava dos brinquedos nem das rodas dos outros meninos”, e por isso tinha capacidade para fazer o que fez mesmo com tão pouco estudo, escrever 419 livros entre 8 a 11 livros por ano, Hernani Guimarães Andrade diretor do IBPP ( Instituto Brasileiro de pesquisas Psicobiofisicas) ele diz que as obras psicografadas por Xavier podem ser divididas em populares, científicas e filosóficas, então quer dizer que 4 anos de primário é o que basta para escrever obras tão qualificadas?.
    Biasetto, o que estou criticando aqui é a forma como vocês colocam as matérias não só do Chico e sim de outros ligados ao Espiritismo, e ainda por cima incitam outros a também criticar de forma ferrenha e tendenciosa esses personagens, sobre o espírito de André Luiz ter plagiado e não o Chico eu nem vou discutir isso, realmente é ridiculo, a matéria do Perandréa é contestavel para mim é “pseudo-contestação” ao que o Moizés Montalvão chamou de contestação, pois o mesmo nem é perito em grafoscopia, Montalvão se equivoca, pois ele usufrui de conhecimentos próprios adquiridos como bancário na identificação de assinaturas de cheques para poder criticar um experiente perito e que detém todo um conhecimento sobre a ciência da grafia, porque nenhum outro perito contestou oficialmente Perandréa?, e ainda por cima segundo uma fonte que eu li, há erros ou omissões que induzem a pessoa a rumar para uma conclusão de interesse não realmente crítico, Montalvão começa a induzir o leitor nas suas suposições e crenças pessoais, também pesquisei e vi que Perandréa não supôs nada ele apenas usou técnicas que peritos usavam na época e por isso penso também que Moizés Montalvão falhou por desconhecer da profissão.
    Quero dizer que não sou religioso, apenas gosto de imparcialidade coisa que não é muito o forte desse site, e enquanto parapsicólogos sérios e imparciais não provarem que os outros trabalhos escritos de Chico Xavier são fraudes eu não estarei convencido, quando alguma publicação séria e realmente de respeito publicar: “todas as 419 obras de Chico Xavier não passam de plágios e fraudes” ai sim vou estar convencido, e não como vc mesmo disse Biasetto que já está convencido, porque vc disse se ele plagiou algumas plagiou todas, matérias como as da Globo ou como essa que vc me mostrou sobre as criticas ao Perandréa que são no minimo muito duvidosas e contestáveis só vão convencer aqueles que querem ser convencidos que não se aguentam por dentro de ódio pelo Chico, um cara tão estranho sem muitos recursos mexer tanto com as pessoas e gerar tanta discussão.

  86. Biasetto Diz:

    Juliano,
    Eu não sou “esquerdista”, sou HUMANISTA. Defendo ações sociais em favor dos necessitados, só isso!
    Diogo Mainardi é o cara, “O CARA IDIOTA”, quase na linha Olavo de Carvalho, nem tanto é verdade, até porque se assume ateu.
    .
    Martinez,
    Dependendo do comentário que você ler meu aqui, entende que quando comecei a participar do blog, eu era espírita-chiquista, pelo menos lia os livros dele, cheguei a frequentar algumas casas espíritas e acreditava na mediunidade do Chico. Os meus argumentos para tanto, eram muito parecidos com os teus, até que:
    1º Descobri os plágios nos livros – você pode, é capaz de explicar por que existem plágios nos livros de Chico Xavier?
    Veja o caso de Nosso Lar e Libertação, por exemplo: nos dois livros, o André Luiz está narrando sobre a vida dele no plano espiritual, só que as histórias não são dele. São do espírito Arnel, do livro do Owen, “A vida além do véu”. Então, como fica isso Martinez? Temos:
    A – Chico Xavier nunca foi médium, leu o livro do Owen e adaptou as histórias para diversos livros que criou.
    B – Chico Xavier foi médium, recebeu um livro de André Luiz, um espírito que resolveu contar sobre “sua vida” no além, mas ao invés disso, copiou histórias de um outro espírito, que já haviam sido contadas em outra obra. Então, André Luiz é mentiroso. Além de sacana, porque colocou CX numa enroscada.
    O que você acha?
    2º Concordo contigo que chama a atenção, uma pessoa simples, de poucos recursos, poucos estudos, ter escrito tantos livros. Mas não há nada de “tão incrível” nisso:
    Ele poderia ter um talento natural para a leitura e a escrita. Ainda que de forma simples, recebeu uma boa educação, foi muito bem alfabetizado, pesquisava, lia bastante, tinha uma “memória fotográfica” e criava encima do que lia. Isto é algo impossível? Claro que não!
    Uma época, escreveu sobre Roma Antiga, vários livros, exaltando a figura de Jesus e os primórdios do cristianismo. Pesquisar sobre estes temas naquela época, não era nada difícil; muito pelo contrário: bem fácil, pois havia farta literatura a respeito, de fácil acesso.
    Depois, veio a série André Luiz/Nosso Lar. Quase tudo foi tirado do livro do Owen, algumas partes/obras, dos livros de Delanne e Denis, além de Fritz Kahn. Todas estas obras estavam à disposição na época, inclusive descobrimos que o livro do Owen havia sido lançado pela FEB, aqui no Brasil, em 1921. Portanto, até chegar a Nosso Lar, 1943, Chico teve muito tempo para ler, reler e memorizar o livro do religioso britânico. Inclusive, ele vinha trabalhando o livro há muito tempo, porque é possível encontrar plágios do livro em “A caminho da luz”, “Brasil, coração do mundo” (que também é plágio daquela palestra da FEB, de 1934, tem um artigo sobre isto aqui no blog também).
    Algumas obras são coletâneas de “máximas”, “bons conselhos” – até bonitas e interessantes, mas nada diferente do que pode se encontrar em muitas passagens da bíblia, budismo, confucionismo, hinduísmo …
    Algumas obras são “contos”, “causos”, incluindo histórias autobiográficas, que várias nunca puderam ser realmente confirmadas, e assim vai …
    Chico colecionava cadernos, onde fazia anotações, colagens de autores literários, resenhas de livros … isto está documentado.
    Há vários erros em vários livros dele, muitos … incluindo um planeta Marte com uma civilização avançada; erros de ciências em obras do “André Luiz”, erros de História em obras do “Emmanuel” – espíritos-personagens que NUNCA puderam ser confirmados como autênticos.
    -
    Contra o Chiquismo, eu e o Marciano somos irmãos de várias reencarnações. No fundo, ele sabe disso!
    Abraços !!!

  87. Contra o Chiquismo. Diz:

    “Contra o Chiquismo, eu e o Marciano somos irmãos de várias reencarnações. No fundo, ele sabe disso!
    Abraços !!!”

    Ah… pensei que fossem irmãos de verdade mesmo.
    Mas não muda minha convicção:
    São “Os irmãos contra o chiquismo”!

  88. Toffo Diz:

    Martinez: o fato de um homem ter 4 anos de estudo regular, ser pobre e oriundo de família desestruturada não é suficiente para desqualificá-lo como autor de livros. CX era autodidata, tinha uma incrível capacidade de aprendizado, enorme disciplina, facilidade para leitura fria (cold reading) e acesso a livros e bibliotecas. Embora morasse em Pedro Leopoldo, uma cidade pequena, estava a cerca de 50 km de Belo Horizonte, a capital mineira, e lá ele podia consultar bibliotecas, comprar revistas e livros etc. Além disso, ele organizava cadernos de recortes e era um missivista inveterado, ou seja, correspondia-se com pessoas de nível intelectual do Brasil inteiro. Ele não era, de maneira alguma, ignorante e sem cultura. Ao contrário, a cultura dele era admirável, adquirida por anos de paciente autodidatismo. Além disso, ele tinha talento para contar histórias, tinha noção de timing de ação e de construção de personagens, sabia urdir tramas, enfim, ele tinha sim cabedal para escrever tudo aquilo que escreveu. Sabe-se inclusive que, antes de atuar como médium, ele chegou a publicar poesias dele em periódicos locais. Além, é claro, de se valer de textos alheios, como indicam as evidências de plágio em várias de suas obras. A grande maioria dos livros de CX é de pequeno fôlego, de autoajuda, e são muito repetitivos. A outra parte se compõe de livros discursivos, romances, histórias, casos etc. Não é caso dos mais prolíficos nem dos mais profundos, mesmo porque a obra de CX é invariavelmente rasa e carregada de moralismo. Essa história de dizer que ele era um pobre ignorantinho não cola. Ele não era, definitivamente.

  89. Marciano Diz:

    Juliano, também detesto churrascos, pelas mesmas razões que você.
    .
    Contra, o Biasa já disse tudo.
    Você também é um irmão contra chiquista.
    .
    Toffo, parabéns, análise perfeita e síntese intocável do personagem cx.

  90. Contra o Chiquismo. Diz:

    “Marciano Diz:
    JANEIRO 23RD, 2013 ÀS 19:07

    .
    Contra, o Biasa já disse tudo.
    Você também é um irmão contra chiquista.”

    Somos os “irmãos metralha contra o chiquismo”
    quem é o 176-671 o 176-761e o 176-176?

    CX é o 171-171!

  91. Henrique Diz:

    Humberto
    Parece que nesse Blog só dão atenção para aquilo que interessa os céticos de plantão….sobre seu interesse pela dona Célia…em 2007 marquei para participar de uma palestra com ela, mas a mesma morreu de pneumonia aos 83 anos…procurei me informar sobre seu trabalho, que achei incrível o que ela fazia, há muitos anos…Marcelo Souto Maior participou de uma palestra( relatada em seu livro) e atestou que foi a única “médium” confiável de todos os outros averiguados( Carlos Bacceli, Celso de Almeida)…tentei achar mais material sobre ela(vídeos, etc) mas não consegui…um abraço

  92. Biasetto Diz:

    Passagem rápida por aqui.
    O Toffo disse tudo que eu havia dito, com uma única diferença: um texto anos-luz melhor que o meu.
    Parabéns Toffo !!!
    Será que você não é médium e vive psicografando? rs …
    Contra o Chiquismo, “171-171″ foi boa hein?
    Quem é Humberto?
    “Dona Célia”, esta aí, “médium autêntica” – podemos investigar ela. Ah! mas já morreu né? Então, já é mais um mito.

  93. Martinez Diz:

    Biasetto, vc se baseia em algumas matérias manipuladas, essa mesmo sobre o Perandréa a onde Moizés Montalvão critica o mesmo, é muito fraca claramente forçada cheia de erros e alegações sem base ele chega a dizer que supõem, supõem? mas que espécie de critica é essa? a onde o Moizés Montalvão diz que “não houve semelhança em 7 das 8 letras e m 4 dos 7 gramas. Ou seja, cerca de 75 por cento está diferente.” ( trecho extraido da matéria Psicografia à luz da grafoscopia – O que Perandréa não viu) ele diz: “O que nos leva a supor”, ainda há omissões por parte do mesmo em seu texto Montalvão ainda mostrou não conhecer nada sobre psicografia coisa que Perandréa levou uns 10 anos para entender, ai eu pergunto dá para dar algum crédito para matérias como essa? claro que não!, sobre a matéria do livro do Owen por exemplo eu li a matéria aqui e em outras fontes também, e é um caso de fraude mesmo admito, até porque não estou aqui para defender o Chico com fanatismo estou estou criticando matérias como essa sobre o Perandréa que para mim não colou nem um pouco quem tem o minimo de bom senso não vai se deixar levar por uma matéria dessas, o que é comprovado é e acabou todas fontes que eu pesquisei falam a mesma coisa sobre o Chico ter plagiado tal obra do Owen, agora falar como essa matéria coloca que, “Talvez isto explique como ele escreveu mais de 400 obras.”
    Isso é uma suposição, ele pode ter plagiado mais de 400 obras, mais até agora nada se provou.

    Toffo, Chico começou a exercer sistematicamente como “médium” espiritista psicógrafo à idade de 17 anos, ai vc vem e me diz que com 4 anos de estudo é normal escrever livros da forma como ele escreveu já aos 17 anos?, sem falar que para ele plagiar tantos livros teria que ter um tempo enorme coisa que ele não tinha segundo outras fontes como essa da Dra: Marlene Rossi Severino Nobre que dizem que Chico Xavier atendia 60 pessoas, das 14h às 18h, em Uberaba (MG), dispondo, portanto, de quatro minutos, em média, para cada consulente. Este tipo de atendimento passou a ser feito dessa forma, depois da participação do médium no primeiro programa “Pinga-Fogo”, na extinta TV Tupi, em julho de 1971, e se estendeu por cerca de 20 anos, quando o médium teve que interromper o atendimento por longos períodos em virtude de problemas de saúde.
    ai pergunto : como Chico Xavier arranjou tanto tempo para passar a vida toda plagiando? uma coisa são algumas obras ele ter plagiado outra bem diferente é ele plagiar outras tantas obras, por isso prefiro esperar para poder dizer se Chico foi ou não um farsante por completo, isso para mim carece de mais averiguações.

  94. Gorducho Diz:

    Montalvão ainda mostrou não conhecer nada sobre psicografia coisa que Perandréa levou uns 10 anos para entender,
     
    Poderia esclarecer melhor?

  95. Martinez Diz:

    Gorducho, o que eu quero dizer é que Moizés Montalvão não sabia o que estava falando, suas criticas foram absurdas pois o mesmo além de não entender da ciência da grafia também não conhecia de psicografia pois nunca estudou sobre o assunto, ao contrário de Perandréa que estudou fenomenos de psicografia durante 10 anos, então por isso eu disse que ele levou esse tempo para compreender tal fenomeno por isso eu critiquei essa matéria “Psicografia à luz da grafoscopia O que Perandréa não viu”, matéria disponibilizada nesse site, cheia de omissões e erros.

  96. Marciano Diz:

    Talvez o sobrinho de cx seja uma explicação para a aparente falta de tempo.

  97. Gorducho Diz:

    Eu não estava me referindo ao Sr. Montalvão, nem a esse artigo específico o qual o Sr. está comentando. O que não entendi é porque o Perito precisaria conhecer a hipótese espírita da escrita automática para emitir laudo(s) sobre exame(s) grafoscópico(s) que ele tenha feito em texto(s) a ele submetidos?
    Pelo que entendo, e me corrija se estiver errado, ao Perito cabe analisar 2 ou mais textos e opinar se provavelmente foram escritos pela mesma pessoa; com as margens de probabilidade presentes em qualquer trabalho científico. Nada mais. Se não houver assinaturas legíveis ou identificações dentro dos textos, nem o Perito saberá o nome de quem os escreveu, e em que circunstancias.

  98. Biasetto Diz:

    Que isso Martinez?
    Montalvão sabia muito bem o que estava falando. O Chico errou até o nome da mulher.
    O Montalvão e o Toffo são doutores em “espiritismo”.
    Você me parece ser uma pessoa sensata e ponderada, mas está forçando a barra pra defender Xavier.
    Tem dezenas de livros do Chico contendo plágios.
    Tem a história da Otília Diogo.
    Tem a história dos perfumes.
    Tem a história do avião.
    Tem a história de Marte, os cadernos de anotações …
    Tem a história das biografias de santos que ele lia.
    Tem a história das “fotos pirulitos”.
    Tem a histórias das “mensagens padronizadas”.
    Chico Xavier é um mito, que foi criado e difundido.
    A mediunidade dele foi uma farsa completa.
    Assim como a de Divaldo Franco, Wágner Paixão, Robson Pinheiro, André Luiz Ruiz, Carlos Bacelli … todos nunca psicografaram UM ÚNICO livro. Esta é a verdade.

  99. Contra o Chiquismo. Diz:

    Tem a história da cobra.
    Ele falava com os animais lembra?

  100. Contra o Chiquismo. Diz:

    Tem a história da mensagem do repórter José Hamilton na revista Realidade de 1971…

  101. Marciano Diz:

    Para que cx ou qualquer outro psicografe algo é preciso que existam espíritos, os que seriam os autores da mensagem psicografada.
    Até agora ninguém provou cientificamente a existência de espíritos.
    Psicografia é mais uma farsa.
    Exploração da credulidade pública.

  102. Marciano Diz:

    Fonte: http://chico-xavier.net/index.php?/topic/306-mensagem-de-joao-v-n-recebida-por-chico-xavier/
    .
    Mensagem de João V. N., recebida por Chico Xavier
    .
    João V. N. nasceu em 23 de junho de 1959 e desencarnou em 14 de maio de 1983. Filho de Américo V. e Julieta B. V. Irmão de Ivete. Dedicado aos esportes, João praticava natação, pesca submarina e esqui. Também era habilitado em pilotar aviões particulares e era apaixonado pelo motociclismo. Crente no Espiritismo, praticava o bem em socorro aos carentes. Aos vinte anos sentiu os primeiros sentidos de sua mediunidade. Em maio de 1983, quando realizava treinos para uma competição motociclística, em São José dos Campos, sofreu um acidente fatal.

    A mensagem a seguir foi recebida por Chico Xavier, em 22 de outubro de 1983.

    ” Querida mãezinha Julieta,

    Estou na doce obrigação de uni-la com o papai Américo, em meu pedido de benção para iniciar esta carta.

    Mãezinha, espero que a sua bondade me perdoe aquele apego à minha condução de aço. Minha moto! Ah!… ela não era simples máquina. Era a meu ver uma benfeitora que me transportava para o mundo ideal de meus pensamentos.

    Admirava-lhe o poder de me carregar de modo a sentir a natureza comigo. Não havia pessoa alguma em nossa companhia a escutar-nos nas estradas para onde nos retirávamos.

    Ela com o seu ruído semelhante à música de ninar com que me embalava e eu a cismar no tempo conversando com o futuro. Pingos de chuva, telas verdes de vegetação, encontros com outros veiculos e até mesmo a linguagem do vento.

    Tudo isso era o campo em que nos movimentávamos. Eu sei que o seu carinho não me contrariava e nem o papai Américo, nem a Ivete e nem a nossa Liliane me brecavam aquela vocação de velocidade a que me habituara, embora temessem por minha segurança, e sou grato a todos os meus pela paciência e compreensão com que me amparavam, mas confesso mãe, que para seu filho outro gênero de vid não serviria.

    Quando me dirigi parao treinamento em São José dos Campos, pode parecer ridículo o que exponho, mas ansiava preparar-me para a vitória nas corridas em perspectiva, mais para destacar a minha máquina do que pelo prazer de ganhar essa ou aquela distinção. Lembro-me de que nos achávamos aproveitando as hors de um sábado tranquilo, quando os companheiros deram por finda a nossa rodada, entretanto pedi para repetir o percurso a sós, pois desejava conversar com a moto e fazê-la ver as minudências da pista que nos conduziria a vitória, qual se a máquina tivesse alma…

    Comecei o exercício de novo, sem qualquer sinal de cansaço, no entanto em certo trecho da pista, um pequeno entrave nos obrigou ao grande salto do qual me vi projetado no chão.

    Tentei reerguer-me, porém, não consegui… Creio que algum vaso importante se me rompera no cérebro, porque notei que a minha cabeça pendia desgovernada em meus impulsos de retorno à verticalidade natural.

    Sem que me conscientizasse da significação daqueles instantes aceitei o torpor que me invadiu… Nada mais vi, nem senti, até que despertei num aposento calo e confortável. Uma senhora velava junto de mim, não pude me retomar de improviso. Tive a impressão de que me apossava do corpo parceladamente. E isso demorou algum tempo.

    Quando reconheci que a voz se me refizera na garganta, perguntei como era justo, sobre a posição em que me achava.

    O corpo estava combalido num abatimento que eu não consegui explicar para mim próprio. Foi então que a senhora de semblante amigo me esclareceu que era ela a vovó Júlia, que me trouxera para outro tipo de existência.

    Chorei revoltado, porque me reconhecia numa situação que não pedira, entretanto, aquela criatura de coração magnânimo, que me abraçava, me clareou a cabeça com tamanha ternura que não tive outra alternativa senão concordar…

    Depois de alguns dias pude vê-la em nossa casa, abraçar meu pai, acariciar a irmãzinha, a nossa Ivete e visitar a querida Liliane… Em toda parte e em tudo via o pranto sem razão de ser, porque me achava reconfortado com as lições e explicações recebidas.

    Não pude, porém, resistir ao sofrimento que alcançara todos os meus e volei ao estado anterior de desesperação.

    Minha avó Júlia me fez sentir a necessidade de maior preparação, a fim de rever os entes amados, e com o tio João Benvenuti me auxiliaram a retomar a serenidade para seguir em frente.

    Mãezinha Julieta, saiba que estou bem e convença por mim a todos os nossos de que estou vivo, e espero crescer em conhecimento e segurança íntima para lhes ser útil, a todos.

    Da moto nada posso dizer, no entanto estou na crença de que também aqui na vida espiritual existirão asas ligeiras, que nos possam transportar em longas distâncias do mundo novo que apenas começo a divisar.

    Peço-lhe cientificar a nossa Ivete de que tudo vai bem comigo e que o meu sonho agora é começar a agir num trabalho que me faça apto a servir aos que deixei no plano físico.

    Mãe, à namorada e às outras companheiras de distração conte que estou numa boa, conquanto as saudades compreensíveis, não quero ninguém a se julgar em prisão comigo.

    Não posso entravar o caminho de pessoa alguma, porque tenho recebido aqui liberdade suficiente para me reformar para o bem. Não digo liberdade sem disciplina, afirmo que a nossa liberdade está condicionada ao dever de realizar o melhor ao nosso alcance. A vovó Júlia, que me trouxe, me recomenda anotar a posição dos pontreiros do relógio e lamento observar que estamos na matina para novo dia. É o momento de dizer adeus com vontade de ficar.

    De qualquer modo, preciso ir e ficarei no seu pensamento de mãe e no pensamento de meu pai, como sempre.

    Receba, querida mãezinha com o papai Américo, o coração inteirinho de seu filho.”

    João V. N.

    .
    Como alguém pode levar a sério uma pantomima dessas (psicografei o Collor)?
    Precisa ser muito ingênuo. Ou louco.

  103. Marciano Diz:

    Todos começam com “querida mãezinha”. Todos ficam piegas depois da morte. Todos passam a usar esse vocabulário ridículo, coincidentemente o mesmo que cx usava quando falava ao público.
    Como disse um personagem que nunca existiu, “o pior cego é o que não quer ver”.

  104. Martinez Diz:

    Biasetto, como eu te disse em um comentário anterior eu não estou aqui para defender o Chico com nenhum tipo de argumentação fanática, que eu disse e repito é que Montalvão não me pareceu um caro conhecedor nem de grafia e nem de psicografia, pelo que eu sei ele é um ótimo profissional em sua área como bancário, mas não deveria ter se metido nessa “barca furada” que foi criticar um profissional como Perandréa em uma área que não é a dele é isso que eu quis dizer, Montalvão mesmo conclui: “a mensagem vertida por Chico Xavier demonstra clara intenção de simular a letra de Iilda Mascaro, sendo fora de dúvida que não foi a referida ILDA a autora da missiva”, nessa matéria de Montalvão onde está a prova ou evidência clara de que Chico Xavier, no texto, tenha simulado de má “fé” a letra de Ilda?, eu pelo menos não vi nenhum argumento que possa corroborar tal acusação.

    Gorducho, não é conhecer a hipótese espirita pois a psicografia não é um assunto especifico do espiritismo é um assunto da ciência para ser mais especifico, da parapsicologia, pois o espiritismo nada tem de cientifico como muitos tentam argumentar por ai, e para investigar um caso como esse é claro que se precisaria de um minimo conhecimento sobre tal assunto.
    E sobre o perito que vc mencionou é isso mesmo, ele precisa averiguar 2 ou mais textos e aí fazer uma análise para saber se é ou não da mesma pessoa, só que nesse caso especifico ele não estava lhe dando com um caso só de grafia havia um suposto caso paranormal ou seja a psicografia.

  105. Gorducho Diz:

    só que nesse caso especifico ele não estava lhe dando com um caso só de grafia havia um suposto caso paranormal ou seja a psicografia.
     
    …Mas que nada tem a ver com o resultado da perícia grafoscópica. Especificamente: se havia a suposição de um caso paranormal por parte dos solicitadores da perícia,isto em nada influi na perícia. Ou seja, o fato do Perito ter estudado e levado 10 anos para compreender a hipótese parapsicológica da escrita automática, em nada deverá ter influído no(s) laudo(s) emitidos pelo Perito. Por isso disse que não entendi a correlação estabelecida pelo Sr. entre os laudos técnicos de grafoscopia e o fato do Perito, segundo relata o Sr., ser um estudioso do assunto “escrita automática”. Entende?

  106. Biasetto Diz:

    Martinez,
    Vamos fazer o seguinte: aponte um único motivo pra que possamos/devemos acreditar na mediunidade de Chico Xavier. Só um, indique-o, aí vamos conversar melhor.

  107. Toffo Diz:

    Posso até estar enganado, mas Perandréa é envolvido com a doutrina espírita. Assim como quase todos que tentaram “examinar” CX com viés mais técnico. Se CX não sentisse firmeza em relação ao pesquisador, ele não permitia exame. CX começou a ficar famoso e indisponível a partir de 1971, quando foi protagonista dos dois programas Pinga Fogo da extinta TV Tupi. Até então, ele era conhecido, mas ainda acessível. Tanto é que o conheci nessa época, nos anos 1950 e 60, eu era criança e meus pais eram chiquistas de carteirinha. CX tinha tempo, sim. Tempo de ler e de se autoensinar. Tinha tempo de escrever milhares de cartas, ele que era missivista compulsivo. Depois que ficou famoso, ele parou de escrever livros mais alentados (a série André Luiz terminou em 1968, por exemplo) e ia aí só no piloto automático. Mensagens e mais mensagens de autoajuda, que ele escrevia com o pé nas costas. 3/4 da obra dele são mensagens de autoajuda. Com a prática que ele tinha de “psicografar”, até eu!

  108. Marciano Diz:

    Para quem pegou o bonde andando, vejam aqui o que disse o Montalvão:
    http://obraspsicografadas.org/2010/psicografia-luz-da-grafoscopia-o-que-perandra-no-viu/

  109. Marciano Diz:

    Biasetto, permita-me mostrar como você progrediu, aproveitando para mostrar ao Contra o chiquismo que ele tem razão quando diz que bom mesmo é falar de cx:
    .
    “Eduardo José Biasetto Diz:
    dezembro 24th, 2010 às 21:33
    Depois de ter feito vários comentários no tema “Os problemas metodológicos de Kardec”, quando me empolguei com o blog e achei que estava fazendo sucesso, até mesmo com algumas besteiras que falei, resolvi me conter e ficar só na observação. Os dois últimos temas propostos pelo blog, inclusive este sobre “grafoscopia”, não encontraram repercussão. Em parte, acredito eu, porque quando se foge ao tema Chico Xavier, o blog fica esvaziado, o que demonstra o significativo apelo emocional que envolve o Chico, mesmo entre aqueles que dizem não acreditar nas psicografias.
    Nos últimos 30 dias, reli o livro “Ação e Reação” do Chico e estou lendo um livro chamado “Decepcionado com Deus”, de um autor evangélico chamado Philip Yancey. Eu já havia lido um livro desse escritor “Maravilhosa Graça” (recomendo), que tinha me causado uma impressão muito boa.
    Não sou e nunca fui “evangélico”, mas Yancey não mistura as coisas, porque os temas que ele debate são, digamos, “universais”.
    Há poucos dias, estive em uma clínica especializada no tratamento ao câncer, em Campinas, acompanhando uma pessoa querida. Vi coisas lá de deixar a gente com um nó na garganta. Então, pensei sobre o Chico, o Yancey, a Madre Teresa, Gandhi, Confucio, Jesus… Como certas pessoas aparecem na Terra para consolar pais, filhos, doentes, miseráveis, “injustiçados”. O que é a fé? Quem tem a resposta para os mistérios da vida. Qual a finalidade desse blog, questionando os fundamentos de fé das pessoas, suas esperanças nos momentos de dor e desilusão.
    Até acho interessante a ideia de se questionar algumas informações no campo da espiritualidade, de se discutir temas polêmicos, especialmente quando estão relacionados a dogmas enraizados e, claramente, frágeis.
    Porém, o que identifiquei no blog é um desejo claro de desacreditar o espiritismo, esculhambar com o Chico e suas obras. Penso que o Vítor e seus colaboradores deveriam reformular seus conceitos. Ao invés de partir da ideia “É”, por que não adotar a ideia “PODE SER”.
    Minhas dúvidas sobre Deus, Chico Xavier, os milagres de Jesus… continuam existindo, mas de uma coisa eu tenho certeza: ninguém tem a resposta concreta para estes temas. Então, se a fé alivia a dor das pessoas, traz esperança, conforta, cura! Que assim seja…
    Felizes o que creem. A todos um Feliz Natal!”

  110. Biasetto Diz:

    Marciano,
    Acredito que hoje, eu não repetiria todas as palavras acima. Nesta situação aí, eu estava acompanhando meu pai num tratamento contra um câncer e fiquei bastante emocionado com muitas coisas que vi nesta clínica lá de Campinas.
    Penso que todas as pessoas têm o direito de buscar diversas formas de esperança e conforto, especialmente quando estão passando por um momento de muita dificuldade.
    Quando se trata de doença, defendo que a pessoa busque a Medicina sempre, mas também entendo que faça uso de “tudo quanto é remédio”, se assim lhe convier.
    Também penso que aqueles que, de uma forma ou de outra, se sujeitam a ajudar o próximo, merecem uma atenção. Porém, a mentira nunca é solução pra nada.
    Esta é minha visão hoje.
    Um grande abraço.

  111. contra o chiquismo Diz:

    “Marciano Diz:
    janeiro 24th, 2013 às 18:37

    Para que cx ou qualquer outro psicografe algo é preciso que existam espíritos, os que seriam os autores da mensagem psicografada.
    Até agora ninguém provou cientificamente a existência de espíritos.
    Psicografia é mais uma farsa.
    Exploração da credulidade pública.”

    FALA ISSO PRO “PROFESSOR” botaniCUzinho MARCOS ARDUIN…

  112. contra o chiquismo Diz:

    “Martinez Diz: Gorducho, não é conhecer a hipótese espirita pois a psicografia não é um assunto especifico do espiritismo é um assunto da ciência…”

    E VC AGORA DECIDE O QUE É ASSUNTO DA CIÊNCIA?

  113. Marciano Diz:

    Contra, você conhece essa do cx?
    Observe o vocabulários esquisito e piegas, elementos mortíferos em vez de veneno, e outras frescuras típicas:
    http://www.forumespirita.net/fe/artigos-espiritas/marilyn-monroe-suicidio/
    Olá a todos, muita paz.

    A tese de suicídio de Merilyn Monroe, e verdadeira ou falsa perante a espiritualidade? pelo que li ela não disse que queria morrer, e sim estava a sofrer por estar passando por momentos difíceis, isto tem justificativa perante o que nos ensina a doutrina? segue matéria.

    ENTREVISTA com o Além
    Marilyn foi vítima de um descuido: não se suicidou

    Caminhávamos, alguns amigos, admirando a paisagem do Wilshire Boulevard, em Hollywood, quando fizemos parada, ante a serenidade do “Memoriam Park Cemetery”, entre o nosso caminho e os jardins de Glendon Avenue.
    A formosa mansão dos mortos mostrava grande movimentação de Espíritos libertos da experiência física, e entramos.
    Tudo, no interior, tranqüilidade e alegria.
    Os túmulos simples pareciam monumentos erguidos à paz, induzindo à oração.
    Entre as árvores que a primavera pintara de verde novo, numerosas entidades iam e vinham, muitas delas escoradas umas nas outras, à feição de convalescentes, sustentadas por enfermeiros em pátio de hospital agradável e extenso.
    Numa esquina que se alteava com o terreno, duas laranjeiras ornamentais guardavam o acesso para o interior de pequena construção que hospeda as cinzas de muitas personalidades que demandaram o Além, sob o apreço do mundo. A um canto, li a inscrição: “Marilyn Monroe – 1926-1962.” Surpreendido, perguntei a Clinton, um dos amigos que nos acompanhavam:
    - Estão aqui os restos de Marilyn, a estrela do cinema, cuja história chegou até mesmo ao conhecimento de nós outros, os desencarnados de longo tempo no Mundo Espiritual?
    - Sim – respondeu ele, e acentuou com expressão significativa: – não se detenha, porém, a tatear-lhe a legenda mortuária…Ela está viva e você pode encontrá-la, aqui e agora…
    - Como?
    O amigo indicou frondoso olmo chinês, cuja galharia compõe esmeraldino refúgio no largo recinto, e falou:
    - Ei-la que descansa, decerto em visita de reconforto e reminiscência…
    A poucos passos de nós, uma jovem desencarnada, mas ainda evidentemente enferma, repousava a cabeça loura no colo de simpática senhora que a tutelava. Marilyn Monroe, pois era ela, exibia a face desfigurada e os olhos tristes. Informados de que nos seria lícito abordá-la, para alguns momentos de conversa, aproximamo-nos, respeitosos.
    Clinton fez a apresentação e aduzi:
    - Sou um amigo do Brasil que deseja ouvi-la.
    - Um brasileiro a procurar-me, depois da morte?
    - Sim, e porque não? – acrescentei – a sua experiência pessoal interessa a milhões de pessoas no mundo inteiro…
    E o diálogo prosseguiu:
    - Uma experiência fracassada…
    - Uma lição talvez.
    - Em que lhe poderia ser útil?
    - A sua vida influenciou muitas vidas e estimaríamos receber ainda que fosse um pequeno recado de sua parte para aqueles que lhe admiram os filmes e que lhe recordam no mundo a presença marcante …
    - Quem gostaria de acolher um grito de dor?
    - A dor instrui…
    - Fui mulher como tantas outras e não tive tempo e nem disposição para cogitar de filosofia.
    - Mas fale mesmo assim…
    - Bem, diga então às mulheres que não se iludam a respeito de beleza e fortuna, emancipação e sucesso…Isso dá popularidade e a popularidade é um trapézio no qual raras criaturas conseguem dar espetáculos de grandeza moral, incessantemente, no circo do cotidiano.
    - Admite, desse modo, que a mulher deve permanecer no lar, de maneira exclusiva?
    - Não tanto. O lar é uma instituição que pertence à responsabilidade tanto da mulher quanto do homem. Quero dizer que a mulher lutou durante séculos para obter a liberdade… Agora que a possui nas nações progressistas, é necessário aprender a controlá-la. A liberdade é um bem que reclama senso de administração, como acontece ao poder, ao dinheiro, à inteligência…
    Pensei alguns momentos na fama daquela jovem que se apresentara à Terra inteira, dali mesmo, em Hollywood, e ajuntei:
    - Miss Monroe, quando se refere à liberdade da mulher, você quer mencionar a liberdade do sexo?
    - Especialmente.
    - Porquê?
    - Concorrendo sem qualquer obstáculo ao trabalho do homem, a mulher, de modo geral, se julga com direito a qualquer tipo de experiência e, com isso, na maioria das vezes, compromete as bases da vida. Agora que regressei à Espiritualidade, compreendo que a reencarnação é uma escola com muita dificuldade de funcionar para o bem; toda vez que a mulher foge à obrigação de amar, nos filhos, a edificação moral a que é chamada.
    - Deseja dizer que o sexo…
    - Pode ser comparado à porta da vida terrestre, canal de renascimento e renovação, capaz de ser guiado para a luz ou para as trevas, conforme o rumo que se lhe dê.
    - Ser-lhe-ia possível clarear um pouco mais este assunto?
    - Não tenho expressões para falar sobre isso com o esclarecimento necessário; no entanto, proponho-me a afirmar que o sexo é uma espécie de caminho sublime para a manifestação do amor criativo, no campo das formas físicas e na esfera das obras espirituais, e, se não for respeitado por uma sensata administração dos valores de que se constitui, vem a ser naturalmente tumultuado pelas inteligências animalizadas que ainda se encontram nos níveis mais baixos da evolução.
    - Miss Monroe – considerei, encantado, em lhe ouvir os conceitos -, devo asseverar-lhe, não sem profunda estima por sua pessoa, que o suicídio não lhe alterou a lucidez.
    - A tese do suicídio não é verdadeira como foi comentada – acentuou ela sorrindo. Os vivos falam acerca dos mortos o que lhes vem à cabeça, sem que os mortos lhes possam dar a resposta devida, ignorando que eles mesmos, os vivos, se encontrarão, mais tarde, diante desse mesmo problema… A desencarnação me alcançou através de tremendo processo obsessivo. Em verdade, na época, me achava sob profunda depressão. Desde menina, sofri altos e baixos, em matéria de sentimento, por não saber governar a minha liberdade…Depois de noites horríveis, nas quais me sentia desvairar, por falta de orientação e de fé, ingeri, quase semi-inconsciente, os elementos mortíferos que me expulsaram do corpo, na suposição de que tomava uma simples dose de pílulas mensageiras do sono…
    - Conseguiu dormir na grande transição?
    - De modo algum. Quando minha governanta bateu à porta do quarto, inquieta ao ver a luz acesa, acordei às súbitas da sonolência a que me confiara, sentindo-me duas pessoas a um só tempo… Gritei apavorada, sem saber, de imediato, identificar-me, porque lograva mover-me e falar, ao lado daquela outra forma, a vestimenta carnal que eu largara… Infelizmente para mim, o aposento abrigava alguns malfeitores desencarnados que, mais tarde, vim a saber, me dilapidavam as energias. Acompanhei, com indescritível angústia, o que se seguiu com o meu corpo inerme; entretanto, isso faz parte de um capítulo do meu sofrimento que lhe peço permissão para não relembrar…
    - Ser-lhe-á possível explicar-nos porque terá experimentado essa agudeza de percepção, justamente no instante em que a morte, de modo comum, traz anestesia e repouso?
    - Efetivamente, não tive a intenção de fugir da existência, mas, no fundo, estava incursa no suicídio indireto. Malbaratara minhas forças, em nome da arte, entregara-me a excessos que me arrasaram as oportunidades de elevação… Ultimamente fui informada por amigos daqui de que não me foi possível descansar, após a desencarnação, enquanto não me desvencilhei da influência perniciosa de Espíritos vampirizadores a cujos propósitos eu aderira, por falta de discernimento quanto às leis que regem o equilíbrio da alma.
    - Compreendo que dispõe agora de valiosos conhecimentos, em torno da obsessão…
    - Sim, creio hoje que a obsessão, entre as criaturas humanas, é um flagelo muito pior que o câncer. Peçamos a Deus que a ciência do mundo se decida a estudar-lhe os problemas e resolve-los…
    A entrevistada mostrava sinais de fadiga e, pelos olhos da enfermeira que lhe guardava a cabeça no regaço amigo, percebi que não me cabia avançar.
    - Miss Monroe – conclui -, foi um prazer para mim este encontro em Hollywood. Podemos, acaso, saber quais são, na atualidade, os seus planos para o futuro?
    Ela emitiu novo sorriso, em que se misturavam a tristeza e a esperança, manteve silêncio por alguns instantes e afirmou;
    - Na condição de doente, primeiro, quero melhorar-me… Em seguida, como aluna no educandário da vida, preciso repetir as lições e provas em que fali…Por agora, não devo e nem posso ter outro objetivo que não seja reencarnar, lutar, sofrer e reaprender.
    Pronunciei algumas frases curtas de agradecimento e despedida e ela agitou a pequenina mão num gesto de adeus. Logo após, alinhavei estas notas, à guisa de reportagem, a fim de pensar nas bênçãos do Espiritismo Evangélico e na necessidade da sua divulgação. (IRMÃO X)

    Texto extraído do livro “Estante da vida” (Rio de Janeiro: Federação Espírita Brasileira), autoria do Espírito Irmão X, psicografado por Francisco Cândido Xavier.

    Abraços fiquem com Deus.
    Zeni.

    Clique aqui para ler mais: http://www.forumespirita.net/fe/artigos-espiritas/marilyn-monroe-suicidio/?PHPSESSID=302dba4cba9948f79e968921f0c9c755#ixzz2J0VNKVs3
    .
    Realmente cx não era pilantra, ele recebeu uma comunicação do irmão x, aka Humberrto de Campos (o rolo na Justiça, lembra-se? – direitos autorais), o qual entrevistou a loirinha gostosa no além.

  114. Martinez Diz:

    Biasetto, por acaso vc acha que vai convencer a mim ou a alguém com matérias manipuladas como essa sobre Perandréa ou as do jornal O Globo?, e outra coisa eu nunca afirmei aqui em nenhum comentário que o Chico era um médium autentico ele pode ter sido mas até então nada se sabe totalmente nem para o sim e nem para o não até, que todas as obras sejam vistas e revistas, eu apenas estou defendendo a imparcialidade coisa que não parece existir muito por aqui.

    contra o chiquismo, isso sempre foi assunto da ciência caso vc não saiba, se vc não conhece nada sobre o assunto procure primeiro pesquisar sobre a parapsicologia que é um ramo da ciência aonde a psicografia e outros fenomenos desse genero são estudados, antes de opinar, beleza?.

  115. contra o chiquismo Diz:

    NÃO ME RESPONDEU SR MARTINEZ.

  116. Otavio Ferreira Diz:

    “… como aluna no educandário da vida…”
    Será que todos os espíritos quando desencarnam viram essa pieguice aí? Eu não entendo como é que tem espírita ainda no mundo, é muito retardamento.

  117. Marciano Diz:

    Otavio Ferreira, é isso mesmo, você pegou o “espírito” da coisa, todo mundo fica piegas como cx. “Educandário da vida”, “elemento mortífero”, “querida mãezinha”.
    Assinatura de cx, vocabulário típico em todas as “psicografias”. Você tem razão, ou o crente é retardado ou tem problemas psicológicos graves ou é um mentiroso que leva alguma vantagem com isso.

  118. Antonio G. - POA Diz:

    Entrei rapidinho só para dizer o seguinte ao Martinez: Meu caro, não existe “médium autêntico”. São todos falsos. Não acredite em médiuns, nem em notas de 3 reais.
    .
    Na semana que vem, eu volto. E isso não é uma ameaça. rsrsrs

  119. Cassio1961 Diz:

    essa entrevista com a loira Marylin Monroe no cemitério em Hollywood, é dureza!
    não dá para acreditar nisso,… em algum momento da minha vida, eu li alguma coisa sobre o espiritismo(doutrina,romances psicografados inclusive de outros médiuns), já tive inclusive uma pequena biblioteca sobre o assunto, mas hoje depois de ler sobre as psicografias(??) e também depois de ver aquelas fotos do Cruzeiro(!!) e outras histórinhas sobre CX, fica evidente a enrolação que é tudo isto.

  120. Gorducho Diz:

    Acontece que na Erraticidade as almas são mesmo “sombras” meio que abobalhadas, que nada fazem. Por isso as mensagens são besteiras. Lembram-se do que o Aquiles disse para o Odysseus quando este visitou-o lá? (Mais ou menos):
    Preferiria ser escravo de um agricultor que revira esterco para sobreviver, do que reinar aqui neste mundo de sombras.

  121. Marciano Diz:

    Gorducho, you don’t know the power of the dark side.
    .
    Cassio1961, eu nunca acreditei, mas acreditava na boa-fé de cx, até ver as mesmas coisas que você.

  122. Contra o Chiquismo. Diz:

    Cx plagiava. Cx mandava colher dados dos falecidos nas filas antes de atender os familiares.Tudo bem, mas agora plagiar o CX é demais! Lembro dos meus tempos de alienação quando li este livro. Có pia fiel da pieguice do CX (né MArciano?).

    http://www.mensagemespirita.com.br/uploads/livros_file_foto/192851_gr.jpg

    A moto só foi uma ferramenta de passagem pro além…

  123. Biasetto Diz:

    Martinez,
    Você insiste em manter-se firme na ideia de que Chico Xavier foi médium. Eu pedi pra você indicar UM ÚNICO motivo que justifique isto. Estou esperando.
    O artigo do Montalvão é bom, o que não impede de ser questionado, mas é bom.
    Essa história que o Marciano colocou aí, sobre a Marilyn, eu já conhecia, assim como conheço muitas outras, que vêm do meio espírita-chiquista, que fez escola no Brasil, sendo extremamente católico, só não vê quem não quer também: é papai do céu, Jesus nosso mestre, mãezinha querida … e assim vai …
    Eu já fiz todo tipo de comentários aqui no blog, alguns em que exaltei e falei coisas que não deveria ter falado. Ou melhor: usei termos que não deveria ter usado. Por isso, estou tentando ser mais ponderado e mais “respeitoso”, até porque, minhas dúvidas sobre Chico Xavier são outras:
    1 – Ele poderia ter algum tipo de distúrbio mental, algum tipo de esquizofrenia, por exemplo?
    2 – Ele tinha plena noção do que fazia, misturando ideias sobre leituras que fez, com suas crenças e fantasias?
    3 – Ele simplesmente sabia perfeitamente o que fazia, não sofria de distúrbios mentais, mas emocionais e, sendo assim, mesmo tendo consciência de que mentia, considerava que era válido, porque acreditava na doutrina espírita e queria ajudar pessoas com suas dores?
    É muito agradável e confortante, ler histórias sobre a vida no além, numa colônia tipo Nosso Lar, repleta de belas paisagens, águas cristalinas, palestras, passeios, belas casas, reencontros com amigos e entes queridos, animais …
    Isto é o lado atraente da doutrina-chiquista, muito agradável, confortante.
    Porém, se você ler com visão crítica, muitas outras informações, ideias, você começa a perceber uma monte de bobagens, besteiras, contradições, manifestações infantis, tolas, até ridículas.
    A fragilidade é tão grande, que pessoas como eu, o Antonio e o outros que gastaram um tempo na vida, envolvido com isto, acaba sempre fazendo a seguinte pergunta:
    - Como eu acreditava nisso?

  124. Contra o Chiquismo. Diz:

    NÃO ME RESPONDEU SR MARTINEZ.!!!!

  125. Marciano Diz:

    Contra, você é o cara. Nunca fui nada, porém entendo perfeitamente como você se sente, enganado por essa gentalha.
    Essa da moto eu não conhecia. Que cara de pau! Dizem que não dá para avaliar um livro pela capa. Quem diz isso nunca viu a capa desse livro. Zombaria pura. Coisa de poltergeist (espírito zombeteiro em alemão, para quem não sabe).
    .
    Eu dou graças a Deus (claro que estou se sacanagem, só quanto a Deus, quanto a vocês, falo sério) por você, Contra, Biasetto, Toffo, Antonio, Vitor e outros mais terem acordado desse pesadelo.
    .

    Biasetto, até conhecer este blog eu achava o cx poderia ser um louco bem intencionado, aqui, inclusive graças a você e os posts sobre os plágios, eu vi, com toda certeza, que o cara era pilantra. Fico com a terceira hipótese.
    .
    Biasetto, eu também não consigo entender como vocês conseguiam acreditar nesse nonsense. Vocês são inteligentes, informados, cultos. Que coisa!
    .
    Contra, o Martinez acaba chegando lá, como o Arduin, o botânico. Questão de tempo. Vão sentir vergonha quanto entenderem tudo. Sem problemas, libertar-se dessa bobajada já é um prêmio.

  126. Marciano Diz:

    “Quanto” foi influência negativa do espírito de Max Planck, eu quis escrever “quando”.

  127. Fabiano Diz:

    Se não me engano foi o Marcos Arduin quem disse que “as pataquadas que fazem certos médiuns não diminui em nada o espiritismo”, mais ou menos com estas palavras. Também estou de acordo com este pensamento. O verdadeiro espírita, o estudioso, não deveria viver para ficar provando isso ou aquilo para aqueles que nada entendem e que pouco querem estudar e entender sobre este tema. Já pensou um físico nuclear ter que explicar para todos os advogados, historiadores, engenheiros e outros ramos de atividade, todos os detalhes e minúcias da sua profissão? Além de exaustante, ele acabaria por não progredir em seu ramo, porque teria que dispender muito tempo dando explicações, para algumas perguntas fundamentais e para outras sem fundamento algum. E o contrário também é verdadeiro, um advogado não precisa ficar explicando tudo para um biólogo marinho. Cada estudo, cada trabalho, tem suas particularidades e disciplinas. Mas todas as disciplinas e todas as ciências em conjunto, podem e devem ajudar umas as outras, como forma de auxiliar o progresso da humanidade.
    -
    É claro que há médiuns que plagiam, que mistificam, que mentem, que enganam. Mesmo que 99% deles fizessem tudo isso que acabei de citar, o problema ainda persiste, justamente por causa dos 1% restante. Não trazer um trabalho que aponte que Rosemary Brown não passasse de uma simples charlatã, deixa a questão do espiritismo ainda em aberto. Mas dizer que é ela quem teria que provar, é uma resposta bem simplista para o meu gosto. E infelizmente, este caso da senhora Brown já não será mais possível ser testado e provado ou reprovado. Mas a ciência atual vem despertando interesse nesse tema e já começam a estudar os autistas ou sinestésicos, que vêm cores ao redor das pessoas, relacionando essas cores a um estado de personalidade, e já consideram este tema como fato, algo real e que o estudo desse tema está disponível para download para um posterior estudo.
    -
    Fonte para pesquisa:
    http://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/13554794.2011.608366

  128. Fabiano Diz:

    Gorducho tenho que concordar contigo quando disse “Acontece que na Erraticidade as almas são mesmo “sombras” meio que abobalhadas, que nada fazem. Por isso as mensagens são besteiras.” Também vejo que esse conceito de erraticidade está bem próximo do conceito católico de purgatório, que no wikipédia define como um “condição e processo de purificação ou castigo temporário em que as almas daqueles que morrem em estado de graça são preparadas para o Reino dos céus.” Sendo assim, qualquer médium que receber intuições, contatos visuais, auditivos, etc, dos espíritos nestas condições, corre o risco de não produzir coisas boas. Para evitar isso o médium tem como filtrar tais mensagens. Por outro lado, se um médium está em contato com espíritos fora dessa condição de erraticidade, pode produzir coisas boas e aproveitáveis para toda a humanidade, como foi o caso das composições de Rosemary Brown, que já foi citado aqui e que volto, mais uma vez, a repetir. Composições como esta aqui: http://youtu.be/a3n45DtL3kY. (Recomendo ouvir com uns bons fones de ouvido, de preferencia os que cobrem toda a orelha, esta é a minha sugestão.)

  129. Fabiano Diz:

    Biasetto perguntou:
    1 – Ele poderia ter algum tipo de distúrbio mental, algum tipo de esquizofrenia, por exemplo? – A resposta é sim, de acordo com a visão espírita e de alguns espiritualistas ao redor do mundo, como a dos Hinduístas, por exemplo. Entendemos como “distúrbio mental” uma mente fora do “comum” da maioria das pessoas.
    2 – Ele tinha plena noção do que fazia, misturando ideias sobre leituras que fez, com suas crenças e fantasias? – Um médium sempre tem conhecimento do que faz. A não ser que esteja completamente “obsedado” ou “avassalado”, o que não era o caso de Chico Xavier.
    3 – Ele simplesmente sabia perfeitamente o que fazia, não sofria de distúrbios mentais, mas emocionais e, sendo assim, mesmo tendo consciência de que mentia, considerava que era válido, porque acreditava na doutrina espírita e queria ajudar pessoas com suas dores? – Também é possível, se considerarmos a hipótese dele não ser um médium. Mas agora vai ser mais difícil comprovar isso. Eu acredito que ele foi um médium, sabia do que fazia e ainda assim tinha esse compromisso de querer ajudar as pessoas com suas dores. Uma mistura das 3 hipóteses levantadas por você.

  130. Martinez Diz:

    Contra o chiquismo, isso sempre foi assunto da ciência caso vc não saiba, se vc não conhece nada sobre o assunto procure primeiro pesquisar sobre a parapsicologia que é um ramo da ciência aonde a psicografia e outros fenomenos desse genero são estudados, antes de opinar, beleza?

  131. Gorducho Diz:

    Recomendo ouvir com uns bons fones de ouvido, de preferencia os que cobrem toda a orelha, esta é a minha sugestão.
     
    Uma das coisas que terrivelmente regrediu com a tecnologia. Que saudades das nossas aparelhagens de som GRADIENTE, MARANTZ, &c. Já nem fone tenho mais. Agora este som digital compactado, onde nem se distingue os instrumentos que se enxerga sendo tocados no vídeo. E pior, a música computadorizada, a qual meu ouvido discerne de imediato e anula completamente qualquer coisa de bom que poça ter os demais elementos da obra sonora :(

  132. Gorducho Diz:

    String.Replace(“poça”,”possa”);

  133. Gorducho Diz:

    Por outro lado, se um médium está em contato com espíritos fora dessa condição de erraticidade, pode produzir coisas boas e aproveitáveis para toda a humanidade, como foi o caso das composições de Rosemary Brown,
     
    Na cosmologia Kardecista, sempre a alma estará na Erraticidade, se não estiver encarnada n’algum globo. Eu sempre baseio meus comentários no modelo Kardecista, até por em geral estar debatendo com o Professor Arduin, que é afilhado a esta corrente hoje minoritária.
    Agora, sim, incorri em Erro Doutrinário ao comentar dias atrás sobre a Rosemary Brown. Podem sim os compositores esses estarem encarnados em diversos mundos e manifestarem-se aqui na Terra. É análogo ao caso de vivos terráqueos dormindo. Tem-se o caso prático do Bernard Palissy, o qual reside em Júpiter e manifestou-se aqui. Tem também o caso de um senhor que residia na época em Juno, tendo lá 4 filhos.

  134. Martinez Diz:

    Marciano, pelo que eu pude perceber muitos dos que frequentam esse blog eram espiritas, dai se decepcionaram com o espiritismo ficaram revoltados e desde então “sentam a lenha”, vc disse o Martinez acaba chegando lá, e no final do seu comentário vc diz libertar-se, libertar-se do que Marciano?, eu não sou nunca fui e nem pretendo ser espirita, e essa palavra liberta-se me lembra algo de cunho religioso do tipo “liberte-se agora irmão e venha para o novo mundo”, voces me parecem meio fanáticos ou é só impressão minha ?, vivem atacando a qualquer custo tudo que “cheira” a espiritismo ou que seja paranormal não importa o que aconteça, existe sempre o cabeça que no caso aqui é o Biasetto seria uma espécie de mentor, e pelo o que eu percebi a maioria aqui lê as matérias e nem contestam simplesmente aceitam e pronto!, isso me cheira um pouco a religião, religião não é um lugar aonde as pessoas leêm qualquer coisa sem contestar ?.

  135. Martinez Diz:

    Biasetto, eu acho que pelo fato de vc o Toffo, Antonio, Vitor terem sido espiritas isso acabou gerando uma revolta tão grande que impede voces de analisarem os casos de uma maneira cientifica, eu tenho meu modo de pensar e nem por isso as pessoas precisam acreditar ou se guiarem por ela, eu acho que cada um deve fazer suas próprias pesquisas e tirarem assim suas conclusoes vc no caso tem sua opinião formada pelo aquilo em que vc leu sobre Chico e eu respeito, mas também não significa que o que vc e ostros pensam são uma “verdade absoluta”, pois pelos muitos comentários que vejo aqui parece que voces são os donos da verdade e não é assim que funciona, a minha pelo o que eu pude ver até agora é que o caso Chico é para mim inconclusivo, existe a hipótese de tudo não passar de uma “dramatização do inconsciente”, uns dizem sim outros dizem não, não vou me basear nessa ou naquela opinião tenho a minha própria, eu leio as matérias e analiso se valem a pena ou não dar crédito a elas, Biasetto, é como eu falei para vc e repito nunca disse em momento algum aqui nesse blog que Chico é autentico, que ele recebe mensagens de espiritos e tudo mais, só defendo a imparcialidade, não falo só a respeito do Chico, e sim com respeito a tudo que seja paranormal ou possa ser, meu pai por exemplo era cético e ateu nunca acreditou em nada dessas coisas nem por um instante Chico para ele era louco e pronto, nada mudava o que ele pensava, se eu fosse seguir a opinião dele eu nem estaria lendo matérias desse blog e pesquisando sobre o paranormal e coisas do tipo, para quê?, se vc não acredita nem um pouco na hipótese de existir o paranormal e nem tem a mente aberta para que vc vai “perder tempo” com isso ?.

  136. Martinez Diz:

    Antonio G. – POA, o ideal é sempre ter a mente aberta pois a sua opinião o que vc pensa não é a verdade absoluta, se vc não acredita em algo paranormal ou porque vc nunca presenciou ou porque tem medo que ele exista, não importa o que interessa é o que já foi provado, se a pessoa é cética e fanática ao ponto de não aceitar, o problema é dela, vc com todo respeito me parece só um pseudo-cético fanatico ou seja, não merece crédito algum.

  137. Marciano Diz:

    Martinez, você está enganado a meu respeito.
    Nem vou comentar seu jogo de palavras, dizer que “libertar-se” é expressão “exclusiva” de religiosos para vir com a balela de que ateu é “religioso”, que ateísmo é religião e que descrença é crença. As pessoas podem libertar-se de um vício, isso tem a ver com religião? Como diria o finado Bussunda, “Fala sério”.
    .
    Para seu governo, eu contesto muita coisa da ciência, como buracos de minhoca, viagem no tempo, multiverso, teoria das cordas. Claro que não aqui, aqui o assunto são obras psicografadas e médiuns, principalmente cx, que é o campeão dos médiuns, o pilantra mor, o mais engraçado (Divaldo chega perto).
    .
    Biasetto é meu amigo de fé, meu irmão, camarada. Mas ele não é muito cético, ao contrário do que você pensa. Eu me afino mais com o Antonio G.Poa, que tá viajando no momento.
    .

    Sua teoria a respeito de Biasetto, Antonio, Toffo, Vitor, não se aplica a mim. Nunca acreditei em maluquices. E fico revoltado com qualquer enganador, espírita ou não, qualquer explorador da credulidade pública, mesmo que sejam cientistas que gostam de aparecer em documentários vagabundos do History Channel ou Discovery, só para promoção pessoal, vantagens financeiras, sustentando coisas nas quais não acreditam realmente.
    .
    Aqui não tem cientista, só tem “curioso”, você também não é cientista. Quem mais se aproxima é o Arduin, que tem a profissão de botânico, graduado e pós graduado aqui e acolá, mas que só dá aulas, além de ser espírita de carteirinha, embora da corrente quase extinta de kardecistas de verdade, não chiquistas. Já é alguma coisa.
    .
    Vale a pena perder tempo com essas bobagens, se for para extirpar da humanidade essa coisa horrorosa que é a religião, tem pra todos os gostos, odeiam-se entre si. Experimente falar tudo o que você diz aqui para um muçulmano, seja ele de que denominação for, xiita, sunita, sufi, qualquer merda.
    .
    A gente tem que ter a mente aberta, só que precisa de um filtro, pra não entrar merda, como islamismo, cristianismo e outros ismos, inclusive comunismo, que é ateu por princípio, mas é uma merda.

  138. Biasetto Diz:

    Boa Marciano.
    Eu pedi para o Martinez, fica o pedido pro Fabiano também, que me mostrem UM ÚNICO motivo pra se acreditar na mediunidade de Chico Xavier.
    Até agora, NADA, NADA, NADA, NADA … eu só quero dançar com você …
    Conhece esta Marciano?
    O Contra o Chiquismo deve conhecer, ele é bom em encontrar essas pérolas.
    http://www.youtube.com/watch?v=YaYKt7lLhqo

  139. Martinez Diz:

    Marciano, vc leu o meu comentário? porque se leu acho que não entendeu, aonde foi que eu disse que libertar-se é uma palavra exclusiva da religião? vou repetir a frase caso vc não tenha prestado a atenção e em letras maiusculas: “ME LEMBRA ALGO DE CUNHO RELIGIOSO”, foi isso que eu disse que parecem frases usadas por lideres religiosos por ai, entendeu?.

  140. Fabiano Diz:

    Gorducho, eu também sou saudosista com muitas coisas do passado e inclusive sou um colecionador. Infelizmente não tenho como te passar uma música de boa qualidade aqui no blog. Mas quanto aos fones de ouvidos, muitos são melhores que ouvir de alguma vitrola, porque reduz, em muito, os ruídos exteriores. Como os Ultrasone Professional, que chegam a custar mais de dois mil e quinhentos dólares.
    -
    Quanto ao fato de você sempre basear seus “comentários no modelo Kardecista”, talvez ainda assim você esteja cometendo outros “erros doutrinários”, já que disse que “Na cosmologia Kardecista, sempre a alma estará na Erraticidade, se não estiver encarnada n’algum globo”. Acredito que você tenha se descuidado quanto ao modelo que adotastes para discutir com o Arduin, pois nesse mesmo modelo, na pergunta LE 226 – Todos os Espíritos que não estão encarnados são errantes? temos a resposta: Daqueles que devem reencarnar, sim. Mas os Espíritos puros que atingiram a perfeição não são errantes: seu estado é definitivo.
    -
    Talvez esteja aí um possível mal entendimento, que pode ter sido ocasionada por uma má preparação sobre o tema espiritismo, ou quem sabe por uma maior dedicação aos estudos. Como disse antes, cada um com sua disciplina.

  141. Martinez Diz:

    Biasetto, como eu havia dito antes a “mediunidade” do Chico para mim é um assunto inconclusivo, e outra coisa, não estou aqui para provar se o Chico foi ou não médium estou falando isso faz tempo e acho que vc ainda não entendeu, talvez se eu escrever em letras garrafais ou fazer um desenho colorido quem sabe assim vc compreende, porque desde o começo eu estou dizendo que não há imparcialidade nesse site e que algumas matérias são tendenciosas e fracas, e não que o Chico foi um médium autentico vc apenas está distorcendo o que eu disse e o que eu disse é que estou aqui para defender a imparcialidade eu não falei nada de que iria provar a autenticidade do Chico entendeu?, tudo o que eu tinha para falar sobre o Chico eu já falei e se ficou alguma duvida sobre o que eu disse releia meus comentários.

  142. Fabiano Diz:

    Gorducho, corrigindo: ” … ocasionadO por uma má preparação sobre o tema espiritismo, ou quem sabe PELA FALTA DE uma maior dedicação aos estudos”. Que afinal dá no mesmo.

  143. Gorducho Diz:

    Mas os Espíritos puros que atingiram a perfeição não são errantes: seu estado é definitivo.
     
    O Sr. não conseguiu contextualizar. Jamais os espíritos de todos aqueles compositores seriam hoje já puros, completamente desmaterializados e reunidos ao nous. Só se conseguiram um fast track para a perfeição bajulando alguma Autoridade Cósmica.

  144. Fabiano Diz:

    Biassetto, acredito que tenha se enganado ao meu respeito, nunca disse que devemos acreditar na mediunidade do Chico Xavier, ou de qualquer outro médium. Afirmo que devemos analisar os casos mediúnicos, todos, e comentei aqui sobre a Rosemary Brown e sobre a pesquisa realizada com autistas, sinestésicos, que veem cores ao redor do corpo das pessoas, que para o espiritismo e espiritualismo é um tipo de mediunidade, mas se a ciência quer chamar de autista ou sinestésicos, para mim, tudo bem.
    -
    Mediunidade é uma faca de dois gumes, pode produzir coisas boas ou más. Um espírito analfabeto e ignorante e que esteja ainda nessas condições no além túmulo, dificilmente vai conseguir produzir algo inteligente. Já um espírito inteligente, alfabetizado, pode produzir efeitos inteligentes, ou inclusive, pode produzir efeitos, digamos por exemplo, com um linguajar menos rebuscado, para expressar sua ideia ao público que estiver recebendo a mensagem naquele momento.
    -
    Veja agora o caso do Luiz Gasparetto, que tem uma mediunidade que produzia um tipo de resultado (um gume) e que agora produz outro tipo de resultado (outro gume). Analise esse vídeo dele e tire suas conclusões: http://youtu.be/ie4NjHYxSy0. Claro que sei que tudo isso pode ser fruto de treino e de seu subconsciente, mas como disse, produzir obras de outros artistas não é tarefa fácil. Tente você fazer isso. Os céticos daqui por acaso saberia dizer como o subconsciente acessaria a informação que pertenceu alguma pessoa do passado (seja na música ou na pintura)? Se for treino, então qualquer um pode pintar os mesmo quadros de pintores famosos, inclusive assinando como eles? É isso que procuro questionar sempre, sem me filiar a algum partido. Ele, Gasparetto, correu o mundo fazendo suas apresentações ao público estrangeiro, principalmente na Europa, onde este público não era tão leigo assim sobre arte. Fica ai a dúvida.

  145. Fabiano Diz:

    Gorducho, vamos fazer uma recapitulação, passo a passo do que disse. Lá atrás eu disse: “…podemos concluir que nem todos os espíritos quando libertos da matéria, desse nosso corpo, está em erraticidade”, depois eu disse, concordando com sua frase que, “… vejo que esse conceito de erraticidade está bem próximo do conceito católico de purgatório” e depois como vi que você não leu ou mal interpretou o LE, retirei dele a resposta “Daqueles que devem reencarnar, sim. Mas os Espíritos puros que atingiram a perfeição não são errantes: seu estado é definitivo”.
    -
    Portanto não sei o porquê que você diz que “Jamais os espíritos de todos aqueles compositores seriam hoje já puros”. Veja que não estou dizendo que eles sejam puros ou não. Isso não temos como saber. Não podemos classificar moralmente todos eles para saber se sim ou se não. E isso não compete a nós. Portanto, acredito que você erra novamente ao afirmar que “jamais todos eles seriam puros”, a não ser que você apresente algo que demonstre isso.
    -
    Digamos que da lista de bons compositores que a senhora Brown reproduziu, alguns já não precisam mais reencarnar (puros, na linguagem que Kardec descreveu), outros ainda não eram tão puros assim (estando na erraticidade, novamente conforme Kardec), necessitando ou esperando para reencarnar. Veja que estes que estão na erraticidade ainda tem faltas que precisam ser resgatadas através de reencarnações, mas nada impede que na última encarnação não tivesse sido bons músicos e na pregressa bons comerciantes, por exemplo. O problema do entendimento está justamente no fato de que não sabemos quando será a última encarnação de um determinado espirito. Talvez ele possa ter sido um bom exemplo em vários campos, como na música, na escola, no trabalho e falhou em uma coisinha apenas, mas que necessite reparo. Portanto ele pode produzir boas músicas, mas ainda assim necessitar de uma nova ou, quem sabe, de uma última encarnação. E os críticos musicais que determinaram que a música de Chopin era boa, não analisaram todos os aspectos da vida dele, para julgar sua música. Espero que tenha ficado claro agora.

  146. Contra o Chiquismo. Diz:

    “Martinez Diz:
    JANEIRO 26TH, 2013 ÀS 12:16
    … isso sempre foi assunto da ciência caso vc não saiba, se vc não conhece nada sobre o assunto procure primeiro pesquisar sobre a parapsicologia que é um ramo da ciência ”

    PARAPSICOLOGIA É PSEUDOCIÊNCIA!

  147. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO, NO AGUARDO DA PROVA DA EXISTÊNCIA DE ESPIRITOS. TEM COMO? NÃO FAÇA COMO O ARDUIN QUE SIMPLESMENTE IGNORA. JÁ TE PERGUNTEI 3 VEZES E VC FUGIU.

    TO TE PERGUNTANDO A 4ª.

  148. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO, DE NOVO:

    AONDE EU ACHO UM TEXTO SOBRE O LUIS DE MATTOS?

  149. Marciano Diz:

    Vejam, só tem 1min25s:
    http://bardoateu.blogspot.com.br/#!/2011/06/adquira-uma-religiao-agora-mesmo.html

  150. Biasetto Diz:

    Martinez e Fabiano, vocês consideram o Edir Macedo, o RR Soares, o Valdomiro Santiago e o casal Hernandes INCONCLUSIVOS?
    Por favor, me respondam.

  151. Fabiano Diz:

    Contra, não fugi porque você não é nenhuma ameaça. As respostas já foram dadas, mas parece que o seu disco de vinil tá arranhado e a agulha da radiola ficou atascada. E novamente me confundindo ou se desviando, não é? Outra coisa, tente tecer conclusões através do argumento coerente e não pelo GRITO. Evite querer vencer pelo GRITO, como tentou fazer com o Marcos Arduin, isso é deselegante.

  152. Fabiano Diz:

    Biasetto, você também me confunde com o Martinez, já pela segunda vez. Não fui eu quem disse algo sobre inconclusivo. Inconclusivo em que sentido?

  153. Contra o Chiquismo. Diz:

    Fabiano Diz:
    JANEIRO 26TH, 2013 ÀS 21:35
    Contra, não fugi porque você não é nenhuma ameaça. As respostas já foram dadas,
    AONDE? PODE DÁ-LAS DE NOVO? É SÓ COPIAR-COLAR AQUI DE NOVO.

    E novamente me confundindo ou se desviando, não é? EEEEEEUUUUUUUUUUU????????????

    FABIANO, DE NOVO NOVAMENTE:
    AONDE EU ACHO UM TEXTO SOBRE O LUIS DE MATTOS?

  154. Contra o Chiquismo. Diz:

    “Biasetto Diz:
    JANEIRO 26TH, 2013 ÀS 19:51
    Martinez e Fabiano, vocês consideram o Edir Macedo, …Por favor, me respondam.”

    O MACEDÃO! PIOR QUE EU ME AMARRO NELE! VEJA SÓ, SÓ 1 MINUTO:
    http://www.youtube.com/watch?v=vN9pOzIPUoY

  155. Biasetto Diz:

    Fabiano,
    Eu não confundi você com o Martinez, acontece que vocês dois insistem em afirmar que o Chico era médium, quando inúmeras evidências mostram que ele fraudava.
    O Contra, está afirmando que você é o Marden – e eu também acredito que seja. Por mim, tudo bem, inclusive porque gosto da oportunidade de “fazer as pazes” com “desafetos” – nós quebramos o pau, porque você interpretou mal minhas ideias, mas deixa pra lá.
    Toca o barco …
    Eu estou pedindo pra você e o Martinez me mostrarem UM ÚNICO motivo pra se acreditar na mediunidade de Xavier. Vocês não apontam. Não tem?
    Chico Xavier só faltou copiar receitas de bolo, se é que não copiou?
    E vocês insistem em dizer que o homem era médium. Ele “morria” de medo de morrer, se cagava todo. Morria de medo de precisar ir ao médico, ficar em hospital era uma tortura pra ele. Nem ele tinha certeza alguma se existia vida no além.
    Pensem …

  156. Marciano Diz:

    Biasetto, o chico não quis fazer operação espiritual com o Zé Arigó. Ele sabia perfeitamente que cirurgias espirituais são uma farsa.
    E eu não quero fazer pazes com o merden.

  157. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO, VC QUE CONHECE TANTO , PQ ME RECUSA A DIZER ALGO SOBRE O LUIZ DE MATTOS?

  158. Marciano Diz:

    Contra, estou vendo que estamos condenados, eu, você, Biasa, e cia., a voltar como grandes médiuns, como cx e diviado.
    Olha só essa:
    “Não é difícil encontrar pessoas que dedicam grande parte do seu tempo disponível no combate a Doutrina Espírita.
    Buscam de todas as maneiras por textos diversos de autores de todo o planeta alguma divergência, alguma falha, alguma prova concreta sobre a psicografia e ao Espiritismo.
    E vejo que muitos Espíritas entram em confronto através de palavras com essas pessoas.
    Não fico triste com a pessoa que faz a crítica. Simplesmente porque o Espiritismo um dia será provado pela própria comunidade Científica. É apenas questão de interesse, tempo e estudo. Já está previsto.
    Sem contar que essas pessoas que nessa vida atual perseguem os Espíritas e a Doutrina Espírita ao chegar no plano espiritual são tomadas por grande peso na consciência ao descobrir que a tão perseguida Doutrina é justamente a palavra de Jesus em sua terceira revelação.
    Essas pessoas críticas reencarnam novamente em maioria como grandes vultos divulgadores do Espiritismo com uma força jamais vista pela necessidade de resgate”.
    .
    Fonte:
    http://joanadarc.wordpress.com/2012/05/30/criticas-as-obras-psicografadas-de-chico-xavier/

  159. Biasetto Diz:

    Que carma hein Marciano?
    Estamos ferrados.

  160. Contra o Chiquismo. Diz:

    MARCIANO , CX SOBRE ZÉ ARIGÓ:

    DO LIVRO ROBERTO CARLOS EM DETALHES (O PROIBIDO) PAGS 512 E 513:

    O desejo de ver o filho definitivamente curado levou o cantor a
    procurar caminhos alternativos e ele foi bater à porta do polémico
    médium José Pedro de Freitas, mais conhecido pelo nome de Zé Arigó.
    Mineiro de Congonhas do Campo, Zé Arigó era um homem simplório,
    de curso primário, mas que dizia incorporar o espírito do Doutor Fritz,
    médico alemão que teria trabalhado na Primeira Guerra Mundial. Ao
    longo das décadas de 1950 e 1960, o fenómeno Zé Arigó chamou a
    atenção, já que ele realizava cirurgias sem anestésicos e, segundo
    testemunhas, curava doenças de milhares de pessoas que o
    procuravam no Centro Espírita Jesus de Nazaré, em Congonhas do
    Campo.
    Acusado de curandeirismo e exercício ilegal da medicina, Zé
    Arigó foi condenado duas vezes pela justiça. Ele até parou de ir à missa
    porque a Igreja também o acusava de feiticeiro e charlatão. Sem dar
    importância a nada disso, por mais de uma vez Roberto Carlos foi a
    Congonhas levar seu filho para ser examinado pelo cirurgião espírita.
    O cantor ficou bastante impressionado porque, assim que chegou, viu
    Zé Arigó fazer o que seria uma operação de catarata. O médium tirou
    um canivete do bolso, limpou-o na calça e enfiou-o no olho do doente,
    fazendo movimentos de um lado para o outro e de baixo para cima,
    como se fosse um limpador de pára-brisa. Alguns segundos depois ele
    retirou o canivete, limpou-o na camisa e guardou no bolso. Pronto,
    aquele doente estaria definitivamente curado da catarata. O curioso é
    que quando, no final dos anos 60, o líder espírita Chico Xavier
    descobriu que estava com um tumor na próstata, não aceitou o
    oferecimento de cirurgia do colega Zé Arigó. Preferiu ir se tratar numa
    clínica em São Paulo. “Sou contra essa história de meter o canivete no
    corpo dos outros sem ser médico”, justificaria depois.
    Em casos de crianças, Zé Arigó não arriscava tanto. Geralmente
    colocava a mão na cabeça do menor, fazia uma oração e vomitava
    água. Segundo o médium, nesse vómito ele botava para fora tudo de
    ruim que pudesse ter no corpo da criança. Assim ele fez com o filho de
    Roberto Carlos.

  161. Contra o Chiquismo. Diz:

    SÓ MAIS UM POUQUINHO DO LIVRO DO ROBERTO CARLOS E O ZÉ ARIGÓ PAG 513:
    E o cantor parecia satisfeito com os
    resultados, embora nunca manifestasse isto publicamente. “Se eu
    disser que meu filho melhorou com o tratamento de Zé
    Arigó, nenhum médico do Brasil vai querer mais examiná-lo”,
    confidenciava aos amigos.
    Após a morte de Zé Arigó num acidente de automóvel, em
    janeiro de 1971, Roberto Carlos levou seu filho para ser examinado por
    outro médium: o professor Edvaldo Santos, baiano de Vitória da
    Conquista, que teria herdado o espírito do Doutor Fritz. Mas o professor
    Edvaldo também morreu num acidente de automóvel, em maio
    de 1974, e o tratamento do glaucoma de Segundinho prosseguiu com
    a medicina convencional.

  162. Contra o Chiquismo. Diz:

    professor Edvaldo Santos, baiano de Vitória da
    Conquista, que teria herdado o espírito do Doutor Fritz.

    ALGUÉM AÍ SABE ALGO DESSE BAIANO?

  163. Fabiano Diz:

    Biasetto, bom dia.
    Você diz que não me confundiu com o Martinez e é bem verdade, mas você confunde o que eu disse com o que Martinez disse. Essa é uma das confusões que você vem fazendo! Depois você disse “acontece que vocês dois insistem em afirmar que o Chico era médium, quando inúmeras evidências mostram que ele fraudava.”
    Bem:
    1) Eu não INSISTO nisso! Pelo que percebi, Martinez também não! (A confusão é sua!)
    2) Médiuns podem fraudar, (in)voluntariamente! E até fazem isso com muita frequência.
    3) Você não entende o que o senhor Martinez vem dizendo. Na última mensagem que ele direcionou à você, ele disse, “como eu havia dito antes a “mediunidade” do Chico para mim é um assunto inconclusivo, e outra coisa, não estou aqui para provar se o Chico foi ou não médium estou falando isso faz tempo e acho que vc ainda não entendeu”. Essa “mediunidade” (mediunidade entre aspas), deve ser ao fato de que ele deixa em aberto se se trata verdadeiramente de uma mediunidade ou não. Provavelmente ele nem acredite em mediunidade. Percebo que ele está apenas colocando uma observação sobre a imparcialidade e a tendenciosidade deste blog ao dizer, “talvez se eu escrever em letras garrafais ou fazer um desenho colorido quem sabe assim vc compreende, porque desde o começo eu estou dizendo que não há imparcialidade nesse site e que algumas matérias são tendenciosas e fracas”.
    -
    Você diz que o Contra afirma que sou o Marden e você também acredita que eu seja. Bem, esse Marden ou Luis, parece mesmo que perseguem vocês como a sombra persegue objetos e coisas em dias ensolarados. Se vocês fossem médiuns, eu diria que esse tal de Marden é um encosto tentando confundir vocês (ou alertá-los). Parece que o Marciano também sofre dessa “obsessão mardiunica”, não é verdade? Eu também tenho minhas dúvidas aqui neste blog e “acho” que uma pessoa que escreve aqui, seja outra pessoa. Mas como minhas suspeitas não são conclusivas, guardo-as para mim. Diferentemente de vocês! Se eu estiver certo, no momento certo revelarei o que significa essas iniciais: OOFVVPV. Pois você será o mais interessado em saber sobre isso. Portanto, esqueça se sou ou se fui, fulano de tal ou ciclano do além. Como você mesmo disse a pouco “Eu já fiz todo tipo de comentários aqui no blog, alguns em que exaltei e falei coisas que não deveria ter falado. Ou melhor: usei termos que não deveria ter usado. Por isso, estou tentando ser mais ponderado e mais “respeitoso”, até porque, minhas dúvidas sobre Chico Xavier são outras”. Ponderação e respeito é uma ótima filosofia a ser adotada. Aja assim e colherá os louros das boas colheitas, pois saberá separar o joio do trigo. Sendo assim, “toque o barco”.

  164. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Você (e outros) INSISTE(M) no que o Martinez e eu não queremos insistir: provar OU NÃO a mediunidade de Chico Xavier. Apesar que eu tenha motivos de sobra para QUESTIONAR a mediunidade de Chico Xavier e POUCOS motivos para ALEGAR sua mediunidade, vou então me dar ao trabalho de discutir com você um caso: A psicografa como meio de provas no processo penal brasileiro.
    -
    Veja a problemática desse assunto, que envolve não só um profundo conhecimento do espiritismo, como também um bom conhecimento do Direito Penal. E para te ajudar a entender o caso, trago-lhe este texto: http://www.jurisway.org.br/v2/dhall.asp?id_dh=1191. Leia com calma, reflita sobre tudo o que é abordado e PONDERE sobre o que for assimilando. Te darei tempo, por que sei que vai precisar, justamente por se tratar de dois assuntos que SEI que você NÃO domina: Espiritismo e Direito Penal.

  165. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Você diz: “Chico Xavier só faltou copiar receitas de bolo, se é que não copiou?” Apesar de ser uma falta grave, o plágio, não só Chico mas muitos de nós, fazemos isso no nosso dia a dia. Lendo livros online ou assistindo filmes, que não foram autorizados. E “plágios” de receitas de bolo é uma das mais disseminadas formas de “plágio”. O problema de plágio do Chico Xavier, não é um problema para Espiritismo, talvez seja mais um problema para a seita católica. Eu, na minha opinião pessoal, apesar de achar um absurdo essa estória de santificação, que é coisa de católico apostólico romano e brasileiro, sou até favorável na beatificação e santificação do Chico Xavier. Me explico. Chico Xavier, provavelmente sem intenção alguma, acabou confundindo os adeptos católicos. Com isso, o católico que vai ao cinema ou que compra livros de obras psicografadas, acaba não deixando ou deixando menos dinheiro para a seita católica. E esses números de perdas, é um mal negócio para qualquer empresa. E quem tá ganhando com isso são as arcas da f.e.b. e não as arcas católicas.
    -
    Então com a santificação de Chico Xavier, a “justiça” vai ser feita. O joio vai ser separado do trigo. Primeiro que Chixo Xavier é católico e não espírita. Segundo, que é a f.e.b quem ganha com o lucro das vendas dos livros do Chico. Não sei se há ai alguma parceria entre a f.e.b e a seita católica. Repito mais uma vez para que não se enganem com minhas palavras:
    1) os plágios de obras psicografadas em nada enfraquece o espiritismo
    2) que chico é católico e não espírita
    3) que chico, apesar de católico, acabou criando uma evasão de uma parte do dinheiro que iria para as arcas católicas
    4) que a briga pelos direitos autorais das obras psicografadas, pela beatificação e santificação do chico, é uma briga entre a f.e.b e a seita católica e disso não tomo partido.
    5) que qualquer um é livre para usar do nome do chico (ou de qualquer outro médium, ou não) para tirar algum partido, seja politico ou não, financeiro, etc; e que cada um tem a sua própria consciência para querer se auto promover, achincalhando, de forma ilícita, qualquer médium que seja. Mas que saibam, que não me coaduno com vocês e que este não é o meu objetivo aqui.

  166. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Para finalizar, vou comentar a última parte de seu texto: “Ele “morria” de medo de morrer, se cagava todo. Morria de medo de precisar ir ao médico, ficar em hospital era uma tortura pra ele.”
    Pois bem:
    O NÃO medo da morte, pelo que me consta, não deveria ser uma coisa de médiuns. Pelo que sei, os incapacitados mentais, são os tipos de pessoas que não temem a morte. Então podemos destacar que chico não era um incapacitado mental. Os covardes para os problemas que a vida impõe, ou suicidas, também não temem a morte. Portanto podemos concluir que chico também não era esse tipo de pessoa, enfrentando portando seus próprios medos e não tendo medo de revelar sua próprias fraquezas, que por si só, já é um ato de muita coragem. E aqui eu vejo muitos, sem essa coragem que teve o chico. E por último temos os mártires da vida, que também não temem a morte. Portanto percebemos que o chico tampouco queria ser um mártir. Talvez ele quisesse ser uma pessoa comum, com seus defeitos e com outras particularidades que ele mesmo não era capaz de entender, já que o preconceito católico de seu meio, em sua infância, era algo terrível para ele e para todos que tivessem condições similares a dele.
    -
    E quanto a você Biasetto, que critica o medo da morte do chico, se considera:
    1) um incapacitado mental?
    2) um covarde?
    3) ou um mártir?
    -
    Espero que não se ofenda com minhas perguntas e que não me interprete mal, como vem fazendo. Passar bem e tenha um bom domingo junto aos seus familiares.

  167. Biasetto Diz:

    Fabiano,
    Vou começar a comentar pela última postagem sua, depois comento as outras, já que você as direcionou à minha pessoa.
    Se eu fosse uma pessoa que falasse o tempo todo com espíritos, pudesse vê-los, pudesse “visitar” colônias espirituais … eu não teria QUALQUER medo da morte, muito menos ficaria me mijando todo, achando que o avião iria cair. Eu tranquilizaria as pessoas e teria a maior resignação frente ao risco de morrer.
    Não vejo problema algum em o Chico Xavier ter um “medinho” de morrer, mas ele tinha verdadeira aversão à morte – era um “bundão”, se você me entende. Acho muito estranho isto, uma vez que ele, mais do que ninguém, deveria considerar a morte algo natural, tranquilo e uma passagem para uma vida muito melhor.
    .
    E o seu comentário final:
    -
    E quanto a você Biasetto, que critica o medo da morte do chico, se considera:
    1) um incapacitado mental?
    2) um covarde?
    3) ou um mártir?
    -
    Espero que não se ofenda com minhas perguntas e que não me interprete mal, como vem fazendo. Passar bem e tenha um bom domingo junto aos seus familiares.
    .
    DEIXA CLARO QUE VOCÊ É O MARDEN, mas tudo bem, não tem problema algum.
    Abraços !!!

  168. Biasetto Diz:

    Tragédia em Santa Maria – RS. Tristeza enorme !!!
    Daqui uns dias, vão aparecer as incríveis psicografias idiotas, explicando os motivos, assim como as que apareceram sobre o Joelma e aquele circo, lembram-se?

  169. Gorducho Diz:

    Eu, na minha opinião pessoal, apesar de achar um absurdo essa estória de santificação, que é coisa de católico apostólico romano e brasileiro, sou até favorável na beatificação e santificação do Chico Xavier.
     
    Exatamente! Acho que até já expressei essa opinião aqui. Se a ICAR tiver um mínimo de sensatez, beatifica-o (acho que é necessário antes…); e depois santifica-o.

  170. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO, VC QUE CONHECE TANTO , PQ ME RECUSA A DIZER ALGO SOBRE O LUIZ DE MATTOS?

    TÁ MAIS QUE PROVADO BIASETTO QUEM ELE É.

    É COMO DIZ O MARCIANO:
    “VÁ PAGAR BOQUETE PRO LUIZ DE MATTOS NO INFERNO”

  171. Cassio1961 Diz:

    contra o Chiquismo – vc sabe se o filho de R.Carlos ficou curado?…

  172. Valentino Diz:

    Que passatempo esquisito o dos participantes deste blog! Mostram profundidade na ignorância sobre mediunidade, espíritos, doutrina espírita, kardec, chico Xavier, nem sequer de ciência entendem, e dê-lhe falar, falar, falar sem nada a acrescentar!
    Querem deixar marcas de sabedoria, mas são obtusos para compreender coisas banais.
    Querem apelar para ciência, mas tropeçam no be-a-bá da lógica!
    Dão pareceres retumbantes e não percebem o papel histriônico que representam!
    O assunto metafísico é muito sério para ser tratado com tanto amadorismo e insensatez!
    Qual é o motivo de tanta fingida ignorância se os participantes dão mostras de poderem oferecer mais do que mostram? Orgulho, êta orgulho tolo atrasando a vida de vocês!

  173. Valentino Diz:

    Este contra o chiquismo é uma parada! Ele é contra uma coisa óbvia, assim como se é contra a fome, a doença, a poluição, a guerra…
    O Chico Xavier seria contra, aliás, era contra o chiquismo.
    Quem é à favor disso são as mesmas pessoas que adoram ídolos de TV, de futebol, de músicos, de estátuas e imagens de santos, de budas, de amuletos, de sortilégios, etc …

  174. Contra o Chiquismo. Diz:

    CASSIO SEGUNDO O LIVRO: (PAGS 513 E 514)

    em maio
    de 1974, e o tratamento do glaucoma de Segundinho prosseguiu com
    a medicina convencional. Depois de várias cirurgias, muitas orações e
    promessas, a pressão ocular de Segundinho foi controlada e, embora
    não pudesse ter olhos saudáveis, o risco de ficar cego diminuiu
    bastante.
    Em janeiro de 1971, quando Nice estava para completar oito
    meses da gravidez de seu segundo filho com Roberto Carlos, o casal
    teve outro susto: os médicos alertaram que havia uma possibilidade
    de aquele bebé também nascer com glaucoma congénito. Muito
    preocupado, Roberto Carlos recorreu a santa Luzia, considerada a
    protetora dos olhos, e prometeu guardar o dia dela se seu próximo
    filho fosse protegido daquele mal. Dessa vez nasceu uma menina, a
    qual batizaram com o nome de Luciana Rossi Braga. Mas o mais
    importante de tudo foi que, para alívio dos pais, a criança nasceu de
    olhos bem abertos, sem qualquer problema. E o cantor não se
    esqueceu da promessa a santa Luzia. Pela saúde de Luciana e pela
    recuperação de Segundinho, Roberto Carlos definiu que na sua agenda
    a data de 13 de dezembro, dia da santa, passaria a ser dia de
    descanso: não haveria show nem espaço para qualquer compromisso
    profissional.
    Segundinho, hoje mais conhecido como Dudu Braga, cresceu
    convivendo com a dificuldade visual, mas se adaptou à situação e
    passou a levar uma vida relativamente normal, pois até conseguia
    dirigir automóvel. Entretanto, aos 22 anos sofreu um descolamento de
    retina e a partir daí tudo se complicou novamente. Em outubro de
    1992, Roberto Carlos levou Dudu para ser operado no hospital
    Metodista, em Hilston, a maior clínica de olhos dos Estados Unidos. Ao
    mesmo tempo, o cantor pedia novamente a Deus e a santa Luzia pela
    luz dos olhos de seu filho. Foram dois anos de rezas e de tratamento
    no exterior. Dessa vez, porém, pouca coisa pôde ser feita e hoje Dudu
    Braga é praticamente cego: restam-lhe apenas 5% da visão lateral do
    olho esquerdo. “Na minha família, nunca enfrentamos um
    problema como uma fatalidade. A ordem é tocar para frente, viver”,
    diz Dudu.

  175. Vitor Diz:

    Valentino/Scur,
    devido a sua arrogância que nada acrescenta ao debate, está banido.

  176. Biasetto Diz:

    este Scur é um sarro mesmo, putz!
    “Haja Paciência”, “Orlando”, agora: “Valentino”.

  177. Biasetto Diz:

    Sabe Vítor, esta coisa de identificar as pessoas pelo tipo de comentário, mostra como é possível identificar plágios, mesmo quando não são escandalosos. Todo mundo tem uma marca,um estilo, ao escrever, manifestar as ideias. É quase como se fosse uma assinatura, uma impressão digital.
    Por isso que eu sei, que Nosso Lar e outros livros, são CÓPIAS INDISCUTÍVEIS do livro do Owen: a construção das histórias, os personagens, a sequência dos acontecimentos.
    E é possível perceber também, que é a mesma pessoa quem escreve como André Luiz e como Emmanuel, porque tem o mesmo estilo. Algo simples, mas que me chamou a atenção nos livros do Chico (seja André Luiz ou Emmanuel), a maioria das pessoas, eu por exemplo, uso a expressão “muitas vezes”. O Chico usava “MUITA VEZ”, é estranho.
    O Marden até que disfarçou bem, usando o “Fabiano”, mas depois dos recentes comentários dele, NÃO TENHO A MENOR DÚVIDA que são a mesma pessoa.
    Uma característica, por exemplo do Marden, é exatamente esta: quando ele está debatendo com alguém, ele começa a perguntar pro “oponente”, sobre a vida particular, “você é assim?”, “você faria isto com seu filho?”, “você ensinaria isto aos seus alunos?” – exatamente o que Fabiano começou a fazer comigo.
    Tem gente que pensa que é fácil enganar todo mundo – Chico Xavier pensava assim, grande engano.

  178. Contra o Chiquismo. Diz:

    BIASETTO, ELE FOGE DO ASSUNTO LUIZ MATTOS COMO O R.C -DIABO -FOGE DA VERDADE -CRUZ.
    MAS ESSE CARA NÃO TINHA SIDO BANIDO? SCUR, MARDEN, MARCOS ARDUIN, MARTINEZ, PORRA! QUANTAS PRAGAS INFECTAS!

  179. Biasetto Diz:

    Contra o Chiquismo, fake pode.
    .
    Já estou vendo um monte de merdas no facebook, sobre a tragédia em Santa Maria-RS, como esta:
    -
    “Orar em agradecimento pelas vidas que foram poupadas, pedir conforto para as famílias enlutadas, e luz, para que a tragédia não seja em vão, que fique alguma lição, para autoridades e profissionais.
    Até amanhã.”
    -
    Os religiosos são umas “gracinhas”.
    -
    E o nome da cidade: “Santa Maria”, em homenagem à santa.

  180. Fabiano Diz:

    Bom dia a todos,
    Antes de mais nada, quero externar aqui os meus sentimentos de muito pesar à todos nós brasileiros e especialmente à todas as famílias que perderam um de seus entes queridos, neste trágico acidente em Santa Maria – RS. Que possam encontrar forças para suportar essa dor irreparável. Sinto muito!

  181. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    “Não vejo problema algum em o Chico Xavier ter um “medinho” de morrer, mas ele tinha verdadeira aversão à morte – era um “bundão”, se você me entende.”
    -
    Uma das leis naturais, é a preservação da vida. Todo ser humano sensato, deve preservar sua própria vida, a vida de sua família e a vida dos seus semelhantes. O medo faz parte do nosso viver e é uma característica de que iremos nos conduzir para essa preservação. Com o espírita, que ciente e consciente da vida após a morte, também não é diferente. Posso ir mais além ainda, o verdadeiro conhecimento da vida espiritual, nos permite valorizar e preservar a nossa vida atual, com mais afinco, a dar mais valor a uma encarnação, não querendo desperdiçá-la. É por isso que qualquer espírita sensato, não incentiva o suicídio, antes o condena, por saber que este ato é contrário às leis naturais.
    -
    As minhas perguntas no final, foi porque vi que você não tratou de um princípio, mas sim da pessoa do Chico, que pode ter mil e um defeitos, mas como sempre perguntou o Marcos Arduin: “E em que isso diminui o Espiritismo?” Perguntei de curioso que sou. Se uma pessoa critica ou condena os atos de outra, então espero pelo menos que ela possa me mostrar que seus atos sejam mais justos e mais humanos que o da pessoa que ela está criticando. Esse método que utilizo vale para qualquer um que faz as críticas. Da mesma forma me comporto para com aqueles que fazem críticas aos princípios espiritualistas, espero como mínimo que ele tenha outros princípios melhores para mostrar e que aja também de acordo que esses princípios que ele advoga. Porque se não, seria apenas palavras ao vento. E falar por falar, muitos aqui já o fazem!

  182. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    “Se eu fosse uma pessoa que falasse o tempo todo com espíritos, pudesse vê-los, pudesse “visitar” colônias espirituais … eu não teria QUALQUER medo da morte, muito menos ficaria me mijando todo, achando que o avião iria cair. Eu tranquilizaria as pessoas e teria a maior resignação frente ao risco de morrer.”
    -
    Sim, concordo em partes com essa sua afirmação. O objetivo do espiritismo é esclarecer sobre a vida após a morte, ou a vida fora da matéria organizada. Mas como te esclareci no comentário anterior, a lei de preservação também deve ser levada em conta. Outra coisa, o simples fato de ter essas visões, não é um passaporte, não é um garantia, para que se veja apenas o lado “cor de rosa” da vida fora da matéria. Há certas visões, que irá fazer com que você queira, valorize e ame essa sua vida atual mais do que nunca.
    -
    Portando, acredito que você esteja levando apenas em conta essa visão “cor de rosa” do mundo espiritual. Se você estudar a história dos povos e de suas religiões, perceberá que há um tipo de visão um pouco mais “dark” e menos “pink”, ou seja, mais escura do que rosa. E se estudar com afinco, principalmente o espiritismo, acabará por descobrir que o sofrimento nesses lugares é bem pior que as inquisições católicas e protestantes juntas. E se estudar o espiritismo com mais afinco ainda, acabará por descobrir, também, que alguns líderes religiosos, em especial aos líderes islâmicos, católicos e protestantes, continuam a exercer seu domínio, de uma forma mais perversa ainda do que quando estavam encarnados em um corpo físico.

  183. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Quanto ao fato de eu ser, ou não, esse Marden ai que vocês tanto falam e que o Contra intenta afugentar e que o Marciano foge, como o Diabo foge da Cruz, fica parecendo, para mim que sou espiritualista, o mesmo tipo de piada que os ateus costumam fazer sempre: PROVE! Sim, podem até desconfiar, mas provar por meios físicos é outra estória. E é tao difícil quanto provar um espírito por meios físicos.
    -
    Me explico. Qualquer um, ou qualquer fake, pode trocar de e-mail e de nome para entrar aqui, quantas vezes quiser, aqui ou em qualquer outro blog. E se bloquear o IP? Ainda assim, qualquer um com um pouco de conhecimento informático, pode alterar o IP quantas vezes quiser. Mesmo para quem não tiver esse conhecimento, pode ir em qualquer lan-house e enviar dali o seu texto ou, quem sabe, passar o texto para uma lista de amigos e pedir para algum deles enviar para o blog em questão.
    -
    Mas o problema reside justamente no fato de alguém “provar” que Fabiano é Marden, pela forma de escrever e não por um outro meio físico qualquer. Não sei se vocês perceberam o problema ainda. Se um ateu, que é materialista ao extremo, disser que é Marden, mesmo não podendo “provar” de qual e-mail, de qual IP, de qual cidade, de qual país, mas apenas se baseando na forma da escrita (e veja que não se trata de uma carta e nem uma pintura de próprio punho), então ele cai na sua própria armadilha, ou arapuca. Porque assim ele acaba abrindo o leque de possibilidades espiritualistas. Um ateu sensato não deve afirmar algo que ele não pode provar. Já um ateu de circo, um ateu malabarista, um ateu do “stand up comedy”, esses ai…
    -
    Se é possível PROVAR que alguém é uma determinada pessoa pelo simples fato de como ela escreve (e sabemos que é perfeitamente possível), então pode ser que os especialistas musicais que analisaram as composições de Rosemary Brown, tinham razão. Pode ser que os especialistas em pinturas (pictografistas) que analisaram as primeiras pinturas mediúnicas (psicopictografias) de Luiz Gasparetto, tenham razão. E quanto ao juiz que considerou as cartas psicografadas como prova? Vejam que “provar” que Fabiano é Marden, exige um esforço muito superior do que qualquer técnica de grafoscopia.
    -
    Eu se fosse um ateu sensato, ficaria calado quanto a esse assunto, a menos que seja mais um dos milhares que temos por ai, de circo, que apenas gostam de exigir provas, mas que na hora de apresentarem eles as provas, “sartam de banda”.

  184. Cassio1961 Diz:

    CONTRA O CHIQUISMO, – fiz a pergunta, porque eu também fui levado ao Zé Arigo, pois perdi a visão do OE, devido a uma brincadeira, eu tive a vista perfurada, e os meus pais se viram desesperados, e recorreram a tudo o que era possível para tentar reverter o ocorrido, pois bem, foi em 1969, na época nós morávamos no interior paulista, e fomos até Congonhas dos Campos, para tentar a consulta com o” Dr Fritz”, nós passamos por uma pré-consulta, e nem cheguei a ser atendido pelo médium Zé Arigo, acho que na época meus pais ficaram decepcionados. Em resumo foi isso.

  185. contra o chiquismo Diz:

    Poxa Cassio, que triste a sua história. Mas a Medicina está evoluindo bastante, quem sabe as células tronco, ou outro tratamento podem devolver a sua visão? Abraço.

  186. contra o chiquismo Diz:

    FABIANO, PELA ÚLTIMA VEZ:

    EU QUERO SABER ALGO SOBRE O LUIZ DE MATTOS E O RACIONALISMO CRISTÃO. PODE ME DIZER ALGO? OU VC NUNCA OUVIU FALAR?

    QUERO DEBATER FILOSOFICAMENTE AS SUAS OBRAS E DOUTRINAS.

    PQ VC FOGE DO LUIZ DE MATTOS?

  187. Martinez Diz:

    contra o chiquismo,

    Vc agora está ofendendo vai apelar agora?, me chamando de praga, o Vitor excluiu o tal de Valentino só porque não faz parte da panelinha do blog, agora esse tal de contra o chiquismo, pode falar o que quiser?, é uma palhaçada mesmo isto aqui, digo que só voltei para retrucar esse cidadão sem respeito, eu acho que é mais fácil um chimpanzé aprender andar de bicicleta do que, esse “contra o chiquismo” conseguir parar de falar tanta m…!, sujeito desprezivel !.

  188. Fabiano Diz:

    Cassio, triste a sua história. Mas neste caso nem mesmo o Dr. Fritz poderia fazer coisa alguma. Não há milagres, nem no espiritismo. O espiritismo pode tratar de enfermidades psíquicas (ou psicossomáticas), mas enfermidades puramente físicas, como foi o seu caso, deve ficar por conta da medicina. Entendo que em momentos de desespero as pessoas se apegam a tudo quanto é tipo de tratamento. Daí a frustração de seus pais.

  189. Fabiano Diz:

    Contra o qualquer coisa menos o espiritismo,
    Pela última vez? Ufa, até que enfim! Já não aguentava tanta confusão, falta de respeito e o inegável e indiscutível “nonsense” de sua parte! Eu não sei nada deles, mas estou disposto a aprender. São espíritas? Tem algum post refutando alguma obra psicografada deles? Não é a turma cética que intenta provar que o espiritismo é uma farsa? Eu, intento absorver tudo isso e ver se a tal prova procede ou não. Por enquanto e concordando com Martinez e Arduin, a turma cética aqui tá provando que não domina muito bem o assunto, nem de espiritismo, nem de parapsicologia.

  190. Fabiano Diz:

    Martinez,
    Se você conseguir durar mais umas semanas aqui, vai descobrir que o Contra ai não tá sozinho não. Os outros estão de molho. Aguarde e verás.

  191. Contra o Chiquismo. Diz:

    1MARTINEZ, VC ME IGNOROU, FUGIU DO DEBATE.

    2COMO VC PODE AFIRMAR QUE PARAPSICOLOGIA É CIÊNCIA?

  192. Contra o Chiquismo. Diz:

    MARTINEZ, NÃO É ‘ESSE TAL DE CONTRA O CHIQUISMO’, É SR. CONTRA O CHIQUISMO!
    ESSE ‘VALENTINO’ É FAKE DE UM TAL DE SCUR, UMA PRAGA INFECTA – LENDA URBANA – BAGUAL – CAVALO VÉIO – QUE DÁ MARCHA A RÉ LÁ EM PELOTAS.
    E SE EU SOU SEM RESPEITO, VC SE IGUALOU A MIM. ISSO MOSTRA QUE QUE ÉS UM ESPÍRITO ATRASADO QUE CEDE A APELOS MENOS NOBRES. MAS TUDO BEM ,VC ESTÁ EM EVOLUÇÃO E FAZ PARTE DA CAMINHADA TERRENA ESSAS TROPEÇADAS QUE VC DEU. MAIS UMAS 5 REENCARNAÇÕES AQUI NA TERRA E VC CORRIGE ISSO. LÁ PRO ANO DE 3578 D.C. VC ESTARÁ COM A MARCHA EVOLUTIVA BEM ADIANTADA E NÃO PRECISARÁ MAIS DESSE MUNDO DE PROVAS E EXPIAÇÕES. ATÉ LÁ NÃO SE ENVOLVA EM BLOGS QUE CONSIDERA PALHAÇADA E LIVRE-SE DE ESPIRITOS ATORMENTADORES COMO NÓS.
    É MAIS FÁCIL UM CHIMPANZÉ PILOTAR O SUCATÃO DA FAB (BOEING 707) DO QUE A PROVA DA MEDIUNIDADE DE CX.

  193. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO , VC ESTUDA TANTO, GOSTA TANTO DE ESPIRITUALIDADE E NÃO SABE NADA DO RACIONALISMO CRISTÃO E LUIZ DE MATTOS?!
    “Fabiano Diz: Eu não sei nada deles, mas estou disposto a aprender. São espíritas?”
    E VC DEMONSTRA POUCA INTELIGÊNCIA. SE SÃO RACIONALISMO CRISTÃO COMO É QUE SÃO ESPIRITAS?

    OU SE FAZ DE DESENTENDIDO…

  194. Fabiano Diz:

    Martinez, não liga não. Ele tá perturbado. Aliás é assim mesmo que acaba a maioria da militância ateísta, pelo menos dos que costumam vir aqui. Este, coitado, não fala coisa com coisa, só fala despropérios e somente sabe dizer ofensas. É o melhor representante ateu aqui do blog, os outros são mais fraquinhos e também mais medrosos. Também não se pode esperar muito de quem não soube interpretar os textos que o Marcos Arduin trouxe aqui, não é mesmo? Quando vi o nível da conversa dessa criatura com o Arduin, pensei comigo: fugiu de qual casa? Ainda bem que comigo ele disse que foi a última vez! Se bem que esse tipo de gente não sabe o que é palavra, nem compromisso. Passe bem, Martinez! Abraços.

  195. Biasetto Diz:

    este blog me diverte, rs …
    às vezes me irrita, quando o Vítor se mete a fazer propaganda católica, mas o motivo pelo qual não me desligo dele – já prometi tantas vezes -, é que é muito divertido.
    parabéns Vítor, não há nenhum outro blog ou site, assim.

  196. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO, SEMPRE FOGE E VAI PARTIR PROS ‘AD HOMINEM’.
    R.C. FAZ MUITO, MUITO MAL MESMO.
    “Fabiano Diz: Também não se pode esperar muito de quem não soube interpretar os textos que o Marcos Arduin trouxe aqui, não é mesmo? ”

    VC DEFENDE UM CARA QUE DIZ QUE:

    “Marcos Arduin Diz:
    - O meu “gênio” uma vez se manifestou sob o nome João. Disse ter sido amigo meu em vida passada, mas não deu mais informações.”

    FABIANO, ACHO QUE VC NÃO PODE LEVAR AQUELE CARA A SÉRIO, PODE? PELO SEU NÍVEL , ACHO QUE VC ACREDITA EM TUDO QUE ELE DIZ SER VERDADE. SE VC NÃO É SOLIPSISTA COMO DISSE QUE NÃO É, ÉS LOUCO!
    BLÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉ´, DÃÃÃÃÃÃÃÃÃ…IRC, URC, ORC…

    AH, NADA DO RACIONALISMO CRISTÃO E LUIZ DE MATTOS NE?

  197. Biasetto Diz:

    Entendo a indignação de alguns participantes do blog, com as “gozações”. Porém, elas não surgem do nada – são tantos besteróis no meio religioso, incluindo (e muito) o espiritismo, que fica difícil não “zoar”.
    Não sei se o Fabiano e o Martinez conhecem aquele vídeo que já postei aqui, da tal Marlene Nobre.
    O Antonio, o Marciano, o Contra … eu, nos cansamos de coisas ridículas e absurdas. De repente, surge uma “luz no fim do túnel”, como aquele reportagem que o Vítor postou recentemente, acho que saiu na Época. Aí, com muita boa vontade, a gente vai dar uma olhada. Pelo menos eu, com muita boa vontade e o que encontra? Um artigo dizendo que foram realizados testes com médiuns, e que os testes revelaram pontos favoráveis à mediunidade. Até aí, tudo bem, muito legal.
    Só que:
    1º) O nome dos médiuns não são revelados.
    2º) Os detalhes dos testes não são revelados.
    Que valor tem isso?
    Eu assistia aquele programa do History Channel – superpoderes, algo assim. Cheguei a me empolgar com aquilo, dando créditos ao canal, que eu julgava honesto. Aí, o Vítor postou um artigo mostrando fraudes.
    E assim as coisas vão se sucedendo – você escuta falar do Sai Baba, que realizava materializações em público. Vai conferir e descobre fraudes ridículas … Você se empolga com o livro do Daniken – Eram os deuses astronautas? – e um dia também descobre, que ele forjou/manipulou informações, tendo sido, inclusive, detido em seu país por fraudes.
    Você vai a um centro espírita e escuta maravilhas sobre a mediunidade de Xavier, Divaldo … até que descobre um monte de fraudes, falhas nas informações, erros grotescos, teorias ridículas …
    Desculpem-me amigos, NÃO SOBRA NADA QUE PRESTE NISSO, N-A-D-A !!!

  198. Antonio G. - POA Diz:

    Prezados, que bom “vê-los”!!!
    .
    Eu continuo meio “out”, mas sempre dou uma passadinha para ver o que está “rolando”.
    .
    Biasetto, Marciano, Contra, Gorducho e demais desinformados, aceitem meu testemunho: Por sugestão do Martinez, eu comecei a me informar melhor sobre estes assuntos referentes a espiritismo, mediunidade, vida após a morte, etc. E, olhem, estou descobrindo um mundo novo, cheio de perspectivas, com uma justiça perfeita, onde tudo faz sentido. Até mesmo a brutal morte de 234 jovens (até agora…) numa festa de celebração da vida, da juventude e do futuro. Comecei a entender que tais acontecimentos não são simplesmente uma trágica ocorrência furtuita. Fatos assim fazem parte do sistema de justiça do plano espiritual. Tudo comandado pelo supremo, bom, justo e amoroso Pai, cujo único deslize talvez seja o sarcasmo de utilizar uma cidade cujo nome seja justamente o da mãe de seu único e dileto Filho.
    .
    Para deixar de ser ignorante, comprei uma caixa cheia de livros espíritas e estou lendo-os avidamente. Achei muito bom um chamado “Violetas na Janela”, que explica como é o dia a dia no plano espiritual. É tão interessante que eu estou até com vontade de morrer logo, só para andar no ônibus maneiro que tem por lá.
    .
    .
    .
    Já tomei alguns comprimidos de Dramin, para evitar o enjôo que poderá acometer-me quando começarem a pipocar as explicações espíritas para a expiação coletiva das almas daqueles infelizes meninos e meninas e de suas respectivas famílias e amigos.

  199. Biasetto Diz:

    Antonio,
    Procura entrar em contato com o Scur (posso fazer isso, se você quiser), ele tem mais de 400 livros espíritas. Vocês são gaúchos, ele pode te emprestar vários. Eu e o Paulo, outro gaúcho que sumiu do blog (uma pena!) aconselhamos o ScurlandoValentino a jogar todas estas tralhas no Guaíba, mas penso bem, foi bom que ele não seguiu nosso conselho, porque este rio já deve estar bastante poluído. Apesar que este monte de tranqueiradas não iria afundar, com certeza!
    Sobre a tragédia, tudo a ver mesmo: SANTA MARIA, em homenagem a santa – que mal agradecida ela hein?
    Em tempo, meus sentimentos a todos vocês do Sul, que tristeza isto, teve uma mãe que foi reconhecer 4 filhos mortos. Bem, deve fazer parte da “justiça divina”, então vamos dar GLÓRIAS !!!
    Abraços

  200. Antonio G. - POA Diz:

    Valeu, Biasetto! Abraço.
    .
    Toffo, a recomendação de procurar informar-se melhor sobre estes temas vale também para você.

  201. Eduardo Diz:

    Prezados,
    -
    Faz um bom tempo que não escrevo no blog. O Biasa tá aí p. da vida com tudo que vem do espiritismo e descendo a lenha em Chico Xavier e Divaldo Franco…he, he… grande biasa comedor de linguiça.
    Kd o Scur? O Vitor sacou ele do blog em definitivo? Faça isso não Vitor, o Scur é gente de primeira linha, pode crer.
    -
    Essa tragédia de Santa Maria me fez passar aqui. Não sei, mas talvez por já ter visto algumas pessoas do sul do país se manifestarem no blog e também pq acho que pode ser um tema onde o espiritismo vai entrar nos debates. Biasa já desceu a lenha num comentário acima que vi.
    Uma pena esse ocorrido, uma tristeza para quem teve um familiar ou conhecido vítima disso que é o retrato do Brasil, tudo irregular e com aprovação e vistas grossas de nossas autoridades.
    -
    Por muitas vezes eu critico a Bahia por coisas desse tipo. Aqui tem festas para milhares de pessoas e até chega a mais de um milhão, como será no carnaval que se aproxima. É gente demais. Quando morre uma pessoa é algo que marca. Eu já estive bem perto de uma morte durante um carnaval de uma pessoa que nem conhecia e foi muita tristeza. Daí eu imagino mais de duzentos mortos. Triste demais.
    -
    Mas, em todas as minhas idas a outros estados e conversas com pessoas que moram noutros locais, vejo que o brasilzão é um só e que a m. tá em todo lugar. Parece que o Brasil só difere mesmo no PIB, quando se pensa nos estados. O resto é tudo igual.
    -
    Biasa ainda estou naquele ritimo puxado e praticamente sem férias esse ano, mas parei um pouco pq me lembrei do blog ao ver essa tragédia, que pra mim é nacional, pois isso poderia ser em qualquer boate pelo Brasil afora. Uma vez que as condições de vistas grossas observada na Kiss também é fato em vários lugares. Pelo que eu sei e vejo em Salvador não é diferente.
    -
    Grande abraço ao Biasa, Scur, Vitor e os outras que não conheço.

  202. almir de carvalho Diz:

    EI, CONTRA O CHIQUISMO: ENCONTREI UM LIVRO DO RACIONALISMO CRISTÃO, DO LUIZ DE MATTOS EM QUE ELE RESPONDE CARTAS DOS LEITURAS, SOBRE DIVERSOS TEMAS. ACHEI INTERESENTE ESQTAS RESPOSTAS AQUI, TALVEZ O SR. FABIANO POSSA LER ALGO A RESPEITO DO LUIZ DE MATTOS NO FUTURO, SE TIVER CORAGEM.

    “…Entretanto, afirmamos-lhe que todos os médiuns, sejam eles da Inglaterra, da França ou da América, mistificaram.
    .

    “…Não existem provações, mas leis de causa e efeito. Quem se entrega a fraquezas e maus pensamentos atrai obsessores, e estes produzem perturbações e doenças. Esclareçam-se os seres humanos através do estudo das obras editadas pelo Centro Redentor, principalmente Racionalismo Cristão, Cartas Doutrinárias, A Vida Fora da Matéria e Cartas Oportunas sobre Espiritismo.
    .
    Mistificaram Kardec, Flammarion, Leon Denis, e tantos outros, e basta ler e analisar suas obras para observar narrativas fora da razão e do bom senso, em desacordo com as leis reguladoras da vida, dos astros e da Terra. Por princípio, não tem cores políticas o Racionalismo Cristão, entretanto, temos por dever analisar os atos e as ações dos homens. …”
    .
    “…PERGUNTA A DIFERENÇA ENTRE O KARDECISMO E O RACIONALISMO CRISTÃO. BASTA UM CONFRONTO DAS DUAS DOUTRINAS, PARA SALTAR AOS OLHOS DOS QUE QUEREM VER ESSA DIFERENÇA: O RACIONALISMO CRISTÃO TRANSMITE AOS SERES HUMANOS O CONHECIMENTO DE SI MESMOS, COMO FORÇA E MATÉRIA, EXPLICA RACIONAL E CIENTIFICAMENTE O UNIVERSO E SUAS LEIS COMUNS, NATURAIS E IMUTÁVEIS; … “
    .
    O KARDECISMO EMBARAFUSTA PELOS TERRENOS RELIGIOSOS E BÍBLICOS, SUBSTITUINDO AS EXPRESSÕES SANTOS PROTETORES DAS RELIGIÕES, POR ESPÍRITOS PROTETORES, E CHAMANDO JESUS DE DIVINO MESTRE, FILHO DE DEUS, APESAR DE SER ELE UM ESPÍRITO QUE FEZ E CONTINUA A FAZER A SUA ESCALADA EVOLUTIVA, COMO ESTÃO FAZENDO AS DEMAIS PARTÍCULAS DO GRANDE FOCO OU INTELIGÊNCIA UNIVERSAL, SUAS IRMÃS EM ESSÊNCIA EM VIRTUDE DA SUA ORIGEM COMUM.
    .
    DAÍ RESULTA A PRÁTICA DO ESPIRITISMO KARDECISTA COMO RELIGIÃO, FANATIZANTE E ENLOUQUECEDORA DE MUITOS ADEPTOS, QUE CONTRIBUI PARA A DESPERSONALIZAÇÃO DESSAS CRIATURAS, AS QUAIS, SUBORDINADAS À FALSA CRENÇA, NÃO LUTAM NEM SE ESFORÇAM PARA VENCER AS DIFICULDADES QUE ENCONTRAM PELA FRENTE, E QUE SÃO, NA MAIORIA DAS VEZES, NECESSÁRIAS À EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO ENCARNADO….”

  203. Biasetto Diz:

    Grande xará, prazer em revê-lo. Poderíamos trocar mais ideias e manter mais contato pelo face. Já te mandei o convite. Mas não te reprovo por evitar estes “universos”, porque se não tomarmos cuidado, acabam tomando muito o nosso tempo mesmo.
    Falando em face e sobre o tema que você colocou aí, vou deixar aqui um pequeno texto que postei em meu face ontem, que reflete bem o que penso disso tudo.
    Abraços ! (O Scur continua o mesmo. Um dia desses, me ligou as 7 horas da manhã, lá de Orleans, pra me falar bobageiras, rs …).
    .
    A CULPA É DE TODOS

    Todos somos culpados – Agora, seguranças, a banda e o dono da casa estarão no banco dos réus. Mas a verdade, é que a culpa é de todos nós, de toda a sociedade e especialmente do poder público.
    O poder público finge que não vê que a juventude brasileira está bebendo demais. Finge que não vê que estas “casas de conveniências”, que existem aos montes nos postos de gasolina, não passam de botequins da madruga. Finge que não vê que muitas casas noturnas apresentam uma série de irregularidades e falta de segurança, não sendo fiscalizadas como deveriam, ou, quando são, sabemos muito bem, que uns “trocadinhos” podem fazer um fiscal assinar um documento de aprovação.
    Sabemos que muitos menores de idade frequentam locais onde não deveriam estar, muitas vezes nossos filhos – e também não levamos a sério isto.
    A culpa é também da tevê, com seus BBBs e novelas imbecis, que só valorizam o corpo, a curtição, a balada, o “ficar” …
    A culpa é de muitos proprietários de casas assim, que no afã de quererem ganhar muito em uma noite, também fingem que não veem o excesso de pessoas no local.
    A culpa é também dos jovens, entorpecidos por esta sociedade de consumo e prazeres rápidos, que não são capazes de pararem para pensar no que realmente vale a pena, exageram na bebida, muitas vezes outras drogas … só querem curtir, curtir, curtir … São vítimas do sistema, da mídia, do capitalismo selvagem, é verdade !!!
    A culpa também é de pais, que muitas vezes nem sabem onde seus filhos estão, e nem procuram saber, porque há um lado confortável nisso também.
    Enfim, a culpa é de todos e não é de ninguém, porque ninguém iria querer uma tragédia dessas.
    Que isso não caia no esquecimento, a partir do momento em que a mídia se desinteressar pelo assunto, mas que sirva de exemplo, para que realmente haja seriedade em nosso país, fiscalização técnica, eficiente e honesta, e uma ação mais coerente e proveitosa dos meios de comunicação, alertando pra todos estes riscos e incentivando nossos jovens a gostarem mais de si mesmos, sendo mais críticos e mais seletivos.
    E que venha o carnaval, com todos os seus exageros e suas tragédias também.
    Afinal, a “globeleza” está aí.

  204. almir de carvalho Diz:

    tem mais essa aqui:
    Luís José de Mattos Chaves Lavrador (Chaves, 3 de janeiro de 1860 — Rio de Janeiro, 15 de janeiro de 1926) foi o fundador do racionalismo cristão. Maçon grau 33
    Dotado de grande inteligência e de invulgar espírito empreendedor, já aos 23 anos tornava-se próspero homem de negócios, como grande comerciante de café …
    .
    FREQUENTOU O ESPIRITISMO KARDECISTA, E TEVE A IDÉIA DE REFORMA-LO, POIS O JULGAVA SER DEMASIADAMENTE RELIGIOSO E POUCO CIENTÍFICO OU RACIONAL.
    .
    Junto com Luiz Alves Thomaz, foi o fundador da doutrina espirualista Racionalismo Cristão no ano de 1910.
    .
    ..Inaugurando no Rio, em 1912, a sua sede, o Centro Espírita Redentor, onde até hoje são explanados os princípios da sua doutrina. Quatro anos depois, precisamente no dia 19 de dezembro de 1916, fundou o jornal “A Razão”, de circulação nacional.

  205. contra o chiquismo Diz:

    Viu Fabiano, o Almir de Carvalho respondeu o que vc foge de me responder. é tão simples, mas vc tem trauma com o R.C.!

  206. almir de carvalho Diz:

    SOBRE O KARDECISMO “…. Examinamos as obras e como se constatem erros, temos que discordar.”
    .
    Luiz de Mattos Desde 1910 vinha ele orientando e fazendo ver o que estava certo ou errado. DECORRIA O TEMPO E NADA DE OS KARDECISTAS EVOLUÍREM. Mantinham-se aferrados às propaladas “mensagens do além”, às provações, e continuavam OBSEDADOS E A OBSEDAR.
    .

    DIANTE DO COMODISMO KARDECISTA, Luiz de Mattos foi para a imprensa expondo o que sabia ser a verdade e editou o livro Cartas Oportunas sobre Espiritismo.
    .

    Todo o desejo daquele doutrinador era chamar à razão para se andar para a frente. COMO POUCOS FORAM OS KARDECISTA QUE O SEGUIRAM, deixou que cada um seguisse o seu rumo e ele, firmado nos princípios Força e Matéria, prosseguiu sua brilhante jornada de espiritualização.


    “…

    Estamos em dizer-lhe que Kardec, como médico e cidadão francês, mereceu admiração e respeito. Era bom e estudou a vida fora da matéria em companhia de Flammarion, MAS FOI MUITO MISTIFICADO PELOS ESPÍRITOS OBSESSORES.
    .
    EI CONTRA, SERÁ QUE É POR ISSO QUE O SR. FABIANO NÃO QUER OU NÃO DIZ SABER NADA SOBRE O LUIZ DE MATTOS?

  207. contra o chiquismo Diz:

    Biasa, Marciano, Antonio G, eu penso na alegria da maioria dos ‘espiritas’ com essa tragédia, pois segundo eles , a justiça se cumpriu. Todos os jovens eram malfeitores em outras vidas (devem ter sido carrascos nazistas que colocaram os judeus na câmara de gás, ou assassinos de bombeiros) e por isso a “providência divina” os reuniu naquela boate para serem justiçados. São todos malfeitores como o João Hélio (carta falsa), as vítimas do circo de Niterói (eram matadores de cristãos na época das cruzadas – colocaram fogo em cavalos velhos dentro de um cercado de arame farpado cheio de cristãos) entre outros vitimados em acidentes horríveis.
    segundo os ‘espiritas’ não devemos ter pena deles , pois assim estamos chamando Deus de injusto. Muitos olharam aquelas cenas / fotos e disseram “muito bem estão livres do resgate! pagaram cada ceitil! a justiça foi feita”

    Essa é a realidade dos fanáticos ‘espiritas’. Uma maldade, falta de sensibilidade , sadismo e prazer nessas tragédias coletivas.

    Eu sei pq pensava assim e muitos pensavam, da mesma maneira. Maldita doutrina que cega o entimento das pessoas!

  208. contra o chiquismo Diz:

    Caro Almir, chega de R.C.! Agora deixe essa Fabiano falar algo.

  209. Biasetto Diz:

    Contra o Chiquismo, perfeita suas colocações. Quanto tempo será que levará, até que em algum centro espírita, apareça um imbecil com uma psicografia, justificando o ocorrido?
    Sobre esse tal de Luiz de Matos, é simples: perfeito idiota!

  210. Gorducho Diz:

    Motivos de Resignação
     
    Por estas palavras: Bem aventurados os aflitos, pois que serão consolados, Jesus aponta a compensação que hão de ter os que sofrem e a resignação que leva o padecente a bendizer o sofrimento, como remédio da cura.
    Também podem essas palavras ser traduzidas assim: Deveis considerar-vos felizes por sofrerdes, visto que as dores deste mundo são o pagamento da dívida que as vossas passadas faltas vos fizeram contrair; suportadas pacientemente na terra, essas dores vos poupam séculos de sofrimentos na vida futura. Deveis, pois sentir-vos felizes pelo reduzir Deus a vossa dívida, permitindo que a saldeis agora, o que vos garante a tranquilidade do porvir.
    [ESE, V, 12]

  211. Fabiano Diz:

    Eduardo,
    Você me pareceu uma pessoa bem sensata ao se expressar. Te afirmo que aqui faltam pessoas sensatas para comentar. Um abraço à você também.

  212. Fabiano Diz:

    almir de carvalho,
    Prazer em teclar contigo. Algumas pessoas aqui andam fazendo algumas confusões ao meu respeito e espero que você não siga no mesmo caminho ou “surfe” na mesma onda deles. O contra qualquer coisa, me confunde com um tal de Marden que nunca vi comentando aqui, o Biasetto confundiu frases ditas por Martinez, atribuindo-as à minha pessoa. Então quero esclarecer que não me nego à leitura, antes procuro manter-me neste hábito que tenho. E coragem também não me falta, por isso penso que você esteja me confundindo com o Marciano. Você viu ele por aqui?
    Pois bem, outra coisa muito importante que quero lhe dizer, o pessoal aqui é campeão em insultos e dizer coisas sem nexo, sem base. Se existisse um programa da Globo chamado de PALPITEIROS, aqui seria o lugar onde iriam vir buscar os “artistas”. E para a Globo ia sair bem em conta, porque aqui dá-se palpite para tudo e o que é melhor, de graça.
    -
    Quanto ao fato de criticar o espiritismo não há problema. Minha pergunta é: tem base essa crítica? Você colou um monte de textos ai, mas esqueceu de citar a fonte. Onde posso conferir se essas informações são verdadeiras ou se são simplesmente uma invenção sua? Talvez você já conheça o Marcos Arduin, estou mais ou menos na mesma linha de raciocínio dele. Assim como ele, Arduin, não tenho problema algum em dizer que há falhas em alguma obra de Kardec, como Ardiun costuma dizer: “Kardec pisou na bola” algumas vezes. Mas o espiritismo continua.
    -
    Eu gosto de lógica booleana (zeros e uns) e filosofia. Agora eu vou fazer um exercício de lógica contigo. Preste bastante atenção: Se o contra e o Biasetto, acreditam que sou esse tal de Marden, que deve ser um racionalista cristão e que eles dois vivem pedindo para eu falar desse racionalismo cristão ou Luiz de Mattos, então (preste atenção na pergunta agora) por quê que eles não deixaram você continuar? Porque te pediram isso: “Caro Almir, chega de R.C.! Agora deixe essa Fabiano falar algo.”? Isso é lógica booleana, ou é zero ou é um. Cabe ao senhor indagar.
    -
    Vou mais além, sr. Almir: se o senhor achou esta informação importante, se esse livro que o sr. retirou estes textos que criticam Kardec, porque que eles não concordaram? Porque será que o Biasetto disse isso: “Sobre esse tal de Luiz de Matos, é simples: perfeito idiota!”? Será que o Biasetto não gosta dessas críticas contra Kardec? Porque o Biasetto não expoe algo que corrobore o pensamento dele? Será palpite? Cabe ao senhor indagar. Passe o link de onde tirou essas informações ou o nome do livro, que terei o maior prazer de discutir com o senhor. Se tiver lógica, é claro e se for uma filosofia útil.

  213. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Vejo que você tem certas qualidades também, como o outro Eduardo, você intenta ser sincero, é capaz de voltar atrás e reconhecer certos erros, e perdoar as pessoas. Mas falta ainda um pouco de astúcia. Vou te fazer uma pergunta (pondere sobre ela): você sabe quem é o contra o chiquismo e confia nele? Tente me dar uma resposta simples, tipo: sim ou não. Talvez você ainda se surpreenda. Pense bem na resposta.

  214. Contra o Chiquismo. Diz:

    É isso Gorducho, os ‘espiritas’ são sádicos ao sentirem prazer nessas tragédias e ao mesmo tempo são masoquistas, pois dão graças a Deus pelo sofrimento e pela doença. Talvez muitos estão pensando assim:
    -”poxa, pq eu não estava entre os mortos daquela boate? poderia zerar todas as minhas dívidas.

    Sabe o que esse sentimento de alegria pela desgraça coletiva no fundo no fundo é?
    INVEJA DOS QUE “RESGATARAM” AS DÍVIDAS.
    Esses ‘espiritas’ são muito doentes mentais mesmo!

  215. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO RACIONALISTA, VC SABE QUEM É VC MESMO? RESPONDO:
    O DIABO!

  216. Marciano Diz:

    Contra, até aonde sei, o tal filho de RC continua ceguinho, parece que só tem 5 por cento de visão em um olho, zero no outro. O resultado da cirurgia espiritual foi um fiasco.
    .
    Nova redação do Código de Processo Penal:
    CAPÍTULO VI
    DAS TESTEMUNHAS
    Art. 202 – Toda pessoa poderá ser testemunha.
    Art. 203 – A testemunha fará, sob palavra de honra, a promessa de dizer a verdade do que
    souber e Ihe for perguntado, devendo declarar seu nome, sua idade, seu estado e sua
    residência, sua profissão, lugar onde exerce sua atividade, se é parente, e em que grau, de
    alguma das partes, ou quais suas relações com qualquer delas, e relatar o que souber,
    explicando sempre as razões de sua ciência ou as circunstâncias pelas quais possa avaliar-se de
    sua credibilidade.
    Art. 204 – O depoimento será prestado oralmente, não sendo permitido à testemunha trazê-lo por
    escrito.
    Parágrafo único – Não será vedada à testemunha, entretanto, breve consulta a
    apontamentos.
    Art. 205 – Se ocorrer dúvida sobre a identidade da testemunha, o juiz procederá à verificação
    pelos meios ao seu alcance, podendo, entretanto, tomar-lhe o depoimento desde logo.
    § 1º – (acrescentado pela Lei nº 13.666, de 6/6/66) – Se a testemunha tiver falecido, seu depoimento será obtido mediante a presença de um médium psicógrafo, a ser designado pelo juiz, o qual prestará o compromisso de fielmente transcrever o que a testemunha falecida lhe disse, devendo as partes, advogados, juiz, promotor, acreditar em tudo o que disser a testemunha morta, pela interferência do médium, sob pena de serem conduzidos imediatamente ao hospício mais próximo para tratamento.
    .

    Biasetto, você está ficando afiado em desmascarar farsantes. A não ser que a clonagem já esteja sendo usada cotidianamente.
    .
    Biasetto, lamento discordar de vc, mas idiota não é Luiz de Mattos e sim quem o segue.

  217. Marciano Diz:

    Preguiçosos de plantão, prestem atenção à nova redação do parágrafo primeiro do art. 205 do CPP.

  218. Martinez Diz:

    Fabiano, eu percebi que o tal do contra aí, não regula muito bem, sugiro que vc não tente discutir ou argumentar com esse cara porque é a mesma coisa que conversar com uma porta, e quanto a esse blog posso dizer que de tantos que eu já vi, esse parece não ter propósito nenhum, andei vendo alguns comentários em outras matérias antigas desse site vc acaba encontrando o mesmo cara que destrói o espiritismo aqui, defendia o mesmo há dois anos atrás, depois se revoltou e agora faz birrinha para ver se acha algo em que acreditar, ora se o cara ateu porque raios vem se meter em blog como esse? se é ateu não precisa mostrar para os outros, “olha eu sou ateu e cético e não acredito em nada do que disserem”, não entendo a razão de um cara ficar aqui lendo as matérias aqui e ficar dizendo,”nossa mas que coisa ridicula eu não acredito nisso”, vão me desculpar mas tem de ser meio xarope para se prestar a tal serviço ou melhor dizendo um desserviço e um insulto a raça humana, se dependessemos desses caras para alguma coisa estariamos andando de carroça e ainda achariamos que a terra era o centro do universo, tamanha ignorancia de algumas pessoas, ou a pessoa tem certeza de que é ateu e cética ou se ela tem alguma duvida, então ela não é, não é em um blog como este ou qualquer outro que uma pessoa poderá tirar duvidas, ainda mais tão cabeça dura como alguns nesse blog, algumas matérias até são interessantes outras são descaradamente tendenciosas, Fabiano vc já se perguntou porque colocam tantas matérias da Globo nesse site?, quem é o maior inimigo declarado de eventos paranormais nesse país?, o nosso bobo da corte padre Quevedo o defensor da Igreja Católica, vc se lembra do caso do Chico e o Monteiro Lobato onde diziam que o Chico recebia por meio do mesmo, que era guiado por tal espirito?, pois é era tudo uma farsa, inventada por quem? nosso “querido padre Quevedo”.
    Cópias dos escritos de Chico xavier atribuídos a Monteiro Lobato assim como as senhas conservadas por Dona Ruth Fontoura: nada, absoutamente nada, nem de longe, de semelhante pude encontrar naquela cópia, nem em outro escrito de Chico Xavier.
    Tudo para desmoralizar o tal do Chico, e ainda tem uma afirmação mentirosa de que “Monteiro Lobato teria deixado uma senha para ser reconhecido quando psicografasse por Chico Xavier”, parece-se mais com uma estória da “carochinha”, Fabiano parece-me que vc é espirita vou te dizer uma coisa, se o Chico era fraude total ou não, cabe a vc por si só procurar entender, pesquisando sériamente, se vc for ligar para qualquer sujeito de blog metido a Quevedo, “véio”!, vc tá perdido!, faz o seguinte, procura pessoas sérias que conseguem dialogar e ponderar sem apelações e materiazinhas “chuletas”, eu digo para vc que eu não sou religioso, mas te digo que o Chico não é um assunto exclusivamente do espiritismo e sim da ciência é só vc buscar que vc vai achar vários artigos de parapsicologia falando a respeito do Chico, um salve para vc cara e até mais!.

  219. Marciano Diz:

    Parapsicologia é um ramo da ciência anticientífica encarregado de estudar os fenômenos sobrenaturais e depois negar veementemente sua realidade -afinal ciência que é ciência não pode levar a sério essas coisas de Bicho-Papão, Mister M e Gasparzinho. Ou seja, a Parapsicologia é basicamente a ciência de porra nenhuma, o que está em franca contradição com a ciência, etimologicamente falando, mas tem tudo a ver, para falar a verdade, com a ciência científica, cientificamente falando… Entendeu?
    Foi inventada no início do século XX por Doutor Roberto, intrigado com a dieta alimentar dos duendes-gigantes caolhos de Papua Nova-Guiné. Acontece que esses seres detinham o poder sobrenatural de levitar e se tele-transportar para qualquer lugar do planeta Saturno. E nosso honorável cientista atribuía isso ao consumo excessivo de cogumelos alucinógenos e de cannabis sativa… por si próprio.
    .
    Pessoas curadas pela Parapsicologia:
    • Linda Blair: era uma vez uma menina que se dizia possuída pelo demônio Pazuzu. Ela virava o pescoço a 360 graus, tinha a força de um elefante, vomitava toda a janta do dia anterior e falava com a voz de um crioulo de 2 metros de altura. A família achava que isso era efeito dos hormônios pré-adolescentes rebeldes, mas um especialista constatou que os hormônios eram de cavalo mesmo… O exorcista então jogou fora seus anabolizantes e os efeitos colaterais passaram imediatamente.
    • Uri Geller: essa pobre criatura, graduada em gastronomia, começou a apresentar sintomas de paranormalidade quando assumiu uma vaga de chef num restaurante em Israel. Entortando todas as facas, os garfos e as colheres do lugar, não demorou muito para que fosse demitido. Nas ruas, passou até por fome, porque não conseguia comer a sopa dos mendigos com talheres -e com a mão queimava muito. Um dia, porém, decidiu-se por utilizar seus talentos para entrar no ramo da mágica, até ser curado por um grande parapsicólogo chamado Mister M.
    • A Mulher Incendiária: suas casas todas incendiavam durante sua vida. Seus colchões todos ficavam queimados. Seus maridos todos pegavam fogo… e não era no sexo. Tinha que haver alguma coisa de errado! Um parapsicólogo renomado foi investigar o caso e constatou que aquele era um problema simples de ser solucionado: o consumo de pimenta malagueta como tempero tinha que ser reduzido e a substituição de água por aguardente era uma prática inaceitável. Mas a questão foi só parcialmente equacionada; afinal, hábito algum podia alterar o fato de ela ser um dragão.
    • Menino cachorro da Guatemala: no cinema americano, os caras se transformam em lobisomem. E no Terceiro Mundo? Na Guatemala, por exemplo, os caras se transformam em cachorro vira-lata. Seja porque na América Central não há verba para efeitos especiais fodônicos, seja porque em países latinos não há lobos além do guará, o fato é que o Menino Cachorro da Guatemala existe mesmo. Nesse caso, bastou que comprassem um pit-bull no cio para que o rapaz fosse currado, digo, curado da possessão que o fazia sempre andar de quatro.
    .
    Fenômenos Extra-Normais
    Segundo o site Parapsicologia Geral, existem vários fenômenos sobrenaturais, que eles classificam como “fenômenos extra-normais”. Listamos alguns deles:
    • ECTOPLASMIA: “Exteriorização visível da Telergia( Fantasmas, aparição de objetos ou em formas de membros do corpo).” -Muito frequente em videntes que sejam pessoas cagonas e com medo de escuro.
    • XENOGLOSSIA: “Falar línguas diferentes ou desconhecidas do Consciente.” -Ou seja, falar a língua do pê ou falar em finlandês.
    • CUMBERLANDISMO: “Adivinhação por contato, por motivos mínimos inconscientes.” Homens casados infiéis costumam desenvolver essa habilidade extra-sensorial, especialmente quando chegam de madrugada em casa.
    • PSICOFONIA: “Sons, vozes, músicas realizadas de modo inconsciente pela telergia ou ectoplasma.” Também conhecido como beat box.
    • PNEUMOGRAFIA: habilidade paranormal de desenhar pneus em círculos perfeitos.

  220. Contra o Chiquismo. Diz:

    “Martinez Diz: faz o seguinte, procura pessoas sérias que conseguem dialogar e ponderar sem apelações e materiazinhas “chuletas”, eu digo para vc que eu não sou religioso, mas te digo que o Chico não é um assunto exclusivamente do espiritismo e sim da ciência é só vc buscar que vc vai achar vários artigos de parapsicologia falando a respeito do Chico, um salve para vc cara e até mais!.”

    VC DIZ QUE AS MATERIAS DAQUI SÃO MATERIAZINHAS CHULETAS??

    ATÉ AGORA VC FUGIU E NÃO DISSE O CONTRÁRIO DO QUE EU TE PROPONHO:

    PARAPSICOLOGIA É P S E U D O C I Ê N C I A .

  221. Contra o Chiquismo. Diz:

    MARTINEZ E FABIANO. O QUE OS 2 TEM EM COMUM?
    R.C.

  222. Contra o Chiquismo. Diz:

    ENGRAÇADO , COMO ESSE FABIANO SE RECUSA DE TODAS AS FORMAS DÁ RODEIOS E MAIS RODEIOS (DAQUI A POUCO GANHA O RODEIO DE BARRETOS) E NÃO TOCA NO ASSUNTO RACIONALISMO CRISTÃO.

  223. Toffo Diz:

    Rindo muito aqui.

  224. Marcos Diz:

    Contra o Chiquismo, você não deve ter um neurônio pra falar que parapsicologia é pseudociência. Já leu algum artigo deste site? Me poupe.

  225. Contra o Chiquismo. Diz:

    “Marcos Diz:
    JANEIRO 29TH, 2013 ÀS 20:31
    Contra o Chiquismo, você não deve ter um neurônio pra falar que parapsicologia é pseudociência. Já leu algum artigo deste site? Me poupe.”

    E VC NENHUM PRA DIZER QUE É CIÊNCIA.
    ME ECONOMIZE.

  226. Contra o Chiquismo. Diz:

    PREFIRO ACREDITAR NA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE DO BISPO MACEDO QUE NA PARAPSICOLOGIA!
    MARCOS, EU TE QUEIMO COM OS MEUS OLHOS!
    http://www.youtube.com/watch?v=vN9pOzIPUoY

  227. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO, EU TE QUEIMO COM OS MEUS OLHOS!
    http://www.youtube.com/watch?v=vN9pOzIPUoY

  228. Contra o Chiquismo. Diz:

    MARTINEZ, EU TE QUEIMO COM OS MEUS OLHOS!
    http://www.youtube.com/watch?v=vN9pOzIPUoY

  229. Biasetto Diz:

    Fabiano, tenho certeza que você é o Marden, mas tudo bem, deixemos isto de lado.
    Eu mantenho contato com o Contra o Chiquismo, fora do blog. Eventualmente, trocamos emails. Ele me parece ser um cara bem sensato, desde que começou a postar aqui, com outro nome. É um tanto exaltado – não posso criticá-lo por isso, porque também sou. Ele mudou de nome, penso eu, por causa do Scur. Gosto do lado irônico dele, apesar de ele se exceder um pouco, às vezes, mas o entendo, porque HAJA PACIÊNCIA, para aguentar as mesmas ladainhas crentes, que aparece por aqui.
    Luiz de Mattos era espírita-kardecista, resolveu dar uma de gostosão, pegou o kardecismo, fez algumas mudanças e escreveu um monte de asneiras. Não poderia ser diferente: copiou e adaptou o que já era duvidoso, conseguindo torná-lo pior ainda.

  230. Biasetto Diz:

    Além disso, o RC é uma chatice sem fim, parece doutrinação nazista, tenho verdadeiro horror a doutrinações – servem para transformar as pessoas em robôs idiotas. O que há de melhor no ser humano é a criatividade. Todo tipo de doutrinação castra exatamente isto: a criatividade. Por isso as abomino.

  231. Fabiano Diz:

    Martinez,
    Muito obrigado pelas dicas. Sim, já percebi que o sujeito “contra tudo e contra todos” ou “não regula muito bem”, como você mesmo disse, ou é muito infantil. E ele tem outra característica: parece aqueles meninos que ficam vendendo doces e balas nas paradas de ônibus, das cidades do interior, repetindo incansavelmente a mesma ladainha: “Compra aqui na minha mão seu moço. Compra hein seu moço. Compra seu moço, é só um real, compra hein?”. Quem já viajou de ônibus para as cidades do interior de Minas, Bahia, Goiás e cidades do Norte e Nordeste, sabe do que estou falando.
    -
    Sim, eu já percebi a influencia “Quevediana” aqui nos comentários do blog e o Marcos Arduin é uma pessoa que sempre toca nessa tecla. Venho aprendendo muito com ele, principalmente nesta questão que os ditos ateístas daqui, nada sabem nem de espiritismo, nem de parapsicologia.
    -
    Martinez, o ateísmo vai ser a religião do futuro! Anote isso que estou te falando. O mundo todo, em várias partes de seus continentes, vão seguir evoluindo e aí vai ter esses religiosos pregando a palavra do Deus deles, que se chama NÃO EXISTE e que está junto do seu único filho, PROVE. Infelizmente minhas previsões é que esta religião vai durar ainda alguns longos anos e vai produzir fanáticos ao redor mundo, piores que os extremistas que já conhecemos nos dias atuais.
    -
    Martinez, como eu não quero que você pense que estou brincando ou mentindo, vou deixar aqui para você a fonte para pesquisa futura, que é uma fonte altamente confiável. Tudo de bom pra você também Martinez e vê se não some não, ok? Clique na imagem, para ampliar e veja se gosta: http://bit.ly/IgrejaAteus

  232. Fabiano Diz:

    Marciano,
    Que bom que está de volta, até parece coincidência e acho que você nem vai acreditar, mas vou falar assim mesmo. Justamente quando acabei de perguntar para o sr. almir de carvalho, para ver se ele tinha notícias sua, se sabia do seu paradeiro (e bota parado nisso), não é que você aparece, como num passe de mágica? Não sei se você acredita no poder da atracão mental, como o pessoal faz com o hipnotismo ou com outras técnicas da parapsicologia, mas posso te garantir: o negócio funciona contigo de uma maneira cabulosa.
    -
    Foi bom você aparecer, porque parece que você é advogado (mesmo que não trabalhe na área, só o fato de ter uma certa noção, já é melhor do que não ter noção nenhuma, não acha?) e acredito que o Biasetto vai precisar de uma ajudinha sua. Então fazemos assim, você o orienta na parte do direito penal (nem sei se é esta a sua especialidade) e eu, o Arduin ou qualquer outro mais, o orientamos na parte que toca sobre o espiritismo? Tá bom pra você?
    -
    Assim juntamos nossos conhecimentos e nossas forças, para que com a cooperação entre todos, possamos traçar melhores diretrizes, lutando sempre por um Brasil mais digno e justo. Ok? Escreva agora para o Biasetto, porque aposto que, assim como eu, ele também deve estar sentindo e muito a sua falta. Abraços.

  233. Biasetto Diz:

    Martinez, você vem aqui, dizer que só tem “zé mané” comentando e postando.
    Pois você não sabe nada, e fica com esse bla-bla-bla chorão aí, defendendo o indefensável, falando em Harvard e os sacambau.
    O lance é o seguinte: até agora você não me respondeu o que eu te perguntei – Me dê um motivo pra acreditarmos na mediunidade de Chico Xavier.
    Eu fui espírita sim, defendia o Chico quando comecei a postar aqui, mas já tinha minhas desconfianças. Até que me rendi às evidências. Qual é a tua e a do Fabiano hein?
    Vocês estão criticando as “vítimas” e defendendo os “carrascos”?
    Chico Xavier FRAUDAVA, COPIAVA livros, se manca cidadão. Isto não é grave pra você?
    O que é então? Sai deste casulo aí, para com essa lenga-lenga de bom moço.
    Mostra aí, o que o Chico fez que o qualifique como médium.
    Olha, eu conheço muito bem o Montalvão, o Toffo, o Antonio, eles dão de dez a zero nestes pandorgas de merda aí, que você citou de Harvard. Estes caras sabem o que estão falando. Eles têm experiência e conhecimento.
    Você e o Fabiano ficam com esta delonga e não dizem nada de prático. Apontem motivos pra se acreditar na mediunidade de Chico Xavier e parem com estas historinhas de “faz-de-conta”.
    Qual é a tevê ou revista que teve, a coragem de dizer, que NOSSO LAR é plágio? Qual?
    Qual é a única reportagem ou especial sobre CX que teve a coragem e a honestidade em afirmar que ele copiava livros?
    E você e o Fabiano vêm aqui, querendo desqualificar os críticos, as pesquisas?
    Cresçam e apareçam vocês. De bla-bla-blás, estamos cansados, faz tempo.

  234. Biasetto Diz:

    Fabiano,
    Este comentário que você fez para o Marciano, você fez pra mim também, quando se manifestava aqui como Marden. Eu tenho boa memória. Você usou de palavras semelhantes: “que coincidência …”
    Eu tento ser gentil, mas fica difícil hein?
    Você é muito hipócrita, me poupe por favor !!!

  235. Biasetto Diz:

    Enfim: Martinez e Fabiano-Marden são mais dois “enrola-linguiça”, que só têm um único objetivo: desqualificar pesquisas sérias apontando fraudes espíritas, além de tentarem desqualificar pessoas sérias e de caráter, só porque elas se manifestam céticas com relação a deus e/ou o espiritismo e a mediunidade.
    RELIGIOSO É COMPLICADO MESMO, só porque sofre da DOENÇA DO VÍRUS DA FÉ, fica inconformado com os que não sofrem desta moléstia.
    Marden, você é a pessoa mais tola que já conheci na vida. Um dia você me tratou como um doente, porque eu disse aqui no blog que ia em psiquiatra, porque sou ansioso. Você é louco total. O Contra o Chiquismo está na mais perfeita das condições emocionais. Você sim, deveria procurar um psiquiatra, mas não pra tratar de ansiedade, você é esquizofrênico, vai por mim, pensa nisso.

  236. Fabiano Diz:

    Marcos,
    O contra tudo e contra todos é um católico fanático. Ele não sabe o que diz! Devemos ter pena, porque um dia ele há de se libertar também.

  237. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Já que você tem certeza que eu sou Marden, então PROVE, pois me interessa também saber quem eu seja. E por acaso você sabe também quem eu fui nas minhas encarnações passadas? É outra dúvida que tenho também. Já que quem afirma é quem tem que provar e se não for abusar muito, prove também quem eu fui no passado.
    -
    Como vocês não param de falar nesse tal de Racionalismo Cristão, serei forçado (pela insistência vossa) descobrir um pouco mais sobre essa religião ou doutrina. Vou tentar descobrir mais informações desse Marden também e ver o que temos em comum. Você cita que Luiz de Mattos pegou o espiritismo-kardecista e fez algumas mudanças. Poderia me dizer quais mudanças foram essas ou ao menos citar alguma fonte para consulta? Aponte o que ficou pior e que você considera asneira? E ai te dou meu parecer, para ver se estou de acordo com o seu ponto de vista ou não. Tá bom assim?
    -
    Você diz que tem “horror a doutrinações e que serve para transformar as pessoas em robôs idiotas”. Você pensa isso do Marciano? Me explico. Eu não sei se tem mais alguém aqui que já estudou Direito (direito), mas pelo que sei, parece que o Marciano estudou e com certeza ele não vai concordar contigo. Quem estuda Direito deve concordar com Doutrina. Pois bem, já pedi ao Marciano para que te ajude a entender um pouco sobre direito penal, mas talvez devo pedir a ele também, para que te ajude a entender o porquê que doutrina é algo importante num estado de direito democrático. Quem sabe o Marciano não possa te orientar nesta questão, que é entender a importância de uma Doutrina como a Doutrina do Direito?

  238. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Pois o contra tudo e contra todos, é um católico fanático! Releia atentamente todos os comentários dele nos posts da propaganda católica e tire suas próprias conclusões. Já sabemos que ateu ele não é. Pensei que você o conhecesse pessoalmente. Talvez agora ele já não te engane mais. Faça isso, consulte os 12 capítulos da propaganda natalina. Agora, tem outra coisa com o “contramão”, que ainda não consegui captar. Você disse que ele usava outro nick, posso saber qual? Ou me passar um link de algum post que ele usava este nick antigo? Abraços.

  239. Biasetto Diz:

    Fabiano-Marden, você tem algum problema em interpretação?
    Repetindo os mesmo enganos, igual aquela vez em que discutimos.
    Você entendeu muito bem o que quis dizer sobre DOUTRINA, não se faça de tonto, ou será que você é tonto mesmo?
    Quem é formado em Direito é o Juliano, ok?

  240. Marciano Diz:

    Biasetto, o merden não consegue disfarçar o estilo. Ele disse exatamente a mesma coisa sobre mim, que pensou em mim e eu, que andava ausente, manifestei-me, que não havia coincidências, falou em telepatia. Faz-me rir.
    .
    Eu já diagnostiquei esse cara, esquizofrênico paranóico, fica fingindo que não conhece RC e Mattos, bastava fazer uma pesquisa no site. Nem sabe mentir.

  241. Fabiano Diz:

    Biasetto, bom dia.
    Pois o contra tudo e contra todos, é um católico fanático! Releia atentamente todos os comentários dele nos posts da propaganda católica e tire suas próprias conclusões. Já sabemos que ateu ele não é. Pensei que você o conhecesse pessoalmente. Talvez agora ele já não te engane mais. Faça isso, consulte os 12 capítulos da propaganda natalina. Agora, tem outra coisa com o “contramão”, que ainda não consegui captar. Você disse que ele usava outro nick, posso saber qual? Ou me passar um link de algum post que ele usava este nick antigo? Abraços.

  242. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Marden aprovava os plágios do Chico Xavier? Pode transcrever aqui a parte da fala dele que diz isso? É interessante ouvir opiniões diferentes. Eu, Fabiano, particularmente nunca defendi os plágios do Chico Xavier! Você pode colocar aqui a parte da minha fala onde você acredita que esteja defendendo isso? Ou você também sofre do mesmo problema do contramão? Que é a má interpretação de textos. O que eu acho curioso, é que você como um professor de historia, tem que no minimo aprender a fazer interpretações de livros históricos. Ou estou enganado com essa profissão?
    -
    Você insistiu “incessantemente” e ainda continua fazendo, para que apresentasse algo que pudesse validar a mediunidade do Chico (e de qualquer outro médium psicográfico). Pois bem, eu apresentei aqui a “A psicografa como meio de provas no processo penal brasileiro” e te enviei este link: http://www.jurisway.org.br/v2/dhall.asp?id_dh=1191
    Você disse que iria comentar depois este tópico e outros que eu enviei para você. Se não se lembra (mesmo com essa boa memória que você alega ter), sobre o Chico eu disse:
    1) Eu não INSISTO nisso! Pelo que percebi, Martinez também não! (A confusão é sua!)
    2) Médiuns podem fraudar, (in)voluntariamente! E até fazem isso com muita frequência.
    3) Você não entende o que o senhor Martinez vem dizendo…
    Biasetto,
    Porque não cumpre o que disse antes: “Fabiano, tenho certeza que você é o Marden, mas tudo bem, deixemos isto de lado.” Esse “deixar de lado” não significa, deixar de lado? Agora, para você, se eu utilizar palavras como “que coincidência…” é porque sou ele? Comentaristas do blog: evitem utilizar as palavras “que coincidência”, senão o Biasetro e o contramão vão pensar que vocês também sejam Marden. Eita “obsessão mardiúnica” brava! É esta a sua prova (risos, aqui)?

  243. Fabiano Diz:

    Contramão,
    Você me chamando de diabo? Que coincidência (ops, essas palavras são do Marden), que mero acaso (assim tá melhor, eu acho), estava justamente tentando me referir a isso quando mandei uma mensagem ao Biasetto. Diabo é coisa de evangélico católico ou de evangélico protestante! Engraçado que nos posts da propaganda católica, você “esqueceu” de fazer críticas lá e nem se deu conta não é mesmo? Agora é tarde! Você pode até inserir novos comentários lá, mas será que o povo “cético” irá continuar caindo nas suas? Será?

  244. Antonio G. - POA Diz:

    O parágrafo primeiro do art. 205 do CPP, apontado pelo Marciano é um marco no processo penal brasileiro. Uma revolução. Literalmente, “coisa do outro mundo”.
    .
    A parapsicologia é tão ciência quanto a quiromancia, a numerologia e a astrologia. Parapsicólogos, astrólogos e cartomantes são cientistas.
    .
    O blog está mesmo muito divertido !!!! Mas estou com saudades do Arduin e do JCFF…
    .
    Dentro daquele esforço que estou fazendo para deixar de ser Mané, comecei a ler o maravilhoso livro “Motoqueiros do Além”, de Euricledes Formiga. Chocante e revelador. Uma pérola.
    .
    Bom dia a todos!

  245. Biasetto Diz:

    Fabiano-Marden,
    Você se revela a cada novo comentário. Eu não tenho que provar nada aqui, apenas procuro dar minha contribuição, mostrando as incoerências e farsas existentes no meio religioso, especialmente em obras ditas psicografadas. Se a pessoa quer continuar acreditando nisso, é um direito que ela tem, mas também considero saudável, que seja oferecida a ela, informações que provavelmente desconheça.
    O seu problema Fabiano-Marden, é justamente este: você começa conversando com as pessoas de forma educada, respeitosa, mas vai, aos poucos, tentando desqualificá-las, exatamente porque você é orgulhoso e soberbo. Você se considera melhor que os outros, porque abraçou o tal RC e faz disso motivo pra se sentir alguém superior. Se você precisa de uma doutrina religiosa para encontrar a ética, a dignidade e a moral, saiba que muitos não precisam disso, mesmo porque, as doutrinas religiosas são hipócritas demais.
    Não me venha com este papinho de: “você como professor de História” – se você quiser debater História comigo aqui, escolha o tema, fique à vontade.
    Também tenho formação em Geografia, Filosofia e Sociologia. Estou a seu dispor.
    Quanto ao “nick” do Contra, pergunte a ele, se ele quer te revelar. Eu não vou fazer isso.
    “A psicografa como meio de provas no processo penal brasileiro” – algo absurdo e inaceitável, mas no Brasil, aconteceu – fazer o quê?

  246. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Você disse: “Enfim: Martinez e Fabiano-Marden são mais dois “enrola-linguiça”, que só têm um único objetivo: desqualificar pesquisas sérias apontando fraudes espíritas, além de tentarem desqualificar pessoas sérias e de caráter, só porque elas se manifestam céticas com relação a deus e/ou o espiritismo e a mediunidade.”
    -
    Não Biasetto, o Martinez não pensa assim e eu tampouco. Você é quem está “enrolando a linguiça” aqui. Também é você quem tá desqualificando pesquisas serias. E por fim, é você quem está defendendo a sua posição, defendendo o deus de vocês: O NÃO EXISTE. Vamos aos fatos:
    -
    1 Você pediu e agora falta você argumentar sobre a psicografia no Direito Penal. Em resposta ao seu pedido: “Me dê um motivo pra acreditarmos na mediunidade de Chico Xavier”.
    2 Hum, sei. “Havard”, “sacambau” e “pandorgas de merda”, essas são suas palavras. Quer dizer que se o Martinez apresenta algo de alguém de “Harvard”, não vale porque eles não passam de uns “sacambaus” e “pandorgas”, não é mesmo? Mas temos que aceitar como válido o que você colocar aqui dos “pastores” da igreja (ou templo?) ateísta? Olha o que você disse: “Olha, eu conheço muito bem o Montalvão, o Toffo, o Antonio, eles dão de dez a zero nestes pandorgas de merda aí, que você citou de Harvard. Estes caras sabem o que estão falando. Eles têm experiência e conhecimento.”
    3 Será que esses três que você citou ai pensam também igual a você? E já que você conhece eles muito bem, podia pedir para eles manifestarem a opinião deles que corrobore a sua?
    -
    Biasetto, pode ser que existe duas universidades com o mesmo nome de Harvard e que eu desconheço. Mas será que o Martinez se referia a esta outra universidade ai que você conhece, que formam esses “pandorgas de merda”? Ou será que o Martinez se referia a uma das mais brilhantes universidades do mundo e que de acordo a Classificação Acadêmica da Universidades do Mundo (ARWU, em inglês), ganhou as ultimas competições, ficando em primeiro lugar desde o ano de 2003?
    http://en.wikipedia.org/wiki/Academic_Ranking_of_World_Universities
    -
    Em quais universidades estudaram as pessoas citadas por você? Em qual ranking e em qual posição ficaram as universidades que eles estudaram? Seria outra mera coincidência, ou Toffo e Antônio são os mesmos que comentam aqui? É essa a base de vocês? Um “pastor” ateísta diz qualquer coisa e vocês tomam como verdade, sem fazer uma analise e apuração dos fatos? Ou acreditam mesmo sem apresentarem fatos algum? Essa religião ateísta de vocês produzem fanáticos. Eu não vou pedir para você se libertar, porque isso ai é papo de religioso, mas estude meu rapaz e não fique preso aos novos dogmas modernos que as religiões ateístas tanto vem proclamando.
    -
    E para finalizar, se você estudasse realmente iria, ver que as pesquisas sérias estão evidenciando aquilo que o espiritismo e a parapsicologia estão já cansados de saber. Como esta pesquisa aqui: http://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/13554794.2011.608366

  247. Antonio G. - POA Diz:

    A tentativa patética de admitir a psicografia como meio de prova no processo penal brasileiro é uma aberração. Uma excrescência absurda. Delírio doentio.

  248. Eduardo Diz:

    Biasa,
    -
    Bom seu post. De fato não é só uma variável que vai explicar uma tragédia. Mas tem coisas no Brasil que dá nojo e isso parece está no nosso DNA.
    Sobre o facebook, não tem seu pedido. Até te mandei um e-mail perguntado se vc havia desfeito o convite. Manda de novo. Só que eu sou pouco frequentador da rede social.
    -
    Fabiano,
    -
    Vc é novo aqui? Eu já frequentei mais o blog. Vc vai notar que é um espaço cético. A paz só reina aqui quando o assunto está focado no ceticismo e ateísmo. Pelo menos foi isso que “vi” quando acompanhava mais os posts. Acho que o Scur foi banido daqui pq não suportaram um crente convicto…kkkk. Ele é uma figuraça que escreve bem e tem sua posição bem definida favorável à Doutrina Espírita. O Biaseto tem muito contato com ele e vez por outra esbraveja com o Gaúcho…kkk… os dois são irmãos espirituais que se encontraram justamente no blog…he, he..Vitor fez essa boa ação para os dois.
    Eu tive o prazer de conhecê-lo pessoalmente e ainda estou aguardanda a vida dele à Bahia para um bate-papo.
    -
    Só que me surpreendeu algumas posições católicas aqui no blog. Antes eu só via o JCFF (que fez um estudo bem detalhado da historicidade de “Há 2000 Anos.” Vale conferir.), mas olhando rápido os posts parece que tem mais gente seguidor da Igreja de Roma por aqui. Nos últimos dias que estive aqui eu até brinquei dizendo que o Vitor era na veradade o Padim Pade Vitor…rs..
    -
    Tenha paciência com o povo daqui. Esse blog é bem legal e se vc se enervar será trucidado. Eu acho que tem gente bem inteligente que escreve aqui e independente se é cético ou crente tem o que ensinar. Enfim, acho que o Vitor fez um bom papel ao criar esse espaço.
    -
    Sds baianas,
    -
    Ps.: Biasa, o carnaval da Bahia eu recomendo…rs.. mas sou daqui e sei onde pisar, até na rua, para ter tranquilidade no meio de tanta gente.

  249. Biasetto Diz:

    Fabiano-Marden, não vou cair na sua armadilha novamente.
    O seu discurso e estes linkzinhos chulos que você coloca aqui, me dão náuseas.
    Qual é o seu problema hein? Vê se te enxerga e deixa de ser otário. Você fica indignado com pessoas que se declaram ateias, céticas, agnósticas … cada um na sua Marden. Eu não fico indignado nem com ateu, nem com crente. Eu fico indignado com a ESTUPIDEZ, como as que são ditas por este tal de RC, que não tem nada de racional, é um amontoado de idiotices.
    Eu não tenho que pedir nada pro Toffo, Montalvão, Antonio – se eles quiserem eles se manifestam aqui, se não quiserem tudo bem. Defenda a sua ideia, com evidências e senso crítico, deixe que cada um se manifeste quando e como quiser.
    .
    Vítor, você não permite que o Scur se manifeste aqui. Você baniu o Marden, se lembra?
    Não estou pedindo pra você banir ele novamente, porque acho que você não deveria banir ninguém, a não ser em casos extremos, envolvendo ofensas graves, “baixarias”, algo assim.
    Você disse pro Marden, que só permitiria que ele voltasse ao blog, quando ele admitisse que o RC é pseudociência, lembra-se?
    Então, Marden, como fica isto?
    E quer saber o que mais? Não estou nem aí com suas provocações e estes besteróis que você coloca aqui.
    Você é chato demais, além de completamente tonto.
    Vai procurar um psiquiatra, ainda está em tempo, vai …

  250. Biasetto Diz:

    Xará,
    O Fabiano não é novo aqui nada, já foi até banido. É um cara de pau, incrivelmente chato e desagradável.
    Vem com essa “lenga-lenga chorosa”, mas é uma raposa no galinheiro. Vai agindo bem quietinho, até poder atacar e tentar desqualificar os debatedores. Ele se acha porta-voz dos céus, um iluminado que veio nos salvar. Mas ele está mais pro Chapolim Colorado, é completamente fora do eixo, fanático por uma doutrina absurdamente ridícula e surreal, fazer o quê? Não faltam loucos neste mundo, tem uns loucos legais e interessantes, mas este Marden é um louco extremamente desagradável, inconveniente e indesejável.

  251. Biasetto Diz:

    “Talvez a maior tragédia da história humana tenha sido o sequestro da moralidade pela religião”
    Arthur Clarke

  252. Biasetto Diz:

    Pra quem tiver paciência e estômago:
    http://www.youtube.com/watch?v=2E6tYG6zcFE
    Olha aí Contra o Chiquismo:
    tirititi, tirititi, titi …

  253. Biasetto Diz:

    Quem aguenta um troço destes?
    http://www.youtube.com/watch?v=HNZZU7250-k

  254. Biasetto Diz:

    Minha paciência está igual coca-cola: era normal, ficou light, agora está ZERO

  255. Antonio G. - POA Diz:

    Harvard é uma das melhores universidades do mundo. Disto, todo mundo sabe. Mas o fato de alguém ser formado em Harvard não é garantia de nada. Nem tudo que é produzido em uma universidade, seja ela qual for, é digno de crédito. Em grandes universidades também se produzem grandes bobagens.

  256. Antonio G. - POA Diz:

    Biasetto, você recomendou um psiquiatra para o Fabiano-Marden. Particularmente, tenho sérias dúvidas sobre a eficácia da psiquiatria. De fato, considero-a uma pseudociência.
    Abraço.

  257. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Seguindo seus conselhos, do marciano e do contramão, além de ler os texto já colocados aqui pelo sr. Almir (que ainda não citou a fonte da pesquisa que ele fez; e porque será?), fui pesquisar no site oficial do Racionalismo Cristão e vejo que você se equivoca mais uma vez, o que já tá virando uma rotina sua aqui. Eles, lá no site deles, não dizem ser uma religião e sim “uma filosofia para o nosso tempo”. Eles também dizem, novamente lá no site deles, que “a solução de nossos problemas está em nós mesmos”. Curioso você não concordar com isso não é mesmo? Se você discorda disso, então é porque você acredita que a solução de nossos problemas está no deus NAO EXISTE ou no seu filho unigênito, PROVE. Ou quem sabe nos acadêmicos (e não nos “pandorgas de merda”) que você citou e que são “mui amigos” vosso.
    -
    Pesquisei também, novamente seguindo os conselhos de vocês, sobre esse Marden. Puxa, se for o mesmo que estou pensando que é, o cara é um aventureiro que já morou em cinco países e atualmente está vivendo em Londres, na Inglaterra. Fala fluente quatro idiomas (além de ter conhecimento de outros idiomas) e já esteve em mais de 25 países. É um ambientalista e também é Racionalista Cristão. Será que estamos falando do mesmo Marden, ou o Marden de vocês é outro? E eu aqui, morrendo de vontade de conhecer a neve e as cordilheiras dos Andes e nunca fui por medo de voar. A partir de agora vou tomar, a confusão de vocês, como um elogio, ok? Quem sabe assim eu não comece a me aventurar também?
    -
    Biasetto, até o Marciano anda discordando de você, que já chegou a admitir que o Luiz de Mattos não é idiota (talvez porque ele leu os texto que almir de carvalho colocou): “Biasetto, lamento discordar de vc, mas idiota não é Luiz de Mattos e sim quem o segue.” Mas o marciano só esqueceu de mencionar que esta doutrina espiritualista não quer seguidores, como está numa resposta dada por eles: “O Racionalismo Cristão não está à procura de seguidores. Quer, isso sim, pessoas livres, estudiosas, interessadas em se esclarecer sobre as verdades da vida. Quem conhece a História da Humanidade sabe como as religiões têm produzido fanáticos, que não sabem e nem querem pensar e raciocinar. Quantas guerras sangrentas foram, e ainda são, fomentadas em nome de um falso deus misericordioso! ” Viu Biasa (como diz o contramão)? Escute seu colega marciano. Abraços.
    -
    Fonte: http://www.racionalismo-cristao.org.br/namoro-uma-evangelica.html

  258. Fabiano Diz:

    Agora, dá para vocês pararem de falar de Racionalismo Cristão e de me confundirem com esse tal de Marden ai? Pelo menos por uns instantes? Outra coisa importante, quando afirmarem algo, poderiam citar as fontes de vocês? Ou não há fontes e apenas achismos? E uma coisinha mais, ainda não vi, aqui neste blog, nenhum espirita falando ou faltando com o respeito para com as vitimas do RS. O que vi foram vocês, tocando nesse assunto, faltando com o respeito e levantando um possível argumento espirita (que não ocorreu aqui) para este caso.
    -
    Se este blog fosse mesmo sério não admitiria uma palhaçada destas: “Em tempo, meus sentimentos a todos vocês do Sul, que tristeza isto, teve uma mãe que foi reconhecer 4 filhos mortos. Bem, deve fazer parte da “justiça divina”, então vamos dar GLÓRIAS !!!”

  259. Antonio G. - POA Diz:

    Citar fontes também não garante a confiabilidade ou veracidade de qualquer afirmação. Muitas vezes, fonte é uma muleta com rachadura na haste. O papel aceita tudo.

  260. Antonio G. - POA Diz:

    Como já era muito previsível, ontem eu ouvi de um conhecido espírita: “- Aquelas pessoas que morreram no incêndio de Santa Maria, bem como seus familiares amigos, por mais que tu não acredites, estavam, sim, resgatando dívidas contraídas em outras encarnações”.
    .
    Pergunto: Eu tenho que respeitar um disparate destes?

  261. Antonio G. - POA Diz:

    “familiares e amigos”, eu quis dizer.

  262. contra o chiquismo Diz:

    FABIANO, VC ATÉ HOJE NÃO PROVOU A EXISTÊNCIA DOS ESPIRITOS. ME DE UMA RESPOSTA SOBRE ISSO SEM FUGIR NA SUA PRÓXIMA POSTAGEM.
    EU NÃO SOU CATÓLICO, EU GOSTO É DO MACEDÃO E DA UNIVERSAL!
    VC TREME DIANTE DO MACEDO!
    FABIANO, EU TE QUEIMO COM OS MEUS OLHOS!
    http://www.youtube.com/watch?v=vN9pOzIPUoY

  263. contra o chiquismo Diz:

    TÁ PHODA BIASETTO, PRAGAS INFECTAS E FUGIDAS DO MANICÔMIO!

  264. contra o chiquismo Diz:

    AH!!
    HA HA HA, SABE O QUE LEMBREI DOS TEMPOS DO ‘ESPIRITISMO’?
    QUE OS MANICÔMIOS ESTÃO CHEIO DE ‘MÉDIUNS’ QUE FICARAM LOUCOS POR NÃO DESENVOLVEREM A SUA ‘MEDUNIDADE’!
    90% DOS DOENTES MENTAIS SÃO ‘MÉDIUNS’ QUE NÃO ‘DESENVOLVERAM’, SE PROCURAREM UM CENTRO ‘ESPIRITA’ DEIXAM DE SER MALUCOS NA MESMA HORA!
    HA HA AH AHA HA HAHA A AHAA AHAHAHAHAA

    ANTONIO G. É MENTIRA ISSO? VC QUE FREQUENTOU PODE CONFIRMAR O QUE FALEI.

  265. contra o chiquismo Diz:

    ANTONIO G. É MENTIRA QUE OS ‘ESPIRITAS’ DE PORCO SE INUNDAM DE FELICIDADE QUANDO ESSAS TRAGÉDIAS ACONTECEM? E COMO SE ALEGRAM, POIS A JUSTIÇA FOI FEITA!
    “A PROVIDÊNCIA DIVINA” REUNIU TODOS ALI PARA EXPIAREM E RESGATAREM SUAS FALTAS.
    E TEM ‘ESPIRITA’ QUE SENTE INVEJA, POIS AQUELES ALI CONSUMIDOS PELO FOGO, JÁ POUPARAM UMAS 5 ENCARNAÇÕES FUTURAS AQUI NA TERRA.
    ENQUANTO QUE UM ‘ESPIRITA’ COMUM QUE MORREU DE CAUSAS NATURAIS VAI TER QUE VIR AQUI MAIS 5,6,7 VEZES PRA SE APRIMORAR.

    SÓ RINDO! HAUAHAUAHAUHAHHAHAHAHAAAAU!!!!!!!

  266. Toffo Diz:

    Essa história de atribuir a culpa dessas tragédias às vítimas (são resgates do passado, foram inquisidores e cruzados nas outras encarnações etc etc etc) é de uma cretinice a toda prova, uma imensa falta de respeito à dor dos familiares, e mais: uma forma oblíqua de retirar dos verdadeiros autores as causas da tragédia. Como se não estivesse patente no caso de Santa Maria que o acidente só ocorreu por causa de uma série de falhas de construção e de fiscalização, que nada tem a ver com quem estava lá. Aceitar que isso é expiação coletiva é insultar a inteligência nossa. E o pior é que os espíritas em geral aceitam isso na boa. Não são capazes de entender que gente incompetente e criminosa provoca acidentes, e esses acidentes têm vítimas fatais.

  267. Fabiano Diz:

    Prezado Eduardo,
    -
    Saudações de minha parte, à todo o povo baiano, desse grande estado brasileiro que produziu nobres figuras como o Visconde do Rio Branco e também o pai do Rock Nacional, Raúl Seixas. Entendo e concordo quando você diz que mais pessoas aqui se posicionam em favor da igreja católica. Eu mesmo já fui ameaçado de ser expulso e o André Ribeiro, outro que comentava aqui, parece que também foi expulso e se não foi, teve pelo menos alguns comentários excluídos, porque chamou o Vitor Moura de católico.
    -
    O curioso, Eduardo, é que o seu xará, o Biasetto, também chamou o Vitor Moura de católico e foi além, agiu até com ofensas e baixarias, dizendo coisas como estas: “Então Vítor, se isto é pouco pra você e os autores que você cita, defendendo a ação da Igreja Católica para com Galileu, só posso dizer: Vai você e esses autores, TODOS À MERDA”. E mais adiante o Biasetto disse: “Os artigos são meus Vítor. Vai PLAGIÁ-LOS? Retiro-os já do blog e não faça plágios deles, seu católico apostólico romano”. Está tudo lá no capítulo 5 da propaganda católica. Como você pode perceber, não houve uma reprimenda e nem foi excluído os comentários do Biasetto. O que deixa algo a se pensar: o que faz o Biasetto ter esse privilegio?
    -
    Agora o seu xará, por achar que sou outra pessoa, quer que eu seja expulso do blog. Provavelmente serei expulso também por pensar diferentemente da maioria aqui. Justamente porque penso de forma diferente do ateísmo, que para mim é uma religião, igual ou até mais perversas que outras. E o que é pior, seu xará, na maioria das vezes do que fala, não cita fontes e se alguém o faz, é logo taxado assim: “estes linkzinhos chulos que você coloca aqui, me dão náuseas.” Agora como posso explicar para uma pessoa deste quilate (e quimorde), que link, referências e bibliografia, são de extrema importância em trabalhos acadêmicos?
    -
    Não tive o prazer de teclar com o Scur, apenas o único kardecista que teclei aqui foi o Marcos Arduin. Também lamento que o Scur tenha sido expulso deste blog. E queria saber por qual razão. Obrigado por ter respondido de volta, Eduardo. Um forte abraço.

  268. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Ao você dizer isso: “Não estou pedindo pra você banir ele novamente, porque acho que você não deveria banir ninguém, a não ser em casos extremos, envolvendo ofensas graves, “baixarias”, algo assim.” Você concorda então que você deveria ser banido aqui do blog? Você ofendeu o Vitor, lembra?
    -
    Então é isso?: “Você disse pro Marden, que só permitiria que ele voltasse ao blog, quando ele admitisse que o RC é pseudociência, lembra-se?” O Marden foi expulso do blog porque ele tinha que admitir que o RC é uma pseudociência? Olhem só! Para quem parecia que era contra a inquisição, você aparenta ser um bom inquisidor! Abjurem-se de joelhos e admitam a “nossa verdade” que pregamos debaixo do firmamento!
    -
    “Então, Marden, como fica isto?” Mas Biasetto, se o Marden foi expulso por vocês, como é que você quer que ele venha aqui admitir uma coisa que vocês querem que ele admita? Veja por exemplo, o Antônio G., outro que também descordou de algo que você levantou aqui, disse: “Biasetto, você recomendou um psiquiatra para o Fabiano-Marden. Particularmente, tenho sérias dúvidas sobre a eficácia da psiquiatria. De fato, considero-a uma pseudociência.” Agora você irá querer também que o Antônio se ajoelhe e admita que a psiquiatria é uma ciência? Pare com essa coisa de “você tem que admitir”, isso é coisa de religioso. Você é?

  269. contra o chiquismo Diz:

    FABIANO, VC NÃO SABE LER?
    CADÊ A PROVA DA EXISTÊNCA DE ESPIRITOS?
    VAI FUGIR DESSA PERGUNTA ATÉ QUANDO?
    COMO VC PODE ME PROVAR ISSO?

  270. contra o chiquismo Diz:

    ” Toffo Diz:
    janeiro 30th, 2013 às 11:30
    . Aceitar que isso é expiação coletiva é insultar a inteligência nossa. E o pior é que os espíritas em geral aceitam isso na boa. Não são capazes de entender que gente incompetente e criminosa provoca acidentes, e esses acidentes têm vítimas fatais.”

    É COMO EU FALEI, NÃO SÓ ACEITAM (TODOS) COMO SENTEM PRAZER DA JUSTIÇA FEITA E NO FUNDO NO FUNDO INVEJA DE NÃO TER SIDO UM DELES PRA SE LIVRAR DE PELO MENOS 5,6,7 ENCARNAÇÕES NA TERRA O NOSSO MUNDO DE ‘PROVAS E EXPIAÇÕES’.

  271. Fabiano Diz:

    Antonio G.
    Já ia discordar dessa sua frase, porque sei que as universidades não concordam com este seu ponto de vista (falo de 99,9% das universidades): “Citar fontes também não garante a confiabilidade ou veracidade de qualquer afirmação. Muitas vezes, fonte é uma muleta com rachadura na haste. O papel aceita tudo.” Mas ai li a sua frase seguinte e tudo passou a fazer sentido (ou não?): “Como já era muito previsível, ontem eu ouvi de um conhecido espírita: “- Aquelas pessoas que morreram no incêndio de Santa Maria, bem como seus familiares amigos, por mais que tu não acredites, estavam, sim, resgatando dívidas contraídas em outras encarnações”.”
    -
    Então permita-me citar aqui também as minhas informações inverídicas, falsas, inventadas pela minha cabeça e sem fonte alguma. Segue o caso que vou narrar: E como era muito previsível também, justamente ontem (mera casualidade), eu ouvi de um conhecido espírita (acho que todo mundo tem um vizinho, amigo, conhecido espírita, não é? Eu também tenho!) que disse: “esses ateístas que ficam a toda hora falando sobre essa tragédia recente, poderiam ao menos respeitar os parentes das vítimas, independentemente se eles acreditam na sobrevivência da alma ou não. Eu queria pedir a eles, apenas o respeito e que parem de inventar coisas em nosso nome.”
    -
    Pronto tá dado o recado do meu vizinho. E finalizando digo: O papel pode até aceitar tudo, mas a razão não! Um forte abraço Antonio G.

  272. Fabiano Diz:

    Se alguns dos textos ilegíveis que o contramão está colocando aqui, forem para mim, poderia alguém ter a gentileza de os traduzir e escrever em forma normal? Muito obrigado, antecipadamente.

  273. Biasetto Diz:

    Contra o Chiquismo, cada um merece o tratamento adequado.
    Senhor Fabiano-Marden, respondendo aos seus comentários:
    Tirititi, tirititi, titi.

  274. Antonio G. - POA Diz:

    Fabiano: Acho engraçada esta sua brincadeira de distorcer o sentido das palavras e tentar semear intriga entre mim e o Biasetto. Você é um fanfarrão.
    .
    Contra o chiquismo: Sim, é verdade que alguns espíritas (felizmente, nem todos) afirmam que aqueles que não desenvolvem a mediunidade latente podem desenvolver graves enfermidades mentais. E também é verdade que chegam a dar graças pelo cumprimento do plano divino-espiritual quando estas grandes catástrofes ajustam “por atacado” dívidas pretéritas de centenas, milhares ou até milhões de almas. Como respeitar coisas assim?
    .
    Não serve como atenuante, mas esses eram alguns dos aspectos que me deixavam bastante desconfortável e “com um pé atrás” no tempo em que estava envolvido com a DE.

  275. Toffo Diz:

    Uma resposta exemplar aos espíritas incautos que atribuem essas tragédias a causas reencarnacionistas, sem pensar melhor e sem senso crítico, dada pelo advogado criminalista Antônio Sérgio de Moraes Pitombo comentando Santa Maria: Portanto, o ocorrer dessa tragédia não advém de uma causalidade nova, ou mesmo desconhecida. Mostram-se concausas que conhecemos – conhecemos, porque presenciamos outras similares no nosso bairro, no nosso condomínio, em estabelecimentos nos quais adentramos, os mais variados, ontem e hoje.

    Confessemos: o brasileiro – desde o café da manhã na padaria da esquina ao jantar no novíssimo restaurante, inaugurado em região imprópria para tal fim, sem alvará de funcionamento, sem respeito à legislação sanitária – convive, com complacência, com a ilicitude e se autodesculpa, pois a considera pequena perante outras vicissitudes do país. (…) Desculpe, não consigo dormir. Esse Brasil não faz parte do sonho. Não consigo dormir, sem me sentir culpado por não ser mais intransigente com o descuido dos particulares, bem como com a desídia do poder público. Não consigo dormir, pois me sinto culpado pelo país que permitiu o incêndio em Santa Maria.

    Eu e você, de certo modo, matamos esses jovens por omissão. Não consigo mais dormir.

  276. Biasetto Diz:

    Toffo,
    Foi o que eu disse no texto que publiquei no face e reproduzi aqui: “A culpa é de todos”.

  277. Antonio G. - POA Diz:

    Toffo e Biasetto: Fecho integralmente com vocês. Somos TODOS, direta ou indiretamente, culpados.

  278. Biasetto Diz:

    Antonio,
    O sujeito desprezível aí, “pombo enxadrista”, fica o tempo todo querendo “jogar uns contra os outros aqui”, já percebi isto – e se acha o tal.
    É de um nível desprezível este cidadão, ainda que conheça 25 países e more em Londres, tem menos princípios que o “zé da roça”, que nunca saiu de seu pequeno sítio.
    Pra ele, só nos resta dizer:
    Tirititi, tirititi, titi.
    Já é muita coisa.

  279. contra o chiquismo Diz:

    FABIANO , SEU POMBO ENXADRISTA!!
    CADÊ A PROVA DA EXISTÊNCA DE ESPIRITOS?
    VAI FUGIR DESSA PERGUNTA ATÉ QUANDO?
    COMO VC PODE ME PROVAR ISSO?

  280. contra o chiquismo Diz:

    BIASETO, ELE VAI POSTAR COMO JOGO DE PALAVRAS E NÃO VAI PROVAR A EXISTENCIA DE ‘ESPIRITOS’. ELE NÃO TEM COMO. COMO VAI ME PROVAR ISSO? POR QUE MEIO O FARÁ?
    FABIANO, NÃO FUJA DA PERGUNTA!

  281. contra o chiquismo Diz:

    OBRIGADO POR CONFIRMAR ANTONIO G.

  282. contra o chiquismo Diz:

    BIASETO ESSE CARA QUE NARRA O TITITTIRIRIRITITRTRTIRTIRTRITI TEM UMA VOZ QUE NÃO SERVE NEM PRA VENDER COCADA NA FEIRA!

  283. Biasetto Diz:

    Parecia o Costinha, você não achou?
    Pensei: “isto deve ser piada, só pode ser”
    E não é que era mesmo. Põe piada nisso!
    E o zé mané que mora em Londres se acha melhor que todo mundo aqui, porque segue esta meleca aí.
    E a mulher falando no outro vídeo. Igualzinho palestra espírita: “tem todo um jeito de falar, a eloquência, a firmeza nas palavras, o tom” – só que o resultado final é aquele monte de asnices e Tirititi, tirititi, titi.

  284. Fabiano Diz:

    Biasetto,
    Acabaram-se os argumentos? E eu pensei que você ia trazer aqui algo sobre a psicografia perante o Direito Penal, alguma pesquisa contra Rosemary Brow, ou alguma outra pesquisa que invalidasse a pesquisa feita com os médiuns que veem auras? E é isso que tenho como resposta: “algo absurdo e inaceitável, mas no Brasil, aconteceu – fazer o quê?” ou isso: “Senhor Fabiano-Marden, respondendo aos seus comentários:
    Tirititi, tirititi, titi”?
    -
    Estude Biasetto e pare de ficar falando mal o tempo toda da vida dos outros. O tempo que você perde falando mal dos demais, poderia estar ganhando aprendendo alguma coisa útil e proveitosa, para você, sua família e para a nação como um todo. Por acaso você já esqueceu o que o Marcos Arduin já cansou de dizer aqui, sobre a finalidade moral do espiritismo?

  285. Fabiano Diz:

    Antonio G.,
    Em nada quis distorcer o seu comentário. Onde foi que você viu isso? O que eu fiz, foi apenas pegar suas palavras, reproduzi-las fielmente aqui e colocar um exemplo de um amigo meu. Da próxima vez que você citar seus amigos (imaginários ou não), não fique triste se eu citar os meus também.
    -
    “Contra o chiquismo: Sim, é verdade que alguns espíritas (felizmente, nem todos) afirmam que aqueles que não desenvolvem a mediunidade latente podem desenvolver graves enfermidades mentais. E também é verdade que chegam a dar graças pelo cumprimento do plano divino-espiritual quando estas grandes catástrofes ajustam “por atacado” dívidas pretéritas de centenas, milhares ou até milhões de almas. Como respeitar coisas assim?”
    -
    Onde está essa codificação (ou parte dela) que o senhor diz que orienta as pessoas a darem graças, quando grandes catástrofes ocorrem? Eu sei que você também não gosta de citar fontes, mas por acaso você está inventando isso também? Se na nossa legislação diz que abusar sexualmente de criancinhas é um crime e se por acaso algum advogado assim proceder, então você acha que a culpa é das leis e não do advogado que infringiu estas leis? O que vale não é o códice, não é o código doutrinário?

  286. Fabiano Diz:

    Toffo,
    Concordo plenamente com a opinião do advogado criminalista Antônio Sérgio de Morais Pitombo. Mas discordo plenamente da sua opinião. Porque você direcionou esta mensagem aos espíritas? Isso demonstra um preconceito de sua parte. Por acaso o texto foi escrito direcionado aos espíritas ou é você quem achou por bem dar esse direcionamento? O texto não poderia ser também para católicos, protestantes, ateus, advogados, juízes, políticos, bombeiros, fiscais da prefeitura, ministério público? Veja o problema do seu preconceito, direcionar este texto aos espiritas, sem entender que este texto se refere a todos nós brasileiros. Somos todos culpados.
    -
    Penso de acordo com Antônio Pitombo e foi por isso que direcionei minha mensagem a todos os brasileiros e não aos ateístas apenas, que também são culpados. Disse também que sentia muito por tudo isso e não que foi algo que merecia a pena para pagar isso ou aquilo. Se você tivesse estudado o espiritismo, saberia o que é a lei de causa e efeito. Na verdade, nem precisa estudar o espiritismo não, basta estudar as leis da nossa constituição e você irá se deparar com termos como: relação causal, nexo causal, casualidade, causa e efeito e outros termos similares. Bons estudos pra você também Toffo.

  287. Marciano Diz:

    merden falando bem dele mesmo. E do rc. Que coisa feia!
    .
    Eu acho que Mattos não é idiota pq convence alguns babacas como merden a lhe dar crédito. E dinheiro pro rc. Levava o dele, quanto vivia. Especialidade do merden distorcer as palavras dos outros, não entender ironias quando lhe convém.
    .
    Tava demorando pro merden começar a elogiar a si próprio e ao rc.
    .
    Citar fontes é a famosa falácia do argumento de autoridade. É normal citr fontes, para que outros possam conferir, diferente é citar fontes incontestáveis, por sua autoridade. Argumentum ad autoritatem.
    .
    Contra, isso é fácil de explicar, Se o maluco diz que é médium, passa a ser normal dizer maluquices.
    .
    OLHEM O merden QUERENDO FAZER INTRIGA ENTRE VITOR E BIASETTO, MENOSCABANDO A INTELIGÊNCIA DO VITOR E ACHANDO QUE PODE MANIPULÁ-LO!
    .
    Seu merda, tu já viste eu falando de alguma tragédia aqui?

  288. Fabiano Diz:

    Toffo,
    Reafirmando o que acabei de lhe dizer e vendo um vídeo que acabo de receber de um amigo, deixo com você agora, a opinião de outro advogado criminalista, Sergei Cobra Arbex e que vem justamente falar aquilo que acabei de escrever para você: http://youtu.be/mVqAmNK4h9Y

  289. Antonio G. - POA Diz:

    Fabiano, então você não sabia que os espíritas (especialmente os mais fanáticos) apregoam que as grandes catástrofes são próprias do plano de expiação coletiva, e que assim deve ser para o bem da evolução dos espíritos ? Isso é novidade para você ?
    E você mandando o Toffo estudar o espiritismo…
    Como eu disse, é um fanfarrão.

  290. Biasetto Diz:

    Fabiano-Marden:
    Tirititi, tirititi, titi.
    .
    Antonio, Marciano, Toffo, Contra …
    Quando a pessoa não se enxerga e se acha, é dose pra elefante.
    Sabe o que é o pior que pode existir para um ser humano?
    Não é ele admitir que tem dúvidas, que tem muito a aprender. É como a achar que tem uma missão nesta vida: “esclarecer os menos evoluídos, sobre as verdades divinas”. Quando o sujeito chega neste ponto, só internando mesmo. É o caso do “tirititi”.
    Ele manda você estudar, ele não se conforma, acha uma aberração alguém se declarar ateu, cético, crítico – que monte de MERDEN

  291. Biasetto Diz:

    O sujeito se apega numa bosta como esta de RC e vem aqui querendo dar uma bonzão, esnobando um monte de gente sábia e experiente – nem estou falando de mim, estou longe disso, reconheço. E comecei a melhorar, exatamente quando larguei destas “merdens”, que o imbecil aí, insiste em defender.
    VOLTA SCUR, POR FAVOR !!!

  292. Biasetto Diz:

    Por que isto não aparece em nenhum livro de ciências:
    -
    Sofro de depressão.

    Tenho 23 anos e estou sofrendo de depressão há 3 meses e, segundo o meu psiquiatra, terei que continuar com o tratamento por pelo menos 2 anos. Estou desde o início do tratamento freqüentando o Racionalismo Cristão e estou gostando muito e indo a todas as sessões públicas, porém gostaria de saber de vocês o que é realmente depressão e como me livrar dela?

    A depressão é um mal psíquico, portanto, deve ser tratado psiquicamente. Estudando os ensinamentos explanados pelo Racionalismo Cristão, você vai entender as leis que regem o pensamento. Vai entender que é através dos pensamentos – que geramos e nutrimos – que atraímos pensamentos afins e as influências psíquicas que nos afetam. Bons pensamentos atraem boas influências. Por outro lado, pensamentos negativos atraem as doenças, geram os desânimos e o desamor pela vida. Vai, enfim, entender por que é importante estar vigilante o tempo todo com respeito aos pensamentos que chegam.

    É necessário conhecer a ação do astral inferior, tanto na nossa vida espiritual como na material. Recomendamos que estude as obras editadas pelo Racionalismo Cristão começando com as básicas Racionalismo Cristão e A vida fora da matéria. Ambas, assim como outras, estão disponíveis gratuitamente nos sites do Racionalismo Cristão.

    Incontáveis pessoas conseguiram livrar-se de problemas psíquicos através da disciplina recomendada pelo Racionalismo Cristão e das Limpezas Psíquicas regulares. Se você julgar necessário, continue seu tratamento com o seu médico. Paralelamente, procure se instruir sobre si mesma, conhecer a sua origem, as suas tarefas neste mundo provisório.
    -
    Alguém pode me responder?
    Menos o tirititica, por favor!

  293. Biasetto Diz:

    Agora, vocês podem consultar no link abaixo, outra explicação e esclarecimento sobre a depressão. Aí, cada um julgue onde há conhecimentos e fundamentos científicos e onde há difusão de bobagens, que em nada contribuem para a evolução da sociedade e o bem estar das pessoas.
    Pensem, depois avaliem, como um sujeito que conhece 25 países e mora em Londres, pode, com toda esta bagagem, ser completamente imbecil.
    Fiquem à vontade.
    http://saude.ig.com.br/minhasaude/enciclopedia/depressao/ref1238131637705.html

  294. Fabiano Diz:

    Antônio,
    O Marcos Ardiun não te disse uma vez que tem um monte de gente por ai dizendo um monte de coisas em nome do espiritismo? Portando não sei te dizer a respeito de história, talvez cada historiador pode inventar o que quiser. Ainda que eu acredite que não seja assim. Mas com advogados é diferente. Pode até ter opiniões divergentes, mas o que manda é a constituição. O espiritismo também tem regras claras. Agora, cada um pode dizer o que quiser. E volto a repetir as palavras do Arduin: “isso em nada diminui o espiritismo”. Como você não me passou a parte da codificação, imagino então que seja, mais uma vez, algo dito pelo amigo imaginário do vizinho, não é? Trate-me com respeito e receberá de minha parte o mesmo tipo de tratamento. Abraços.

  295. Martinez Diz:

    Biasetto,

    Eu não tenho que provar nada para vc não “véio”, que foi?, perdeu a linha assim como o tal do contra aí?, Biasetto:”Pois você não sabe nada, e fica com esse bla-bla-bla chorão aí”, se referindo a minha pessoa, e vc? porque não defendeu esse tal de Montovão quando eu fiz as criticas em cima daquela matéria, Psicografia à Luz da grafoscopia – O que Perandréa Não Viu, hein?, ficou se esquivando porque será?, pedindo para mim provar algo que eu não prometi e inventando coisas que eu não disse, vc fala de mim mas quem é vc Eduardo José Biasetto para falar de alguém?, vc é formado em História, Geografia, Filosofia e Sociologia se vangloriando de tal curriculo, mas não é vc e o Antonio G. – POA que dizem que isso não serve de nada?, que quem é formado em harvard por exemplo não passa de um “pandorgas de merda”, e quem é formado em outras univrsidades são o que?, assim como eu disse no começo não tenho que provar nada para ninguém, falei a respeito de suas materiazinhas do O Globo, e vc disse: ” Martinez, a Globo e cia não têm moral mesmo, inclusive vivem bajulando e difundindo pseudociências e falsos gurus”, então porque vem querer achar que vai convencer alguém com matérias dessa rede de televisão?, Biasetto, eu não sou otário eu sei qual é a sua “véio” nesse blog, só voltei aqui para me defender desse seu ultimo comentário a meu respeito, esse blog te diverte né “espertalhão”, to ligado, e vou repetir em letras maiusculas: “EU NÃO ESTOU AQUI PARA PROVAR NADA A RESPEITO DE CHICO XAVIER E NUNCA DISSE EM MOMENTO ALGUM QUE IRIA LE PROVAR ALGO A RESPEITO!!!, está bem assim?, e agora cadê a sua defesa a respeito da matéria citada a cima? vc não disse que a matéria era boa?, matéria visivelmente cheia de equívocos e o Montalvão nem é técnico em grafoscopia, tá d brincadeira! né? Sr: Eduardo José Biasetto, e vc mencionou que eu sou espirita assim como o Fabiano, ele pelo que parece é mesmo espirita e eu respeito o cara e a sua religião, só que eu não sou e se fosse eu diria, e vc ainda disse:”O que é então? Sai deste casulo aí, para com essa lenga-lenga de bom moço”, quem está dentro de um casulo afinal “espertalhão”, eu que dexei bem claro que não vim aqui provar a mediunidade do Chico e que só defendi a imparcialidade todo tempo, ou vc que se esconde atrás desse diploma de Historiador como se fosse um grande expert no assunto mediunidade mas que na verdade não tem nenhum compromisso com a verdade e só quer vê o circo pegar fogo, “malandrão”, pensa que me engana “véio”!.

  296. Biasetto Diz:

    O grande problema por parte de alguns participantes do blog, provavelmente já cometi este erro também, é fugir da proposta do blog.
    A proposta central do blog, é discutir/debater sobre obras ditas psicografadas e a possibilidade de verificação sobre a existência de vida espiritual e sua manifestação na vida terrena.
    Porém, algumas pessoas usam deste espaço, pra difundir “moralismo religioso”, “ética religiosa”, “doutrinação”. Não é isto que se está (ou deveria estar) se debatendo aqui.
    A questão é:
    1 – Existem espíritos? Nós somos espíritos?
    Há evidências? Quais? São dignas de respeito, podemos levá-las a sério?
    2 – Os espíritos desencarnados se comunicam com os encarnados?
    Há evidências de mediunidade? Quais? Os livros ditos psicografados são dignos de respeito, trazem informações que superam o que temos aqui na Terra? São “inéditos”? Apresentam plágios? Apresentam erros?
    -
    A coisa complica, quando se discute se é bom ser ateu ou crente, se o espiritismo, o RC, o cristianismo católico ou “evangélico” faz bem ou mal pra humanidade, se o sujeito vai pro inferno, umbral, “nosso lar”, o paraíso, “astral superior”, “astral inferior” … Isto são crenças, são coisas abstratas.
    E pior, fica questionando o caráter das pessoas, em função de elas serem ateias ou crentes, isto não tem nada a ver.
    A questão é simples:
    - um vem e faz um artigo mostrando fraudes em psicografias ou materializações, coisas assim.
    Se o sujeito não concorda, venha e mostre com evidências em contrário, provas concretas.
    Agora, vem com ladainhas melosas, falando de valores relacionados a crenças pessoais. É isto que irrita.
    Eu, acredito que Chico XAvier nunca foi médium.
    Se alguém tem um motivo concreto e significativo pra me refutar, ótimo, que assim faça. Acharei lindo dizer: eu estava enganado.
    Estou esperando.

  297. Biasetto Diz:

    Martinez,
    Enquanto eu escrevia o texto acima, você postava.
    Vou te responder, porque você merece meu respeito.
    Aguarda aí.

  298. Biasetto Diz:

    Martinez,
    A questão é a seguinte:
    1º) O Antonio já respondeu e eu concordo plenamente com ele: obviamente que Harvard e tantas outras universidades tradicionais mundo afora, incluindo o Brasil, têm suas referências e credenciais, sendo que desta forma, quem nelas se forma, merece respeito.
    Porém, tem muita gente com título de mestre, doutor, inclusive tendo estudado em universidades deste porte, que não pessoas, digamos inteligentes, sensatas … Da mesma forma, como existem pessoas que nem têm curso superior, mas são extremamente capacidades intelectualmente falando.
    Na minha área, por exemplo, a gente se depara com muitos “intelectuais de gabinete”, pessoas que têm uma formação acadêmica invejável, mas nunca ministraram uma aula em uma escola pública. O conhecimento teórico da pessoa tem sua importância, mas é incompleto, porque não é prático.
    Eu participo deste blog, há uns 4 anos. Primeiramente, como observador; depois, como defensor (ate onde deu) da doutrina espírita, especialmente Chico Xavier e, por fim, como crítico, cético …
    Eu acompanhei bastante os comentários de pessoas como o Antonio, o Toffo, o Montalvão e outros, inclusive no caso dos três citados, eles falando (especialmente o Toffo e o Antonio), sobre a experiência deles no espiritismo, as coisas que viram e não viram – e pude também perceber, conhecendo-os melhor; neste caso, o Toffo e o Montalvão (são amigos meu em facebook), que são pessoas muito intelectualizadas, ponderadas … quando criticam algo, fazem com evidências, mostram conhecimento.
    Mais recentemente conheci o Marciano, tenho mantido contato com ele – ele já segue a linha “não acredito em nada e ponto final” que, aliás, nem é a minha visão. E o Marciano, por contato fora do blog, é uma pessoa muito intelectualizada – estou falando de pessoas que pesquisaram, lerem muitas obras, tanto céticas como não-céticas e, dentre de todo este contexto, trazem uma parte de seus conhecimentos para que outros se informem.
    Eles são perfeitos? Claro que não. Mas eu os respeito e muito os admiro.
    Admiro muito o Carlos também, que aparece pouco aqui, é uma pessoa muito sensata, muito ponderada, faz pesquisas, é professor também.
    O Arduin também tem muito conhecimento sobre a historiografia do espiritismo no Brasil. É professor universitário. Segue uma linha um tanto “exótica”, digamos: “existem espíritos, eles se comunicam, mas a maioria ‘não sabe nada’ e só fala bobagens para os médiuns”. Sei lá, de repente é uma possibilidade, quem sabe?
    2º) Eu só falei que sou formado em História, com habilitação nas áreas que citei, não para aparecer, porque isto nem é grande coisa, rs … Acontece que o sujeito que se diz Fabiano, adora tentar diminuir as pessoas, desqualificando-as. Tanto que ele indicou que sendo eu, “um professor de História …” Detesto quando fazem isto, mesmo porque, no currículo escolar, não está indicado nenhum capítulo sobre espiritismo, RC, mediunidade … ok? Então, uma coisa não tem nada a ver com outra. Lá na escola, eu sou professor; aqui, apenas um participante de discussões/debates sobre temas polêmicos, entendeu?
    Uma vez eu também falei algo como: “você Arduin, sendo um biólogo, falando estas coisas …” fui estúpido, não tem nada a ver.
    3º) Você não precisa me provar nada Martinez – eu só quis dizer, que se você considera que, com todas as evidências apontadas no blog, indicando muito provavelmente que Chico XAvier nunca foi médium, mas você afirma que ele pode ter sido – eu PEDI pra você, de forma prática: me aponte então, o que te faz acreditar nisso. Eu gostaria de saber.
    Você disse, usou bastante o termo “inconclusivo”. Bem, uma vez eu disse pro Vítor, sobre algo que nem me lembro mais, se ele afirmava CATEGORICAMENTE … E ele me disse:
    “Olha Biasetto: categoricamente, eu não afirmo nem que o Sol existe”.
    E eu achei muito interessante isto que ele disse, no sentido filosófico mesmo. Talvez tudo seja uma ilusão, talvez nem estejamos aqui, se é que você me entende, o que estou querendo dizer.
    Entretanto, dentro de um contexto daquilo que consideramos real, concreto, eu acredito que existem mais do que evidências, para se CONCLUIR, que todas as religiões – umas mais, outras menos – difundem muitas bobagens, crendices e fantasias. E, ainda sobre isso, podemos CONCLUIR que pessoas como Chico Xavier, Divaldo Franco e “outros/outras”, nunca apresentaram nada de concreto em termos de mediunidade, uma vez que tudo o que eles afirmam ter vindo do “além” poderia muito bem ter saído do “chão que pisam”.
    Se me manifestei de forma inconveniente e desagradável contigo, peço-lhe desculpas.
    Agora, não se engane com o outro cidadão, porque ele só se faz de “bonzinho”. A principal meta dele, é desqualificar todos aqui, que não concordem com o que ele prega – porque ele é um pregador – e o que é pior: ele procura desqualificar a pessoa, não suas ideias. E ele deturpa tudo que você diz.
    Se eu disser algo como:
    “Eu sou a favor de que todos tenham liberdade sexual”.
    Ele vem e diz:
    “Então, senhor professor de História, o senhor não tem vergonha de estar ensinando seu alunos a serem promíscuos?”
    Sacou?
    É isto que ele faz.
    .
    Saudações !!!

  299. Contra o Chiquismo. Diz:

    “Fabiano Diz: Onde está essa codificação (ou parte dela) que o senhor diz que orienta as pessoas a darem graças, quando grandes catástrofes ocorrem? Eu sei que você também não gosta de citar fontes, mas por acaso você está inventando isso também? ”

    JÁ VI QUE VC NUNCA FREQUENTOU CENTROS ESPIRITAS E NEM NUNCA FOI UM.
    FONTE: FREQUENTE CASAS CHIQUISTAS.

  300. Contra o Chiquismo. Diz:

    contra o chiquismo Diz:
    JANEIRO 30TH, 2013 ÀS 12:56
    BIASETO, ELE VAI POSTAR COMO JOGO DE PALAVRAS E NÃO VAI PROVAR A EXISTENCIA DE ‘ESPIRITOS’. ELE NÃO TEM COMO. COMO VAI ME PROVAR ISSO? POR QUE MEIO O FARÁ?
    FABIANO, NÃO FUJA DA PERGUNTA!

    NÃO TE FALEI BIASETTO?

  301. Contra o Chiquismo. Diz:

    O POMBO ENXADRISTA LÊ MAS NÃO INTERPRETA.

  302. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO, NÃO VAI PROVAR A EXISTENCIA DE ‘ESPIRITOS’? TU NÃO TEM COMO. COMO VAI ME PROVAR ISSO? POR QUE MEIO O FARÁ?
    FABIANO, DE NOVO:NÃO FUJA DA PERGUNTA!
    POMBO ENXADRISTA!!!!

  303. Fabiano Diz:

    Foi bom terem levantado o problema sobre depressão. É sabido que os medicamentos tem falhado no tratamento de pacientes com depressão e outras enfermidades modernas relacionadas, como a Esquizofrenia e o Alzheimer. E foi por isso que o professor Jonathan Shedler, um professor de psiquiatria da universidade do colorado, chegou a criticar o trabalho da próxima edição da “American Psychiatric Association’s Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders (DSM-5)”, como um “desperdício de oportunidade horrível”. Este medico vem obtendo resultados satisfatórios em seus pacientes usando técnicas como a “psicoterapia psicodinâmica”, ou seja, sem uso de medicamentos. E podemos retirar isso de um artigo sobre ele: “Após mais de cinco anos de burocracia, parece que os psiquiatras não conseguiram chegar a um consenso sobre o que qualifica um problema de personalidade.”
    -
    Outra médica que também podemos citar é Marcia Angell, com sua obra polemica The Truth About the Drug Companies: How They Deceive Us and What to Do About It- A verdade sobre os laboratórios farmacêuticos: como eles nos enganam eo que fazer sobre isso (tradução literal).
    -
    E para finalizar sobre esse assunto de depressão e enfermidades congeneres, deixo este belo vídeo do psiquiatrica britanico, Ben Goldacre que explica: “O que os médicos não sabem sobre as drogas que prescrevem”. Tem legenda em português.
    http://www.ted.com/talks/ben_goldacre_what_doctors_don_t_know_about_the_drugs_they_prescribe.html

  304. Toffo Diz:

    O Fabiano é o Marden. O estilo é igualzinho. Marden me mandou estudar espiritismo também. Ou então o espírito do Marden baixou no Fabiano, hehe.

    De qualquer forma, Fabiano, para seu governo, o sr. Francisco Cândido Xavier sem ser convidado “pissicografou” em princípios de 1962 que o incêndio de Niterói em dezembro do ano anterior era uma expiação de espíritos endividados desde as cruzadas e a inquisição. Depois, em 1974, 12 anos depois, sem ser convidado, “pissicografou” uma poesia atribuída a um poeta cujo nome não lembro agora dizendo que as pobres vítimas do Joelma eram devedoras de longa data das cruzadas e da inquisição. E a espiritada acreditou piamente, como se aquilo fosse um aviso dos Céus, mais ou menos na linha dos católicos beatos que ficaram boquiabertos com o terremoto que destruiu Lisboa em 1755, justo Lisboa, a mais beata das cidades da Europa, castigada por quê? A estupidez humana não tem limites, nem ao norte, nem ao sul, nem a leste, nem a oeste.

  305. Contra o Chiquismo. Diz:

    Toffo, sabe pq O Fabiano é o Marden?

    pq :

    “Contra o Chiquismo. Diz:
    JANEIRO 30TH, 2013 ÀS 18:29
    FABIANO, NÃO VAI PROVAR A EXISTENCIA DE ‘ESPIRITOS’? TU NÃO TEM COMO. COMO VAI ME PROVAR ISSO? POR QUE MEIO O FARÁ?
    FABIANO, DE NOVO:NÃO FUJA DA PERGUNTA!
    POMBO ENXADRISTA!!!!”

  306. Contra o Chiquismo. Diz:

    O Marden tb me ignorou e fugiu sempre dessa pergunta.
    Só enrolou.
    Viu tb como ele se melindra e foge a todo custo de falar sobre o R.C. ?

    FABIANO, DE NOVO:NÃO FUJA DA PERGUNTA!
    PROVE A EXISTENCIA DE ‘ESPIRITOS’.

    se vc fugir dessa vez, julgarei vc como burro e iletrado, pq vc não sabe ler.

  307. Contra o Chiquismo. Diz:

    Olha como o cara é louco, estamos falando de prova da existência de ‘espiritos’ e resgate coletivo e o anormal vem falar de DEPRESSÃO!!!

    Ele é ‘médium’ que não desenvolveu a merdiunidade e ficou louco. Tá postando aqui através de I Phone dentro de um manicômio. Agora quanto ele pagou ao enfermeiro pra ter a senha de acesso da rede wi fi do manicômio?

    DÃÃÃÃÃ, BLÉÉÉÉ, IRC, URC, ORC, APLO PLO PLO, BLING BLING BLING, TI RI RI TI RI TI RI TI TI TI TI RI TI,SEM REMÉDIO TARJA PRETA ESSA É A LINGUAGEM DELE.

  308. Contra o Chiquismo. Diz:

    A SENHA WI FI DO MANICÔMIO:
    CX 171.

  309. Contra o Chiquismo. Diz:

    SENHA DO I PHONE DO MARDEN:
    DIVALDO 24.

  310. Marciano Diz:

    Não comento mais nada que o merden poste aqui, nem nada que se refira a postagens dele.
    Não vale a pena perder tempo com pombos enxadristas.
    http://pigeonchess.com/playing-with-pigeons/

  311. Antonio G. - POA Diz:

    Distorções…
    .
    Martinez, eu não disse que um diploma de Harvard não serve para nada. Disse que um diploma de Harvard não garante que seu portador esteja certo no que pensa e diz. O Biasetto fez uma boa explanação sobre esta questão, alguns posts atrás.
    .
    Fabiano, eu não o desrespeitei. Disse que você é um “fanfarrão” (brincalhão, gozador,…).
    .
    Com relação à questão das crenças religiosas, eu respeito o direito de cada um acreditar no que quiser. Só não acho que eu seja obrigado a respeitar as religiões, porque entendo que elas fazem mal às pessoas. Todas as religiões são nocivas.
    .
    Sds.

  312. Antonio G. - POA Diz:

    As religiões são como os fogos de artifício: Melhor seria se não existissem. E não fariam falta nenhuma para a humanidade.

  313. Antonio G. - POA Diz:

    Fogos de artifício fazem barulho, dão espetáculo, criam êxtase e estimulam a fantasia. Mas, na verdade, não servem para nada. E são perigosos.

  314. André Ribeiro Diz:

    Este tal de Merden deve ser psicopata:

    http://www.youtube.com/watch?v=gbGJkhULlOg

  315. Fabiano Diz:

    Toffo,
    Tenho estilo parecido com o do Marden? Talvez o espirito dele esteja me influenciando sim ou seria a mente dele? hehehe Mas o curioso que li um texto num post antigo aqui no blog e esse Marden dizia para o Biasetto, coisas assim: “Biasetto, saia desse casulo…” E agora o Biasetto diz a mesma coisa para o Martinez, para ele “sair do casulo” também. Você acredita que esse espirito ou mente de Marden poderia estar me influenciando e o Biasetto ao mesmo tempo? O que você acha? Temos aqui então um caso curioso para investigação! hehehe
    -
    Agora brincadeiras à parte, vamos então ao que é serio e relevante, ok? Chico Xavier, sim escreveu “obras psicografadas” dizendo muita coisa que não deveria ter dito. Não estou em desacordo com isso! Chico falou um monte de inverdades! Também não estou em desacordo, ou seja, concordo com estes pontos de vistas seu e de outros!
    -
    Agora vem a parte de discordância entre nós: Chico é católico e não espírita! Acredito que aqui no blog apenas o Gorducho se identifica com este ponto de vista. E a f.e.b. aproveita do uso de sua imagem e “direitos autorais” (que vai entre aspas, aqui). Joana D’arc que foi uma espírita, agora é santa católica. Consegue ver a inversão de papéis? Chico não é papa espirita, não é representante máximo do espiritismo e acredito que nunca tenha lido as obras básicas de Kardec ou de outros espiritas contemporâneos deste. E se leu, não entendeu.
    -
    Da mesma forma é um sujeito que faz curso de direito à distancia, não passa na prova da OAB, mas quer que os demais o chame de “doutor”. As estorinhas que o Chico conta é para qualquer tipo de público que não sabe raciocinar sobre as bases do espiritismo e da filosofia espírita. O problema é que as estorinhas do Chico, cativam mais e estão mais próximas da verdade (eu disse mais próximas) que as estorinhas católicas. E a igreja é quem tá preocupada. E isso em nada vai diminuir o espiritismo. Por acaso o senhor acha que o Arduin caiu nas estorinhas do Chico? E porque não? Será por causa do estudo que ele faz? Eu penso que sim.
    -
    Quanto “A estupidez humana não tem limites, nem ao norte, nem ao sul, nem a leste, nem a oeste” estou de pleno acordo contigo. Pedir para estudar o espiritismo não foi uma ofensa. Estudar sempre foi uma virtude para mim, por isso que te indiquei os estudos, ok? Abraços.

  316. André Ribeiro Diz:

    Não percam tempo com ele e fujam para as montanhas.
    Ele É PERIGOSO.

  317. Antonio G. - POA Diz:

    Para mim é muito claro que Chico Xavier era um fervoroso católico, que fundou uma religião inspirada no espiritismo: O chiquismo.
    Sob este aspecto, têm razão os que dizem que CX não era espírita, e sim católico. Ele desejava ardentemente ser um santo católico, igual àqueles que ele tanto admirava e cujas biografias estudava com devoção. De certa forma, conseguiu.

  318. Fabiano Diz:

    Contra (contra tudo, contra todos, contramão, contraceptivo, contrariado, contramaré, contranatural, contração de parto, contraditório, contradeclaração do imposto de renda…),
    -
    “O Marden tb me ignorou e fugiu sempre dessa pergunta” – Você não leu o que Biasetto postou não? Marden foi banido do blog. Você tá falando com Fabiano.
    “Viu tb como ele se melindra e foge a todo custo de falar sobre o R.C. ?” – Se você quer tanto ouvir falar do R.C. porque não deixou o sr. almir de carvalho, continuar falando?
    “se vc fugir dessa vez, julgarei vc como burro e iletrado, pq vc não sabe ler” – Fugir? De quê ou de quem? Não é que eu seja burro ou que não saiba ler, é que eu não entendo seus códigos. Como entender isso: ÆØÚÝÐ ??????? ??? ??????.?

  319. Fabiano Diz:

    Contra (contra tudo, contra todos, contramão, contraceptivo, contrariado, contramaré, contranatural, contração de parto, contraditório, contradeclaração do imposto de renda…),
    -
    “Olha como o cara é louco, estamos falando de prova da existência de ‘espiritos’ e resgate coletivo e o anormal vem falar de DEPRESSÃO!!!” – Contrariado, não chame o Biasetto de louco. Apesar que concordo contigo que Biasetto trouxe o assunto de depressão, que não tinha muito a ver com o nosso assunto, já que estávamos falando de prova de espíritos e resgate coletivo. Mas já que o Biasetto quis colocar aqueles dois links sobre depressão, ao invés de chamá-lo de louco, como você acabou de fazer, eu preferi dar atenção e crédito ao assunto levantado por ele e coloquei informações adicionais.
    -
    Agora se você não entendeu porque que Biasetto colocou o assunto de depressão aqui no blog, antes de chamá-lo de louco, você deveria ter perguntado para ele quais seriam as reais intenções dele, você não acha? Contraceptivo, da próxima vez pondere antes de fazer uma critica ou chamar alguém de louco, já que você não sabe as reais intenções da outra pessoa. Ou vai me dizer que agora você sabe porque o Biasetto colocou o assunto da depressão? Ou vai pedir desculpas, dizendo que a mensagem não era para ele? Ou vai assumir que não lê nada do que Biasetto coloca e que você tá aqui é para contrariar a tudo e a todos, não é mesmo? hehehe
    -
    “Ele é ‘médium’ que não desenvolveu a merdiunidade e ficou louco. Tá postando aqui através de I Phone dentro de um manicômio. Agora quanto ele pagou ao enfermeiro pra ter a senha de acesso da rede wi fi do manicômio?”
    -
    Acho que ele tá desenvolvendo a “merdiunidade” dele agora, pois já noto uns surtos de “obsessão mardiúnica”, não é que passou a usar expressões como “sai do casulo” igualzinho como Marden fazia? Esse Marden devia ser um “encosto dos brabo” mesmo! Agora, contramaré, como você sabe que Biasetto tem “I Phone” e não “I Pad”? hehehe essa eu quero saber também.

  320. Fabiano Diz:

    Contra (contra tudo, contra todos, contramão, contraceptivo, contrariado, contramaré, contranatural, contração de parto, contraditório, contradeclaração do imposto de renda…),
    -
    Se um dia quiser realmente conversar comigo ou sobre os temas que envolvem o blog, procure usar de uma linguagem compatível. Ou seja, linguagem compatível eu me refiro a:
    1) não escrever GRITANDO como os crentes católicos (e isso te denuncia também como crente católico que é) e evangélicos, que costumam GRITAR e não escrever nos fóruns de todos os blogs e nas salas de bate-papo do yahoo, uol e fóruns internacionais também.
    2) procure não faltar com respeito e nem fazer deboches dos pontos de vistas das pessoas que estão teclando ou falando contigo. E não se ofenda se o seu “oponente” passar a usar contra você o mesmo tipo de tratamento, usar do principio da reciprocidade.
    3) ninguém é obrigado a estudar ou a entender de espiritismo ou fenômenos paranormais. Se você acha que estes assuntos não valem para nada, que para você é mais importante os assuntos católicos, tudo bem, ótimo para você! Então faça como vai fazer MarciAnão: “Não comento mais nada… Não vale a pena perder tempo”. Viu, contração de parto, pra quê se contrariar e querer parir um filho que nem é seu? Seja inteligente como Marcia_anus tá sendo agora. Cale-se! Ou como dizem os americanos em seus filmes: “Você tem o direito de permanecer em silêncio; tudo o que você disser poderá e deverá ser usado contra você…”
    -
    Agora a pergunta que não quer calar: Como educação vem de berço, será que você estaria disposto a remodelar seu maus hábitos e costumes em troca de uma conversa salubre? Vamos ver até quando você irá conseguir manter um comportamento salutar aqui no blog. Quer tentar? Eu duvido! Mas pode ser que me equivoco. Se não você só tem uma saída: agir igual ao Mercuriano.

  321. Fabiano Diz:

    Oi Antônio,
    Eu não disse que você tivesse me desrespeitado, apenas enfatizei aquilo para o salvaguardar de não cometer o mesmo erro que o contraceptivo, marcia_anus e o pasteleiro (http://www.pasticceriabiasetto.it/index.php.html) andam fazendo. Saudações à você também.

  322. Fabiano Diz:

    Oi André Ribeiro,
    que bom que voltou, senti sua falta aqui e até defendi a sua volta ao blog, pois achei além de absurdo seus comentários terem sido moderados (enquanto que os do Biasetto não foram), cheguei a acreditar que você tivesse sido banido do blog. Ainda bem que não! Estarei do seu lado sempre que disser a verdade.
    -
    Pena que o Marden não tá mais aqui comentando e talvez nem tenha visto o vídeo que você colocou, que aliás é muito bom!

  323. contra o chiquismo Diz:

    Fabiano, eu não sou católico, sou Macedão! Vc treme diante do MAcedão!
    Vc roda, roda Jequiti e nunca me prova a existência de ‘espiritos’ . Tem como me provar isso?

  324. contra o chiquismo Diz:

    corrigindo: roda a roda.
    http://www.sbt.com.br/rodaaroda/

  325. André Ribeiro Diz:

    Vítor, seu blog já foi melhor.
    Ultimamente está se transformando em espaço de pregação católica e este sujeito demente dominando a área aqui.
    Tentando provocar intriga entre os participantes, só postando bobagens. Por que você trata o Roberto Scur de um jeito e está aceitando esta ameba incomodando aqui?
    Dá um chute na bunda deste cara, faz este favor.

  326. André Ribeiro Diz:

    Antonio G, perfeitas suas colocações sobre religião. Até copiei e guardei suas frases, comparando-as a fogos de artifício.

  327. Cassio1961 Diz:

    Olá, a todos,
    Contra o Chiquismo,… Fabiano, obrigado pelas palavras de conforto ditas, mas não tenho nenhum recalque sobre o ocorrido, afinal de contas acidentes ocorrem diariamente neste mundo nosso, haja visto o que aconteceu em S.Maria, aquilo sim foi uma verdadeira tragédia, e que esperamos que não se repita, pois foi muito triste mesmo. Mudando de assunto, gostaria de participar dessas discussões “acaloradas” deste blog, mas já vou avisando, perto do que já li aqui, sou “café com leite” em termos de entendimento, mas de vez em quando pretendo dar uns pitacos, afinal de contas é discutindo, trocando idéias, pesquisando, é que podemos aprender algo mais,…já notei o antagonismo entre vocês dois, devo deixar claro que também tenho sérias dúvidas quanto ao espiritismo, principalmente nas afirmações dos médiuns, …também quero ver as provas incontestes da existência dos espíritos, da vida após a morte, tão bem romanceada pelos médiuns psicográfos, pois como já frisei aqui em outro post, já tive livros e livros sobre o espiritismo, e depois doei todos, fiquei decepcionado com as argumentações, afirmações, e conclui que tudo é fantasioso demais, meloso, descabido, …estive lendo o livro(em pdf) de Robson Pinheiro, “Legião”, e mais uma vez achei engraçado e bisonho demais.
    Abraços,

  328. contra o chiquismo Diz:

    Fabiano, eu não sou católico, sou Macedão! Vc treme diante do MAcedão!
    Vc roda, roda Jequiti e nunca me prova a existência de ‘espiritos’ . Tem como me provar isso?

  329. contra o chiquismo Diz:

    corrigindo: roda a roda.

  330. contra o chiquismo Diz:

    Fabiano, tenta sorte no roda a roda Jequiti, já que vc gosta tanto de rodar.
    http://www.sbt.com.br/rodaaroda/

  331. contra o chiquismo Diz:

    Cássio, pq vc doou os livros? Não devia ter feito isso, isso é um crime! DEVERIA TER QUEIMADO TODOS!!!!! ISSO MESMO, QUE É PRA NINGUÉM APROVEITAR E LER ESSE MONTE DE LIXO! Os meus foram todos queimados, só lamento não ter filmado e colocado no Youtube!

  332. Cassio Diz:

    Contra, hoje talvez eu fizesse alguma coisa parecida com isso que você falou,… pelo que notei você não crê em nada referente ao espiritismo, em especial CX, você já foi frequentador? por curiosidade, em que momento você se deu conta do erro?…das coisas sem noção que são ditas por médiuns,(tenho familiares bem próximos que são espíritas ferrenhos), já ouvi ‘ESTÓRIAS” difíceis de acreditar, como por exemplo um casal adotar uma pessoa(já adulto!!)por crer que essa pessoa já foi um filho deles em outra “encadernação” segundo um médium, detalhe, eu conheço todas estas pessoas, e muito bem e não consigo entender(acreditar) como elas chegam neste ponto. Por conta dessa e outras situações eu fui ficando descrente,e já fui alvo de críticas dentro da própria família.

  333. contra o chiquismo Diz:

    Antonio G. no motoqueiros no além tem de Mobylette a Honda Goldwing 1000. Phoda foi o caso de um garoto, o cara tinha lavado a moto e o garoto ” me empresta aí pra eu dar uma voltinha” Pooow!! É muito azarado! Morreu e ainda deu prejuízo no amigo. Agora veja a pretensão: Prefácio de Bezerra de Menezes. Pra dar crédito a obra se recorre a um figurão. Aliás alguém sabe algo desse Euricledes Formiga?
    Esse Motoqueiros no Além vai além da pieguice e da tosquidão (de tosco se é que tosquidão existe)!

  334. Martinez Diz:

    Biasetto,

    Vc agora me entendeu e eu compreendi melhor a sua visão a respeito disso tudo, e sobre caso Chico eu posso está completamente errado achando que talvez ele não seja um farsante, mas assim como vc tem a certeza de que ele foi um falsário eu quero ter certeza de algo, hoje eu estou em duvida quanto a isso mas amanhã quem sabe?, vou continuar pesquisando seja em matérias como esse blog (embora eu tenha criticado em alguns momentos certas matérias não posso deixar de dizer que há matérias boas aqui) ou em outros, não retiro o que eu disse a respeito de algumas matérias desse blog, mas eu sei que as fontes são inumeras e uma hora ou outra vai existir matérias mais duvidosas e fracas e outras muito sensatas e exelentes, assim como eu dexei claro em outro comentário a respeito de uma matéria, que na ocasião até elogiei o Vitor pelo artigo, como eu havia dito vou me aprofundar mais ainda nesse assunto Chico (embora já tenha lido várias coisas a respeito, e é claro algumas de suas obras) para ver até onde isso me leva.

    um salve para vc cara!!.

  335. Fabiano Diz:

    André Ribeiro,
    Ainda que não tenha citado meu nome, percebo que a mensagem era para mim. Então irei comentar o que você disse.
    “Ultimamente está se transformando em espaço de pregação católica e este sujeito demente dominando a área aqui.” – Tive lendo algumas coisas do Vitor, fora daqui deste blog, e penso que ele também tenha percebido que a pregação católica não foi mesmo uma boa coisa. Não tenho pretensão alguma em “dominar a área”. Demente foi uma ofensa gratuita, que irei comentar adiante.
    “Tentando provocar intriga entre os participantes, só postando bobagens” – Não tento provocar intrigas entre os participantes do blog. Alguns participantes são os que se contradizem o tempo todo e uns com os outros. O que fiz foi pegar a frase do participante A e mostrar para o participante B, que o participante A não concorda com o que ele acaba de postar. Mas como A e B são “amigos”, um não quer magoar o outro, mas também nenhum deles quer voltar atrás. E ai vem os dois, A e B, com insultos e ofensas contra mim, porque usei frases deles mas citando seus respectivos nomes. Não caberia portanto, nem a alegação de plágio. Agora eu não sei quais são as “bobagens” que você fala que eu postei.
    “Por que você trata o Roberto Scur de um jeito e está aceitando esta ameba incomodando aqui?” – Não sei o que o Roberto Scur fez, para ser banido do blog, mas por quê querer que eu também seja banido? Agora você me chama de ameba e que estou te incomodando. Porque me ofende? O que te fiz? Qual a justificativa que você vai apresentar para me chamar deste nome? Você é um religioso ateu? É por isso que tá ofendido? Tá acostumado a mentir para defender suas ideias e não quer que ninguém te denuncie? É isso? Se o seu compromisso for com a verdade, não há o que temer, não é mesmo?
    “Dá um chute na bunda deste cara, faz este favor.” – E por qual motivo Vitor deveria fazer isso? Talvez você não saiba, mas o Vitor também luta para tentar descobrir a verdade. Inclusive ele questiona coisas dita pelos racionalistas (ateístas) e rebate algumas matérias, com frases assim: “Ao contrário do que você disse, há sim evidências convincentes de mediunidade, reencarnação e experiências fora do corpo..”
    Mas o pessoal que comenta aqui, em sua grande maioria, são apenas debochadores, não se dão ao trabalho de fazer pesquisas, pelo menos é o que tenho notado. E não estou sozinho nessa forma de pensar, porque os ateus daqui são ateus ou céticos extremistas e veja o que disse Sandro Fontana, que deve ser amigo ou conhecido do Vitor: “tentar argumentar com um cético extremista seria de igual valor a debater com um crente”. Eu acredito que são piores que crentes religiosos, já que o ateu em si é um crente, tem o deus NÃO EXISTE e que teve seu filho PROVE. E ai ficam repetindo as ladainhas: não existe, não existe, prove, prove. Já vão ter uma igreja ou templo, agora só faltam constituir um corpo doutrinário, o que não deve demorar muito, como está indo as coisas, no andar da carruagem.
    -
    Se o que digo, te deixa triste ou feliz, sinto muito, mas aqui não tenho intenção de agradar ou magoar ninguém. Esse blog precisa de bons comentaristas, de gente que saiba raciocinar e que não apenas saiba ofender, como você, que acaba de me direcionar uma ofensa gratuita. E para finalizar te deixo um pensamento de Bertrand Russel: “As pessoas não devem acreditar em algo porque é bom ou ruim, mas sim porque é verdade. É uma desonestidade, uma traição à integridade intelectual acreditar em algo porque você acha que é útil e não porque é verdade.”
    -
    Fonte (pode-se ler também um comentário do Arduin): http://racionalistasusp.wordpress.com/2011/10/10/entrevista-na-superinteressante-sobre-alexander-moreira-e-o-nupes/

  336. contra o chiquismo Diz:

    FABIANO DÃÃÃÃÃ, BLÉÉÉÉ, IRC, URC, ORC, RODA A RODA JEQUITI: DÁ PROVAR A EXISTÊNCIA DE ESPIRITOS?

  337. Toffo Diz:

    Eu sei que esse Fabiano – ou entidade qualquer que o seja – está pregando a cizânia e a intriga aqui, mas de qualquer forma se pode aproveitar a ocasião para fazer comentários pertinentes. CX pode ser considerado uma espécie de cristão novo, ou seja, os judeus que se convertiam na superfície para salvar a pele, mas que na intimidade continuavam judeus. Certamente ele nunca deixou de ser católico, mesmo vestindo o paletó espírita. E talvez por isso tenha arrebanhado tantos adeptos e fãs, principalmente na classe média branca e católica, que é a matéria-prima do material humano espírita aqui no Brasil. Mas não só por isso. CX era talentoso, carismático e muito, muito, mas muito sagaz. Fazia o jogo da diplomacia. Não se indispunha com ninguém. Sabia sair pela tangente quando lhe convinha. Sabia dosar o talento para contar histórias com um conteúdo razoavelmente raso, que todos assimilassem bem, temperado com o moralismo classe-média que facultasse a todos ler sem discutir. E assim ficou extremamente popular, podendo pontificar à vontade estribado na suposta autoria de espíritos, que tiraria dos seus ombros a responsabilidade pelo conteúdo que apresentava. Ao contrário do que você diz, Fabiano, ele conhecia sim o espiritismo. Conhecia muito bem. CX era leitor voraz e aprendia tudo muito facilmente. Aprendeu o suficiente para manipular a opinião pública a seu favor. Embora eu tenha pulado fora do circo chiquista, eu não deixo de tirar o chapéu para o pedroleopoldense que conseguiu tudo o que queria. Só fico com pena dos milhões que ele enganou.

  338. Antonio G. - POA Diz:

    Olá, André! Obrigado pela deferência. Na verdade, essa comparação das religiões com fogos de artifício ocorreu-me pensando na trágico incêndio de Santa Maria, cujo início deu-se pela imperícia de um rapaz ao manipular um dispositivo pirotécnico. Eu sempre digo que fogos de artifício são de uma total inutilidade, além de muito perigosos. E eu penso o mesmo sobre as religiões.
    Sds.

  339. Fabiano Diz:

    Cassio,
    Fique a vontade, aqui todos estamos buscando aprender algo (mas falo só por mim é claro). Sim, há muita coisa sem proveito por ai, inclusive esse livro “Legião”. Também não consegui tragá-lo. Não sou muito fã de romances (espiritas) nem de obras psicografadas. Gosto muito de filosofia e lógica booleana. Você já leu algo de Gabriel Delanne?
    -
    Por recomendação do sr. almir de carvalho, baixei o livro “Cartas oportunas sobre espiritismo”. Parece que se trata de uma crítica ao espiritismo. Mas tem coisas interessantes, como isto:
    “Entre os grandes males que sempre afligiram a humanidade, destaca-se a prática da magia negra, disfarçada, muitas vezes, com rótulos de “centro espírita”, tem papel dos mais destacados.”
    -
    “Nesses “centrelhos” não se cogita da regeneração moral de quem quer que seja. O que neles se trata é de vinganças, cangamentos e outras misérias morais. A ajudá-los, estão os espíritos malfeitores, zombeteiros, embusteiros que viveram, quando encarnados, sempre praticando patifarias.”

    “A solução dos problemas da vida dos indivíduos, das coletividades, das nações e do mundo, depende da normalidade dos homens, da sua educação moral e preparo intelectual, baseados em princípios racionais e científicos, cada um sabendo que é uma força geratriz de pensamentos e que, como os alimentar, assim será: bom ou mau, feliz ou infeliz, saudável ou doente.”
    -
    Mas parece que o pessoal “cético” daqui não está de acordo com essas palavras ditas acima. E quanto a você? Um forte abraço.

  340. Fabiano Diz:

    Contra,
    Você aceita algo não material como prova? Pergunto isso, porque o espirito é imaterial. Eu não consigo te dar uma prova material de algo imaterial. Se você aceitar, posso colar novamente o texto que escrevi argumentando em cima do comentário de Bernado Torres. A filosofia prova o espírito, você aceita?

  341. almir de carvalho Diz:

    SR. Toffo, o sr. Cita que Chico Xavier deve ter lido bastante sobre os mais variados temas. “…Aprendeu o suficiente para manipular a opinião pública a seu favor….”
    .
    inclusive moldar fatos e historietas de acordo com sua crença. Encontrei este artigo, de uma revista que era publicada nos anos 30, até meados e início dos anos 70,
    .
    Revista de nome DHARÂNA, publicada por uma sociedade espiritualista;
    num derterminado trecho, que é o que interessa aqui, o autor diz o seguinte:
    .
    . Não pode haver crime maior do que o embuste com as cousas divinas… Quanto a mensagem de Chico Xavier, atribuída a Humberto de Campos, NÃO FEZ ELE OUTRA COUSA SENÃO COPIAR DHÂRANÂ, que sempre lhe mandávamos pelo Correio.
    .
    Citar a Mensagem e dizer: “Como não havia Humberto de Campos saber da existência de nosso Trabalho, chegando mesmo a falar de uma estância sul mineira, com o nome de um santo mártir da Igreja? Não é isso algo estranho…?
    .
    “ Por felicidade já levamos ao conhecimento do REFERIDO MÉDIUM O NOSSO FRATERNAL PROTESTO, digno de emenda, pois trabalha pela Nova Civilização, nosso Mestre, há sessenta anos, desde quando foi à Índia.
    .
    Infelizmente não sei de qual número da citada revista, eu copiei este artigo. Mas descobri que existia na época esta revista de nome DHARÂNA.
    .
    AI ESTÁ UMA PROVA DE QUE O SR. CHICO XAVIER COPIAVA, E SEM NENHUM PUDOR. REPITO: REVISTA DHÂRANA, NÃO LEMBRO O NÚMERO, COPIEI ISSO EM 2010. saudações!

  342. Contra o Chiquismo. Diz:

    “Fabiano Diz:
    JANEIRO 31ST, 2013 ÀS 16:41
    Contra,
    Você aceita algo não material como prova?”

    Vamos lá: em 2, 3 ou 4 palavras o que é?

  343. Marciano Diz:

    Contra, não sei se você já conhecia, como gosta de historinhas ridículas cd cx, vai aqui mais uma.
    Scur, se estiver lendo, lembre-se da história que você contou aqui, quem sabe tu não escapaste por pouco?
    .
    AMERGS – ASSOCIAÇÃO MÉDICO-ESPÍRITA DO RIO GRANDE DO SUL
    .
    http://amergs.blogspot.com.br/2012/04/chico-xavier-e-os-ovnis-extraterrestres.html
    .
    Há muito que tencionava relatar este caso de nossas conversas com o Chico, e que não vi ninguém mais registrar até agora. Pois bem, aproveito a oportunidade de seu próximo aniversário em 2 de Abril para o registro que farei por seu intermédio.

    Em nossas conversas nas madrugadas em sua casa, muitas vezes eu perguntava ao Chico sobre o Universo, as galáxias e suas nebulosas e estrelas com os planetas que se movimentam em seu derredor. Ele me falava com muita vivacidade sobre o assunto, inclusive sobre a existência de humanidades muito mais avançadas que a nossa, espalhadas pelo sem fim dos Multiversos.

    Chico Xavier inclusive nos contou que já havia estado com visitantes de outros orbes, e ao expressar a ele a minha vontade de também um dia vir a conhecê-los ele foi enfático :

    “Você deve ter muito cuidado Geraldinho, porque embora a maioria das civilizações que já desvendaram os segredos das viagens interplanetárias serem de grande evolução espiritual e votadas ao Bem e à Fraternidade Geral, há também aqueles outros que somente se desenvolveram no campo da técnica, enregelando sentimentos mais nobres no coração. Representantes dessa outra turma também têm nos visitado mas com objetivos escusos. Para eles nós somos tão atrasados que eles não prestam nenhuma atenção às nossas necessidades e sentimentos. São eles que raptam pessoas e animais para experiências horrorosas em suas naves. Quanto a esta turma nós devemos ter muito cuidado. Uma vez eu estava indo de Uberaba a Franca para visitar a irmã de Vivaldo, Eliana, que havia passado por uma cirurgia no coração naquela cidade. Dr. Elias Barbosa foi dirigindo o automóvel na companhia de Vivaldo e eu, que fiquei no banco de trás. Pois bem, íamos lá pelas 3 horas da manhã, na madrugada, para evitar o trânsito, e a meio caminho uma luz meio baça, na cor alaranjada envolveu o automóvel e passou a segui-lo. Dr. Elias achou por bem encostar o carro e esperamos os três para ver o que ia acontecer. Intuitivamente comecei a orar, pedindo aos amigos que me acompanhassem na prece. O espírito de Emmanuel se fez presente e nos solicitou redobrada vigilância. A nave apareceu então no pasto ao lado iluminando toda a natureza em torno com a sua luz alaranjada e baça. Ela pairou no ar sem tocar o solo e do meio dela saiu uma luz mais clara ainda de onde desceu uma entidade alienigena. Ela tinha uma aparência humanóide, mas muito mais alta com cerca de 3 metros de altura, esquelética.

    Senti um medo instintivo e roguei ao Senhor que nos afastasse daquele cálice de amarguras, que pressentia com o auxílio de Emmanuel. Subitamente a entidade parou e desistiu de nós, retornando para a sua nave. Depois o veículo interplanetário elevou-se do solo e eu vi perfeitamente uma vaca sendo levada até o seu interior como se levitasse até lá. Em seguida a nave desapareceu de nossas vistas com velocidade espantosa.

    O espírito de Emmanuel me revelou então que estes irmãos infelizmente não eram vinculados ao Bem e ao Amor, eram sociedades que pilhavam planetas em busca de experiências genéticas estranhas. De vez em quando abduzem homens e animais para suas aventuras laboratoriais. Segundo Emmanuel somente não fazem mais porque Nosso Senhor Jesus estabeleceu normas e guardiães para proteger a Humanidade Terrestre ainda tão ignorante quanto às realidades siderais, em sua infância planetária.

    Então meu filho, se você avistar alguma entidade com as características que eu lhe dei, 3 metros de altura e corpo humanóide esquelético, corra, Geraldinho… Pernas pra que te quero !!! – E riu-se o Chico com seu modo característico.

    Não contive a pergunta : Mas eles são minoria não é Chico ? E como serão os alienígenas bonzinhos ?

    Ao que ele me respondeu : Ah! São magníficos. Os que eu conheci são criaturas de muito baixa estatura, de cerca de 1 metro apenas. São grandes inteligências e por isto mesmo têm uma cabeça de tamanho avantajado em relação à nossa, com grandes olhos amendoados e meigos, capazes de divisar todas as faixas de vida nos diversos planos de matéria física e espiritual. Não possuem narizes, orelhas e sua boca é apenas um pequeno orifício. Seus sistemas fisiológicos são muito diferentes dos nossos e já não possuem intestinos. Toda a sua alimentação é apenas líquida. São de uma bondade extraordinária e protegem a civilização terrena assumindo um compromisso com Jesus de nos guiar para o Bem. Um dia, Geraldinho, que não vai longe, eles terão permissão para se apresentarem a nós à luz do dia, trazendo-nos avanços tecnológicos, médicos e científico nunca dantes imaginados.

    Fiquei imaginando como o Universo deve ser vasto, e o quanto o Chico sabia sobre ele e ficava calado!

    TEMPOS DEPOIS DESSA CONVERSA PERGUNTEI AO CHICO SOBRE HITLER. ONDE ESTARIA O ESPÍRITO DE HITLER ? CHICO ENTÃO ME CONTOU UMA HISTÓRIA MUITO INTERESSANTE. SEGUNDO ELE, IMEDIATAMENTE APÓS A SUA DESENCARNAÇÃO, O ESPÍRITO DE HITLER RECEBEU DAS ALTAS ESFERAS UMA SENTENÇA DE FICAR 1.000 ANOS TERRESTRES EM REGIME DE SOLITÁRIA NUMA PRISÃO ESPIRITUAL SITUADA NO PLANETA PLUTÃO. CHICO EXPLICOU-ME QUE ESTA PROVIDÊNCIA FOI NECESSÁRIA NÃO SOMENTE PELO ASPECTO DA PENA QUE SE LHE IMPUTARA AOS ERROS CLAMOROSOS, MAS TAMBÉM EM FUNÇÃO DA MISERICÓRDIA CELESTE EM PROTEGÊ-LOS DA HORDA DE MILHÕES DE ALMAS VINGATIVAS QUE NÃO O HAVIAM PERDOADO OS DESLIZES LAMENTÁVEIS. DURANTE ESTE PERÍODO DE 10 SÉCULOS EM ABSOLUTA SOLIDÃO ELE SERIA CHAMADO A MEDITAR MAIS PROFUNDAMENTE SOBRE OS ENGANOS COMETIDOS E ENTÃO TERIA NOVA CHANCE DE RECOMEÇAR NA ESTRADA EVOLUTIVA.

    QUANDO O ESPÍRITO DE GANDHI DESENCARNOU, E ASCENDEU AOS PLANOS MAIS ALTOS DA TERRA PELA ILUMINAÇÃO NATURAL DE SUA BONDADE CARACTERÍSTICA, AO SABER DO TRISTE DESTINO DO ALGOZ DA HUMANIDADE NA II GRANDE GUERRA MUNDIAL, SOLICITOU UMA AUDIÊNCIA COM JESUS CRISTO, O GOVERNADOR ESPIRITUAL DA TERRA, E PEDIU AO CRISTO A POSSIBILIDADE DE GUIAR O ESPÍRITO DE HITLER PARA O BEM, O AMOR E A VERDADE. SENSIBILIZADO PELO SACRIFÍCIO DE GHANDI, NOSSO SENHOR AUTORIZOU-O NA DIFÍCIL TAREFA E DESDE ENTÃO TEMOS GANDHI COMO DOS POUCOS QUE SE APROXIMAM DO ESPÍRITO DE HITLER COM COMPAIXÃO E AMOR…

    Impressionado perguntei ao Chico : Então Chico, o Planeta Plutão é uma planeta penitenciária ?

    E ele me respondeu : É sim, Geraldinho. Em nosso Sistema Solar, temos penitenciárias espirituais em Plutão, em Mercúrio e na nossa Lua terrena. Eu soube por exemplo que o espírito de Lampião está preso na Lua. É por isso que alguns astronautas que lá pisaram, sentindo talvez um frio na alma, voltaram à Terra meio desorientados e tristes. Soube de um até que se tornou religioso depois de estar por lá !

    Como vemos o nosso Chico era capaz de desvendar muitos mistérios em torno da organização da vida mais além ! E com que simplicidade e naturalidade ele nos falava dessas coisas …

  344. Marciano Diz:

    Arduin, talvez você seja capaz de explicar humanóides em planetas distantes milhares de anos luz, com evolução biológica completamente diferente da nossa.

  345. Biasetto Diz:

    Marciano,
    Eu conhecia toda esta besteirada aí, inclusive já comentado aqui no blog, mas foi bom você ter trazido o tema o novamente.
    Quando eu fiz estas postagens, tem uma falando do espírito de Lampião preso na Lua – ISTO É INCRÍVEL !!!
    E eu postei aqui também, este vídeo, que segue abaixo.
    Quem não conhece, se tiver tempo e paciência, veja – e depois pense sobre o cidadão que se manifesta aqui, desqualificando os críticos e demonstrando indignações, por causa dos “deboches”.
    Dá pra levar esta turma a sério?
    O RC é a mesma porcaria.
    E o cara se acha culto, melhor do que todos aqui, quer pregar suas crenças.
    Analisem:
    http://www.youtube.com/watch?v=_YPkw7_uWKc

  346. Biasetto Diz:

    Sobre esta turma aí do RS, tem mais este:
    http://www.youtube.com/watch?v=-s_MQSpk2Yg

  347. Biasetto Diz:

    Pois é Toffo,
    Por tabela, acabei criticando o Martinez, influenciado por este espírito perturbador aqui no blog (o cidadão de Londres aí) – mas você mostrou, mais uma vez, o que temos dito, mostrado aqui: CHICO XAVIER COPIAVA TUDO QUE ESCREVIA.
    As fontes dele foram inúmeras. ISTO CHAMA-SE FRAUDE, TRAPAÇA, FARSA.
    Mas, nós é que somos ruins, não queremos estudar, só queremos fazer deboche, só queremos pregar o materialismo.
    Ou seja, o sujeito ENGANA MILHARES/MILHÕES DE PESSOAS e está sendo injustiçado aqui. Na verdade, ele e a FEB deveriam ter sido processados, infelizmente não foi possível, fazer o quê?

  348. Contra o Chiquismo. Diz:

    1… O espírito de Emmanuel se fez presente e nos solicitou redobrada vigilância.

    2…Senti um medo instintivo e roguei ao Senhor que nos afastasse daquele cálice de amarguras, que pressentia com o auxílio de Emmanuel.
    3…O espírito de Emmanuel me revelou então que estes irmãos infelizmente não eram vinculados ao Bem e ao Amor,
    4…Segundo Emmanuel somente não fazem mais porque Nosso Senhor Jesus estabeleceu normas e guardiães para proteger a Humanidade Terrestre

    VAMOS LÁ MARCIANO:

    1 … O espírito de EU MESMO se fez presente e nos solicitou redobrada vigilância.

    2 … Senti um medo instintivo e roguei ao Senhor que nos afastasse daquele cálice de amarguras, que pressentia com o auxílio de EU MESMO.
    3 … O espírito de EU MESMO me revelou então que estes irmãos infelizmente não eram vinculados ao Bem e ao Amor,

    4 … Segundo EU MESMO somente não fazem mais porque Nosso Senhor Jesus estabeleceu normas e guardiães para proteger a Humanidade Terrestre.

  349. André Ribeiro Diz:

    Você é um sujeito mau, seu Contra o Chiquismo, pois fica fazendo deboche com assuntos tão sérios.
    Este vídeo desta médica aí, Marlene Nobre, quanta nobreza.
    Será que alguém, depois ver esta mulher falando ou ler o livro dela, ainda terá coragem de frequentar seu consultório?

  350. André Ribeiro Diz:

    Depressão é um problema sério. Precisa de um diagnóstico bem elaborado. Há casos que têm natureza genética e a pessoa precisará tomar medicamentos por toda a vida. Da mesma forma, há médicos mal preparados que receitam medicamentos de forma abusiva e equivocada. Porém, é um absurdo defender ideias de que pessoas podem ser curadas de crises depressivas, frequentando igrejas e/ou centros/casas espiritualistas.
    Quem difunde isto, presta um enorme desserviço, além de colocar em risco a vida de muitas pessoas.

  351. Marciano Diz:

    A diferença entre convicções pouco prováveis das pessoas não psicóticas e Idéias Delirantes pode não ser fácil. Não devemos falar de idéias delirantes quando uma pessoa religiosa arquiteta pontos de vista próprios dos assuntos de sua religião, contudo, falamos de idéias religiosas delirantes, quando alguém se apega à idéia de ser um iluminado ou de que é o modelo a ser seguido pelos outros, e mantém essa idéia mesmo diante da lógica em contrário.
    Todos nós tendemos a desenvolver ficções reconfortantes úteis para proporcionar apoio e segurança à personalidade. Aparentemente, a mente humana sempre desenvolveu ou adotou crenças bem elaboradas num esforço para satisfazer necessidades íntimas. A construção de crenças fantasiosas confortadoras como proteção contra a ansiedade e a insegurança tem ocorrência universal. Este foi, em outras épocas, o propósito oculto dos nossos contos de fadas, das narrações épicas de pessoas poderosas, dos mitos e crenças.
    Às vezes a solicitação para satisfação das necessidades íntimas da personalidade pode ser tão contundente que a realidade é totalmente desprezada em favor de idéias deliróides. A realidade sofrível pode ser transformada a fim de torná-la mais compatível com as necessidades emocionais da personalidade.

  352. Antonio G. - POA Diz:

    Infeliz coincidência: Ontem, falávamos da inutilidade e do perigo dos fogos de artifício. Hoje, leio na internet que um caminhão carregado de fotos explodiu na China, deixando, pelo menos, 26 mortos. Horrível.

  353. Antonio G. - POA Diz:

    Marciano, excelente este seu último post. Irretocável. Se as pessoas inteligentes parassem para refletir um pouco sobre isto, as religiões seriam reduto apenas dos néscios. Mas não é assim. Ainda.
    .
    Bom dia a todos.

  354. Antonio G. - POA Diz:

    Acho que vou mandar fazer um quadro deste texto do Marciano.

  355. Toffo Diz:

    Pois é, gente. Isso só reforça a ideia de que CX era um excelente story teller, em português prosaico “contador de causos”, aquele que os conta com tanta convicção que parecem verdade. Uma outra vertente chicoxavieriana era essa de assuntos siderais, vejam que ele escreveu um livro atribuído à sua mãe falando de Marte, com chorrilhos de asneiras, convenientemente ignoradas pelos chiquistas. Depois botou Humberto de Campos (sempre ele…) a falar de Marte também. O bom da “pessecografia” é que se pode falar as besteiras que se quiser, e botá-las à conta do “espírito” que as perpetrou. Cada vez mais me admiro com a argúcia e a sagacidade do eterno mineirinho…

  356. Fabiano Diz:

    Contra,
    “Vamos lá: em 2, 3 ou 4 palavras o que é?” – Resposta: Razão. A razão é algo imaterial e é capaz de testar o espírito, que é imaterial também.

  357. Fabiano Diz:

    Sobre o primeiro link que o Biasetto postou: http://youtu.be/_YPkw7_uWKc
    Título: “Dra. Marlene Nobre fala sobre as revelações feitas pelo médium Chico Xavier a respeito da nova era e sobre a vida na Colônia Nosso Lar”
    -
    Certo, ela é chiquista. Também estou em desacordo. Não somente eu, mas também os espíritas que manifestaram comentando. Vejam o que disse o espírita (“kardecista” e não “chiquista”) Paulo Vasconcelos:
    “Obs: Aos 18m ela fala ”aí? você está duvidando de Chico Xavier”
    E qual é o problema? Chico Xavier psicografou cada aberração antidoutrinária (Nosso Lar, por exemplo). Por que não se pode duvidar dele?
    Isso seria retirar meu direito de crítica. Espiritismo para mim é Allan Kardec e, no momento, nada mais.
    Nunca ouvi tanta besteira sendo atribuída ao? Espiritismo.
    Reunião no Mundo Espiritual? (houve comidas e bebidas também?)
    Data limite do velho mundo? Não há data limite. A Terra evoluirá paulatinamente, sem grandes cataclismos (Kardec).
    Parei de ver aí…
    Espiritismo é Allan Kardec, e não Chico Xavier, Divaldo Franco e cia.”
    -
    Relembrando novamente o que disse Paulo Vasconcelos e que o Arduin tá cansado (quer dizer, parece que o Arduin é incansável) de dizer aqui: “Nunca ouvi tanta besteira sendo atribuída ao? Espiritismo.”
    -
    Biasetto, infelizmente e novamente, você parece que escolhe o produto apenas pela embalagem e não pelo conteúdo. Que nem no outro vídeo que você postou: prestou atenção na voz da médium e não no conteúdo da mensagem. Que mais você pode nos mostrar sobre escolhas de embalagens superficiais?

  358. Cassio Diz:

    Biasetto, consegui assistir 10 minutos do vídeo, não deu pra continuar, pois o tamanho e a quantidade de asneiras enorme,e pensar que milhares ou milhões de pessoas acreditam nesta bobagens, como diz um “pateta”, digo um poeta da tv…ME AJUDA AÍ!!!

  359. contra o chiquismo Diz:

    Fabiano Diz:
    fevereiro 1st, 2013 às 10:32

    Contra,
    “Vamos lá: em 2, 3 ou 4 palavras o que é?” – Resposta: Razão. A razão é algo imaterial e é capaz de testar o espírito, que é imaterial também.

    Razão?? Só isso?

  360. Cassio Diz:

    corrigindo… … e a quantidade de asneiras era enorme…

  361. Fabiano Diz:

    Sobre o segundo link que o Biasetto postou: http://youtu.be/-s_MQSpk2Yg
    Título: “Encontros Fraternos: Comportamento e Fé. Dra. Tatiana Tourinho”
    -
    Mais uma vez o Biasetto foi um infeliz ao postar este comentário “Sobre esta turma aí do RS, tem mais este:” Eu não sei quais foram as reais intenções do Biasetto ao postar este vídeo, mas estou quase certo de que ele não se deu nem ao trabalho de ver o vídeo que ele mesmo postou.
    -
    Como aqui parece não ter nenhum gaúcho que possa defender a verdade e os insultos proferidos contra o povo de seu estado, usarei do meu direito de cidadão livre, para fazer tal defesa. Biasetto, o que o senhor tem para falar em contra do que a Dra. Tatiana Tourinho e do povo do Rio Grande do Sul, como você falou?
    -
    Começo a acreditar que você possa ser um médium. Se é isso o que parece estar se confirmando, você não está sendo capaz de dominar seus pensamentos e está sendo influenciado por pensamentos de espíritos que rejeitam princípios morais e éticos. Tome cuidado com o que diz. Lembra quando disse que tava procurando ser mais ponderado?

  362. Fabiano Diz:

    André Ribeiro,
    Você disse: “Há casos que têm natureza genética e a pessoa precisará tomar medicamentos por toda a vida.”
    Poderia me dizer qual é o gene da depressão? E de onde você tirou essas informações? Pelo que tenho estudado, tanto psicólogos como psiquiatras, mais recentes, começam a admitir que os diagnósticos das doenças mentais estão cheios de erros, que os medicamentos parecem realmente não funcionar e que os tratamentos com psicoterapias vem dando melhores resultados. Já coloquei alguns links aqui.
    -
    “Porém, é um absurdo defender ideias de que pessoas podem ser curadas de crises depressivas, frequentando igrejas e/ou centros/casas espiritualistas.”
    -
    Poderia apresentar seus estudos que mostram que isso é um absurdo e não um preconceito e fanatismo de sua parte? Como já disse, a terapia parece ser uma melhor metodologia. Estudos recentes estão demonstrando isso.

  363. Fabiano Diz:

    Contra,
    Sim, infelizmente, a razão é a única ferramenta que eu conheço que é capaz de testar um espírito. Pode haver outra maneira, mas desconheço. Um médium, um autista, um sinestésico, um esquizofrênico, não importa o nome, podem até ver um espirito (a forma fluídica), mas sem a razão, eles não são capazes de compreender e perceber o que passa em seu entorno. E é por isso também, que uma pessoa sem “a razão”, não pode ser julgada da mesma forma que uma pessoa que tem a sua razão em perfeito estado, ou no que é considerado como perfeito ou aceitável pelo padrão comum.

  364. André Ribeiro Diz:

    O que vocês acham que é racional, quanto a uma pessoa que está sofrendo depressão?
    A) Procura um médico especializado na área (psiquiatra), que solicita exames laboratoriais – pra conhecer as condições de saúde da pessoa – conclui que ela necessita de medicamentos e a aconselha a fazer também terapia, esporte, música, pode ser até uma igreja, caso a pessoa demonstre interesse, como forma complementar ao tratamento.
    B) Procura um médico especializado na área (psiquiatra), que segue os passos do que foi citado acima, mas conclui que o caso não é medicamentoso, apenas recomenda terapia e mudança de vida.
    C) Procura um centro espírita/RC/igreja milagreira, que diz que o caso é de obsessão, se relaciona a vidas passadas, recomenda fervor religioso, reforma espiritual e ficar longe de medicamentos e profissionais especializados, porque remédios e psiquiatras não sabem nada e não conhecem a verdadeira cura.
    .
    Escolham

  365. André Ribeiro Diz:

    Puxa Cassio, você não conseguiu assistir a mais de 10 minutos do vídeo indicado pelo Biasetto, por quê? é tão bom, esclarecedor, sensato, racional e inteligente.
    Por que você não procura ler os livros de Robson Pinheiro, pra você ver o quanto são racionais.
    Tente ler o Racionalismo Cristão também, tem tudo a ver com RAZÃO, explica – DO PONTO DE VISTA ESPIRITUAL -, até porque uma pedra é uma pedra. Explica sobre o ASTRAL INFERIOR e o ASTRAL SUPERIOR. Diz que já recebeu a PRESENÇA DE JESUS CRISTO em seu meio.
    Você não acha que isto tem tudo a ver com RAZÃO?

  366. André Ribeiro Diz:

    Claro que o sujeito londrino aí, vai dizer que aqui só tem materialista desajustados, que ficam debochando de tantas INFORMAÇÕES SUBLIMES, simplesmente porque não CONHECEM A RAZÃO – não conseguem pensar. Não são capaz de reconhecer a mediunidade de Chico Xavier, só porque ele copiava livros, receitas de bolos, casos engraçadinhos, contava histórias que NUNCA puderam nem vão poder ser confirmadas, participou e tinha amigos que participavam de materializações de PIRULITÕES, até o ex-presidente norte-americano JK se manifestou num evento desses.
    É preciso ter MUITA RAZÃO pra poder entender a espiritualidade por traz desses eventos.

  367. Contra o Chiquismo. Diz:

    “Fabiano Diz:
    FEVEREIRO 1ST, 2013 ÀS 11:18
    Contra,
    Sim, infelizmente, a razão é a única ferramenta que eu conheço que é capaz de testar um espírito. ”
    TO QUASE ACEITANDO… MAS TEM DE TER MAIS UMA MANEIRA DE PROVAR! SÓ MAIS UMA… OU DUAS.

  368. Contra o Chiquismo. Diz:

    VAMOS FABIANO, SÓ MAIS UMA.

  369. Marciano Diz:

    Antonio, já é um começo alguns deixarem definitivamente a religião, como é o seu caso. E você já disse que está atento com seus filhos. São principalmente nossos pais que nos contaminam com essas baboseiras.

  370. Contra o Chiquismo. Diz:

    MArciano recebeu o email?

  371. Contra o Chiquismo. Diz:

    Biaseto tb recebeu?

  372. Fabiano Diz:

    André Ribeiro,
    Como podemos perceber, você mesmo pode estar vendo que associar depressão a um gene é dizer algo temerário, não é mesmo? Como se pode ver aqui neste artigo: http://hypescience.com/associacao-controversa-entre-um-gene-e-depressao-e-confirmada-por-nova-analise/
    -
    Na sua enquete acima ficamos com a opção B: “mas conclui que o caso não é medicamentoso, apenas recomenda terapia e mudança de vida.” Acreditamos que é assim mesmo.
    -
    Agora vamos aos fatos, coisa que você parece não saber:
    “centro espírita/RC/” não diz “que o caso é de obsessão, se relaciona a vidas passadas”. A depressão pode sim agravar, mas o mais associado com a obsessão são os casos esquizofrênicos, que são os casos mais graves e parece haver ai algo como “uma perda de identidade”, onde se deixa de ser a pessoa que sempre foi. Vidas passadas não se encaixa aqui, mediunidade sim. Quanto a “recomenda fervor religioso,” ai é coisa de “igreja milagreira”.
    -
    Quanto a “reforma espiritual e ficar longe de medicamentos e profissionais especializados, porque remédios e psiquiatras não sabem nada e não conhecem a verdadeira cura”:
    Isso ai é coisa que você tá inventando ou que implantaram na sua cabeça. Ha psicólogos e psiquiatras também no meio espirita de Kardec, quanto de Luiz de Mattos e eles seguem metodologias iguais ou parecidas, que outros profissionais das mesmas áreas, tais como Jonathan Shedler, Marcia Angell e Ben Goldacre, apenas para citar alguns. Veja o vídeo que recomendo, tem legendas em português: http://www.ted.com/talks/ben_goldacre_what_doctors_don_t_know_about_the_drugs_they_prescribe.html

  373. Fabiano Diz:

    André Ribeiro,
    Eu acho que o “sujeito londrino” já não participa mais aqui do blog. Você não leu o que o Biasetto escreveu não? Ele foi banido ou bloqueado.

  374. Fabiano Diz:

    Contra,
    Só consegui ler a parte que você coloca da minha escrita, o restante saiu ilegível para mim. Saiu coisas assim: ASYTR DWPL JQ UBVTRMOP. Veja ai se consegue alguém para traduzir pra mim, ok?

  375. Fabiano Diz:

    Antonio G.,
    -
    Assim como você, eu também fiquei impressionado com o texto que o marciano colocou aqui. Já tava escrevendo um texto para ele, que começava assim “Marciano… Muito bom o seu texto. No fundo eu sempre soube que você, quando quisesse, poderia produzir textos bons aqui também…” Mas ai me veio uma intuição, uma espécie de voz dentro do meu cérebro e me perguntou: você acredita mesmo que este texto foi produzido por marciano? Porque não verifica primeiro? E não é que eu fui verificar e descobri que o texto não é do marciano e sim de um artigo deste site: http://www.psiqweb.med.br/site/?area=NO/LerNoticia&idNoticia=205
    -
    O curioso Antonio G., é que o marciano não teve a coragem de te contar a verdade, porque ele “é seu amigo” e não queria te despertar desse sonho bom. Coisas que só os “amigos” fazem! Ao passo que, eu, Fabiano, não sou “seu amigo”, então não tenho nada a te esconder, não tenho o compromisso em te enganar, já que o meu compromisso é com a verdade. É por isso que te digo a verdade agora, te machuque ou não. Porque eu acredito que a minha obrigação MORAL é dizer a verdade e que você tem o direito MORAL de saber a verdade também.
    -
    Agora, se o marciano critica o Chico Xavier de plágio e faz ele também plágios de textos aqui, enganando até os “seus amigos”, imagina o que não poderá ser capaz de fazer para enganar quem não conhece? E com que MORAL agora ele poderá criticar os textos de Chico Xavier? Resposta simples: NENHUMA. Agora ele vai ter que arrumar outros assuntos para criticar o Chico Xavier, menos os plágios. Antônio G, aqui cabe aquela frase atribuída a Jesus: “Por que é que você vê o cisco que está no olho do seu irmão e não repara na trave de madeira que está no seu próprio olho? Como é que você pode dizer ao seu irmão: “Me deixe tirar esse cisco do seu olho”, quando você está com uma trave no seu próprio olho? Hipócrita! Tire primeiro a trave que está no seu olho e então poderá ver bem para tirar o cisco que está no olho do seu irmão.”
    http://ideiasnoforno.blogspot.com/2012/03/ciscos-traves-pedras-e-tetos-de-vidro.html
    -
    Agora Antonio G., muito cuidado com as intuições, porque elas são “como as mediunidades”, uma faca de dois gumes, é como um bisturi, que na mão de um bom médico, é capaz de extirpar o mal pela raiz, mas que na mão de um inconsequente, pode ferir ou até matar. Uma vez que você aprende as técnicas para receber boas intuições e afastar as más, o caminho fica mais fácil. Cuidado com os “amigos” daqui, que são capazes de tudo para defender “a causa”. Já os “inimigos”, que não tem esse compromisso de defesa, pode dizer a verdade, sem medo da sua aprovação ou não.
    -
    Felicidades Antônio.

  376. André Ribeiro Diz:

    Conheço diversas pessoas que pararam de tomar medicamentos anti-depressivos e a vida delas virou uma merda. Uma até cometeu suicídio.
    Também há pessoas que não precisaram mais dos remédios, é fato!
    Mas este sujeito “londrino” é CHATO PRA CACETE.
    Encontrou uma “razão” pra viver em função de uma doutrina absolutamente ridícula, chamada “racionalismo cristão”, que de RACIONAL não tem nada, é apenas uma crença. Marden para de se fazer de bobo aqui. É impossível que existam dois bocós como você, então está mais do claro que o Fabiano é você.
    Os nazista acreditaram e os neonazistas também acreditam que doutrinação faz bem. Você acha que eles são sábios? Você acha que eles são praticantes da razão?
    Pega esta merda de RC, escrita pelo cretino do tal Luiz de Mattos e enfia no seu rabo, sujeito insuportável, estúpido e cretino.

  377. André Ribeiro Diz:

    Não precisa se referir a mim em seus comentários, você é uma merda de pessoa, quero distância de você. Você é canalha, vive distorcendo os comentários dos participantes do blog, na tentativa de diminuí-los como pessoas.
    Quem tem caráter não faz isto.
    Além de querer gerar intrigas entre eles. Você é um tremendo de um retardado mental, néscio, mentiroso e malandro. Vem aqui com postagens bonitinhas, até conquistar a confiança da pessoa, tirar alguma informação particular dela, pra depois usar isto contra a mesma, querendo mostrar que a pessoa não tem valores bons, porque é crítica e cética. Vai se fuder, otário de merda. Você usa de maldades, você é um lixo !!!

  378. Marciano Diz:

    Contra, recebi e respondi. Verifique sua caixa.
    .
    Eu disse que não iria comentar mais nada que o merden dissesse aqui. Vejo-me na contingência de abrir uma exceção. Espero que seja a última, ainda que venha a ser novamente atacado por esse indivíduo.
    Desejo apenas mostrar o que o site citado por ele diz sobre transtorno de personalidade paranóide, o que resume, a meu ver, sua personalidade e a razão pela qual decidi não mais perder tempo com seus delírios.
    Destacarei apenas os trechos que o descrevem claramente, com MAIÚSCULAS, embora os demais também o retratem fielmente:
    .
    Personalidade Paranóide, Transtorno
    DSM.IV
    (na CID.10 é F60.0) – 301.0 – TRANSTORNO DE PESONALIDADE PARANÓIDE – DSM.IV

    A CARACTERÍSTICA ESSENCIAL DO TRANSTORNO DA PERSONALIDADE PARANÓIDE É UM PADRÃO INVASIVO DE DESCONFIANÇA E SUSPEITA QUANTO AOS OUTROS, DE MODO QUE SEUS MOTIVOS SÃO INTERPRETADOS COMO MALÉVOLOS. Este padrão tem início no começo da idade adulta e está presente em uma variedade de contextos.

    Os indivíduos com o transtorno supõem que as outras pessoas os exploram, prejudicam ou enganam, ainda que não exista qualquer evidência apoiando esta idéia (Critério A1). ELES SUSPEITAM, COM BASE EM POUCAS OU NENHUMA EVIDÊNCIA, QUE OS OUTROS ESTÃO CONSPIRANDO CONTRA ELES E QUE PODERÃO ATACÁ-LOS SUBITAMENTE, A QUALQUER MOMENTO E SEM QUALQUER RAZÃO.
    Estes indivíduos costumam acreditar que foram profunda e irreversivelmente prejudicados por outra(s) pessoa(s), mesmo que para tal não existam evidências objetivas. Eles preocupam-se com dúvidas infundadas quanto à lealdade e confiabilidade de seus amigos ou colegas, cujas ações são minuciosamente examinadas em busca de evidências de intenções hostis (Critério A2).

    Qualquer desvio percebido na confiabilidade ou lealdade serve para apoiar suas suposições básicas. Eles sentem-se tão perplexos quando um amigo ou colega lhes demonstra lealdade que não conseguem confiar ou acreditar. Quando enfrentam dificuldades, esperam ser atacados ou ignorados por amigos e colegas.

    Os indivíduos com este transtorno relutam em ter confiança ou intimidade com outras pessoas, pelo medo de que as informações que compartilham sejam usadas contra eles (Critério A3). Eles podem recusar-se a responder a perguntas pessoais, afirmando que as informações “não são da conta de ninguém”.

    ELES LÊEM SIGNIFICADOS OCULTOS, HUMILHANTES E AMEAÇADORES EM COMENTÁRIOS OU OBSERVAÇÕES BENIGNAS (Critério A4). Por exemplo, um indivíduo com este transtorno pode interpretar um engano genuíno cometido por um balconista como uma tentativa deliberada de enganá-lo no troco, ou pode interpretar uma observação bem-humorada e casual feita por um colega de trabalho como um sério ataque a seu caráter.

    Elogios freqüentemente são mal interpretados (por ex., um cumprimento por uma nova aquisição é interpretado como uma crítica a seu egoísmo; um elogio por uma conquista é interpretado como uma tentativa de forçá-lo a um desempenho maior e melhor). Eles podem interpretar uma oferta de auxílio como uma crítica por não estarem fazendo o suficiente por conta própria.

    Os indivíduos com este transtorno guardam rancores persistentes e relutam em perdoar os insultos, ofensas ou deslizes dos quais pensam ter sido vítimas (Critério A5).

    PEQUENOS DESLIZES CAUSAM GRANDE HOSTILIDADE, E OS SENTIMENTOS HOSTIS PERSISTEM POR MUITO TEMPO. UMA VEZ QUE ESTÃO CONSTANTEMENTE VIGILANTES QUANTO ÀS INTENÇÕES NOCIVAS DOS OUTROS, ELES ACHAM, MUITO FREQÜENTEMENTE, QUE SEU CARÁTER OU REPUTAÇÃO FORAM ATACADOS OU QUE DE ALGUMA FORMA FORAM MENOSPREZADOS.

    Seu contra-ataque é rápido e reagem com raiva aos insultos percebidos (Critério A6). Os indivíduos com este transtorno podem ser patologicamente ciumentos, freqüentemente suspeitando da fidelidade de seu cônjuge ou parceiro sexual, sem qualquer justificativa adequada (Critério A7).

    Eles podem coletar “evidências” triviais e circunstanciais para apoiarem suas crenças ciumentas. Desejam manter um completo controle de relacionamentos íntimos para evitar traições, podendo constantemente questionar o paradeiro, as ações, intenções e fidelidade do cônjuge ou parceiro.

    O Transtorno da Personalidade Paranóide não deve ser diagnosticado se o padrão de comportamento ocorre exclusivamente durante o curso de Esquizofrenia, Transtorno do Humor Com Aspectos Psicóticos, ou outro Transtorno Psicótico, ou se é decorrente de efeitos fisiológicos diretos de uma condição neurológica (por ex., epilepsia do lobo temporal) ou de outra condição médica geral (Critério B).

    Características e Transtornos Associados
    OS INDIVÍDUOS COM TRANSTORNO DA PERSONALIDADE PARANÓIDE SÃO, EM GERAL, PESSOAS DE DIFÍCIL CONVIVÊNCIA, e com freqüência enfrentam problemas com relacionamentos íntimos. SUAS DESCONFIANÇAS E EXCESSIVA HOSTILIDADE podem ser expressadas em discussões agressivas, queixas recorrentes ou afastamento silencioso e visivelmente hostil.

    Como são hipervigilantes para possíveis ameaças, eles podem comportar-se de maneira reservada, velada ou desviante e parecer “frios” e sem sentimentos de ternura. EMBORA POSSAM PARECER OBJETIVAS, RACIONAIS E NÃO-EMOCIONAIS, ESTAS PESSOAS EXIBEM, MAIS FREQÜENTEMENTE, UMA LABILIDADE AFETIVA, COM PREDOMÍNIO DE EXPRESSÕES HOSTIS, OBSTINADAS E SARCÁSTICAS.

    SUA NATUREZA COMBATIVA E DESCONFIADA PODE PROVOCAR UMA RESPOSTA HOSTIL DOS OUTROS, O QUE ENTÃO SERVE PARA CONFIRMAR SUAS EXPECTATIVAS ORIGINAIS. UMA VEZ QUE OS INDIVÍDUOS COM TRANSTORNO DA PERSONALIDADE PARANÓIDE NÃO CONFIAM NOS OUTROS, ELES TÊM UMA NECESSIDADE EXCESSIVA DE AUTO-SUFICIÊNCIA E UM FORTE SENTIDO DE AUTONOMIA.

    Eles também precisam ter um alto grau de controle sobre as pessoas à sua volta. ESSES INDIVÍDUOS FREQÜENTEMENTE SÃO RÍGIDOS, CRÍTICOS EM RELAÇÃO AOS OUTROS E INCAPAZES DE COLABORAR, EMBORA TENHAM GRANDE DIFICULDADE EM ACEITAR CRÍTICAS A ELES MESMOS.

    Eles podem culpar os outros por suas dificuldades. Em vista de sua rapidez para contra-atacar em resposta às ameaças que percebem à sua volta, podem ser litigantes e freqüentemente se envolver em disputas legais. OS INDIVÍDUOS COM ESTE TRANSTORNO TENTAM CONFIRMAR SUAS NOÇÕES NEGATIVAS PRÉ-CONCEBIDAS ENVOLVENDO PESSOAS OU SITUAÇÕES QUE ENCONTRAM, ATRIBUINDO MOTIVAÇÕES MALÉVOLAS AOS OUTROS, QUE NA VERDADE NÃO PASSAM DE PROJEÇÕES DE SEUS PRÓPRIOS TEMORES.

    Eles podem apresentar fantasias grandiosas e irrealistas fracamente encobertas, em geral estão atentos a temas de poder e hierarquia e tendem a desenvolver estereótipos negativos de outros, particularmente de grupos populacionais distintos.

    Atraídos por formulações simplistas do mundo, eles freqüentemente evitam situações ambíguas. ESTES INDIVÍDUOS PODEM SER PERCEBIDOS COMO “FANÁTICOS” E FORMAR “CULTOS” OU GRUPOS ESTREITAMENTE FECHADOS COM OUTROS QUE COMPARTILHAM SEU SISTEMA DE CRENÇAS PARANÓIDES.

  379. André Ribeiro Diz:

    Marciano, ele é “lunático”

  380. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO, PRA SER BEM CLARO: TEM MAIS ALGUMA COISA QUE PROVE A EXISTENCIA DE ‘ESPIRITOS’? VC DIZ QUE SÓ HÁ A RAZÃO.

    TEM MAIS OUTRA?

  381. Fabiano Diz:

    André Machote Ribera del Duero,
    “Marden para de se fazer de bobo aqui. É impossível que existam dois bocós como você, então está mais do claro que o Fabiano é você.”
    -
    Já passou por sua cabeça desmiolada se eu não sou Marden? Peça Ao PROVE, filho unigênito do seu Deus NÃO EXISTE, que interceda por vocês ateus, para que prove então que Fabiano é Marden. Será que o Deus de você é mais potente que o Deus cristão? Geneticamente só existe um bocó Marden e um bocó André dá a Ribeira.
    -
    “Os nazista acreditaram e os neonazistas também acreditam que doutrinação faz bem. Você acha que eles são sábios? Você acha que eles são praticantes da razão?”
    -
    Marciano também é um crente em doutrina, alguém aqui disse que ele estudou a Doutrina do Direito. Agora se os nazistas, os neonazistas e os marcianos são praticantes da razão, eu digo que não. É por isso que o marciano perde a razão aqui. E você também!
    -
    “Pega esta merda de RC, escrita pelo cretino do tal Luiz de Mattos e enfia no seu rabo, sujeito insuportável, estúpido e cretino.”
    -
    Viu como vocês são crentes? Quem é que falou de RC e Luiz de Mattos aqui o tempo todo, quem? Fabiano é quem não foi. Agora o que tá me deixando mais curioso ainda, é porque que a ateizada fica louca ao ouvir essas palavras? Tenho que investigar mais.

  382. Fabiano Diz:

    André Machote Ribera del Duero,
    “Não precisa se referir a mim em seus comentários, você é uma merda de pessoa, quero distância de você. Você é canalha, vive distorcendo os comentários dos participantes do blog, na tentativa de diminuí-los como pessoas.” – Será que sou isso tudo mesmo? Ou é vocês que ficam assanhadas?
    -
    “Quem tem caráter não faz isto.” – Ah não, para a turminha cética pós-moderna, para a ateizada que fica se pendurando na corda bamba de circo de bairro, caráter é ficar chamando os outros de “merda de pessoa”, “canalha”. Isso sim que é caráter né André dá a Ribeira?
    -
    “Além de querer gerar intrigas entre eles. Você é um tremendo de um retardado mental, néscio, mentiroso e malandro.” – Mais um monte de exemplo de caráter, né André dá a Ribeira?
    -
    “Vem aqui com postagens bonitinhas, até conquistar a confiança da pessoa, tirar alguma informação particular dela, pra depois usar isto contra a mesma, querendo mostrar que a pessoa não tem valores bons, porque é crítica e cética.”
    -
    Oh que “bunitinha”, agora é vítima! O algoz dos chiquistas agora acha que tá sendo vítima de um tal de racionalista. Oh ateizada, vocês que tem ai essa mediunidade e não conseguem se controlar, nem a língua e nem os pensamentos, que se deixam guiar pelos espíritos zombeteiros, são vitimas de sua própria ignorância. Se vocês estudassem como o Arduin vem estudando, daria valor ao assunto. Espíritos existem e os espíritos zombeteiros também. E é por isso que vocês caem nas armadilhas deles. E é por isso que passam vergonha diante da razão. E com Razão! Por acaso você não sabiam que é possível detectar a mediunidade através de bate-papo em chat?
    -
    “Vai se fuder, otário de merda. Você usa de maldades, você é um lixo !!!” – Ai e a André dá a Ribeira é uma santa!

  383. Fabiano Diz:

    André dá a Ribeira,
    Marciano, ele é “lunático” – Então dependendo do ponto de observação ou ponto de vista, eu estou “entre você dois”, ou seja, “no meio de vocês”! “Bem no meiUzinho”! Terra – Lua – Marte

  384. Fabiano Diz:

    Marciano, só faltou você explicar porque deixou o Antônio G., acreditar que o texto era seu. Ele inclusive ia mandar fazer um quadro em homenagem ao “amigo da onça”. Veja: “Acho que vou mandar fazer um quadro deste texto do Marciano.”
    -
    Antônio, mande fazer o quadro assim mesmo, porque vale a pena, apenas coloque no final, algo assim: “Plagiado por Marciano”. Afinal aqui é lugar certo para denunciar plágios, não é? Nao precisa agradecer, não fiz mais que minha obrigação.

  385. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO, PRA SER BEM CLARO: TEM MAIS ALGUMA COISA QUE PROVE A EXISTENCIA DE ‘ESPIRITOS’? VC DIZ QUE SÓ HÁ A RAZÃO.
    TEM MAIS OUTRA????

  386. Cassio Diz:

    André Ribeiro, sabe que estes vídeos são ótimos pra gente ver as coisas non sense que são proferidas dentro das reuniões/sessões, acredito que a maioria desse pessoal todo não tem noção do que esta falando, simplesmente porque são impelidos uns pelos outros , é como se fosse uma tsunami que vai arrastando a tudo e a todos, …as pessoas se empolgam e isso não tem mais fim.
    Quanto a ler Robson Pinheiro, eu li “Legião”, e você também já deve ter lido as “abobrinhas” contidas naquele livro, é uma mistura de nosso lar, com star wars, o predador I, o predador II, as crônicas de narnia, etc.
    Abraços

  387. Marciano Diz:

    Augusto dos Anjos de verdade:
    .
    Psicologia de um vencido

    Eu, filho do carbono e do amoníaco,
    Monstro de escuridão e rutilância,
    Sofro, desde a epigênesis da infância,
    A influência má dos signos do zodíaco.

    Profundíssimamente hipocondríaco,
    Este ambiente me causa repugnância…
    Sobe-me à boca uma ânsia análoga à ânsia
    Que se escapa da boca de um cardíaco.

    Já o verme — este operário das ruínas —
    Que o sangue podre das carnificinas
    Come, e à vida em geral declara guerra,

    Anda a espreitar meus olhos para roê-los,
    E há de deixar-me apenas os cabelos,
    Na frialdade inorgânica da terra!
    .
    Augusto dos Anjos via cx:
    .
    Voz do Infinito
    1
    No excêntrico labor das minhas normas
    Na Terra, muita vez me consumia
    Perquirindo nas leis da Biologia
    As expressões orgânicas das formas.
    O fenômeno apenas, porque o fundo
    Do númeno às eternas rutilâncias, (rutilâncias de novo, deve ser para dar credibilidade)
    Eram partes do Todo nas Substâncias
    Desde o estado prodrômico do mundo.
    Com o espírito absconso em paroxismos,
    No rubro incêndio de batalha acesa,
    Via Deus adstrito à Natureza,
    Deus era a lei de eternos transformismos.
    Concepção panteística, englobando
    As substâncias todas na Unidade,
    Perpetuando-se em continuidade,
    A essência onicriadora reformando.
    O corpo, desde o embrião inicial,
    Era um mero atavismo revivendo;
    A alma era a molécula, sofrendo,
    Afastada do Todo Universal;
    Dominava-me todo o medo horrível,
    Do meu viver, que eu via transtornado:
    Eu era um átomo individuado
    Em cerebralidade putrescível.
    A luz dessa dourada ignorância,
    E com certezas lógicas, numéricas,
    Notava as pestilências cadavéricas
    Iguais à carne Angélica da infância,
    A sutilez do arminho que se veste,
    A coroa aromática das flores,
    Irmanadas aos pútridos fedores
    De emanações pestíferas da peste!
    Extravagância e excesso jamais visto,
    De idéia que esteriliza e desensina,
    Loucura que igualava Messalina
    À pureza lirial da Mãe do Cristo.
    Assim vivi na presunção que via,
    Dos cumes da Ciência e do saber,
    Os princípios genéricos do ser,
    No pantanal da lama em que eu vivia.
    Vi, porém, a matéria apodrecer,
    E na individualidade indivisível
    Ouvi a voz esplêndida e terrível
    Da luz, na luz etérica a dizer:
    2
    “Louco, que emerges de apodrecimentos,
    Alma pobre, esquelético fantasma
    Que gastaste a energia do teu plasma
    Em combates estéreis, famulentos…
    Em teus dias inúteis, foste apenas
    Um corvo ou sanguessuga de defuntos,
    Vendo somente a cárie dos conjuntos,
    Entre as sombras das lágrimas terrenas.
    Vias os teus iguais, iguais aos odres
    Onde se guarda o fragmento imundo.
    De todo o esterco que apavora o mundo
    E os tóxicos letais dos corpos podres.
    E tanto viste os corpos e as matérias
    No esterquilínio generalizados.
    E os instintos hidrófobos, danados,
    Em meio de excrescências e misérias
    Que corrompeste a íntima saúde
    Da tua alma cegada de amargores,
    Que na Terra não viu os esplendores
    E as ignívomas luzes da virtude.
    Olhos cegos às chamas da bondade
    De Deus e à divina misericórdia,
    Que espalha o bem e as auras da concórdia
    No coração de toda a Humanidade.
    Descansa, agora, vibrião das ruínas.
    Esquece o verme, as carnes, os estrumes.
    Retempera-te em meio dos perfumes
    Cantando a luz das amplidões divinas.”
    3
    Calou-se a voz. E sufocando gritos,
    Filhos do pranto que me espedaçava,
    Reconheci que a vida continuava
    Infinita, em eternos infinitos!

    Imitou o vocabulário, o estilo, a escola.
    O fato estranho é que Augusto dos Anjos, em vida um duro e ácido crítico da sociedade de sua época, materialista ao extremo, depois de morto, usando a mesma linguagem ácida, voltou-se à pieguice, mostrando um falso arrependimento, tornando-se espírita pos-morten.
    Tratou de desdizer tudo o que antes dissera, esqueceu-se do verme, das carnes, dos estrumes, para, em meio dos perfumes, cantar as luz das amplidões divinas.
    .
    É isso que vai acontecer com todos os ateus, todos os materialistas, todos os céticos. Vão todos virar espíritas piegas, bregas, à la cx. Triste sina.
    Ainda bem que é tudo mentira, fruto da mente podre de uma minoria de esquizóides e outros tantos enganadores.

  388. Marciano Diz:

    Outra curiosidade sobre espiritismo é que aqui na Terra, só no Brasil existe uma minoria insignificante de seguidores, contudo, depois da morte, o mundo todo vira espírita.
    Provavelmente a princesa Diana nunca ouviu falar dessa maluquice em vida, mas vejam o depoimento que ela deu depois de morta, graças ao trabalho de uma médium:
    .
    LADY DIANA – impressionante mensagem psicografada
    Descrição:
    O NATAL DE UMA PRINCESA DE VÊNUS

    MENSAGEM DE LADY DIANA (psicografada)
    Mensagem ditada à Rosane Amantéa em 06 de dezembro de 2010.

    Obrigada por estar aqui…obrigada !!!

    Deixar a Terra foi a melhor saída para meu espírito sensível…Vi muitos seres dando risadas sarcásticas quando tudo aconteceu…debochavam da sinceridade dos sentimentos de amor que eu tinha e tenho por toda a humanidade…

    Não deixaram passar desapercebida a minha tristeza e agarraram-se a esta brecha para me atormentarem…..mas por pouco tempo, pois logo fui levada ao hospital espiritual mais próximo e lá fui recuperada nas minhas rupturas astrais e no esgarçamento fluídico de meu coração etérico pelas amarguras vividas.

    Durante algum tempo fui tratada lá, bela cidade astral, com muitos enfermeiros amorosos e sorridentes, que me traziam mimos dos jardins.

    Logo mais, no entanto, vieram me buscar Nada e Jesus !

    Atender a todas as exigências de uma vida cheia de cerimônias e convenções só me traziam o sorriso à face por ter aprendido que assim devia ser.

    Meu espírito fora das contingências carnais é mais ainda suave e espontâneo e liberto de regras e soberbas.

    Preferiria ter estado entre as casas simples das favelas dos meus irmãos mais pobres. Mas era o meu propósito de vida terrena, traçado por mim no plano espiritual algo mostrar ao mundo que quem mais deve fazer pela humanidade são os que menos fazem e muito mais poderiam fazer !

    Foram poucas as minhas ações em benefício dos mais fracos, pois eu poderia ter feito mais, não fossem as minhas dores tão profundas no imo de minha alma contrariada e infeliz.

    Mas alguns gestos estão explícitos na história da minha passagem e, na data de hoje quando pedi permissão a Jesus, que convivem comigo há milhares de anos, desde os tempos antes da Terra existir, o que me moveu foi a vontade imensa de achegar-me aos seus corações para dizer-lhes que o Natal, para mim, sempre foi um tormento.

    O tormento de ser quem eu devia ser e não o que eu ‘queria’ ser.

    O que eu queria fazer era muito mais, muito mais…

    Meus sonhos eram muito grandes para serem realizados aí, onde são apenas migalhas que todos nós conseguimos fazer.

    Mas essas migalhas fazem algumas diferenças para muitos.

    E essa diferença é o que eu hoje, meus irmãos da Terra, quero pedir com muito amor, a todos vocês.

    Expresso nesta hora aquilo que é o que Jesus desejam muito, também…

    Eles querem menos mortes de animais…menos comemorações com tanto alcoolismo e desencarnes humanos, com tanto desperdício e com a vergonhosa posição da extravagância, enquanto muitos olham os seus lares enfeitados passando fome em suas esquinas, naqueles momentos em abrem suas champagnes e seus presentes.

    Fiz questão de vir deixar algumas palavras, após ter podido voltar, há algum tempo, à minha condição espiritual de regressar ao meu planeta de origem, onde pude rever todos os meus antigos amores eternos e ser agraciada com coroas de flores e cascatas de luzes multicoloridas, perfumadas, como jasmins celestes e pássaros que cantarolam fazendo desenhos nos ar, expressando com seu olhar o seu amor a nós.

    A vida é muito curta em seu plano físico, apesar de ser dolorosa enquanto vivenciada.

    Cada minuto é muito precioso, e cada momento pode ser um degrau para a mudança de cada um.

    Em cada momento de vida o amor pode ser maior!
    Nada é mais importante do que amar, amar muito as pessoas.
    Amar a nós mesmos também é amar aos demais. Falo isso porque vejo uma corrente de seres humanos que se equivocou quanto aos dizeres que devem buscar apenas a sua essência para se libertarem.

    Ninguém se liberta se não sentir amor pelo outro !

    Isso vai lhes faltar depois, quando estiverem novamente aqui, caso estejam com seus olhares voltados apenas para suas verdades e prioridades de paz e solicitude apenas com suas necessidades.

    Não é preciso realmente que vão buscar sentir o sofrimento do mundo e pensarem que podem fazer um movimento muito maior do que possam obter êxito, pois o mundo só poderá mudar através da intercessão divina e os seus mecanismos de correção e alerta aos seus filhos sobre a solidariedade.

    Mas nós podemos mudar o nosso modo de ser e de conviver com as pessoas do mundo.

    O amor pode ser um pequeno gesto de mais interesse pelos que sofrem mais do que vocês.

    Meu Natal neste ano vai ser na Terra, juntamente com Jesus, e todo o Parlamento Espiritual na Metrópole do Grande Coração.

    Neste Natal, nossos graus e lauréis, nossos diademas e capas, nossas túnicas e espadas vão se congraçar no banquete celeste de irradiar as verdadeiras luzes crísticas, nesta época em que celebram o nascimento e Jesus, e fazer desta noite especial um momento cósmico de ímpar nobreza espiritual ao se unirem novamente como na verdadeira data em que Jesus nasceu, em benefício das crianças espirituais aprisionadas na subcrosta da Terra e de todos os seres humanos em vias de serem exilados.

    Temos já estipulada a pauta que foi celebrada por todos os mestres de Vênus e de outras regiões sobre os fogos de luz cósmica que vamos fazer brilhar sobre o Brasil e sobre toda a Terra, nesta data e até a entrada do ano 2011, que significa muito para o seu planeta.
    Este novo ano será regido por Jesus buscando todas as formas possíveis de acordarem os seres humanos para o Amor Universal e incondicional.

    Nosso Natal será celebrado juntamente com o de vocês aqui no plano astral.

    Nós todos estamos pedindo que essa noticia seja divulgada, pois Sanat Kumara estará também presente e teremos um dispositivo de muito poder deste grande ser na apreensão de muitos dos seres draconicanos que estão sendo desarticulados em seus planejamentos para essa época.

    Mesmo que somente no âmbito dos corações humanos, alguma nova emoção vai apontar em seus espíritos.

    Mesmo que a vida continue cheia de dificuldades, obstáculos e problemas de saúde e tantas outras contingências deste período da Terra, as presenças destes seres maravilhosos estarão acrescentando mais esperança àqueles irmãos nossos que já estão cansados demais das lutas da Terra e àqueles que estejam prontos para receberem nossa ajuda ou tenham esse merecimento.
    O Natal de uma princesa de vossa história, neste ano, em corpo astral presente, vai ser tudo aquilo que eu sempre desejei na Terra: Abrir os braços e entrelaçar as minhas mãos etéricas com outras milhares de mãos cósmicas e abraçarmos juntos o planeta Terra, após termos acendido as lâmpadas da árvore de Natal gigantesca que Ramatis construiu no centro da sua insígnia sagrada, a cruz e seu coração cheio de energias vitalizadoras dos seres humanos.

    Esta árvore tem um sentido muito especial: O sentido de ser a árvore da Nova Vida, da vida renovada da humanidade, a vida nova do planeta Terra, a vida nova dos espíritos que sairão daqui em busca de suas próximas vias de aprendizado sobre a fraternidade universal.

    Tanto na Terra como no Céu que se faça a presença divina entre nós e vós neste Natal ! Eu muito os amo e muito almejo que possam doar-se a uma postura de mais comedimento nestes momentos tão sagrados, com mais atenção para com as mudanças que devem processar em seus corações. Os que puderem vestir a cruz vermelha do auxílio aos doentes, aos velhinhos, aos abandonados, aos que estão nas cadeias públicas, às crianças pobres, lembrem- se de chamarem-me, pois estarei com vocês como mais uma enfermeira cósmica para aliviar meus queridos irmãos da Terra.

    Olhem para si mesmos e digam: posso ser mais do que tenho sido ! Posso perdoar, posso rezar, posso dividir ! Posso não por em risco as vidas das pessoas com o excesso de confiança em dirigir embriagado. Posso sorrir mais…. Mas com alegria do espírito e não por estar empanturrado de animais mortos!

    Que este Natal em tudo seja melhor, que seja mais cheio de amor, que seja luz verdadeira ! Com muita gratidão por poder deixar essas palavras simples e com muita esperança em todos vocês, meus irmãos da Terra, com quem tanto aprendi também,deixo meu afã de vê-los melhores a cada dia, em vida física ou espiritual, mas cheios de luzes de sua vitórias sobre si mesmos .

    Obrigada Jesus ! Obrigada por estarem comigo novamente ! Obrigada Terra por ter-me recebido na tua história que caminha para a suprema redenção de todos !

    Feliz Natal a todo este planeta, que foi o meu lar, que é o lar de vocês, mais um dos lares dos muitos filhos de Deus !

    .
    Some a esta palhaçada a entrevista concedida por Marilyn Monroe ao irmão x (Humberto de Campos, depois do processo movido pela família), psicografado por cx.
    .
    É isso, no além, são todos espíritas. Quando reencarnam, esquecem todo o besteirol e levam uma vida normal aqui.
    Depois tudo se repete, morre-se novamente, volta-se a ser espírita brega e chiquista, volta-se a nascer, esquece-se o besteirol de lá, assim ad infinitum.

  389. Marciano Diz:

    Esses depoimentos são ridículos, porque a cada vez que nascem os espíritos reencarnados esquecem toda a xaropada que reaprenderam nos nossos lares, voltam a ter uma vida normal, morrem e viram babacas de novo, voltam a nascer, só um ou outro brasileiro continua retardado, morre outra vez, volta a aprender a ser idiota.
    Que coisa!

  390. Marciano Diz:

    Na década de 70 do século passado Roberto Carlos (o cara) e Chico Xavier andaram se apresentando juntos.
    Vejam esta foto famosa:
    http://videos.videopress.com/U6eKdT82/mc3basica-de-roberto-carlos-homenagem-chico-xavier-v-simespe_scruberthumbnail_0.jpg
    .
    Do livro proibido de Paulo César Araujo:
    Naquela época, o cantor ia à igreja basicamente duas vezes ao ano: no primeiro dia de janeiro e na sexta-feira da Paixão. Fora isso, nada de missa ou de padres. Muito mais frequentes eram suas aparições ao lado de líderes do espiritismo como o polémico Zé Arigó e, principalmente, o médium Chico Xavier. “Quando eu era pequeno meu pai já me falava de Chico Xavier e sempre tive curiosidade em conhecê-lo. Hoje sou seu amigo e o admiro muito. Confesso que sou muito feliz por isso”, afirmou o cantor numa entrevista nos anos 70. Esse aval do mais popular artista do Brasil por certo não agradava à Igreja, que na época revelava preocupação com o crescimento do espiritismo no país. Num documento de 1972, a CNBB afirmava que “é excessiva e maciça a publicidade em torno das atividades mediúnicas, especialmente do fenómeno Chico Xavier. Admitimos o direito de consciência religiosa, que consideramos sagrado. No entanto, o que observamos não é rigorosamente o uso de um direito. Por trás desses programas de divulgação, há perigos evidentes para a formação religiosa do povo brasileiro”. Indiferente às recomendações da Igreja, Roberto Carlos participava anualmente do Chá do Chico, show beneficente organizado pela Federação Espírita de São Paulo.
    Por essa sua visível proximidade com lideranças do espiritismo, na época foi perguntado a Roberto Carlos qual era realmente a sua religião. “Não sou católico nem espírita. Talvez seja até as duas coisas, mas à minha maneira. Tenho um Deus, sim, liberal, amigo e livre”, respondeu o cantor, revelando compartilhar daquele típico ecumenismo nacional. “Roberto Carlos é a contradição brasileira. É o único capaz de mandar tudo para o inferno e ser amigo de Jesus Cristo”, dizia Ronaldo Bôscoli. Ressalte-se que, até o final dos anos 70, o cantor ainda não se havia revelado um militante religioso, pois canções como A montanha e Jesus Cristo eram esporádicas em seu repertório.
    .
    Mais recentemente ambos foram “homenageados” por Rogério Skylab, com a música http://letras.mus.br/rogerio-skylab/272019/
    Contra o Chiquismo adora essa música. Eu também.

  391. Contra o Chiquismo. Diz:

    Um é homossexual e o outro tem o membro inferior feito de mogno.

  392. Contra o Chiquismo. Diz:

    Fabiano , não vá esquecer:

    Contra o Chiquismo. Diz:
    FEVEREIRO 2ND, 2013 ÀS 15:25
    FABIANO, PRA SER BEM CLARO: TEM MAIS ALGUMA COISA QUE PROVE A EXISTENCIA DE ‘ESPIRITOS’? VC DIZ QUE SÓ HÁ A RAZÃO.
    TEM MAIS OUTRA????

  393. Cassio Diz:

    Essa estória da Princesa Diana é outra estória da carochinha, pura fantasia.

  394. Contra o Chiquismo. Diz:

    Contra o Chiquismo. Diz:
    FEVEREIRO 2ND, 2013 ÀS 22:44
    Fabiano , não vá esquecer:
    Contra o Chiquismo. Diz:
    FEVEREIRO 2ND, 2013 ÀS 15:25
    FABIANO, PRA SER BEM CLARO: TEM MAIS ALGUMA COISA QUE PROVE A EXISTENCIA DE ‘ESPIRITOS’? VC DIZ QUE SÓ HÁ A RAZÃO.
    TEM MAIS OUTRA?????

  395. Phelippe Diz:

    Em apoio aos amigos: quero uma prova de que espíritos existem. Prova real, palpável, não filosófica. Fico no aguardo.

  396. Fabiano Diz:

    Mais uma vez, não estamos aqui defendendo o chiquismo. Chiquismo não é espiritismo.

  397. Fabiano Diz:

    Phelippe,
    Tá aqui o que você pede. Experimentos físicos, testados com equipamentos, câmeras, gravações, toques, luzes e algumas coisas mais. Ok? Mas só com a razão tudo isso pode ser testado, compreendido, assimilado. Sem razão, água é pedra e pedra é carne. Veja, 1 hora e 28 minutos em vídeo, de anos de trabalhos e experimentos feito pelo pessoal cético. Conclusão e afirmação final deles: espíritos existem. Ponto!
    http://youtu.be/6qSEi_sfaSU

  398. Fabiano Diz:

    Cassio,
    No livro indicado por almir de carvalho e que estou lendo, não há estórias da carochinha. Cada autor pode publicar o quem entender e sempre terá o seu público especifico. Eu não leio romances espiritas, mas tem gente que adora. O pessoal aqui e parece que você também, ficaram anestesiados com tais leituras. E ai eu pergunto: a culpa é de quem?

  399. Contra o Chiquismo. Diz:

    FABIANO VC NÃO ME RESPONDEU. SEM VÍDEOS.

  400. Contra o Chiquismo. Diz:

    MARDEN / FABIANO SEU [editado]!!! TE DESMASCAREI INFELIZ!

    VÍTOR MOURA, PODE BANIR ESSE [editado] DAQUI IMEDIATAMENTE DE NOVO!

    VEJA O QUE ESSE [editado] ME RESPONDEU SOBRE PROVAR A EXISTÊNCIA DE ‘ESPIRITOS’ DIA 27 DE SETEMBRO DE 2012:
    “Marden Diz:
    SETEMBRO 27TH, 2012 ÀS 14:03
    Contra o Chiquismo,
    Agora tentarei deixar as coisas mais claras para o senhor (ou mais escuras, dependendo do ponto de observação): “Somente se pode provar a existência de um espírito através da razão”. Ficou claro agora para o senhor? Espero que sim, pois assim me poupará um grande e esforçoso trabalho. E ai você pode querer perguntar: e porque é que só se pode provar o espirito através da razão? Antes de responder, quero que se atente ao fato de que não estou dizendo que não se pode conhecer os efeitos espirituais, apenas estou dizendo que só se pode prová-los pela razão. E isso se dá pelo simples fato de que o espirito é imaterial. Simples assim!”

    AQUI O LINK: http://obraspsicografadas.org/2012/a-volta-das-mesas-girantes-2012/#comments

    ESSE [editado] DIZ EM 27 DE SEMBRO DE 2012 QUE A ÚNICA FORMA DE PROVAR UM ‘ESPIRITO’ QUE É UMA “COISA IMATERIAL” , É a R A Z Ã O !!

    AGORA EM 1º DE FEVEREIRO ESSE [editado] ME DIZ A MESMA COISA: QUE a R A Z Ã O É A ÚNICA FORMA DE PROVAR UMA “COISA IMATERIAL”

    VEJAM:
    EU PERGUNTEI DE NOVO NO DIA 31 DE JANEIRO DE 2013:
    “contra o chiquismo Diz:
    JANEIRO 31ST, 2013 ÀS 15:11
    FABIANO DÃÃÃÃÃ, BLÉÉÉÉ, IRC, URC, ORC, RODA A RODA JEQUITI: DÁ PROVAR A EXISTÊNCIA DE ESPIRITOS?”
    E O [editado] RESPONDEU:

    Fabiano Diz:
    FEVEREIRO 1ST, 2013 ÀS 10:32
    Contra,
    “Vamos lá: em 2, 3 ou 4 palavras o que é?” – Resposta: Razão. A razão é algo imaterial e é capaz de testar o espírito, que é imaterial também.
    DEPOIS ELE CONFIRMA:

    Fabiano Diz:
    FEVEREIRO 1ST, 2013 ÀS 11:18
    Contra,
    Sim, infelizmente, a razão é a única ferramenta que eu conheço que é capaz de testar um espírito. Pode haver outra maneira, mas desconheço. Um médium, um autista, um sinestésico, um esquizofrênico, não importa o nome, podem até ver um espirito (a forma fluídica), mas sem a razão, eles não são capazes de compreender e perceber o que passa em seu entorno. E é por isso também, que uma pessoa sem “a razão”, não pode ser julgada da mesma forma que uma pessoa que tem a sua razão em perfeito estado, ou no que é considerado como perfeito ou aceitável pelo padrão comum.

    AQUI MESMO NESSE TÓPICO ELE DIZ ISSO, OLHA O LINK OU ROLE MAIS ACIMA:
    http://obraspsicografadas.org/2013/el-caso-del-medium-chico-xavier-una-interpretacin-psicolgica-2013/#comment-25076

    [editado]!

    AGORA É CONTIGO VÍTOR.

  401. Vitor Diz:

    Bani o Fabiano e por uma questão de coerência bani também o Contra o Chiquismo devido aos contantes xingamentos não só ao Fabiano como com relação ao Arduin (botaniCUzinho, João que comeu o teu bundão, etc).

  402. Vitor Diz:

    Em 2014 poderão voltar, entretanto.

  403. Marciano Diz:

    Vitor, você pode não estar convencido, entretanto, sem dúvida, Fabiano e Marden são a mesma pessoa.
    Ele pode voltar com outro nome, outra id, o que for, mas seu estilo abusado e arrogante é o mesmo, a mesma maneira de procurar semear a discórdia, de por uns contra os outros. O cara é mau caráter.
    Demorou!
    Parabéns pela acertada decisão.
    Quem acaba fazendo todos baixarem o nível aqui é ele, não concordo com nenhuma das afirmações do Arduin, por exemplo, nem ele com as minhas, no entanto, brincadeiras inofensivas à parte, ninguém se estressa.
    Eu até gosto dos apelidos engraçados que o Arduin arranja pra todos.
    Agora o blog vai voltar a ficar bom.
    Cuidado com o marden disfarçado, aposto como ele vai voltar com outra id, parece um sabotador.
    Como disse Biasetto, ele chega de mansinho, parecendo normal, não demora muito começa com a ladainha de sempre.
    Sujeito insuportável!
    Pode ser impressão minha, não estou certo, mas sempre que ele começa com a cantilena, gente boa como Antonio, Toffo e outros se afastam. Outros perdem a cabeça.

  404. Antonio G. - POA Diz:

    Pipocam missas, cultos e outras celebrações religiosas em memória das vítimas e familiares da tragédia de Santa Maria. E ouço sempre falar em Deus: “- Só mesmo Deus para nos confortar e guiar diante de tanta tristeza”, ouvi de uma fiel católica. E dê-lhe “Pai Nosso que estais no céu…”
    .
    Eu não sei o que pensar sobre isto. Afinal, Deus não é o criador e comandante supremo do universo? Não é onisciente, onipresente e onipotente, sendo que nada acontece à margem da vontade dÊle? Então, porque procuram entre os homens os responsáveis por aquele horror? É evidente que foi Deus o responsável por aquele genocídio!
    .
    Mas Deus não é nosso Pai soberanamente bom e justo? Então, aquilo que Deus fez (ou permitiu que fosse feito) é uma prova de seu amor paternal? Devemos nos contentar com frases idiotas do tipo: “-Não somos capazes de entender os desígnios de Deus, mas Ele sabe o que faz. E ama a todos nós”. Tá.
    .
    E os crentes agem como um rebanho que marcha resignado para o mataduro. Com a diferença de que o gado não sabe que será imolado, que os homens que o conduzem serão os seus algozes. Mas as pessoas sabem (ou deveriam saber) que não podem contar com Deus, porque Deus é mau e não merece confiança.
    .
    Deus não se apresenta para ser processado pelo assassínio em massa, e ainda deixa que outros levem a culpa. Além de tudo o mais, Deus é mau caráter.
    .
    E dê-lhe Pai Nosso…

  405. Toffo Diz:

    Essa questão de religiosidade é meio complicada mesmo, Antonio G. Uma tragédia federal como essa de Santa Maria e as pessoas se apegando a Deus. Algumas até dizendo que foi Deus quem lhes tirou os entes queridos.

    Mas que Deus, que nada, caramba! Ontem no Estadão saiu uma reportagem muito lúcida de José Victor Oliva, que foi um dos maiores empresários da noite (hoje não trabalha mais no ramo). A explicação dele é cristalina, prosaica, óbvia: SEGURANÇA. Todas as casas noturnas dele tinham itens de segurança, vigilantes preparados, funcionários de copa e bar treinados, equipamentos suficientes, saídas de emergência etc etc. Nunca ocorreu nada nas casas dele, porque ele era um cara consciente, um empresário decente e sabia o que significava segurança. Ele foi enfático em dizer que segurança é o item primordial, acima de qualquer outro. O que ocorreu em Santa Maria foi crime. Negligência, imperícia e tudo o mais. Tanto dos empresários como do poder público. Simples assim. Não tem Deus no meio. Nem reencarnações expiatórias. Isso é rematada bobagem. Não entendo como as pessoas não veem isso.

  406. Biasetto Diz:

    Antonio G. e Toffo,
    Concordo com os dois, nada mais a dizer.
    Ah! só um detalhe: fiz um comentário parecido com o do Antonio, no facebook, quase fui queimado pela Inquisição – a sorte minha é que não existe mais.

  407. Cassio Diz:

    Será que alguém pode me explicar o ocorrido?…explico:tenho acompanhado as discussões e conversas dos participantes, mas só estou aqui há pouco tempo, portanto não entendi direito os motivos do banimento do Contra e do Fabiano.
    Obrigado.

  408. Marciano Diz:

    A tragédia de Santa Maria é uma bobagem perto do que aconteceu em 26 de dezembro de 2004, tsunami matando cerca de 230.000 pessoas (mil vezes mais do que a tragédia de Santa Maria), em 14 países diferentes.
    .
    E não se esqueçam que aquela tragédia de 2004 serviu para o divaldo escrever mais um livro, “Transição Planetária”, no qual narra até o socorro espiritual às vítimas.
    .
    Vejam este trecho do livro do divaldo:
    “(…) o insólito e trágico choque das placas tectônicas gerador das imensas ondas destrutivas (tsunami), era aguardado, e que providências espirituais haviam sido tomadas, inclusive, construindo-se um posto de socorro espiritual sobre a região que sofreu mais danos decorrentes do epicentro da catástrofe.
    Engenheiros e arquitetos desencarnados movimentaram-se com rapidez e edificaram uma comunidade de emergência, que a todos nos albergaria logo mais, recebendo também aqueles aos quais socorrêssemos.
    Curiosamente ampliou os conhecimentos, informando que os ocidentais em férias que se fizeram vítimas, mantinham profunda ligação emocional com aquele povo e foram atraídos por forças magnéticas para resgatar, na ocasião, velhos compromissos que lhes pesavam na economia moral…
    Nada acontece, sem os alicerces da causalidade!”
    E na questão 728 os Espíritos dizem: “Preciso é que tudo se destrua para renascer e se regenerar. Porque, o que chamais destruição não passa de uma transformação, que tem por fim a renovação e melhoria dos seres vivos.”
    O livro dos Espíritos esclarece sobre as dores coletivas, informando que os erros do passado muitas vezes são ressarcidos assim.
    A Lei de Causa e Efeito reúne devedores em regiões e circunstâncias especiais, onde a natureza pode manifestar distúrbios de pequeno, médio ou grande porte. Não há perdas que não estejam dentro da programação divina. É preciso que se diga que milhares foram liberados dessas dores por terem se redimido com as ações do Bem e do Amor.
    Além do resgate coletivo precisamos lembrar que, assim como nós, nosso planeta também ascenderá na escala dos mundos. Como está explicado na questão 41 de O Livro dos Espíritos, “Deus renova os mundos, como renova os seres vivos.” Como explica no livro A Gênese, cap. XI, item 15, Os planetas são formados de fluido cósmico universal. Com o tempo, estes planetas se esgotam pelo envelhecimento, por isso, dissolvem-se pouco a pouco devolvendo ao espaço o fluido cósmico que utilizaram para formar-se. Este fluido que é devolvido ao espaço será utilizado na formação de outros mundos.
    Cada vez que os habitantes evoluem ESPIRITUALMENTE, o planeta sofre um decréscimo junto, ele se modifica, sofre perdas, não só em conseqüência do atrito, mas também pela desagregação das moléculas, como uma pedra dura que, corroída pelo tempo, acaba reduzida a poeira. Em seu duplo movimento de rotação e translação, ele entrega ao espaço parcelas fluidificadas da sua substância, até ao momento em que se completa a sua dissolução.
    Como explica Manoel Philomeno de Miranda no livro “Transição Planetária”: “Fenômenos sísmicos aterradores sacodem o orbe com freqüência, despertando a solidariedade de outras nações, em relação àquelas que foram vitimadas(…)
    “As criaturas que persistirem na acomodação perversa da indiferença pela dor do seu irmão, que assinalarem a existência pela criminalidade conhecida ou ignorada, que firmarem pacto de adesão à extorsão, ao suborno, aos diversos comportamentos delituosos do denominado colarinho branco, mantendo conduta egoísta, tripudiando sobre as aflições do próximo, comprazendo-se na luxúria e na drogadição, na exploração indébita de outras vidas, por um largo período não disporão de meios de permanecer na Terra, sendo exiladas para mundos inferiores, onde irão ser úteis limando as arestas das imperfeições morais, a fim de retornarem, mais tarde, ao seio generoso da mãe-Terra que hoje não quiseram respeitar.”

  409. Toffo Diz:

    Há muita gente que acredita nessas asneiras. Na verdade esses supostos médiuns e autores desse tipo de livros nada mais fazem do que ecoar os velhos chavões moralistas herdados da bíblia (a destruição de Sodoma e Gomorra, o dilúvio etc), porque esse tipo de conversa tem um apelo muito grande pela ameaça que está contida nela. Imagino se houvesse espiritismo e a miríade de médiuns e autores que enxameiam à volta dele na época do terremoto de Lisboa, a cidade mais beata do Ocidente e que foi castigada com um terremoto/tsunami tão ou mais devastador do que esse tsunami na Ásia. É uma conversa rançosa e cheia de preconceito, bem típica de gente presunçosa e arrogante como esse Divaldo.

  410. Marciano Diz:

    Sugestão de leitura:
    Espíritos, Cérebros e Mentes.
    A Evolução Histórica dos Conceitos Sobre a Mente

    Ramon M. Cosenza, MD, PhD

    Cérebro e Mente na Antiguidade
    Os Ventrículos e o Conceito da Mente
    Descartes, Cérebro e Mente
    Bioeletricidade e o Dogma Neuronal
    Bibliografia
    O Autor
    http://www.cerebromente.org.br/n16/history/mind-history.html

  411. Marciano Diz:

    Paranormalidade ou Manifestações Psicóticas ?
    Relato de Caso
    http://www.cerebromente.org.br/n06/doencas/psicose/psych.htm

  412. Antonio G. - POA Diz:

    Marciano, este caso que você aponta, é bem típico. Existem por aí, aos milhares. Minha vivência me fez concluir que TODOS os casos de supostas manifestações mediúnicas, quando não são simples farsas, advêm de distúrbios psicóticos. E é muito razoável supor que, às vezes, as duas coisas se misturam. A mediunidade de Chico Xavier seria um exemplo de mix de psicose e fraude. Aparentemente, mais fraude do que psicose…

  413. Cassio Diz:

    Antonio G. – POA Diz:
    FEVEREIRO 4TH, 2013 ÀS 10:22
    Pipocam missas, cultos e outras celebrações religiosas em memória das vítimas e familiares da tragédia de Santa Maria. E ouço sempre falar em Deus: “- Só mesmo Deus para nos confortar e guiar diante de tanta tristeza”, ouvi de uma fiel católica. E dê-lhe “Pai Nosso que estais no céu…”
    Oi Antonio G., se me permite comentar sobre o seu comentário acima, …estou lendo Pensamentos de Epicuro, e achei algo bem interessante:-

    Deus, ou quer impedir os males e não pode, ou pode e não quer, ou não quer nem pode, ou quer e pode. Se quer e não pode, é impotente: o que é impossível em Deus. Se pode e não quer, é invejoso: o que, do mesmo modo, é contrário a Deus.Se pode e quer, o que é a única coisa compatível com Deus, donde provém então a existência dos males? Por que razão é que não os impede?

  414. Antonio G. - POA Diz:

    Cassio, eu já conhecia esta “divagação” de Epicuro, e acho que a resposta para a pergunta é: Deus é apenas uma fantasia. Logo, a pergunta é improcedente.

  415. Gorducho Diz:

    Respeitosamente, para fins de debate filosófico: talvez a pergunta não seja improcedente.
    A partir da pergunta do Epicuro, usando a Razão, conclui-se que Deus é apenas uma fantasia; isso sim.
    O Deus dos Escolásticos – e o do Kardec portanto. Note que não seria o caso do Deus do Aristóteles…

  416. Cassio Diz:

    Então você não acredita que seja possível haver mais nada após a morte? morremos e fim?… não sou espírita, já lhe adianto. Também não sou católico e afins.

  417. Antonio G. - POA Diz:

    Gorducho: Certo. Tem razão. É um exercício de lógica modal considerando a possibilidade metafísica… blá, blá, blá… que conclui pela não existência de Deus.
    .
    Sds.

  418. Antonio G. - POA Diz:

    Cassio: Sim, não acredito que haja qualquer coisa depois da morte. Morremos, e fim. Ficam as lembranças, as nossas realizações (boas ou más), e a memória dos que sobrevivem a nós. E nada mais. Acontece o mesmo com as baratas.

  419. Cassio Diz:

    Antonio G., vou ser chato como era o “Contra”, aonde estão as provas de que quando morremos “acaba por aí”,…do mesmo modo que também não há provas concretas de que existe vida após a morte, também não há ao contrário, ou não?…acho sim que existe um mistério incompreensível para a nossa inteligência, e na realidade todos nós achamos alguma coisa, mas no final não sabemos de nada, essa é a minha modesta opinião,…mas por outro lado, estou ainda procurando uma resposta que satisfaça a minha alma.

  420. Antonio G. - POA Diz:

    Cassio, acho importante que nós estejamos sempre procurando respostas para as nossas dúvidas. E o saúdo por isto. Porém, receio não ter nenhuma prova para apresentar-lhe de que “morremos e acaba aí”.
    Obter-se um prova disto é tão impossível quanto conseguir provar que o Papai Noel não existe.
    .
    Sds.

  421. Marciano Diz:

    Isso mesmo, Antonio, existem várias formas de vida neste planeta (talvez só nele, em todo o universo), nós somos apenas mais uma delas, mais novas aqui do que as baratas a que você se referiu, apesar de um pouco mais “inteligentes”, daí tanto alvoroço por causa das especulações de nossa mente “superior” e dos aproveitadores de plantão, sejam eles mediuns ou físicos quânticos de documentários sensacionalistas.

  422. Marciano Diz:

    Estão todos atrás de fama, prestígio e dinheiro, coisas para as quais as baratas não dão a mínima.

  423. Cassio Diz:

    concordo contigo, estão atrás de fama, prestígio e dinheiro, mas eu acredito que não são todos, afinal se pensarmos assim, estaremos decretando que a humanidade não tem mais jeito, ou será que ainda tem?

  424. Antonio G. - POA Diz:

    Olha, Cassio… acho que não tem mais jeito… rsrsrs

  425. Cassio Diz:

    valeu…..vamo pra outra!!
    abç.

  426. Toffo Diz:

    É difícil discutir isso, porque nunca ninguém voltou do além para dizer como é. Mas acredito que o homem nunca se conformou com sua finitude e criou a mística da imortalidade. Em outras palavras, nunca entendeu a morte e procurou de alguma forma neutralizá-la. Assim como adorou os astros e as estrelas como deuses. Eu no fundo adoraria ter a certeza de que há uma vida melhor depois desta, mas essa certeza nunca virá. Por isso acho que o nosso tempo é hoje e a nossa preocupação é deixar alguma marca nossa (boa) neste mundo. Nós passaremos, como nossos antepassados passaram e nossos descendentes passarão um dia. Por isso a nossa vida é hoje, e não amanhã. É como penso.

  427. Marlos Diz:

    Não se choro ou dou gargalhada. Um site que se diz cientifico, e aí o chico não é medium mas o Emmanuel é uma condensação de personalidades. Por favor, precisa ter um pouco mais de logica no que diz, cuidado pra nao se contradizer, se nao perde a coerencia.

  428. Vitor Diz:

    Onde está a contradição, Marlos/Scur?

Deixe seu comentário

Entradas (RSS)